Iniciar sessão ou registar-se
  1.  # 1

    Olá!

    Gostaria de saber se alguém me pode ajudar nesta dúvida: o que é preferível, ir fazendo amortizacoes extraordinárias no crédito habitacao (o que reduz a prestacao mas mantém o prazo) ou ir reduzindo o prazo (aumentando a prestacao).

    Intuitivamente parece-me que ao reduzir o prazo (conforme vou conseguindo ter maior disponibilidade financeira mensal) vou acabar por pagar menos juros, mas nao sei exactamente como calcular os 2 cenários, pelo que pergunto se alguém me pode ajudar.

    Obrigado!
  2.  # 2

    Um simulador sería o ideal. Peça no seu banco para lhe fazerem simulações tendo em conta os dois cenários. Fácilmente poderá ver qual o mais vantajoso em termos de poupança.

    Um abraço.
  3.  # 3

    Olá Guerreiro
    Por várias razões que perceberás ( matemática) parece-me que o facto de teres um contrato por ex. de 20 anos, não te faz pagar hoje os juros que pagarias daqui a 19 anos pela divida que terás então, só pagarás aí juros se realmente ainda tiveres divida.
    Posto isto, se tens dinheiro na mão para amortizar ( uma quantia significativa) e amortizares e encurtares o prazo mantendo a prestação, estás a diminuir a fatia de juros e aumentar a fatia de capital a amortizar. Por outro lado acontece o mesmo se não amortizares de uma vez e simplesmente diminuires o prazo. Pelo que na minha opinião, o que eu faria, era: caso a taxa de juro estivesse a um valor baixo ( 3-4%) poupava um dinheirinho, arranjava um produto de baixo risco a uma taxa superior a essa ( que se arranja) e daqui a uns tempos quando e se o cenário mudasse fazia a amortizaçãojá com as mais valias obtidas na aplicação. Quanto ao teu dilema..parece-me que ambas as formas te reduzem os juros e aumentam o capital pago em cada prestação. É uma questão de ires ao banco, pedires uma simulação para ambos os casos que tens em mente..fazem-te isso na hora. Boa sorte e boas poupanças
    Estas pessoas agradeceram este comentário: FD
    •  
      FD
    • 22 Novembro 2007

     # 4

    Acho que esta folha de cálculo pode ajudar: http://www.pedropais.com/wp-content/uploads/2007/04/mapa-de-juros.xls

    É porreira porque dá para fazer as contas e comparar quanto é que se vai pagar de juros no final entre amortizando o capital que se deve e o prazo.