Iniciar sessão ou registar-se
    • urubu
    • há 6 dias editado

     # 1

    Boas meus caros,

    Venho aqui ao forum pedir ajuda para resolver uma questão, ou mesmo pedir opinião.

    Mandei fazer um levantamento topográfico a uma quinta da qual sou proprietário por herança para efeitos de confrontações e correcção de áreas na conservatória.
    Os meus avós deixara-me uma quintarola com terreno, até aqui tudo bem não fossem os registos de 1920 e com uma área registada de apenas 54m2 ou seja nem o logradouro nem o terreno constam na conservatória, no entanto a quinta está toda ela devidamente murada com muros dessa época com 60cm de espessura, bem evidentes.
    Agora tenho de conseguir registar tudo, disseram-me que deveria começar pelo levantamento topográfico.

    ok ele está pronto mas para este efeito(correcção de áreas) levanta-me muitas dúvidas se a informação que consta no mesmo será suficiente ou não.
    Peço portanto alguma ajuda aos entendidos sobre toda a informação necessária que deve constar neste levantamento.
    Deixo imagem em anexo para análise.


    Obrigado a todos e espero que possam ajudar
  1. Ícone informação Anunciar aqui?

  2.  # 2

    O técnico que irá subscrever o termo de responsabilidade desse trabalho é que tem de aferir isso.
  3.  # 3

    ... pois é essa ajuda que pretendo, eu tenho o técnico, não tenho é a certeza de tudo o que o tenho que mandá~lo aferir?!!
    pedia-vos ajuda para que se possível se enunciasse justamente tudo o que se deve aferir numa situação destas, pois vou pagar-lhe e quero o serviço completo...

    obg
  4.  # 4

    escapa-me sempre algo, devo dizer que já tenho algumas dúvidas, por exemplo nestes casos não é obrigatório identificar todos os vizinhos?
  5.  # 5

    Por exemplo o topógrafo, contornou todo o muro da herdade e marcou-me 17 pontos de gps, questionei-o sobre cotas do terreno nesses pontos e ele respondeu-me que não eram necessários, será?
  6.  # 6

    O técnico é que tem de saber. Se faltar algum dado é responsável deste.
    Faltam dados, nomeadamente áreas de construção...
  7.  # 7

    Caro Pedro,
    O meu problema é esse, o técnico é responsável, pois neste caso é um pouco ingrata essa questão.
    Quem é que me vai dizer o que falta, a conservadora?
    Isto não é para construir, é para apurar os limites da propriedade, que tem uma construção de 60m2, um logradouro de 80m2 e uma quinta/Terreno que até está murada, mas a caderneta predial diz prédio com habitação de rés do chão e primeiro andar com 54m2 e o registo predial idem, diz o mesmo e fala no artigo, o meu problema é que a propriedade no todo tem 1495m2 e não está assim no registo.

    Opiniões precisam-se pf.... como se regista algo assim...??
  8.  # 8

    ... tenho uma propriedade com uma casa e um logradouro, inserida num terreno de 1495m2, com registo de 54m2... como é que resolviam isto...
  9.  # 9

    Quem somos nós para pôr em causa esse levantamento?

    Se o técnico levantou os limites, que serão os que estão indicados no desenho, qual é a sua dúvida?
    Acha que pagou demais por um mero desenho e 17 pontos?! É isso?
    • urubu
    • há 6 dias editado

     # 10

    ... não! O problema não é pagar, o trabalho de qualquer técnico deve ser pago, o que está em causa é se será o suficiente para resolver o problema. Comecei a ler aqui vários posts acerca do assunto e desculpem a expressão empranhei pelos ouvidos...
    Li que o técnico deve aferir uma série de questões das quais o próprio não falou. Por exemplo onde deve constar quem são os vizinhos? No termo de responsabilidade? Alguém sabe se essa informação deve constar no termo?
    Não faço ideia quem sejam os vizinhos! E nestes casos pelo que li aqui parece ser necessário...
  10.  # 11

    Colocado por: urubu... tenho uma propriedade com uma casa e um logradouro, inserida num terreno de 1495m2, com registo de 54m2... como é que resolviam isto...


    precisamente da forma que está a fazer

    1º levantamento topográfico, que para o efeito está mais que bom, talvez apenas referenciar o sistema se é datum 73 ou outro
    2º os confrontantes tem de estar assinalados na planta e assinar em que concordam com esses limites ou então ser publicado em edital da camara por um x de tempo.
    3º tem de registar nas finanças e conservatória essa retificação de áreas.

    este processo pode ter outras variantes mas isso nada como contatar um solicitador experiente na sua zona para tratar disso.
  11.  # 12

    A este o vizinho é um caminho público, a norte é o mesmo ou seja sou eu(a casa que aparece colada no logradouro também é minha) a sul pois, rente ao meu muro está um lote com construção que não sei quem são as pessoas... a oeste é o arruamento público... realmente o Topografo a este não identifica o caminho público, será necessário? , a sul mete lá a ponta da garagem quando lote tem construção até à extrema oposta, a norte omite duas construções acima da minha que não compreendo porquê, será necessário?
  12.  # 13

    Não baralhe.
    O documento deve ter unicamente o necessário, o limite e o que está para o interior do limite. Não faz sentido ter coisas representadas, que se encontram fora do limite de área.
    Sim as confrontações deveria estar aí, mas se forem as mesmas que já estão no documento da conservatória, então...
    O documento não é um levantamento topográfico, mas sim actualização de áreas.
    Por aqui não exigem que o documento seja georeferenciado

    Acrescentando ai um quadro com as confrontações, para a minha zona e para a finalidade de actualizar de área, documento está a mais que perfeito.

    Falando em caminho, se uma linha de água um Ribeiro, e um caminho for limite de propriedade então esses devem ser representados.
  13.  # 14

    Por exemplo a propriedade é toda ela murada com um muro para aí com 100 anos daqueles à séria, com 50 a 60 cm de espessura e por vezes chega a ter 3m de altura, mas o Topografo só o representa no arruamento, não será importante este detalhe para vincar os limites da propriedade!?
  14.  # 15

    Vou-lhe exigir o termo e vou pedir a alteração de áreas na mesma pode ser que passe... por último outra questão 400€+IVA é caro ou barato?!
  15. Ícone informação Anunciar aqui?

  16.  # 16

    Nem é caro nem é barato.
    Sabe que ter um equipamento de topografia custa dinheiro?
    Sabe que além do trabalho em campo gasta 3x mais em gabinete?
    Sabe que existe um termo de responsabilidade associado ao trabalho, do qual havendo complicações o técnico poderá ter de deslocar-se a um tribunal, as custas dele próprio?
    Sabe que o aparelho de topografia para funcionar o dono precisa de pagar uma assinatura de comunicações móveis?
    Ainda assim acha caro?
  17.  # 17

    é como tudo, tudo tem um preço.
  18.  # 18

    urubu

    não compreendo onde quer chegar ou se calhar nem o urubu sabe e está a baralhar muita coisa.
    uma coisa é um levantamento topográfico para servir de suporte a uma ação, neste caso uma retificação de áreas e para esse efeito já lhe disse que chega
    apenas tem de meter os confrontantes e esses assinarem ou então ir a edital da camara.
    vá á camara, as finanças á conservatória e informe-se, é o melhor para saber exatamente sobre o que tem a fazer.
    ou então como já lhe disse contate um solicitador
    o levantamento topográfico está dentro de valores perfeitamente aceitáveis.
    Concordam com este comentário: antonylemos
  19.  # 19

    Bom dia....

    Como isto é a minha praia.... vou lhe dar a minha opinião. ..

    partindo do princípio que o que publicou em pdf esta completo....

    se solicitou ao topografo um levantamento topográfico para rectificação de áreas de uma moradia e logradouro ( o que deve ter feito , pois não há cotas no levantamento)... então o trabalho está imcompleto.....

    1. O levantamento não identifica o prédio. ... nenhuma referência a artigos matriciais, moradas.... etc etc..... não tem legenda ( a não ser que tenha cortada para não aparecer).....

    2. Não há referência a áreas de construção como já tinham dito.... pelo que sem elas não vai conseguir fazer nada....

    precisa de área de implantação, privativa, dependente e bruta de construção. .... Para quem sabe e com o levantamento em papel... pode se tirar caso conheça a casa.... mas não faz sentido pagar um levantamento e não as ter....

    3. Se a casa tiver n de polícia , as confrontações poderão não ser necessárias.... assim como assinaturas dos confrontantes..... Esta parte já depende do concelho onde vai fazer a alteração. ... a maioria das repartições de finanças não pede.....
    se não tiver n de polícia as confrontações são obrigatórias.... as assinaturas depende da zona

    4. Quanto ao preço depende de muitos factores.... mas no geral para esse preço o levantamento tinha de estar mais completo , assim como ter cotas..... pois se quiser licenciar alguma coisa na câmara vai ter de fazer outro.... O que não faz nenhum sentido.. por outro lado está Georeferenciado o que não é necessário para rectificar áreas. ....

    por último o processo que vai ter de fazer:

    Entrega modelo 1 do imi nas finanças ( e aqui vai precisar das areas) , termo, carteira profissional, planta de localização. ...

    Entrega na conservatória registo predial a mesma documentação das finanças mais o registo de entrada nas finanças. ...


    não é fácil para um leigo fazer os requerimentos, pelo que a maioria recorre a solicitador.....

    poderá igualmente ter problemas na conservatória para justificar o aumento de áreas. ... sendo que ao contrário das finanças que vão ser a do concelho da casa...... a conservatória pode ser qualquer uma.... pelo que se não aceitarem numa.... mude para outra....


    outro problema poderá ser se localizar em zona de cadastro predial..... e ser zona de rústicos. .....

    espero ter ajudado.....
    Concordam com este comentário: Pedro Barradas
  20.  # 20

    Caro costa ajudou sim senhor,
    Como já tinha descrito anteriormente, a propriedade tem número de polícia(já pedi na câmara certidão de toponímia), registo predial onde indica o artigo a área (54m2?, ao qual me respondem ser normal naquela zona só registavam as casas??)e caderneta predial(finanças, os mesmos 54m2 de área, casa com res do chão e primeiro andar e sótão corrido, não diz mais nada... depois confrontações, diz norte,sul, este, oeste porto brandão, ou seja confronta com o nome da terra?!?!.
    Não posso responder por algo que os meus avós fizeram nos anos 40 é que compulsivamente passou para accaderneta em 88, confusão que aqui vai....
data-ad-format="auto" data_ad_region="test">