Iniciar sessão ou registar-se
    • eu
    • 10 Dezembro 2018 editado

     # 1

    Os técnicos que me vieram fazer as condutas de gás natural para a cave (onde será instalada uma caldeira a gás natural) referiram que tenho que construir um compartimento estanque para a caldeira e a tubagem.

    Refira-se que a caldeira é estanque e tem exaustão e admissão direta ao exterior.

    Na legislação não encontro nada a referir essa necessidade.

    Também não vejo nenhuma lógica nisso, aliás, até pode ser mais perigoso, pois em caso de fuga o gás fica mais concentrado no volume estanque, em vez de sair pelas condutas de ventilação que existem na cave.

    Algum projetista de gás pode esclarecer esta questão?
  1. Ícone informação Anunciar aqui?

  2.  # 2

    Havendo fuga de gás o mesmo deposita-se no chão.
    Tanto quanto sei, não pode haver equipamentos a gás em compartimentos cuja porta de saída seja abaixo da cota do exterior.
    A caldeira é estanque relativamente aos gases de combustão, que nada tem a ver com o gás de consumo do equipamento.
    • eu
    • 10 Dezembro 2018

     # 3

    Colocado por: callinasHavendo fuga de gás o mesmo deposita-se no chão.

    Isso é o gás butano / propano. Devido a esse comportamento, as instalações de butano/propano são totalmente proibidas em caves.

    Gás natural é outro assunto completamente diferente, pois é menos denso que o ar.

  3.  # 4

    Colocado por: eu
    Isso é o gás butano / propano. Devido a esse comportamento, as instalações de butano/propano são totalmente proibidas em caves.

    Gás natural é outro assunto completamente diferente, pois é menos denso que o ar.

    Mesmo gas natural acho que é proibido ter abaixo da cota. Qualquer fuga que haja e se nao houver ventilação, isso deve poder originar uma pequena bomba.
    • eu
    • 10 Dezembro 2018 editado

     # 5

    Colocado por: SirruperMesmo gas natural acho que é proibido ter abaixo da cota

    Não, não é.

    Colocado por: SirruperQualquer fuga que haja e se nao houver ventilação, isso deve poder originar uma pequena bomba.

    Se não houver ventilação, uma fuga é sempre um problema, quer seja na cave ou no primeiro andar. E se a instalação for feita no primeiro andar, não obrigam a fazer um compartimento estanque.
  4.  # 6

    Não é permitido o uso de gases da 3.ª família (GPL) em caves, donde se depreende que se for outro gás (gás natural, por exemplo) tal é permitido. E é o caso, não deveria haver problema.

    A sua cave é totalmente enterrada ou apenas parcialmente?

    Qualquer fuga nunca acumula no piso se for gás natural, em teoria não vejo porque criam obstáculos, só com plantas se poderia acrescentar mais alguma coisa.
    Concordam com este comentário: Pedro Barradas
    • eu
    • 11 Dezembro 2018

     # 7

    Colocado por: SkinkxA sua cave é totalmente enterrada ou apenas parcialmente?

    Parcialmente enterrada, com muita ventilação natural ao nível do tecto da cave. Ainda por cima, mesmo ao lado da caldeira há uma chaminé aberta (onde estava ligada a caldeira a lenha que entretanto foi desativada).

    Ou seja, em caso de fuga, o gás sairia naturalmente da cave, quer pela ventilação lateral, quer pela chaminé.

    O mais estranho de tudo é que a legislação não é muito clara.
  5.  # 8

    Isso não deveria ter problema algum, somente no caso de instalação de GPL.
  6.  # 9

    Colocado por: eu
    Parcialmente enterrada, com muita ventilação natural ao nível do tecto da cave. Ainda por cima, mesmo ao lado da caldeira há uma chaminé aberta (onde estava ligada a caldeira a lenha que entretanto foi desativada).

    Ou seja, em caso de fuga, o gás sairia naturalmente da cave, quer pela ventilação lateral, quer pela chaminé.

    O mais estranho de tudo é que a legislação não é muito clara.

    Na minha casa, não tenho, nem pretendo gás.
    Mas tenho a instalação.
    Quando foi solicitada a certificação da instalação, os técnicos fizeram essa exigência...
    Opus me que o projecto aprovado não exigia tal requisito e que a função do inspetor era verificar que a execução foi feita conforme projeto aprovado.
    Espumou se e tal e lá aprovou sem o compartimento estanque ..
    • eu
    • 16 Dezembro 2018

     # 10

    Colocado por: smartos técnicos fizeram essa exigência...

    O estranho é que não encontro isso em lado nenhum na legislação!

    Posso não ter encontrado alguma lei ou norma, mas aparentemente essa exigência resulta de uma interpretação subjetiva da lei no que respeita a "ventilação".
  7.  # 11

    Alguma coisa me pode passar ao lado e ainda não tive tempo para rever a legislação.
    Mas quando se projecta e certifica a instalação de gás, a mesma é certificada e projectada para, propano, butano e gás natural.
    Logo, mesmo que vá usar gás natural nada impede que um dia mais tarde use propano ou butano. Por exemplo na minha zona há empresa com tubagem gás natural e há outra com tubagem para venda gás propano/butano.
    Em relação ao outro ponto focado, se o projecto certificado for cumprido, não pode a empresa certificadora dizer que não certifica por este ou aquele ponto, se não estiverem previstos no projecto certificado.
    Relembro que a lei mudou e os projectos para habilitações unifamiliar já não são certificados.
    • eu
    • 16 Dezembro 2018

     # 12

    Colocado por: callinasLogo, mesmo que vá usar gás natural nada impede que um dia mais tarde use propano ou butano.


    Se fosse esse o caso, eles nem sequer faziam a instalação de gás para a cave, pois para butano/propano, nem sequer as tubagens podem passar em caves.
  8.  # 13

    E eles que dizem sobre isso?

    O conceito de cave é muito relativo.
    A cave é enterrada pelas paredes todas?
    Se tiver uma inundacao para onde vai a água?
  9.  # 14

    Considera-se cave se o piso estiver enterrado nas 4 paredes... se uma delas desafogar livremente para o exterior já não se considera cave.

    E se for uma cave, pode ter gás natural, mas não pode ter GPL.
    • eu
    • 16 Dezembro 2018

     # 15

    Colocado por: callinasE eles que dizem sobre isso?

    Tentaram contactar o Eng. responsável, mas na altura ele não atendeu.

    Eu tenho tentado o mesmo, mas também sem sucesso.
  10. Ícone informação Anunciar aqui?

  11.  # 16

    Mas os técnicos têm de segui um projecto, há projecto?
    • eu
    • 17 Dezembro 2018

     # 17

    Colocado por: callinasMas os técnicos têm de segui um projecto, há projecto?

    Sim, mas não o tenho comigo. É a empresa executante (Visabeira) que o tem.

    Isto resolvia-se com uma conversa com o Eng., mas ele deve estar de férias, pois não atende...
    Estas pessoas agradeceram este comentário: Bender
  12.  # 18

    Tem alguma coisa a ver com a colocação de gás natural nalguns centros urbanos, em que a empresa coloca as condutas na rua e depois faz a instalação para o interior da habitação?!
    • eu
    • 17 Dezembro 2018

     # 19

    Colocado por: callinasTem alguma coisa a ver com a colocação de gás natural nalguns centros urbanos, em que a empresa coloca as condutas na rua e depois faz a instalação para o interior da habitação?!

    Sim, é isso que eles estão a fazer.
  13.  # 20

    OK, comecei a suspeitar.
    =)
    Não se preocupe, isso fica resolvido.
data-ad-format="auto" data_ad_region="test">