Iniciar sessão ou registar-se
  1.  # 1

    A Câmara de Lisboa desenvolve desde há 4 ou 5 anos um Programa de Incentivos à Reabilitação--Reabilita Primeiro e Paga Depois.Tem o objectivo de vender edifícios municipais em hasta pública e apoiar a reconstrução dos mesmos.
    Inicialmente quem comprou fez óptmas aquisições tendo em conta a realidade actual.(Acho que neste momento o programa está suspenso tal é o nível de incumprimentos).
    O imobiliário disparou no centro histórico.
    Há 4 ou 5 anos imóveis que ficavam meses para serem vendidos hoje são-no quase de um dia para o outro por valores bastante acima do passado.

    Aqui surgem bastantes conflitos de intereses:
    -senhorios querem arrendar a turistas em regime de short renting/acabando a todo o custo com o arrendamento tradicional
    -as finanças querem passar a cobrar mais impostos sobre os alugueres/pondo em xeque investimentos realizados e o retorno esperado
    -o governo quer criar cotas para habitação não turistica dentro dos bairros/depois de terem vendido o património municipal querem imputar aos particulares essa imposição ,em vez de terem reabilitado o seu património já vendido reabilitando fogos municipais para o efeito

    Afinal como vamos conseguir ter um equilibrio?
  2. Ícone informação Anunciar aqui?

  3.  # 2

  4.  # 3

    Isso, isso, reclamem dos turistas, empurrem-nos para fora, e matem a galinha dos ovos de ouro.

    Se este país se tem guindado para fora do buraco devagarinho, muito se deve ao dinheiro que entra do turismo nos anos recentes.
    Concordam com este comentário: Paramonte, Eugenia Matos
  5.  # 4

    Novas regras:Airbnb... Agora tem de estar tudo legal para não fugir aos impostos.

    https://www.publico.pt/2017/04/21/economia/noticia/airbnb-e-booking-so-vao-poder-alugar-casas-com-registo-oficial-1769556
  6.  # 5

  7.  # 6

    Em Lisboa os arrendamentos turísticos são "novidade" mas no Algarve têm já cabelos brancos.
    Também andam a fiscalizar os alugueres.
    Ouvi dizer que há pessoas que reservam,fazem transferência bancária e quando chegam não há nada:casa ou férias.Um conto do vigário...
data-ad-format="auto" data_ad_region="test">