Iniciar sessão ou registar-se
  1.  # 1

    Foi-me apresentado o seguinte corte construtivo, mas recebi feedback negativo de um engenheiro em relação à qualidade do mesmo.

    Dado que não percebo nada do assunto e para não estar a criticar infundadamente quem criou o projecto, digam de vossa justiça: é algo mal feito, ou é algo possível e nada surpreendente?

    corte construtivo
  2. Ícone informação Anunciar aqui?

  3.  # 2

    Está... tem coisas mal e faltam outras...( especificações de materiais e as espessuras de algumas dessas camadas)...
    Se a paltibanda de projecto tem memso essa altura que está representada nesse corte não vai ter altura para meter as camadas todas necessárias.
    Já agora que metessem as espessuras dos projectos de especialidades.
    O que lhe disse esse engenheiro?
  4.  # 3

    Referiu (de modo enfático) que o massame colocado sobre o XPS iria estalar.
  5.  # 4

    Tela pitonada em vez de Telas asfálticas?!
    •  
      marco1
    •   agradecimentos
    • 11 Janeiro 2017

     # 5

    Colocado por: Miguel AraujoReferiu (de modo enfático) que o massame colocado sobre o XPS iria estalar.


    aqui talvez com uma tela de dessolidarização resolva isso.
  6.  # 6

    muito mal feito, e vai estalar toda. primeiro porque não é um massame de regularização com pouca espessura, e com a movimentação do xps vai fissurar. a tela garden não faz sentido.
    Muito básico diga ao arquiteto que quer a solução de cobertura da imperalum.
  7.  # 7

    Esses problemas todos e mais outros, mas não é minha obrigação ensinar um colega que foi pago pelo seu trabalho. Num solução dessas eu teria optado por um sistema de tela em PVC reforçada, tipo SIKA sikaplan 15G... cor cinza ou branco
    Remates perimetrais a ver com muito cuidado, com o ETICS...
  8.  # 8

    Colocado por: Pedro BarradasEsses problemas todos e mais outros, mas não é minha obrigação ensinar um colega que foi pago pelo seu trabalho. Num solução dessas eu teria optado por um sistema de tela em PVC reforçada, tipo SIKA sikaplan 15G... cor cinza ou branco


    Oh pedro também vais logo para solução XPTO. ;)

    Concordo com a parte do ensinar o colega que recebeu o graveto...
  9.  # 9

    Colocado por: riscosOh pedro também vais logo para solução XPTO. ;)

    Ficava TOP!!!, Esta tela custa 10€/m2, portanto não será assim tão mais caro!!! com 20/22€/m2 deve fazer a festa.
  10.  # 10

    ohh pedro porque é que a classe arquitetos inventa tanto nestes pormenores construtivos?que depois só dá asneira
  11.  # 11

    Colocado por: riscosohh pedro porque é que a classe arquitetos inventa tanto nestes pormenores construtivos?

    Não foram ás aulas de "Construções", não se interessam, basta parecer...bem. Mas não se pode generalizar ;)
    Hoje em dia com tanta certificação de material, cm tanta solução no mercado, com a facilidade com que se arranja uma solução..l.. não há razão para inventar...
    • riscos
    •   agradecimentos
    • 11 Janeiro 2017 editado

     # 12

    nem mais. Porque não seguir os sistemas que cada marca recomenda...é o melhor segredo para que corra bem
    •  
      marco1
    •   agradecimentos
    • 11 Janeiro 2017

     # 13

    riscos

    também não sei até que ponto num pormenor de licenciamento deva servir para execução.
    ou seja eu próprio nesses pormenores sou o máximo sintético e apenas indicativo e até sem entrar em espessuras.
    cabe depois em sede de execução e em conjugação com as diferentes especialidades definir em rigor qual o sistema e seus componentes.

    o arquiteto por norma dá a forma o sistema de forma genérica em que as suas dimensões gerais viabilizam várias soluções ( marcas e espessuras) quer de impermeabilização quer de isolamento. e depois sim em coordenação com as diferentes especialidades em sede de execução se define com todo o rigor o sistema.
    senão estamos a cair num processo em que os clientes já confundem projeto de licenciamento com projeto de execução e até pensam que o projeto de licenciamento tem isso tudo incluído.

    é a minha forma de ver, e para fazer boa arquitetura nunca me vi impelido a ter que ser especialista em impermeabilização e isolamento.
  12.  # 14

    Colocado por: marco1também não sei até que ponto num pormenor de licenciamento deva servir para execução.

    E não deve. Mas como todos nós sabemos 80% dos projetos não segue para a fase de proj de execução.
    Na arquitetura tem que lá ter uma folha a dizer pormenores construtivos, ora, não inventem, ou fazem uma coisa muito básica ,ou se se querem armar ao pingarelho façam menos mas bem.
    Eu prefiro apanhar um projeto que não tem pormenores nenhuns, que um com este tipo de pormenor.
    Já imaginaram o quanto difícil é em obra explicar ao empreiteiro que aquilo não é para fazer assim?
    É que aquelas almas passam metade da obra a borrifar-se para o projeto mas, quando é para fazer asneira até parece que tem faro.
  13.  # 15

    Colocado por: marco1o arquiteto por norma dá a forma o sistema de forma genérica em que as suas dimensões gerais viabilizam várias soluções ( marcas e espessuras) quer de impermeabilização quer de isolamento. e depois sim em coordenação com as diferentes especialidades em sede de execução se define com todo o rigor o sistema.
    senão estamos a cair num processo em que os clientes já confundem projeto de licenciamento com projeto de execução e até pensam que o projeto de licenciamento tem isso tudo incluído.

    é a minha forma de ver, e para fazer boa arquitetura nunca me vi impelido a ter que ser especialista em impermeabilização e isolamento.


    Concordo, a verdade é que devia de haver um projeto de especialidades que fosse projeto de impermeabilização.

    Mas por outro lado se o arquiteto mesmo generalizando e sem definir espessuras ou marcas colocasse pelo menos um sistema que funcionasse...é que é material publico e não vale a pena inventar nada. Tou em falta contigo hoje envio-te a estabilidade para dares um olhinho e amanha águas e esgotos..
  14. Ícone informação Anunciar aqui?

  15.  # 16

    Não concordo... se tem de ter os promenores construtivos em fase de arquitectura, estes tem de reflectir a realidade.. pode haver um pormenor ou outro que se tenha de alterar ( espessuras de isolamentso e/ou elementos de betão)... mas tem de estar bem resolvido. e acima de tudo terá de ser passivel de construção.
    È verdade não é projecto de execução.... por isso emso é que o corte/ pormenor é aquele exigido pela portaria... ( fachada que confina com a via publica.....) fala ao resto e tanta coisa....
    Concordam com este comentário: callinas
    •  
      marco1
    •   agradecimentos
    • 11 Janeiro 2017

     # 17

    zedasilva

    no licenciamento o pormenor é indicativo, até podia dizer apenas camada de isolamento e camada de impermeabilização e tipo de acabamento.

    agora se é a tela xpto e com espessura tal e por ai adiante, é coisa para se ver em projeto de execução. o licenciamento da arquitetura não tem que á partida condicionar as possíveis escolhas de marcas nesse capitulo.

    mas em parte concordo consigo tanto mais que ai para as suas zonas, já entreguei alguns projetos de licenciamento sem pormenor.
  16.  # 18

    Colocado por: marco1no licenciamento o pormenor é indicativo, até podia dizer apenas camada de isolamento e camada de impermeabilização e tipo de acabamento

    Pois eu tb acho que deveria ser só assim, o problema é que muitos colegas seus poem-se a inventar umas soluções meias manhosas, e depois os empreiteiros cismam que é assim que tem que fazer pois foi para aquilo que deram orçamento.
    •  
      marco1
    •   agradecimentos
    • 11 Janeiro 2017

     # 19

    sim concordo
    mas cabe ao DO ou contratar o projeto de execução ou acordar em especialidades e com o empreiteiro depois tudo o que se inclui na designação isolamento e impermeabilização.: espessuras, ligantes, remates etc...
    eu por exemplo á partida em arquitetura( licenciamento) não recomendo nenhuma marca de tela ou coisa do género. digo apenas que tem lá de ter isolamento e impermeabilização.
  17.  # 20

    Colocado por: marco1cabe ao DO ou contratar o projeto de execução ou acordar em especialidades e com o empreiteiro depois tudo

    Sem duvida, mas todos sabemos que a grande maioria dos DO está muito mal assessorada nesse campo, acabando por confiar/aceitar aquele que melhor lábia tiver.
    Felizmente que existe esta casa para ir excomungando os maus profissionais que por aí ainda existem.
data-ad-format="auto" data_ad_region="test">