Iniciar sessão ou registar-se
  1.  # 1

    Caros,

    Um amigo separou-se e tem a casa á venda.

    Hoje teve a seguinte proposta: vender por 100m, mas escriturar por 120m (valores fictícios, assumindo que a avaliação permitirá essa folga). Supostamente, a ideia seria dividiri o "excedente" entre ambos.

    Isto parece-me, além de ilegal, bastante estranho.

    Há esquema por detrás disto, ou é apenas alguém a querer sacar mais algum sem ser LCC (ou equivalente, nem sei como é agora)?

    Obrigado!
  2. Ícone informação Anunciar aqui?

    • SMBS
    • 13 Junho 2019

     # 2

    É alguém a querer empréstimo do banco a 100% ou lavar dinheiro
    Estas pessoas agradeceram este comentário: replicaz
  3.  # 3

    É como dizem, alguém que quer o empréstimo a 100% mas o banco só da 80%.
    No seu caso tem de analisar as mais valias da venda. Vai reinvestir 120 mil?
    Concordam com este comentário: Palhava
    Estas pessoas agradeceram este comentário: replicaz

  4.  # 4

    Colocado por: SMBSÉ alguém a querer empréstimo do banco a 100% ou lavar dinheiro

    Lavar era ao contrário...pagava 120 e escriturava por 100.Entregando 20 em notas.
    Estas pessoas agradeceram este comentário: replicaz
  5.  # 5

    Já houve discussão semelhante no FdC.

    Colocado por: replicazSupostamente, a ideia seria dividiri o "excedente" entre ambos.


    Não me parece...
    É que na realidade nunca teria 120 na mão.
    Não há excedente nenhum
    Teria de declarar que recebia por exemplo 20(fictício) e 100 no momento da escritura com o cheque do banco.

    Só se o banco avaliasse em 150.Emprestava 120.A escritura era feita com esse cheque de 120 e o vendedor depois dava 10mil ao comprador.
    Hoje em dia os pagamentos de imóveis são controlados através de legislação própria.

    https://www.google.com/amp/s/www.dinheirovivo.pt/empresas/escrituras-passam-a-ser-mais-transparentes/%3famp=1


    Ora bem...
    1° o banco teria de fazer essa avaliação nesse valor pretendido.

    3°....
    Já me perdi...acho que não tenho jeito para falcatruas...
    Estas pessoas agradeceram este comentário: replicaz
  6.  # 6

    Colocado por: replicazCaros,

    Um amigo separou-se e tem a casa á venda.

    Hoje teve a seguinte proposta: vender por 100m, mas escriturar por 120m (valores fictícios, assumindo que a avaliação permitirá essa folga). Supostamente, a ideia seria dividiri o "excedente" entre ambos.

    Isto parece-me, além de ilegal, bastante estranho.

    Há esquema por detrás disto, ou é apenas alguém a querer sacar mais algum sem ser LCC (ou equivalente, nem sei como é agora)?

    Obrigado!


    Nunca vou perceber a necessidade de se tentar sempre “algo” , para ganhar mais uns tostões que no fim não vão ajudar em nada .
    No final quando as finanças perceberem que ele pagou o IMT num valor inferior ao escriturado , nem imagino a multa ...
    Estas pessoas agradeceram este comentário: replicaz
  7.  # 7

    Colocado por: Quilleute

    Nunca vou perceber a necessidade de se tentar sempre “algo” , para ganhar mais uns tostões que no fim não vão ajudar em nada .
    No final quando as finanças perceberem que ele pagou o IMT num valor inferior ao escriturado , nem imagino a multa ...


    Ao contrário se ele vai escriturar por um valor 20k acima, paga mais imt, mais is, mais mais valias.

    O outro que quer pagar 120, o que só vale 100, tem depois a receber 10 (o user disse q repartiam 50%da diferença). Pelo que dás duas uma, ou é para lavar dinheiro, ou alguém lhe paga o imóvel e ele quer sacar uns extras...
    Para ser empréstimo bancário n faz sentido, endividar em mais 20k para so ficar com 10.
    Estas pessoas agradeceram este comentário: replicaz
    • zed
    • há 7 dias editado

     # 8

    Se o comprador vai remodelar e vender também pode ser esquema para reduzir as mais valias.
    Concordam com este comentário: Brabus
    Estas pessoas agradeceram este comentário: replicaz
  8.  # 9

    Colocado por: Palhava
    Lavar era ao contrário...pagava 120 e escriturava por 100.Entregando 20 em notas.


    Têm razão. Eu queria era dizer no sentido de fugir ao fisco +apresentar despesas)
  9.  # 10

    Alguma vez o banco avaliaria a casa por cima?
    Se vale 100.O banco empresta 80!
    Estas pessoas agradeceram este comentário: replicaz
  10.  # 11

    essa coisa do excedente não dá mesmo para entender, onde está o dinheiro?

    o que se poderá passar é que o comprador não tem € e assim embora a nível de impostos esteja a pagar por 120 mas poderá assim conseguir um financiamento de 80% de 120 o que lhe "dará" cerca 100 para pagar o imóvel. é claro que a casa terá que valer para o banco pelo menos 120
    Estas pessoas agradeceram este comentário: replicaz
  11.  # 12

    Colocado por: marco1essa coisa do excedente não dá mesmo para entender, onde está o dinheiro

    Concordo plenamente!


    Para "sobrar" 20mil:
    O banco teria de avaliar a casa por 150mil(era o valor falso da escritura,teria de declarar que tinha recebido 30mil de sinal,que nunca recebeu).O banco emprestava 120(valor do cheque do banco).E depois o vendedor devolvia 10 ao comprador...

    Este esquema só trás desvantagens ao vendedor.
    Se o apartamento vale 150?Porque motivo ia ganhar "110",prestar falsas declarações etc etc e pagar impostos sobre 150 se recebeu muito menos?
    Estas pessoas agradeceram este comentário: replicaz
  12.  # 13

    ...atenção ás novas regras de branqueamento de capitais no sector imobiliário...
    Concordam com este comentário: Palhava
    Estas pessoas agradeceram este comentário: Palhava, replicaz
  13.  # 14

    Colocado por: ADROatelier...atenção ás novas regras de branqueamento de capitais no sector imobiliário...
    Concordam com este comentário:Palhava
    Estas pessoas agradeceram este comentário:Palhava

    Quem jogar esse jogo está sujeito a ganhar uma viagem até à Carregueira, Custóias ou Vale judeus...
    Estas pessoas agradeceram este comentário: replicaz
  14.  # 15

    Muito obrigado a todos pelo feedback.
    Foi o que pensei inicialmente, não faz muito sentido, fiquei logo com ideia que o comprador não está a contar a história toda.
    Vou encaminhar esta informação para ele, obrigado mais uma vez 👍
  15. Ícone informação Anunciar aqui?

  16.  # 16

    Nesse caso, o vendedor via as suas mais valias 'crescer' 20k e teria de pagar IRS sobre esse montante. Para o comprador seria meter esses 10k ao bolso sem nenhum encargo direto.

    Ou seja o vendedor teria de pagar impostos sobre 20k e nem iria receber os tais 10k que o vendedor lhe disse
data-ad-format="auto" data_ad_region="test">