Iniciar sessão ou registar-se
    • lukart
    • 15 Fevereiro 2020 editado

     # 1

    Simplesmente a questão é que o meu arquitecto vai ter um plano de Acessibilidade reduzida para deficientes, como obrigatorio por lei para a construçao de novas casas.
    Eu a semana passada pedi um parecer a um amigo arquitecto e diz me ele que o projecto nao seria aprovado porque a casa não esta preparada, por exemplo ha uns desniveis (1 degrau) no RC que ele diz que iria levar chumpo quando fosse para aprovaçao.

    Mas eu disse que o degrau passaria a rampa, esta no plano de acessibilidade reduzida, mas mesmo assim ele diz que não seria aceite e que teria ja de estar implementado no projecto inicial...

    Eu acho estranho, mas quem devo confiar?
  1. Ícone informação Anunciar aqui?

  2.  # 2

    Designa_se plano de acessibilidades. Nada MAIS. Se quiser pode completar a designação com " para pessoas com mobilidade condicionada"

    Obviamente que todo o percurso acessível terá de cumprir com os parâmetros do DL 123/2006.
    Se esse desnível estiver incluído no percurso... Pois terá de ter a rampa. Ou meio de elevação adequado. Isso pode ser justificado no plano. É responsabilidade do autor do projecto. A câmara poderá implicar ou não. Se bem que não é obrigatório o controle


    Em todo o caso, podendo, nunca se sabe o dia de amanhã. É preferível ter tudo ao mesmo nível..


    Finalizando, que compartimentos essa zona desnivelada tem? Liga o que a que?
  3.  # 3

    Mt obg desde ja.
    O desnivel seria ao nivel da sala de estar e sala de jantar e tmb na entrada.
    Pelo que sei, terei de aumentar a casa de banho do RC para ser viavel para a cadeira de rodas e terá de ter bidé...

    RC


    A questão seria se as acessiblidades teriam de estar ja implementadas ou pode estar no plano de acessiblidades para implementação no caso de ser necessario?
  4. Procura serviços ou materiais para a sua casa? Contrate quem ajuda no fórum.

  5.  # 4

    A partida, logo à partida, partido do pressupotos que o percurso acessivel para aceder a casa é pela porta rincipal. nem essa zona cumpre com as acessibilidades. nem a porta ( falta a gola de 30cm do lao do puxador), nem a largura do atrio que deveria prever a inscrição de espaço para manobra de 360º...
    quanto aos desniveis existentes, Como é óbvio não permite ter rampa, na zona do quarto...
    A IS no piso 0, não permite ser considerada acessível idem, nem sei se é isos que foi considerado no plano de acessibilidades. o piso +1, não conheço, mas se fizer pate do percurso acessível e tiver compartimentos que tenham de ser acessíveis, terá esta de ter 1.00m de largura a permitir a introdução de plataforma elevatória.não parece ser o caso.
    Resumindo tem isso tudo encalacrado...

    quem tem de saber resolver isso é o arquitecto. Ele que estude a legislação. Eu sei que é chato ter de lidar com leis e requisitos, sem poder fazer como se quer ou como dá mais jeito, mas tem de ser. Para se cobrar os serviços temos mesmo de saber estas coisas... Estudar, tirar cursos de especialização/ actualizar conhecimentos, gastar tempo, dinheiro e neurónios.
    ainda por cima é uma legislação.. que a bem da verdade, para as habitações unifamiliares, já é obrigatório cumprir faz mais de 11 anos!!!. O que andou ele a fazer? se é novo na profissão ainda pior. Deveria estar desperto para estas coisas. cursos mais recentes.
  6.  # 5

    há coisas que tem de estar logo de raiz e outras que que caso haja necessidade a construção ( o projeto) tem de mostar no plano de acessibilidades, que podem vir a ser implementadas.
    por exemplo, tipo barras de apoio, plataformas elevatórias, etc.…
    neste caso a wc tem já de ter as dimensões corretas e o seu técnico terá que fazer a wc de modo a cumprir com o decreto 163
    acabe com esse degrau ou quanto muito meta apenas a estrita área dos sofás com o degrau abaixo, portanto desde a entrada até á cozinha e wc deve estar tudo ao mesmo nível
    ATENÇÃO o seu projetista devia saber que essa wc a abrir diretamente para a zona de refições é chumbo certo.
  7.  # 6

    .. Marco1... eu nem sei como é possível estarem pessoas a fazer projectos assim... coisas do mais básico que há...
    Concordam com este comentário: marco1
  8.  # 7

    Todas as portas do percurso acessivel, do lado da muleta, tem de ter os 30cm de manobra livre, nem uma das portas tem isso salvaguardado.
  9.  # 8

    Esses pequenos desníveis, não sei se serão fundamentais face a topografia. mas é bom para arranjar problemas de infirltrações e encarece a obra... além de criar barreiras arquitectónicas, a meu ver sem necessidade. brinquem com o tecto deixem o pavimento sossegado ;)
  10.  # 9

    já agora o que "zona de distribuição"!? toda fechada e ali com um canto cortado com um canteiro a dar para o lanço de escadas do piso +1!? isso é o quê!?
  11.  # 10

    e pelo menos 10 cm no lado da dobradiça

    aquelas escadas entre paredes também me suscitam duvidas as suas dimensões.
  12.  # 11

    Colocado por: lukartEu a semana passada pedi um parecer a um amigo arquitecto e diz me ele que o projecto nao seria aprovado porque a casa não esta preparada, por exemplo ha uns desniveis (1 degrau) no RC que ele diz que iria levar chumpo quando fosse para aprovaçao.

    e o seu amigo, não lhe falou das outras coisas todas que aqui elencámos!?. Isto foi mesmo feito por um arquitecto? daqueles com curso superior e inscrição válida na Ordem dos Arquitectos?
  13.  # 12

    Colocado por: marco1e pelo menos 10 cm no lado da dobradiça

    Isso não é preciso!!!.. com dobradiças invisiveis não precisa. Pena é a porta nunca abra a pelo menos 90º, pois a muleta vai bater na parede ;)
  14.  # 13

    Desculpe a ignorancia, alguns termos que desconheço gola e IS...poderia especificar? e ja agora qual seria a largura necessaria do atrio?

    ( falta a gola de 30cm do lao do puxador), nem a largura do atrio que deveria prever a inscrição de espaço para manobra de 360º...



    A IS no piso 0, não permite ser considerada acessível idem, nem sei se é isos que foi considerado no plano de acessibilidades.



    Pois é, tambem me pareceu.
    Aqui fica o piso 1:
    Piso 1
  15.  # 14

    Transmita isso ao tecnico... ele deve saber...
  16.  # 15

    Bom resto de fim de semana.
    O pronuncio não é bom, mude Já de "arquitecto".
  17. Ícone informação Anunciar aqui?

  18.  # 16

    Colocado por: Pedro Barradas
    Isso não é preciso!!!.. com dobradiças invisiveis não precisa. Pena é a porta nunca abra a pelo menos 90º, pois a muleta vai bater na parede ;)


    Pedro consulta bem a secção 4.9 o nº 4.9.6
  19.  # 17

    Nao saiu a img do piso 1, a ver se ja da

    1
  20.  # 18

    Colocado por: Pedro Barradasjá agora o que "zona de distribuição"!? toda fechada e ali com um canto cortado com um canteiro a dar para o lanço de escadas do piso +1!? isso é o quê!?



    1
  21.  # 19

    ponho algumas duvidas que se irá conseguir esse aspeto, vamos ver.

    outra coisa é que tenha atenção ás peças sanitárias da wc dos quartos, estão contra uma porta de correr terão que engrossar a parede ali para receber a sanita e bidé e as suas estruturas e canalizações
    Concordam com este comentário: Picareta
  22.  # 20

    Colocado por: marco1outra coisa é que tenha atenção ás peças sanitárias da wc dos quartos, estão contra uma porta de correr terão que engrossar a parede ali para receber a sanita e bidé e as suas estruturas e canalizações

    O que é que o marco acha de um arquitecto que coloca loucas sanitárias em cima do cassoneto de uma porta de correr?
data-ad-format="auto" data_ad_region="test">