Iniciar sessão ou registar-se
  1.  # 1

    Comprei apartamento com inquilinos antigos mas não tem contrato
  2. Ícone informação Anunciar aqui?

  3.  # 2

    e qual é a pergunta?

    quer despejar os inquilinos?

    olhe que inquilinos antigos, podem cair na situação dos contratos verbais que são tão válidos como os outros.

    e se os inquilinos tem mais de 65 anos não os pode despejar.
  4.  # 3

    É o seguinte: comprei uma apartamento com inquilinos, que moram há mais ao menos 45 anos, mas segundo eles, houve um contrato verbal com o pai do antigo proprietário. O inquilino tem 67.
    Gostaria de saber, se há maneira de fazer contrato com o inquilino e depois aumentar a renda, uma vez que o valor da renda ė baixa.
    Obrigado
  5. Procura serviços ou materiais para a sua casa? Contrate quem ajuda no fórum.

  6.  # 4

    Não percebo muito bem como vem fazer essa pergunta depois de comprar o apartamento mas...

    O processo de actualização de renda é complexo.
    Não é coisa simples para alguém que não saiba o que está a fazer.
    O ideal será falar com um advogado.

    Dito isto, sim, pode actualizar a renda.
    O quanto é que é difícil dizer e depende muito do rendimento dos inquilinos.
  7.  # 5

    Vai ter aí uma guerra pela frente. Inquilino reformado, com reforma pequena. Quando subir 1 euro, vai ter aí um advogado com 10 argumentos contra si a justificar que 1 euro é muito e que nem dinheiro o inquilino tem para comer e pagar a agua e luz. E ainda tem a conta na farmacia para pagar. Para nao falar das obras e reparaçoes que o inquilino assumiu ao longo dos anos e que o anterior senhorio acordou de boca nunca aumentar a renda.
    Com um bocado de sorte ainda lhe pedem para subsidiar o inquilino.
    Agora pense se o inquilino tiver a felicidade de viver até aos 100 anos
    Ja sabia disso antes de comprar o apartamento. Agora vai ter de levar.
    Nem todos têm perfil para serem senhorios.
    Anda tudo preocupado em rentabilizar o dinheiro parado no banco. Mas esquecem-se dos pormenores.
    Concordam com este comentário: desofiapedro
  8.  # 6

    Colocado por: SirruperJa sabia disso antes de comprar o apartamento. Agora vai ter de levar.
    Nem todos têm perfil para serem senhorios.
    Anda tudo preocupado em rentabilizar o dinheiro parado no banco. Mas esquecem-se dos pormenores


    E se o inquilino casar com uma jovem de 30anos?
    O contrato pode passar para ela?



    -----

    Espero que tenha sido uma compra barata.
  9.  # 7

    Má jogada, a não ser que os inquilinos tenham mais de 90 anos e depois é uma questão de sorte. A nova legislação ainda piorou estes casos ao permitir a transmissão do contrato aos descendentes com mais de 65 anos que ganhem até 5 salários mínimos, ou seja, aos pobrezinhos (professores, engenheiros, quadros superiores, etc...).
  10.  # 8

    Consulte um advogado.
    Mas digo-lhe já que com a anterior legislação era complicado e com a nova ainda mais.
    Com essa antiguidade e com essa idade, o inquilino goza de praticamente posse do imóvel até morrer, e caso não case com alguém.
    Porque se assim for, ela poderá ai continuar a residir , pagando a renda.
  11.  # 9

    Colocado por: nunompMá jogada, a não ser que os inquilinos tenham mais de 90 anos e depois é uma questão de sorte. A nova legislação ainda piorou estes casos ao permitir a transmissão do contrato aos descendentes com mais de 65 anos que ganhem até 5 salários mínimos, ou seja, aos pobrezinhos (professores, engenheiros, quadros superiores, etc...).


    depende do preço de compra...

    Por vezes os preços são convidativos o suficiente para esperarmos 10 anos até os inquilinos irem para o seu descanso eterno ;)
  12.  # 10

    Colocado por: FFAD

    depende do preço de compra...

    Por vezes os preços são convidativos o suficiente para esperarmos 10 anos até os inquilinos irem para o seu descanso eterno ;)


    Imagina que o homem casa com uma moçoila de 25?
    Um gajo fica com o imóvel entalado, com renda baixa e ainda ficamos inveja =)
  13.  # 11

    o Contrato de arrendamento não caduca por morte do inquilino, este pode transmitir-se em várias maneiras !

    Apenas fazendo obras que resultem numa melhoria do coeficiente da habitação é que poderá fazer actualização da renda, de forma faseada, vide muito mais faseada para inquilinos protegidos pela lei [ mais de 65 anos ou com incapacidade superior a 60% ].
    Como proprietário sugiro que se faça sócio de uma associação para poder ter acesso a apoio jurídico especializado.
  14.  # 12

    Colocado por: nunompMá jogada, a não ser que os inquilinos tenham mais de 90 anos e depois é uma questão de sorte. A nova legislação ainda piorou estes casos ao permitir a transmissão do contrato aos descendentes com mais de 65 anos que ganhem até 5 salários mínimos, ou seja, aos pobrezinhos (professores, engenheiros, quadros superiores, etc...).


    os critérios para transmissão do arrendamento possui normas legais sobre a idade, mas não da forma como sugere :
    https://www.pra.pt/pt/communication/news/a-transmiss-o-do-arrendamento-para-habitac-o-por-morte-do-arrendatario/

    E nesse caso o coefiente de atualização das rendas face aos valor dos indexante dos apoios sociais permitiria uma actualização mais rápida.
data-ad-format="auto" data_ad_region="test">