Iniciar sessão ou registar-se
  1.  # 1

    Estou interessado num terreno no Seixal, inserido num loteamento em que o plano do loteamento diz o seguinte:

    1 - As construções com vista ao uso habitacional terão um máximo de 2 (dois) pisos acima da cota de soleira, a qual não deverá ultrapassar 0,50 m.

    Em lotes com inclinação de terreno acentuada, a cota de soleira deverá ser devidamente justificada em sede de licenciamento de obras particulares, mediante a apresentação do levantamento topográfico.

    2 - A cércea máxima admitida para as construções referidas no número anterior é de 7,00 m.


    Precisava de ajuda para interpretar estas 2 regras, a forma como as leio é da seguinte maneira:

    a cota mais baixa do edifício a construir (o chão do piso mais baixo portanto) não pode estar mais que 0,5m acima da cota mais baixa do terreno (a linha onde o terreno e o passeio público se encontram).

    A excepção é se o terreno apresentar uma inclinação acentuada (é o caso do terreno que tenho em vista).

    No entanto, mesmo que a cota de soleira esteja acima dos 0,5m por o terreno ter um declive acentuado o edifício nunca poderá exceder os 7 metros de altura em relação à cota mais baixa do terreno. É isto?


    Pergunto isto porque o terreno que tenho em vista tem uma parte plana ideal para construção na parte de trás do terreno, afastada da estrada. O problema é que a parte de trás é capaz de estar uns 3 metros mais acima que a cota mais baixa do terreno onde passa a estrada, e não queria ter que estar a fazer escavações e deitar as poucas árvores existentes abaixo. Do que interpreto desta regra seria impossível construir uma moradia com 2 pisos nessa parte de trás porque a distância entre o ponto mais alto da moradia e o ponto mais baixo do terreno (onde o mesmo se encontra com o passeio) seria superior a 7 metros.

    É isto, ou estou a fazer uma grande confusão?
  2. Ícone informação Anunciar aqui?

  3.  # 2

    E lá atras, é permitido implantar a casa!? veja a planta sintese do loteamento, tem lá desenhado o poligono de implantação... a edificação só poderá ser construida dentro desse poligono.

    De qualquer maneira, existe abertura no regulamento, , caso a topografia o justifique para não ser bem assim... e abre caminho á excepção. Mas isso só depois com o arquitecto que contratar para resolver o projecto e todas essas questões.
    Estas pessoas agradeceram este comentário: pedrosslp
  4.  # 3

    Colocado por: Pedro BarradasE lá atras, é permitido implantar a casa!? veja a planta sintese do loteamento, tem lá desenhado o poligono de implantação... a edificação só poderá ser construida dentro desse poligono.

    De qualquer maneira, existe abertura no regulamento, , caso a topografia o justifique para não ser bem assim... e abre caminho á excepção. Mas isso só depois com o arquitecto que contratar para resolver o projecto e todas essas questões.


    A síntese do loteamento não tenho, o único documento que encontrei e de onde retirei estas regras foi este:

    https://dre.tretas.org/dre/304423/aviso-14423-2012-de-26-de-outubro

    O meu plano é antes de me comprometer com a compra de um terreno, pagar uma consulta com um arquiteto só para confirmar o que poderei ou não fazer no terreno, mas queria esclarecer algumas destas questões antes de decidir se vale sequer a pena considerar este terreno.

  5.  # 4

    Boa tarde,

    A cércea não é propriamente a parte mais alta da casa, é a medida vertical da fachada desde a cota de soleira até à platibanda no confronto dessa fachada com um arruamento. A altura máxima da edificação vai ser maior que a cércea.

    Em anexo envio duas imagens de uma moradia nessa rua para ter uma noção do que pode edificar. O afastamento a tardoz neste caso é de cerca de 25metros mas o polígono deve permitir ir até aos 17metros.

    Caso pretenda uma melhor análise entre em contacto.

    www.21atelier.pt | geral@21atelier.pt | Seixal, Setúbal
    Estas pessoas agradeceram este comentário: pedrosslp
      0001.JPG
      0002.JPG
  6.  # 5

    Aqui em Cascais, em situações em que exista um desnivel acentuado dentro do lote, pode haver uma zona da casa que seja mais alta do que os 7 metros. Tem que ser bem justificado, graficamente e também na memória descritiva.
    Estas pessoas agradeceram este comentário: pedrosslp
  7.  # 6

    Colocado por: 21atelier.arqBoa tarde,

    A cércea não é propriamente a parte mais alta da casa, é a medida vertical da fachada desde a cota de soleira até à platibanda no confronto dessa fachada com um arruamento. A altura máxima da edificação vai ser maior que a cércea.

    Em anexo envio duas imagens de uma moradia nessa rua para ter uma noção do que pode edificar. O afastamento a tardoz neste caso é de cerca de 25metros mas o polígono deve permitir ir até aos 17metros.

    Caso pretenda uma melhor análise entre em contacto.

    www.21atelier.pt | geral@21atelier.pt | Seixal, Setúbal
      0001.JPG
      0002.JPG


    Pois, parece-me que o polígono de implantação neste caso será na parte do terreno junto à estrada, o que para mim inviabiliza completamente a compra. A minha preferência por este terreno prendia-se com o facto de ter já várias árvores adultas, que infelizmente estão todas na metade do terreno mais perto da estrada. Teria que as deitar abaixo para poder construir, e sendo assim prefiro procurar outra coisa.

    Ainda assim vou tentar obter a planta síntese, mas olhando para toda a construção recente nesta rua, quase de certeza que seria impossível construir na parte superior do terreno :/
  8.  # 7

    Colocado por: pedrosslp

    Pois, parece-me que o polígono de implantação neste caso será na parte do terreno junto à estrada, o que para mim inviabiliza completamente a compra. A minha preferência por este terreno prendia-se com o facto de ter já várias árvores adultas, que infelizmente estão todas na metade do terreno mais perto da estrada. Teria que as deitar abaixo para poder construir, e sendo assim prefiro procurar outra coisa.

    Ainda assim vou tentar obter a planta síntese, mas olhando para toda a construção recente nesta rua, quase de certeza que seria impossível construir na parte superior do terreno :/


    Não sei se a imagem é perceptível mas está no Sistema de Informação Geográfica o Plano de Pormenor. Consegue localizar o terreno?
    Estas pessoas agradeceram este comentário: pedrosslp
      PP CHAVE DE VALADARES.JPG
  9.  # 8

    Colocado por: 21atelier.arqNão sei se a imagem é perceptível mas está no Sistema de Informação Geográfica o Plano de Pormenor. Consegue localizar o terreno?
      PP CHAVE DE VALADARES.JPG


    Wow, obrigado pela ajuda 21atelier! Infelizmente confirma as minhas suspeitas: é o quarto terreno a contar da esquerda na parte de cima da rua (junto ao lote que já tem uma casa construída em forma de L, a seguir aquela área verde em forma de triangulo). O polígono de implantação está precisamente na zona arborizada :(

    Uma pena, que quem comprar esse terreno vai ter de destruir precisamente aquilo que para mim o torna bonito :/
  10.  # 9

    Colocado por: pedrosslp

    Wow, obrigado pela ajuda 21atelier! Infelizmente confirma as minhas suspeitas: é o quarto terreno a contar da esquerda na parte de cima da rua (junto ao lote que já tem uma casa construída em forma de L, a seguir aquela área verde em forma de triangulo). O polígono de implantação está precisamente na zona arborizada :(

    Uma pena, que quem comprar esse terreno vai ter de destruir precisamente aquilo que para mim o torna bonito :/


    Não precisa de destruir... Pode replantar as mesmas arvores...
  11.  # 10



    Uma pena, que quem comprar esse terreno vai ter de destruir precisamente aquilo que para mim o torna bonito :/


    Não propriamente. Se fizer muita questão e, embora seja um exercício complexo, o projecto de arquitectura pode ser bem estudado e enquadrar-se com as árvores.
  •  # 11

    Colocado por: 21atelier.arq
      Não propriamente. Se fizer muita questão e, embora seja um exercício complexo, o projecto de arquitectura pode ser bem estudado e enquadrar-se com as árvores.


    Acredito que sim, mas estamos a juntar a um terreno que já não é barato (cerca de 90.000€) uma série de dores de cabeça e questões extra, até porque a única parte plana do terreno é precisamente aquela em que não se pode construir, o resto do terreno tem um declive algo acentuado e iria obrigar a escavações (mais custos...)

    Prefiro procurar por outras coisas nesta zona :/
  •  # 12

    Colocado por: 21atelier.arq


    Colocado por: pedrosslp

    Acredito que sim, mas estamos a juntar a um terreno que já não é barato (cerca de 90.000€) uma série de dores de cabeça e questões extra, até porque a única parte plana do terreno é precisamente aquela em que não se pode construir, o resto do terreno tem um declive algo acentuado e iria obrigar a escavações (mais custos...)

    Prefiro procurar por outras coisas nesta zona :/


    Se precisar de ajuda a encontrar um terreno envie um email para geral@21atelier.pt .
  • data-ad-format="auto" data_ad_region="test">