Iniciar sessão ou registar-se
  1.  # 1

    Antes de mais, quero desejar a todos os membros do fórum um feliz ano novo, repleto de paz, muita saúde, amor e claro algum dinheiro para que não falte nada que permita uma vida digna e confortável. Que não vos falte força e vontade para perseguir e atingir os vossos objectivos!

    Há aqui alguma malta que já me conhece de algumas interações, umas melhores que outras, mas a verdade é que venho aqui sempre que posso, seja por curiosidade, seja para ajudar alguém, e mesmo eu cheguei a abrir um tópico em que pedia contactos para uma remodelação. Este tópico vai ser um mega relatório, quase em desabafo, mas também foi pedido por várias pessoas aqui no fórum que queriam ver a casa, portanto só mesmo quem tem paciência vai ler tudo, mas essencialmente este tópico é para quem pretende se aventurar no mundo da remodelação e, tal como eu, não percebia nada disto. Eu vou lançando as coisas tipo por capítulos ao longo do dia de hoje e os próximos, porque não tenho muito tempo pra andar a escrever sempre, portanto quem quiser ler uma novela meio mexicana fique por aí.

    Algum contexto:
    Então ali pra Setembro de 2018, contra todos os problemas pessoais que me assolavam e contra os quais andava a lutar, consegui comprar um apartamento modesto pra mim. O meu pai insistia que devia comprar uma casa nova, e eu percebo o porquê, sempre percebi, mas eu queria viver naquela localização e não noutra com construções novas, por causa da família, por causa da conveniência, por causa dos hábitos. Sou uma jovem solteira que nunca viveu sozinha e sou muito apegada a família, logo era impensável para mim ir para mais longe para conseguir uma casa nova. O meu orçamento eram cerca de 100mil euros no máximo, fosse já com obras feitas ou ainda para fazer. Passei meses e meses a planear tudo, sou uma pessoa que planeia tudo à exaustão, e foi isso mesmo que aconteceu, tanto procurei tantas voltas dei que me cansei, virei costas à casa e voltei à estaca zero. Queria gastar apenas um x e quando vi que não conseguia gastar só esse x para pôr aquela casa como queria cansei-me, parei de andar a mil à hora, decidi guardar dinheiro desse por onde desse e fazer as coisas com calma. Finais de Abril/ Inicio de Maio voltei a falar com uma empresa que tinha encontrado meses antes, e que já me tinha dado por um alto um orçamento da remodelação total da casa e decidi atirar-me de cabeça, mesmo cheia de medo, e pronto, embarquei numa aventura que me marcará pra o resto da vida e da qual saio com um vínculo forte de amizade e confiança com as pessoas desta empresa que trabalhou lá em casa, principalmente com o big boss que foi e continua a ser um apoio incondicional.

    Fui a uma reunião de condomínio em Janeiro do ano que passou, portanto há um ano, e saí com uma óptima impressão: boa vizinhança, super engraçados e brincalhões, contas muito organizadas, praticamente ninguém deve num prédio com tanta gente, é muito muito positivo, e apesar do que vou escrever mais à frente friso que apesar dos apesares 90% daquele prédio tem muito boa gente. De qualquer forma eu não vou pra lá para fazer amigos nem inimigos, mas sim para viver e deixar viver, respeitando os vizinhos, a liberdade dos mesmos e o espaço que é deles e o que é nosso, desde que eles continuem a fazer o mesmo. Independentemente de todo o "circo" que vocês vão ler, os meus principios mantém-se e vou continuar a ser uma vizinha respeitadora.
    Estas pessoas agradeceram este comentário: A. Madeira, jorgealves, Vítor Magalhães, casinhaDaAvo, Capuchinha, Bi91
  2. Ícone informação Anunciar aqui?

  3.  # 2

    PRÉ OBRA:

    Em Maio/Junho adjudicação de obra, escolha de materiais, "o que queres aqui, o que queres ali, como queres aquilo, olha, isso assim não fica bem, acredita no que te digo, vá não fiques chateada, vais me dar razão mais tarde"...
    Em Julho água, luz e BAM, primeira dose de porrada. Quando foi ligada a água à minha casa eu estava a trabalhar. Colocaram o contador (é em armário, no patamar do piso), pedi a uma prima que fosse lá ver e mandar-me uma foto, fiquei radiante, um espaço vazio finalmente preenchido e um sentimento de avanço. Ainda não tinha luz neste dia, mas decidi na mesma passar pela casa e tentar abrir a água, pra ver se estava tudo bem... Reza a lenda (não reza a lenda, fui avisada pela antiga proprietária disto) que a sanita que estava na casa ja tinha feito o obséquio de inundar o prédio uma vez, pelo que eu estava com receio que isso acontecesse de novo então fui lá, às 21h, dentro do escuro, garantir que abrindo a água isso não acontecia. Chego à casa, abro o armário, admiro o meu novo contador e vou lá dentro abrir a água... a água tava fechada ainda. OK tudo bem. Fui ao contador e abro devagar a torneira de segurança ..... o contador começa literalmente a tremer, quase a rebentar com a pressão da água e COMEÇA A CHOVER DENTRO DE CASA... Fecho de novo a torneira, já a custo, a tremer de horror porque claramente algo não estava certo, opa nestes momentos eu rio-me, dava tudo pra ter lá uma camara pra ver em repeat uma desofiapedro em pânico, mas pânico mesmo, eu nem sei como não me deu um fanico. Eu tenho um corredor longo, entro a correr dentro da casa, no escuro tá? vou em direção ao wc mas o barulho de água a jorrar vinha da cozinha, ponho as mudanças em marcha atrás já a deitar fumo na embraiagem e ERA A TORNEIRA DO ESQUENTADOR, ABERTA NO MÁXIMO, e eu a gritar enquanto tentava perceber pra que lado aquilo fechava... lá fechei aquela porra e fiquei eu, no escuro com a roupa ensopada e a cozinha inundada e o coração a mil a hora, sem esfregona pq tive que por o balde em baixo do contador, que ficou a pingar também com esta brincadeira!!
    Andava meses a guardar jornais da região, porque sim, porque me apeteceu. Mal sabia eu que era isto que eu ia usar pra secar o chão ahahahahha

    Fotos do contador louco, da cozinha ensopada e da torneira marota.

    O que aprendi? Antes de abrir um contador numa casa onde nunca abrimos água GARANTIR que todas as torneiras se encontram FECHADAS e não fazer estas coisas às escuras e se possível acompanhada.
      Webp.net-resizeimage.png
      Webp.net-resizeimage (1).png
      Webp.net-resizeimage.jpg
  4.  # 3

    10º andar, Miratejo, azulejos, etc e tal ou me engano ou Alameda 25 de Abril. Luís de Camões. Fomos vizinhos, ou talvez não...

  5.  # 4

    Colocado por: A. Madeira10º andar, Miratejo, azulejos, etc e tal ou me engano ou Alameda 25 de Abril. Luís de Camões. Fomos vizinhos, ou talvez não...


    Fomos, ou será que ainda somos? E é dos bons, dos neutrais, ou dos maus da fita? MUAHAHAHAHHAHAHAHA ;)
  6.  # 5

    AGOSTO - INICIO DE OBRA:

    O inicio de trabalhos estava previsto para dia 1 de Setembro. Alguns vizinhos já me tinham perguntado quando tencionava fazer obras, sempre apontei pra esses prazos, mais mês, menos mês, e sempre avisei que era uma remodelação total e que apesar de não mandar paredes abaixo ia ser muito incomodativo, muito barulhento e ia causar imensa poeira. Todos foram muito compreensivos "Oh vizinha entao, tem que ser! Pra além disso está a valorizar o prédio ao melhorar a sua casa!" ... supimpa. Dia 1 de Agosto ligam-me da empresa, ja todos la em casa, oiço serras no fundo: "Começámos a obra!"... toda a tremer, nem sei bem porquê, como se não tivesse pago pra o fazerem lol. Tudo bem. Dia seguinte vou lá de manhã e tenho um papelito na porta... "Está a cair água lá em baixo." OPA F*****... OKOK faz parte, okok, vai à vizinha, perceber o que se passa, pede imensas desculpas, avisa que arranjarás tudo o que estragares, pede mais desculpas ainda, é uma situação super chata. A vizinha compreende, diz que vai falar com a malta das obras também, ok agradeço! A fonte do problema foi fácil de ver: a água escorria dos buracos dos canos da wc...wtf... mas o contador está fechado? Porque raio a água escorre? Telefono: "Mas nós fechamos o contador!" "Eu sei, eu vi, mas a água jorra... podiam ter tapado os buracos com umas tampinhas" "Opah que chatice, estamos a chegar de qualquer forma, e vamos já ver da vizinha, não te preocupes, qualquer estrago será arranjado por nós." "OK!" Fui trabalhar.

    Passam uns dois dias. Telefonema da vizinha de baixo. "Olha, Raíssa (detalhe, não me chamo Raíssa lol) não queria estar a telefonar, mas isto está complicado. É uma barulheira desgraçada, muito lixo, está a rua toda suja, já lá fui várias vezes, eles são muito mal educados, estão a atirar entulho pela janela! Até filmámos! Muito díficil, estou a tentar ter paci~encia mas não consigo mais." "Vou JÁ PARA AÍ!". Fula saio do trabalho, ligo logo para o big boss... "Calma Denise, algo de estranho se passa. E olhe, não queria dizer isto, mas não tem sido fácil lidar com os seus vizinhos, quero o vídeo pra poder agir em conformidade com os trabalhadores, deve entender isso." 1h depois ao telefone e parada à frente da casa, vejo os rapazes a trabalhar, pleno verão, sem camisola, tudo bem por mim, vinham a janela fumar, tudo bem por mim, têm musica, ok sem stress, há alguns restos da madeira da marquise no chão, mas nada de mais, ok... Depois de desligar respiro fundo e decido que não vou "malhar" nos rapazes, vou tentar perceber o que aconteceu. E ainda bem que o fiz. Qualquer pessoa reage ao ser provocada constantemente, a paciência tem limites e tanto trabalhadores como vizinhos tiveram rédea curta e começaram a disparar pra todos os lados. Ninguém esteve certo. O vídeo nunca o cheguei a ver, nem sei se existiu, tão pouco importa agora, mas acredito que ao passar o entulho pela janela pra ser mais rápido (tabuas grandes) se tenha incomodado alguns vizinhos que obviamente e no seu direito reclamaram e com isto se começou a "gozar o prato". Não está certo e chamei a atenção aos rapazes, por mais "chatos" que os vizinhos possam ser não reajam e procurem agir de forma a não incomodar, se fazem favor! "Ok patroa, ok patroa"... levem o entulho pelas escadas, não incomodem os vizinhos ta bem??!!... pensei que as coisas melhorassem.

    Não.
      20190802_075649.jpg
  7.  # 6

    Peço à administração que me deixe editar os comentários iniciais, se faz favor :)
  8.  # 7

    Colocado por: desofiapedroFomos, ou será que ainda somos? E é dos bons, dos neutrais, ou dos maus da fita? MUAHAHAHAHHAHAHAHA ;)
    Já não moro em Miratejo, mas foram muitos anos...
    Sim, sou um bom vizinho e melhor condómino. Felizmente que neste prédio em que moro é tudo 5 estrelas.
  9.  # 8

    Colocado por: A. MadeiraJá não moro em Miratejo, mas foram muitos anos...
    Sim, sou um bom vizinho e melhor condómino. Felizmente que neste prédio em que moro é tudo 5 estrelas.


    Já ando por lá desde pequenota, tenho 27 anos :) mas viver mesmo só este ano! Gosto muito de lá estar.

    Também vou fazer por ser, se fui sempre até agora, não seria agora que mudaria por mudar de prédio até porque não é a primeira vez que mudo de casa e que lido com pessoas, teria que me dar qualquer coisa à cabeça xD em geral não costumo ter problemas com vizinhos, mas também foi a primeira vez que fiz uma remodelação total!
  10.  # 9

    Quando sai o próximo episódio?
  11.  # 10

    Colocado por: miguel.fernandesQuando sai o próximo episódio?


    Isto é tipo GoT, só daqui a uma semana xD brincadeira ;)

    Amanhã ja devo ter tempo pra meter mais qualquer coisa. O problema são as fotos, quero meter fotos alusivas a cada parte, pra ficar engraçado e tenho que andar a diminuir senão não cabe e tal e dá algum trabalho. Mais logo se não estiver muito cansada meto mais uns episódios.

    Era fixe era poder editar os meus comentários, mas ninguém me responde, secalhar não dá mesmo. Era só mais por uma questão de privacidade da localização da casa; de qualquer forma a zona não é uma ervilha e tem imensos prédios e casas, portanto acho que é um não problema. Quanto a vizinhos ou a empresa ler penso que não haverá stress também, não pretendo denegrir a imagem de ninguém.
    Estas pessoas agradeceram este comentário: miguel.fernandes, Capuchinha
  12.  # 11

    Continue com esses relatos!
    Não sei se é por termos a mesma idade, mas quero seguir o tópico!
    Também moro sozinho, mas sou inquilino.
    Verifique bem aa canalizações, caso contrário um fia destes os vizinhos querem ir ao 1o andar à piscina que nunca viram e só agora lhes foi dito que existe lá uma! 😎😁
    Concordam com este comentário: desofiapedro
  13.  # 12

    Eu quero é fotos , para fazer escárnio e mal dizer.KKKKKKKKKKKKK
    Concordam com este comentário: zedasilva
    Estas pessoas agradeceram este comentário: desofiapedro
  14.  # 13

    Fotos com gajos em cima do escadote para podermos dizer mal.
    Concordam com este comentário: casinhaDaAvo
    Estas pessoas agradeceram este comentário: desofiapedro
  15.  # 14

    Muito bom
    Concordam com este comentário: desofiapedro
  16.  # 15

    Enquanto aguardo pelo transporte, toca a escrevinhar. As fotos vou escolher o que meter até pq eu própria sei que muita coisa não foi feita como os livros mandam, nem com o brio que alguns têm portanto não vou expor muito, e mais, a casa está terminada, portanto pouco ou nada adianta apontar defeitos de execução. E esses eu sei onde os houve, e vocês vão saber mais a frente.

    AINDA AGOSTO - Adensa-se a "guerra"

    Ainda nem tinhamos chegado ao 10.° dia e nem sabíamos o que prai vinha. Eu, contente e esperançosa, afinal apareceu um contentor à frente do prédio e era meu, com entulho da minha casita! Felicíssima, fiz fotos e tal. E claro, fui trabalhar. Recebo uma chamada entretanto do big boss: "Epah, tao umas pessoas a querer entrar lá em casa. Dizem que são do condomínio, que têm que entrar, que têm que ver tudo, porque viram uns tubos no contentor e acham que os tubos são da prumada ou do esgoto ou da ventilação e querem entrar à força toda"... fónix, pensei eu "mas é inspeção? Não, dizem que são do condomínio! Sem credenciais, sem papel, sem nada" ... entretanto ligam-me de outro número "devem ser eles, vou atender!" "Ok, mas vê lá o que dizes, não acho certo entrarem assim na tua casa pessoas sem serem mandadas por entidades competentes" "ok" ... seguiu-se uma chamada um tanto agressiva, quase como se estivesse a cometer um crime, na qual me senti simplesmente atacada. E foi a partir daí, desse momento que eu decidi que já chegava de ser simpática e querida, de sorrir, de falar sobre mim abertamente, de abrir as portas do meu coração. Levei um balde de realidade e foi uma das muitas lições que eu levo pra vida. "Desculpe, eu percebo o que diz, afinal há pessoas que fazem obras as 3 pancadas, mas eu nunca permitiria que arrancassem sem mais nem menos tubos comuns a todo o edifício sem sequer consultar a assembleia, isso seria um pouco idiota da minha parte, não acha??? Já, já falei com os trabalhadores, e não não arrancaram nada, e mais lhe digo, estes tubos estavam na minha sala, junto com mais tralha que veio de outras obras antes de se tirar um prego na minha casa, os tubos NÃO são da prumada do edifício " "Mas eu conheço esses tubos, eu conheço muito bem este prédio e sei que é dele".... querem que eu diga? Mais vale a pena não dizer, e felizmente, graças à minha mania de fotografar tudo eu tenho fotos em que o raio destes tubos estavam na sala, antes da obra começar. Sorte a minha. Numa tentativa de me colocar entre a espada e a parede foi me dada a opção ou de invadirem a minha casa, sei lá eu quem, com capacidade sei lá eu qual para analisar a obra pra ver se realmente mexi ou não, ou fazer queixa à Câmara.

    Ok

    Queixa, pq eu não sou fraca, pq eu não fiz mal nenhum, e durmo de consciência tranquila quanto a esse facto e não tenho nada a temer. "Ok, seguirá então queixa a Câmara " "Perfeito, faça isso, assim tbm fico logo a saber se houver algo de mal com a obra, agradeço ".

    A partir daqui, tracei o meu destino nas interações com algumas pessoas. O facto de eu não ter "baixado as calças" passo a expressão, foi ponto assente na forma como ia ser tratada daqui adiante. Mas tinha que ser. As pessoas têm que entender que há limites, e há respeito a manter. Mais uma lição de que às vezes perdemos pela forma de abordar as coisas. Isto teria sido resolvido logo com um telefonema pra mim assim que se viu os tubos no contentor: "Olha, tao aqui uns tubos que são iguaizinhos aos que são usados nas prumadas dos prédios, são da tua casa? Será que se mexeu em algum sítio que não se devia? Podes me abrir a porta pra eu ver contigo? Como já tenho muitas andanças nisto vejo num instante se se mexeu nesses sítios ou não, pode ser hoje quando saires do trabalho? Quando podes? Se não puderes, das me o contacto de um dos trabalhadores e eu vejo junto deles?" .... enfim.

    Seguiu queixa, e eu com medo, muito medo que a Câmara levasse séculos a lá aparecer e obrigar-me a destruir paredes pra ver algo. Fotografei, fotografei, fotografei mais um bocado, pra mostrar que as paredes onde passam os tubos da prumada de esgoto e de ventilação estavam intactas e iriam continuar.
      20190810_111450.jpg
  17. Ícone informação Anunciar aqui?

  18.  # 16

    Ventilação exaustor, Intacta
      20190808_185642.jpg
  19.  # 17

    Na WC, onde diz "cortar". Não cortado, mantido intacto, porque passa esgoto das wcs.
      20190810_112235.jpg
  20.  # 18

    Lol, que filme!
  21.  # 19

    deso.... estamo contigo na luta..... e ainda dizem que eu sou duro ......
  22.  # 20

    Colocado por: Mjdiasdeso.... estamo contigo na luta ......

    Devagar com o andor.
    Ainda não vimos os gajos em cima do escadote.
data-ad-format="auto" data_ad_region="test">