Iniciar sessão ou registar-se
  1.  # 1

    Boa tarde.

    Queria aumentar o conforto no inverno sem contas altíssimas de gás ou grandes investimentos.

    Tenho aquecimento por caldeira a gáz e estou a ponderar trocar os radiadores da sala de jantar, de estar e hall de quartos por ventiloconvectores. As áreas são 28, 19 e 10 m2 respetivamente.

    Disto espero um aquecimento mais rapido dado passar poucas horas em casa. Durante todo o Inverno gasto cerca de € 1000 em gaz.

    Recomendam ou não?
  2. Ícone informação Anunciar aqui?

  3.  # 2

    Não sei a quanto está o gás, tenho canalizado com contador, mas olhe que a electricidade também não é barato e esses ventilocoisos são a mesma coisa que irradiadores a óleo, a diferença é na estética e no preço. O consumo é a mesma coisa e a eficácia é solidária com os watts que consome, tal como os outros.
    Há diversos tópicos neste fórum a falar disso....
  4.  # 3

    Colocado por: BricoleiroNão sei a quanto está o gás, tenho canalizado com contador, mas olhe que a electricidade também não é barato e esses ventilocoisos são a mesma coisa que irradiadores a óleo, a diferença é na estética e no preço. O consumo é a mesma coisa e a eficácia é solidária com os watts que consome, tal como os outros.
    Há diversos tópicos neste fórum a falar disso....


    Usam a água quente tal como o radiador. Tem é uma ventoinha que ajuda à dispersão do calor. Assim, o consumo de eletricidade será mínimo, o aquecimento deverá ser mais rápido e o consumo de gaz menos.
    Mas será assim?
  5.  # 4

    Colocado por: mg1976

    Usam a água quente tal como o radiador. Tem é uma ventoinha que ajuda à dispersão do calor. Assim, o consumo de eletricidade será mínimo, o aquecimento deverá ser mais rápido e o consumo de gaz menos.
    Mas será assim?


    Nesses parâmetros associado um ao outro não sei, nunca tive nem falei com alguém que tivesse igual.
  6.  # 5

    Pontos a assinalar:

    Colocado por: mg1976Usam a água quente tal como o radiador.
    Correto mas ter em atenção que a temperaturas diferentes. O ventiloconvector é normalmente um sistema de baixa temperatura. Deverá instalar uma válvula de 3 vias à saída da caldeira (misturadora).

    Colocado por: mg1976Tem é uma ventoinha que ajuda à dispersão do calor. Assim, o consumo de eletricidade será mínimo, o aquecimento deverá ser mais rápido
    Podemos dizer que sim. Não esquecer que necessita de ligação elétrica no local de instalação.

    Colocado por: mg1976e o consumo de gaz menos.
    Esta parte é mais difícil. Se a fonte de calor é a mesma (caldeira) o seu rendimento não é alterado, logo em termos de cálculo o que vai gastar é o mesmo (adicionando o consumo de electricidade dos ventiladores). Poderá gastar menos se atualmente existir o problema de muitos radiadores ficarem ligados sem que ninguém esteja no local. Com os ventiloconvectores é mais simples ligar e desligar o sistema quando o espaço está a ser utilizado ou não.

    A instalação dos ventiloconvectores poderá ser vista como um primeiro passo antes da instalação de uma bomba de calor. Nesta situação teríamos a vantagem de poder fazer calor ou frio.
  7.  # 6

    O seu gaz é de botija, natural?
    Se for faz natural não pode fazer nada que se diga economicamente mais vantajoso.
    Se for canalizado propano, deve ser uma desgraça....
    Agora fala de ventiloconvectores electricos? Muito caros 2000 watt cada, a conta se luz será uma desgraça.

    Ou radiadores hidráulicos com ventoinha, ' ventiloconvectores ? Para usar no atual sistema? Se sim, só ganhará no conforto instantâneo, ar quente a circular, pois o custo global a climatizar será o mesmo.
    Pode trocar a caldeira para uma a pellets, ai uns 1800 e euros já deve conseguir.

    Os entendidos que opinem mais um pouco
    • mg1976
    • 26 Outubro 2015 editado

     # 7

    Colocado por: Nuno NunesPontos a assinalar:

    Correto mas ter em atenção que a temperaturas diferentes. O ventiloconvector é normalmente um sistema de baixa temperatura. Deverá instalar uma válvula de 3 vias à saída da caldeira (misturadora).

    Podemos dizer que sim. Não esquecer que necessita de ligação elétrica no local de instalação.

    Esta parte é mais difícil. Se a fonte de calor é a mesma (caldeira) o seu rendimento não é alterado, logo em termos de cálculo o que vai gastar é o mesmo (adicionando o consumo de electricidade dos ventiladores). Poderá gastar menos se atualmente existir o problema de muitos radiadores ficarem ligados sem que ninguém esteja no local. Com os ventiloconvectores é mais simples ligar e desligar o sistema quando o espaço está a ser utilizado ou não.

    A instalação dos ventiloconvectores poderá ser vista como um primeiro passo antes da instalação de uma bomba de calor. Nesta situação teríamos a vantagem de poder fazer calor ou frio.


    Há alguns que permitem entradas de água 90 graus por já serem pensamos para sistema com caldeira e não de bom de calor.

    A eficiência estaria não na produção do calor mas na sua dissipação, pois a ventoinha aumentaria o efeito de convecção do radiador normal.

    Em Portugal não há informação mas em sites ingleses falam de poupanças de 30%.
  8.  # 8

    Colocado por: callinasO seu gaz é de botija, natural?
    Se for faz natural não pode fazer nada que se diga economicamente mais vantajoso.
    Se for canalizado propano, deve ser uma desgraça....
    Agora fala de ventiloconvectores electricos? Muito caros 2000 watt cada, a conta se luz será uma desgraça.

    Ou radiadores hidráulicos com ventoinha, ' ventiloconvectores ? Para usar no atual sistema? Se sim, só ganhará no conforto instantâneo, ar quente a circular, pois o custo global a climatizar será o mesmo.
    Pode trocar a caldeira para uma a pellets, ai uns 1800 e euros já deve conseguir.

    Os entendidos que opinem mais um pouco


    Sim hidráulicos com ventoinha.
    Tendo em conta que estou em casa 1 hora depois de acordar e 3 horas antes de me deitar, o conforto percepcionado é muito importante.
  9.  # 9

    Colocado por: mg1976Há alguns que permitem entradas de água 90 graus por já serem pensamos para sistema com caldeira e não de bom de calor.
    Conheço mal estes sistemas. O meu receio é se um dia instalarem uma bomba de calor eles continuem a funcionar devidamente. (consultando a ficha técnica deverá estar lá a informação)

    Colocado por: mg1976A eficiência estaria não na produção do calor mas na sua dissipação, pois a ventoinha aumentaria o efeito de convecção do radiador normal.
    Em Portugal não há informação mas em sites ingleses falam de poupanças de 30%.
    Acredito e até concordo que a eficiência da distribuição de calor seja maior. Mas tecnicamente não consigo perceber como haveria um consumo (30% que seja ou outro) inferior. A eficiência de produção de energia é a mesma pelo que o consumo de energia seria o mesmo (as necessidades energéticas são iguais em ambos os casos)

    Eventualmente o estudo poderá dizer que "devido a possuir um aquecimento mais rápido o tempo que o sistema estará ligado é normalmente inferior o que levará a um consumo inferior em média na ordem de X%". Neste caso talvez, mas matematicamente as necessidades são iguais em ambos os casos e o rendimento da caldeira também.
  10.  # 10

    Colocado por: Nuno NunesConheço mal estes sistemas. O meu receio é se um dia instalarem uma bomba de calor eles continuem a funcionar devidamente. (consultando a ficha técnica deverá estar lá a informação)

    Acredito e até concordo que a eficiência da distribuição de calor seja maior. Mas tecnicamente não consigo perceber como haveria um consumo (30% que seja ou outro) inferior. A eficiência de produção de energia é a mesma pelo que o consumo de energia seria o mesmo (as necessidades energéticas são iguais em ambos os casos)

    Eventualmente o estudo poderá dizer que "devido a possuir um aquecimento mais rápido o tempo que o sistema estará ligado é normalmente inferior o que levará a um consumo inferior em média na ordem de X%". Neste caso talvez, mas matematicamente as necessidades são iguais em ambos os casos e o rendimento da caldeira também.


    A explicação está também no facto de usarem apenas 5% da água que usa um radiador com os mesmos kW. Se usamos menos água, gastamos menos gaz.
  11.  # 11

    Usa menos água, tem menos elementos e também aquece menos a casa, é uma conta fácil.
  12.  # 12

    Colocado por: callinasUsa menos água, tem menos elementos e também aquece menos a casa, é uma conta fácil.


    Não pois os elementos são como os do arcondicionado: finas chapas de alumínio em volta de tubos e cobre.

    Quem quiser saber procure no Google fan convector radiator.
  13.  # 13

    A minha casa é o que vai levar, ventiloconvectores e bomba de calor e o meu projectista que também é co-proprietário disse que é o sistema mais eficaz aqui na minha zona (fria) e mais económico. Será que ele me enganou?!
  14.  # 14

    Colocado por: mg1976
    A explicação está também no facto de usarem apenas 5% da água que usa um radiador com os mesmos kW. Se usamos menos água, gastamos menos gaz.

    O que querem dizer aqui é que devido a ser um sistema com ventilador é mais eficiente a retirar a energia da água. Por exemplo num ventiloconvector a água entraria a 80º e sairia a 50º, enquanto que no radiador entraria a 80º e sairia a 75º (isto são exemplos apenas). Mas em compensação a caldeira no primeiro caso teria de elevar a temperatura de 50º para 80º e no segundo de apenas 75º para 80º (gastando muito mais gás no primeiro caso).

    Eventualmente o que poderia acontecer é a caldeira ter uma eficiência maior a passar de 50 para 80 do que de 75 para 80. Nós normalmente trabalhamos no cálculo com as eficiências a 30% da carga mas estas variam conforme a potência exigida em cada momento (no entanto continuo a considerar um consumo 30% menor muito). Em minha opinião esta diferença nem compensaria o consumo eléctrico dos ventiloconvectores (Note-se no entanto que nunca me debrucei muito ou vi nenhum estudo sobre o assunto)
  15.  # 15

    Colocado por: mg1976

    Não pois os elementos são como os do arcondicionado: finas chapas de alumínio em volta de tubos e cobre.

    Quem quiser saber procure no Google fan convector radiator.
    é tudo a mesma coisa, daqui a pouco estamos a falar em rodapé radiante.
    Haverá poupança no simples facto de a água circular a temperatura mais baixa, só apenas aí, as perdas serão menores, pois não é por ser radiador ao não que as coisas são significativamente melhores, 30% é um cenário muito otimista.
  16. Ícone informação Anunciar aqui?

  17.  # 16

    Colocado por: callinasHaverá poupança no simples facto de a água circular a temperatura mais baixa, só apenas aí, as perdas serão menores

    Pelo que percebi a ideia é um ventiloconvector que aceite água a alta temperatura logo não temos menos perdas na tubagem (eventualmente apenas no tubo do retorno visto existir um deltaT superior para o ventiloconvector).
    •  
      callinas
    •   agradecimentos
    • 26 Outubro 2015 editado

     # 17

    Então vai dar tudo ao mesmo.
    Para aquecer uma divisão precisas dos mesmo kw dissipados quer seja radiador ou ventiloconvectores.
    O que acontece é que rapidamente no caso dos ventiloconvector se tem sensação de calor, pois leva com o ar quente na cara. No entanto, se desligar o aquecimento a divisão fica logo fria. Já para não falar se a casa estiver muito fria, o ar sai quente do aparelho e se você estiver longe, leva com as frio na cara.

    A grande questão, que já me esqueci dizer várias vezes. Como pensa dormir à noite? Ou tem sono pesado ou então não consegue dormir com o pseudo silêncio do ventiloconvector.
    Concordam com este comentário: eu
    • eu
    •   agradecimentos
    • 26 Outubro 2015

     # 18

    O silêncio é um dos maiores trunfos do piso radiante.
    Concordam com este comentário: two-rok, jorgealves
    Estas pessoas agradeceram este comentário: callinas
  18.  # 19

    No meu caso até o tic tac dos ponteiros do relógio na cozinha me incomoda, e por engraçado que pareça se a minha mulher falar da cozinha para mim no quarto, não percebo.
    Não consigo dormir com os estalidos dos radiadores, embora atualmente esteja a passar uma fase que aterro na cama e só acordo no dia seguinte com os miúdos a dar os bons dias.
  19.  # 20

    Colocado por: callinasA grande questão, que já me esqueci dizer várias vezes. Como pensa dormir à noite? Ou tem sono pesado ou então não consegue dormir com o pseudo silêncio do ventiloconvector.

    Meu caro aqui está uma grande poupança de energia. Não consegue dormir com aquilo ligado, desliga e tapa-se. Já não gasta tanta energia.
data-ad-format="auto" data_ad_region="test">