Iniciar sessão ou registar-se
    • xana
    • 2 Outubro 2007

     # 1

    Ola!

    Estou neste momento a pedir um orçamento a um arquitecto para fazer o projecto de arquitectura. Ele està a pedir 6000 euros pelo projecto. Quer 50% para a execucao e 50% na entrega do projecto na Camara.

    Alguem me sabe dizer, mais ou menos, quanto custa um projecto de arquitectura?
    Eu pensava que parte do pagamento, normalmente, so' era realizado quando o projecto fosse aprovado. Que tipo de modalidades de pagamento existem?

    O projecto é para uma moradia térrea, com 226 m2 mais garagem. Arquitectura tradicional.

    Obrigado.
    Xana
  1. Ícone informação Anunciar aqui?

    •  
      AdrianoP
    •   agradecimentos
    • 2 Outubro 2007 editado

     # 2

    Olá

    As condições de pagamento isso depende muito da pessoa com quem se está a trabalhar...

    Agora, esses 6000€ parecem-me caros. Mas segundo parece, são preços tabelados.


    Digo-lhe que o meu projecto teve um custo inferior a esse, para uma área do dobro...
  2.  # 3

    Ahh, e a arquitecta com quem trabalhei é da zona de sintra :)
    •  
      FD
    •   agradecimentos
    • 2 Outubro 2007

     # 4

    Pois, isso não faz muito sentido, pelo menos na óptica do cliente.

    Esse método de pagamento é um pouco... desresponsabilizado. Quer dizer, se alguma coisa corre mal (o projecto não é aprovado, etc.), vai cobrar outra vez por alterações, certo?
    E pelos vistos não faz acompanhamento da obra?

    Já pediu mais orçamentos? Faz sempre bem conhecer alternativas... ;)
    • xana
    • 2 Outubro 2007

     # 5

    é exactamente esse o meu problema. O arquitecto faz o projecto, recebe a totalidade do dinheiro e fica descansado. Se nao é aprovado, ou se o tecnico da Camara pede esclarecimentos sobre algum aspecto do projecto, quem me garante a mim que ele vai ajudar.

    O problema aqui é que estou a "herdar" o arquitecto que fez o projecto para o ainda proprietario do terreno. Serà que posso mudar de arquitecto nesta fase do processo?? é que foi este o arquitecto que assinou o projecto anterior que agora està a sofrer alteracoes profundas. As alteracoes sao tao significativas que ele diz que o projecto é considerado novo.
    Estas pessoas agradeceram este comentário: pc ferreira
    •  
      AdrianoP
    •   agradecimentos
    • 2 Outubro 2007 editado

     # 6

    Isso é uma daquelas coisas que por vezes quanto mais se mexe, pior cheira (desculpe a brincadeira com coisas sérias... )

    Mas a verdade é essa.

    Depende, do arquitecto. Talvez falando com ele as coisas se resolvam. Se já tem o projecto metido na camara, pode ser complicado. Se calhar ele até aceita bem que você não faça lá o projecto... diga-lhe que é caro e a vida não está fácil...
    Sabe que depois alguns arquitectos conhecem a malta lá dentro e se ele levar a mal, pode dificultar-lhe a vida... É triste, mas sabemos que é assim, existem pessoas com muito mau génio.

    Quanto ao pagamento, acerte essa maneira com ele. Diga-lhe, que até pode pagar, mas ele tem que me garantir que efectua eventuais alterações (certamente, ele aceita) Se as coisas correrem mal, é reclamar... A Ordem dos Arquitectos adora essas coisas! :)
    •  
      FD
    •   agradecimentos
    • 3 Outubro 2007

     # 7

    Pois, esses conluios já há muito deveriam ter sido sanados.

    Para quando a possibilidade de poder construir cumprindo determinados requisitos técnicos e nada mais? Estarmos sujeitos a avaliações subjectivas é algo, quanto a mim, incompreensível.

    Acho que se não se sente à vontade com o arquitecto deverá, quanto antes, extinguir essa relação. Gosta do actual projecto?
  3.  # 8

    Em todas as áreas há bons e maus profisionais
    Sou arquitecto e deixo link que ajuda a esclarecer
    http://www.oasrs.org/conteudo/mailing/Trabalhar%20com%20um%20Arquitecto.pdf

    Nota: Numa comercialização a comissão para quem vende ronda os 5% do valor de venda não se pode achar que os 5% ou mais do valor da obra que o arquitecto possa receber seja muito, ainda para mais de uma forma faseada.
    •  
      FD
    •   agradecimentos
    • 4 Outubro 2007 editado

     # 9

    Andei à procura dessa brochura mas não encontrei... obrigado! :)

    E quem diz que ninguém acha os 5% das comissões de venda muito? ;)
  4.  # 10

    6000€, para 226m2, ora segundo a tabela de cálculo de honorários para bras públicas, da qual normalmente os colegas fazem as contas para os seus honorários, estimando um custo por m2 de 550€ (sem IVA- presumo que os valores são sem IVA), temos: 124300€x 7%(Cat.II da tabela) = 8701€, agora é aplicar os descontos comerciais respectivos, pode ser 20/ 30/ 40/ 50%, depende do que se fai fazer.

    Assim:
    Este valor será apenas para projecto de arquitectura incluindo as seguintes fases: Estudo-Prévio; Projecto Base (Licenciamento); Projecto de execução (peças escritas detalhadas, peças desenhadas com toda a promenorização relativo a caixilharias, carpintarias, acabamentos, cortes construtivos, incluindo caderno de encargos com Condições Técnicas Gerais e Especificas, mapa de trabalhos desciminativo) a entregar após aprovação dos projectos... Deve o Arquitecto por esse preço fazer a coordenação das especialidades, que não são poucas... Penso que em Sintra tem q se fazer Projecto de arrajos exteriores subscrito por Arquitecto Paisagista...
    Otra coisa, estando a casa num loteamento o processo é de autorização administrativa, pelo que o Projecto de Arquitectura é obrigatóriamente acompanhado de todas as especialidades(Estabilidade; Dist. água; Aguas Residuais Domesticas e Pluviais, Gás; ITED( telecomunicações); ficha electrotécnica; Comportamento Térmico; Condicionamento Acústico; Arranjos exteriores e eventual Projecto de Segurança Contra Incêndios)

    Se somarmos mais o preço das especialidades, estamos a falar dum valor que no global que parece-me rondar, por esses preços um valor absurdo de 10000/12000€...ou o valor dado pelo Arquitecto já incluía tudo?

    PS: Se não incluir Projecto de execução, é um valor no mínimo surrealista e descontextualizado dos valores de mercado... parece-me de Q...
    Estas pessoas agradeceram este comentário: oskar
    • xana
    • 4 Outubro 2007

     # 11

    Ola!

    O preço que apresentei é so' para o projecto de arquitectura. O projecto para as Especialidades é so' feito e paresentado depois do projecto de arquitectura ser aprovado, pois o terreno é rustico. Eu ja lhe perguntei por uma estimativa para os projectos de especialidade e disse-me que eram à volta de 5500 euros.

    Pedro Barradas, nao percebi o que quer dizer por descontos: "agora é aplicar os descontos comerciais respectivos, pode ser 20/ 30/ 40/ 50%, depende do que se fai fazer." Pelo valor que apresenta a cima "124300€x 7%(Cat.II da tabela) = 8701€, " até parece que o arquitecto nao està a pedir muito. Podia explicar-me o que sao esses descontos comerciais??

    Ja agora sabe se é comum a forma de pagamento do projecto ser como o arquitecto me està a pedir, 50% na execucao do projecto e 50% na entrega do projecto na Camara?

    Obrigado!
    Xana
    "
  5.  # 12

    É habitual efecturarem-se descontos comerciais sobre a tabela ( a tabela para obras públicas, apresenta o valor máximo que as instituições públicas podem adjudicar os serviços)
    O fraccionamento de pagamento de honorários é para ser acordada entre ambas as partes, no seu caso particular, ainda não respondeu se inclui projecto de Execução de Arquitectura, depois já lhe dou uma resposta.

    Se é rustico não está sujeio a procedimento por Autorização administrativa, mas por Licenciamento Administrativo... Projecto de Arquitectura 1º, especialidades à posteriori.
    Se situado em zona rural, poderá dispensar a apresentação do projecto de rede de gás... e que tal não colocar gás no edificio... é o sempre o melhor. mais económico, mais amigo do ambiente, mais seguro, mais eficente energéticamente... para cozinhar, para aquecimento/ arrefecimeto, para AQS(aguas quentes sanitárias, que obrigatóriamente serão aquecidas com sistemas com aproveitamento solar)
    • xana
    • 4 Outubro 2007

     # 13

    Ola outra vez!

    Olhe nao faço ideia o que é o "projecto de Execução de Arquitectura". Pode explicar-me para eu depois perguntar ao arquitecto?

    O que o arquitecto me explicou é que primeiro faziamos o projecto de arquitectura, que é 6000 euros e depois os de Especialidade, à volta de 5500 euros. Foram estas as despesas que ele apresentou...

    Nao estamos a pensar pôr gas, até porque nao haveria onde puxa-lo. Pelo menos no futuro proximo. E nao me apetece ter garrafas de gas. Vamos usar energia solar para aquecimento de agua e da casa e electricidade para o resto. é claro que isto tudo ainda precisa de ser melhor planeado.

    Xana
  6.  # 14

    Projecto de execução de Arquitectura:
    É constituido por um conjunto coordenado das informações escritas e desenhadas para fácil e inequivoca interpretação por parte das entidades intervenientes na execução da obra.
    Incluirá as seguintes peças:

    a)Memória descritiva e justificativa, evidenciando os aspectos seguintes: definição e descrição geral da obra, nomeadamente no que se refere ao fim a que se destina, à sua localização, interligações com outras obras, etc.; análise da forma como se deu satisfação às exigências do programa base; indicação da natureza e condições do terreno; justificação da implantação da obra e da sua integração nos condicionamentos locais existentes ou planeados; descrição das soluções adoptadas com vista à satisfação das disposições legais e regulamentares em vigor; indicação das características dos materiais, dos elementos de construção, das instalações e do equipamento; justificação técnico-económica, com referência especial aos planos gerais em que a obra se insere;

    b)Cálculos relativos às diferentes partes da obra, apresentados de modo a definirem, pelo menos, os elementos referidos para cada tipo de obra no capítulo II e a eventualmente justificarem as soluções adoptadas;

    c)Medições, dando a indicação da quantidade e qualidade dos trabalhos necessários para a execução da obra, devendo ser adoptadas as normas portuguesas em vigor ou as especificações do Laboratório Nacional de Engenharia Civil;

    d)Orçamento, baseado nas quantidades e qualidades de trabalho das medições;

    e)Peças desenhadas de acordo com o estabelecido para cada tipo de obra de acordo com o estabelecdo nas disposições especiais e devendo conter as indicações numéricas indispensáveis e a representação de todos os pormenores necessários à perfeita compreensão, implantação e execução da obra;

    f)Condições técnicas, gerais e especiais, do caderno de encargos.

    Disposições Especiais:
    -Memória descritiva e justificativa, incluindo a discriminação dos revestimentos, acabamentos e equipamentos de cada compartimento, com indicação precisa da sua natureza e qualidade;

    -Planta geral do edifício e do conjunto em que se insere, perfis longitudinais e transversais e outras peças desenhadas que representem as informações relativas à execução de todos os trabalhos exteriores ao edifício;

    -Plantas cotadas, cortes e pormenores dos muros de suporte e das fundações dos pilares, paredes e outros elementos de construção, bem como a localização das canalizações que com elas interfIram, na escala de 1:100, pelo menos;

    -Plantas de cada piso na escala de 1:100, pelo menos, em que sejam indicados: A compartimentação e as respectivas dimensões; As vigas (pelos seus eixos ou pelos seus contornos), os pilares (pelos seus contornos), outros elementos da estrutura e as aberturas nas lajes; A distribuição e a tipologia do mobiliário fixo; Os revestimentos dos pavimentos e das paredes e, quando for caso disso, a estereotomia respectiva;

    -A localização e o dimensionamento dos diversos elementos de construção - nomeadamente escadas, portas, janelas, varandas, envidraçadas, louças sanitárias, etc., e de quaisquer acessórios significativos; A indicação, devidamente referenciada, das linhas de corte e dos pormenores que sejam objectos de outras peças desenhadas; Outras representações com interesse para a definição do edifício e para a execução da obra;

    -Cortes gerais dos edifícios que evidenciem a compartimentação, o dimensionamento dos vãos, as alturas e as larguras que interessem à construção, os diferentes níveis entre toscos (ou limpos) dos pavimentos e dos tectos, os locais destinados à passagem de canalizações e condutas, os elementos da estrutura (pilares, vigas, lajes, escadas e outros) e outras informações necessárias à execução do edifício (natureza e localização dos materiais de revestimento, articulações mais importantes entre diferentes elementos de construção, tipo de remates, etc.);

    -Alçados do edifício que explicitem a configuração e o dimensionamento das paredes exteriores e de todos os elementos nelas integrados, janelas, portas, vergas, palas, varandas, etc.), a natureza e a localização dos materiais utilizados nos revestimentos e nos elementos de construção e outras informações que sejam indispensáveis à construção do edifício;

    -Cortes de pormenorização que indiquem os aspectos construtivos de maior interesse para a execução da obra;

    -Mapa de vãos, com indicação da tipologia de cada vão, das respectivas dimensões e quantidades, do modo de funcionamento, da natureza e das características dos materiais e das ferragens e de outras informações necessárias ao fabrico e montagem de caixilharias, portas, envidraçados e outros elementos;
    ...
    Ainda pode e DEVE, ter mais coisas...

    ÁGUA-MESTRA, Lda
    Estas pessoas agradeceram este comentário: OLGA, Projecto, bino_, oskar
    •  
      AdrianoP
    •   agradecimentos
    • 4 Outubro 2007 editado

     # 15

    Olá

    Xana,

    Na minha opinião, os valores que indica são muito elevados. Podem ser tabelados ou não, mas é a minha opinião. Quando lhe disse que consegui o projecto por menos do valor indicado, está incluido especialidade e acompanhamento do projecto na camara. Bem como eventuais mudanças. Olhe, o meu projecto entrou na camara e passado dois dias foi alterado. Um dos cortes na planta deu para preceber um pequeno erro... Tratou a arquitecta de tudo! apenas lhe telefonei e indicar o problema e ela foi resolver...

    Agora, do que eu procurei, encontrei uma relação preço/qualidade muito boa. Quando vejo esses numeros não me espantam, pois outras pessoas que conheço falam-me em numeros semelhantes... Mas, olhando para um projecto e outro, nem sempre se vê onde está o valor acrescentado!!! Mas a opinião de valores, é apenas uma questão pessoal. No meu caso o projecto ficaria na casa dos 10000 euros se formos para a área de implementação, se fosse área bruta , eram 20000€...


    O projecto é importante que seja algo do seu agrado. Deve conseguir estabelecer uma boa relação com a pessoa responsável, afinal de contas é algo importante para si e para quem ganha o dinheiro.
    Se quiser ter uma outra opinião ou alternativa, poderei passar-lhe um ou dois contactos de pessoas que conheço. (a minha arquitecta e um prof meu que faz dessas coisas, ambos na zona de sintra )
  7. Ícone informação Anunciar aqui?

  8.  # 16

    Adriano, é possivel a ISENÇÃO de apresentação de Projecto degás e consequente não execução da referida instalação em áreas rurais sem infra-estruturas de gás, para habitação própria e que sejam justificadas...

    Um aparte, 226m2... só Projecto de licenciamento, casa 1 piso, ainda por cima "tradicional", 6000€ chegam e sobejam para Arquitectura e especialidades, incluindo assistência técnica à obra (é obrigatoria em caso de erros ou omissões dos projectos)... e não digo mais nada.
  9.  # 17

    chegam e sobejam para Arquitectura e especialidades


    Concordo!!

    Realmente isso do gás, informaram-me agora disso. Porreiro!! :)
  10.  # 18

    Outra coisa... Xana, o Levantamento topográfico... nessas contas todas está metido onde?
  11.  # 19

    Eu por esse preço de 6000€ faço o projecto de arquitectura e as especialidades todas ;)
    • xana
    • 4 Outubro 2007

     # 20

    O que achei estranho deste arquitecto é ter-lhe pedido o orçamento e ele ter-me dado o valor logo. Disse-me é 6000 euros. Eu estava à espera de algo mais detalhado, tipo X para fazer isto, Y para aquilo etc.

    Para responder à questao do Pedro Barradas, nao faço ideia se està incluido ou nao. Mais uma questao que terei de colocar. Mas em principio deve estar tudo incluido no tal "orçamento" que ele me deu.

    Caro Cipriano, é arquitecto?
data-ad-format="auto" data_ad_region="test">