Iniciar sessão ou registar-se
  1.  # 41

    Não é uma quinta com árvores de fruto ... é imagine , por exemplo ,um terreno com 4000 metros quadrados com pinheiros , carvalhos , eucaliptos, mato .... Mini floresta.
  2. Ícone informação Anunciar aqui?

  3.  # 42

    Colocado por: enf.magalhaesNão é uma quinta com árvores de fruto ... é imagine , por exemplo ,um terreno com 4000 metros quadrados com pinheiros , carvalhos , eucaliptos, mato .... Mini floresta.

    ah ok...tem algumas arvores é um terreno com 1500m2 mas não é nenhuma mini floresta lol
  4.  # 43

    já recebi a carta da câmara e está em falta:

    -termo responsabilidade técnico responsável condicionamento acústico
    -ficha segurança contra incêndios
    -declaração da ordem
    -certidão de teor actualizada (já tenho)

    esses arquitectos nunca fazem nada à primeira :(
  5.  # 44

    Colocado por: SARA1234-termo responsabilidade técnico responsável condicionamento acústico

    eSTE TERMO realtivamete á acustica... É DAQUELAS COISAS QUE TEM PASSADO DESPERCEBIDO.. MUIAS CAMARAS NÃO O PEDEM,...
    A Ficha SCIE, pode ser entregue com as especialidades.
    A declaração da ordem,.. pois isso não pode faltar e que esteja válida.
    A certidão de teor.. não há desculpa é documento basico.
    Concordam com este comentário: Rafael Fortes
  6.  # 45

    Colocado por: Pedro Barradas
    eSTE TERMO realtivamete á acustica... É DAQUELAS COISAS QUE TEM PASSADO DESPERCEBIDO.. MUIAS CAMARAS NÃO O PEDEM,...
    A Ficha SCIE, pode ser entregue com as especialidades. pois isso não sei dizem que tenho que entregar agora :/
    A declaração da ordem,.. pois isso não pode faltar e que esteja válida. como é que passam coisas destas??
    A certidão de teor.. não há desculpa é documento basico.
    enfim podia ser pior agora espero que ele faça isto rápido e entregue lá o quanto antes
  7.  # 46

    vamos lá ver se antes do natal esta primeira parte fica resolvida
  8.  # 47

    para poder avançar com as especialidades
  9.  # 48

    Colocado por: SARA1234espero que ele faça isto rápido e entregue lá o quanto antes

    O termo da acústica demora 1 dia (tempo necessário para ele pedir ao técnico da acústica)
    Ficha SCIE demora 15 minutos a fazer imprimir e assinar (aquilo é só mudar o nome e 2 ou 3 campos)
    A declaração da ordem demora 2 minutos para imprimir.
    Para entregar na câmara você tem sempre que assinar um requerimento
    Concordam com este comentário: Pedro Barradas, nunogouveia
  10.  # 49

    Colocado por: zedasilva
    O termo da acústica demora 1 dia (tempo necessário para ele pedir ao técnico da acústica)
    Ficha SCIE demora 15 minutos a fazer imprimir e assinar (aquilo é só mudar o nome e 2 ou 3 campos)
    A declaração da ordem demora 2 minutos para imprimir.
    Para entregar na câmara você tem sempre que assinar um requerimento


    pois espero que ele resolva isso rápido, quando pensamos que está quase pronto falta sempre qualquer coisa... bem bom que ao menos não é nda complicado de fazer
  11.  # 50

    Colocado por: SARA1234pois espero que ele resolva isso rápido

    Eu para aqui a tentar meter veneno … :)
    Não se apoquente, isso é normal, isto das câmaras é muito complicado, hoje mete-se uma coisa e está tudo bem, amanhã já falta não seio o quê.
  12.  # 51

    Colocado por: zedasilva
    Eu para aqui a tentar meter veneno … :)
    Não se apoquente, isso é normal, isto das câmaras é muito complicado, hoje mete-se uma coisa e está tudo bem, amanhã já falta não seio o quê.


    pois :/ espero que depois disto não falte mais nada
  13.  # 52

    Colocado por: SARA1234espero que depois disto não falte mais nada

    Depois da arquitetura aprovada, a câmara apenas verifica os termos de responsabilidades dos projetos de especialidade.
    Nesta fase deve começar já a definir com os técnicos os pormenores das especialidades.
    Deve tb começar a alinhavar o caderno de encargos.
    Se puder contratar a fiscalização a alguém exterior é tb a altura de começar a pedir orçamentos
  14.  # 53

    Colocado por: zedasilva
    Depois da arquitetura aprovada, a câmara apenas verifica os termos de responsabilidades dos projetos de especialidade.
    Nesta fase deve começar já a definir com os técnicos os pormenores das especialidades.
    Deve tb começar a alinhavar o caderno de encargos.
    Se puder contratar a fiscalização a alguém exterior é tb a altura de começar a pedir orçamentos


    sim os pormenores das especialidades já estão definidos, só ainda não disse para eles avançarem porque queria ter a certeza que a 1ª fase estava ok (para não gastar dinheiro em vão)
    sim a fiscalização vai ser uma pessoa exterior em principio já tenho um amigo meu que faz a um bom preço

    depois disto já devo começar a pedir orçamentos para a construção certo?
  15.  # 54

    Colocado por: SARA1234depois disto já devo começar a pedir orçamentos para a construção certo?

    Para pedir orçamentos, vai necessitar no mínimo do CE e de todos os projetos.
    Quando os receber peça ao seu fiscal para os analisar, e para a ajudar a fazer a seleção.
  16.  # 55

    Colocado por: zedasilva
    Para pedir orçamentos, vai necessitar no mínimo do CE e de todos os projetos.
    Quando os receber peça ao seu fiscal para os analisar, e para a ajudar a fazer a seleção.


    ok :) muito obrigado pela ajuda
    Estas pessoas agradeceram este comentário: zedasilva
  17. Ícone informação Anunciar aqui?

  18.  # 56

    SARA1234, só para evitar surpresas, o que o nosso estimado zedasilva (perito-mor em fiscalização e segurança aqui do burgo) lhe está a aconselhar, e muito bem, é aquilo que deve ser feito.
    Agora, do que já percebi, há muito quem não faça, até porque nem tudo aquilo é obrigatório. Claro que não fazendo se incorre em riscos, alguns graves, nomeadamente em termos de atribuição de responsabilidades em caso de acidente e de derrapagens orçamentais.
  19.  # 57

    Colocado por: mhpintoSARA1234, só para evitar surpresas, o que o nosso estimado zedasilva (perito-mor em fiscalização e segurança aqui do burgo) lhe está a aconselhar, e muito bem, é aquilo quedeveser feito.
    Agora, do que já percebi, há muito quem não faça, até porque nem tudo aquilo é obrigatório. Claro que não fazendo se incorre em riscos, alguns graves, nomeadamente em termos de atribuição de responsabilidades em caso de acidente e de derrapagens orçamentais.


    sim já lhe agradeci e vou seguir à regra todos os conselhos dados pelo sr zédasilva :)
  20.  # 58

    Colocado por: zedasilva
    Para pedir orçamentos, vai necessitar no mínimo do CE e de todos os projetos.
    Quando os receber peça ao seu fiscal para os analisar, e para a ajudar a fazer a seleção.

    vou-lhe fazer uma pergunta que para si pode parecer descabida mas aqui vai lol o caderno de encargos é também preciso para entregar na câmara junto com as especialidades?
  21.  # 59

    Colocado por: SARA1234vou-lhe fazer uma pergunta que para si pode parecer descabida

    Não existem perguntas/duvidas descabidas, o DO não é obrigado a perceber nem de construção nem de todos os processos burocráticos que gravitam em volta do processo construtivo. A primeira responsabilidade de um técnico é elucidar ao máximo os seus clientes, um DO bem informado é um DO satisfeito, muitos dos "problemas" que existem entre DO e técnicos são causados por falhas de informação.
    Respondendo agora à sua pergunta, não, o CE não é necessário para entregar na câmara. Para entregar na câmara vai ser necessário para além dos projetos de especialidade o Plano de segurança e saúde mas isto deve estar já contemplado no orçamento que o/a arquiteto/a deu para o projeto.
    O CE é no fundo um conjunto de normas/regras e condições técnicas pela qual se vai reger toda a obra. É uma peça fundamental a par com os projetos, estes por norma são algo genéricos, é no CE que se vai pormenorizar grande parte dos trabalhos.
    É coisa para lhe custar menos de 0,2% da obra mas que lhe poupará muitos milhares em derrapagens e trabalhos a mais.
    Pode ser executado por um dos técnicos do projeto, pelo fiscal ou por um técnico externo.
  22.  # 60

    Colocado por: zedasilva
    Não existem perguntas/duvidas descabidas, o DO não é obrigado a perceber nem de construção nem de todos os processos burocráticos que gravitam em volta do processo construtivo. A primeira responsabilidade de um técnico é elucidar ao máximo os seus clientes, um DO bem informado é um DO satisfeito, muitos dos "problemas" que existem entre DO e técnicos são causados por falhas de informação.
    Respondendo agora à sua pergunta, não, o CE não é necessário para entregar na câmara. Para entregar na câmara vai ser necessário para além dos projetos de especialidade o Plano de segurança e saúde mas isto deve estar já contemplado no orçamento que o/a arquiteto/a deu para o projeto.
    O CE é no fundo um conjunto de normas/regras e condições técnicas pela qual se vai reger toda a obra. É uma peça fundamental a par com os projetos, estes por norma são algo genéricos, é no CE que se vai pormenorizar grande parte dos trabalhos.
    É coisa para lhe custar menos de 0,2% da obra mas que lhe poupará muitos milhares em derrapagens e trabalhos a mais.
    Pode ser executado por um dos técnicos do projeto, pelo fiscal ou por um técnico externo.


    Muito muito obrigado por esclarecer estas minhas duvidas é que nao percebo nada deste assunto a minha primeira moradia sabe kmo e lol
data-ad-format="auto" data_ad_region="test">