Iniciar sessão ou registar-se
  1.  # 1

    Boa tarde, desde já vos agradeço nos anteriores temas que coloquei aqui no vosso fórum vocês sempre me responderam e ajudaram me muito, tenho assunto em mãos mas desta vez n sou eu, a minha sogra e o meu sogro são fiadores do ex genro e da filha eles já estão divorciados mas, o ex genro enganou a filha deles ou ela consentiu.. Antes de terminarem o divórcio não facultaram ao banco onde tem o pedido do crédito habitação, não tiraram o nome dos meus sogros agora já é impossível fazer porque, até à notaria caiu nessa burlisse do ex genro omitaram.. Conclusão o ex genro até uns tempo atrás pagava a prestação ao banco.. Agora deixou de pagar e pelos vistos já não deve pagar mais.. Os meus sogros já salvaguardam a casa passaram para o nome do filho.. Agora não se livram e de lhe tirarem do ordenado... Caso ele não pagar..
    Qual é a solução o que eles podem fazer? Porque os meus sogros não querem pagar eu sei que são fiadores poucas soluções teem ao dispor deles mas é absurdo eles pagarem e ex genro estar lá a viver mais os filhos menores que são de outro casamento... Queria conselhos vossos sff, vender a casa e impossível porque, os titulares da casa a filha está de acordo e ex genro como é lógico nunca assinar isso.
    Aguardo soluções da vossa parte bem haja
  2. Ícone informação Anunciar aqui?

    • eu
    • 8 Junho 2019

     # 2

    Mais uma prova de que NUNCA devemos ser fiadores.
    Concordam com este comentário: Sónia Fatela
  3.  # 3

    Pois é verdade nem dos próprios filhos.. Concordo plenamente mas qual a soluções? Para os meus sogros poderem salvaguardar?

  4.  # 4

    Ambos são funcionários públicos. Os fiadores
  5.  # 5

    Se há dividas, dever-se-ia vender a casa.
    Quem sao os proprietários da casa actualmente?
    Concordam com este comentário: Sónia Fatela
  6.  # 6

    O ex genro e a filha mas, a filha está de acordo em vende la e o ex genro não como e que eles podem resolver esta situação?é o ex genro já não fala ex mulher filha deles.
  7.  # 7

    A Sónia tem um problema muito fatela: não sabe expor as coisas como deve de ser.
    A sua mensagem é um pouco confusa, é difícil perceber plenamente a situação.

    O meu primeiro conselho: faça parágrafos.

    O meu segundo conselho: os seus sogros têm que exercer o seu direito de regresso.
    Fale com um advogado.
  8.  # 8

    Desculpe sou confusa por natureza.. Direito de regresso pode se explicar melhor.
  9.  # 9

    Será que um Solicitador consegue resolver esta situação?
  10.  # 10

    Fale com um advogado. Se estão divorciados têm de dividir os bens e as responsabilidades.
    Concordam com este comentário: Sónia Fatela
  11.  # 11

    Sim mas, o ex genro nem sequer dividiram o património legalmente.
    Omitiram ao banco e a notaria o facto de tirar o nome dos fiadores.. O direito do regresso quanto aos fiadores qual é as vantagens?
  12.  # 12

    O banco faz o caminho mais curto para receber o dinheiro que lhe é devido.
    No caso, penhorar parte do rendimento dos seus sogros.

    O direito de regresso é o direito que os seus sogros têm de ir "cobrar" o que o banco lhes está a "cobrar", à pessoa que tem a dívida, o ex-genro.
    Só que esse caminho é mais longo (mais complicado, pode envolver tribunal, demora mais tempo), daí que o banco não o queira escolher.
    Mas, os seus sogros não têm outra hipótese, e têm mesmo que o escolher.

    No final, se o devedor não quiser/puder pagar a dívida, depois de meses ou anos, conforme a "rapidez" da justiça, a casa irá ser vendida e o que sobrar da venda irá para pagar as dívidas, incluindo o que os seus sogros entretanto pagaram.

    Como o Carvai diz e bem, pode ser uma ideia interessante iniciar outro processo paralelo a pedir a divisão de bem comum.
    Concordam com este comentário: Sónia Fatela
    Estas pessoas agradeceram este comentário: Gomes.
  13.  # 13

    Os fiadores não podem pedir insolvência tem ordenados acima da média..
    A lei do direito ao regresso? Tem a ver com isso?
  14.  # 14

    Mas os meus sogros não têm outra hipótese de pagar e isso? Mas o banco já lhes pediu até a declaração de IRS e os recibos de vencimento mas os meus sogros não vão ao banco dar esses documentos.
    Podem ir ao solicitador e recusar pagar? Ao banco? Só indo para tribunal certo?
  15.  # 15

    Ainda estão na fase de incumprimento ao ordenado ainda não foram lá tirar nada mas, não vai faltar muito para isso daí a minha urgência em ajuda los para ver se evitam o caminho de pagar as dívidas.
    Que não lhe compentem a eles mas, são os fiadores tem que haver alguma hipótese para eles!!
    Ou os gatunos/ex genro têm os direitos todos?
    Que ainda por cima tem filhos menores ainda não fizeram os 18 anos.
  16. Ícone informação Anunciar aqui?

  17.  # 16

    Colocado por: Sónia Fatela
    Podem ir ao solicitador e recusar pagar? Ao banco? Só indo para tribunal certo?


    Nada disto é possível.
    A sua cunhada é que tem que se mexer perante um advogado para, rapidamente pugnar pelos seus direitos sobre a casa que o ex está a utilizar.
    Tem que recorrer à partilha de bens e responsabilidades do empréstimo.

    Atenção à doação que os seus sogros fizeram para fugir à responsabilidade da fiança que prestaram. Salvo erro, tal doação poderá ser revogada.
    Concordam com este comentário: Sónia Fatela, RCF
    Estas pessoas agradeceram este comentário: Sónia Fatela
  18.  # 17

    Pode ser revogada porque? Foi doação dada ao filho com Usufrutos até à morte deles, pode ser revogado porque?
    • size
    • 8 Junho 2019 editado

     # 18

    .
    Estas pessoas agradeceram este comentário: Sónia Fatela
    • RCF
    • 8 Junho 2019

     # 19

    Colocado por: size

    Atenção à doação que os seus sogros fizeram para fugir à responsabilidade da fiança que prestaram. Salvo erro, tal doação poderá ser revogada.

    Claro que pode ser revogada...
    Especialmente se eles, os sogros, lá continuam a viver como viviam antes, a venda (ou doação) foi fictícia e por isso pode ser anulada.
    Talvez não cheguem a isso porque, se são funcionários públicos, é mais fácil e prático ao banco penhorar-lhes os ordenados e não será necessário penhorar outros bens. Mas, se for necessário, o banco pode requerer a anulação dessa transação para penhorar a casa.
    • RCF
    • 8 Junho 2019

     # 20

    Colocado por: Sónia FatelaPode ser revogada porque? Foi doação dada ao filho com Usufrutos até à morte deles, pode ser revogado porque?

    Pode ser revogada porque foi feita com a intenção de, conforme a Sónia disse, a salvaguardar. Isto é, com a intenção de fugir ao cumprimento de uma eventual responsabilidade perante o Banco e sendo o Banco prejudicado com isso, pode requerer que seja anulada, para de seguida a penhorar.
data-ad-format="auto" data_ad_region="test">