Iniciar sessão ou registar-se
  1.  # 1

    Boa noite,

    Há 1 ano quase e meio, que arrendei um quarto
    Pedi recibos e foi-me dito que não havia recibos nenhuns e que os pagamentos eram em dinheiro
    Dada a urgencia da situação e mesmo sabendo que estava a ser prejudicado no IRS acabei por aceitar
    (alguns dos pagamentos foram por MBway e tenho SMS a combinar la passar para pagar)

    A senhoria pareceu-me toda modernaça e tal e nunca se meteu na minha vida. Apenas se lembrou de aumentar 10% de um ano para o outro

    Agora antes do Carnaval ligou-me com um tom assim meio brusco, disse-me que tinha que desocupar o quarto pois tinha que o pintar.... Eu, meio aparvalhado com a situação perguntei até quando. E ela continuadamente num tom pouco simpatico, disse que nao sabia durante quanto tempo... e que nesta altura do ano nao sabe quanto tempo demorava a secar
    Porque tinha alguem que lhe devia favores e so agora estava disponivel para pintar

    Assim sem mais nem menos ! Eu perguntei-lhe se me estava indirectamente a por na rua e ela aproveita a deixa e diz que consta que tenho uma amiga que lá dorme de vez enquando e que me tinha dito que nao alugava a casa a casais.
    (atenção que ela nunca se opôs a que alguem la levasse uma namorada, apenas disse que nao queria casais la a morar)
    De facto ha alguem que la dorme ocasionalmente.

    A despesa que faço na casa é residual e limita-se ao dormir e banho. Nao cozinho em casa, passo os fds e ferias fora. Muito raramente me cruzo com os outros inquilinos e nem me ouvem respirar

    No Carnaval vim para casa dos meus pais, nao tirei nada e nao lhe dei mais conversa. Sei que nao tinha que sair
    Ao mesmo tempo passei a ter telemovel da empresa e nao me deram portabilidade e fiquei com o serviço cortado no meu telemovel.
    É um facto que a senhoria nao me podia contactar, a nao ser por whatsapp que ainda está no numero antigo

    Tive la na semana passada e ela nunca me tentou abordar à noite
    Agora no dia 2.... passava da meia noite, entro em casa e ... a porta do meu quarto tinha a fechadura mudada e cheirava a lexivia

    Um detalhe importante : O quarto tem SERIOS problemas de humidade e nos ultimos meses começou a desenvolver bolor numa boa parte do tecto. Ate alguma roupa ganha bolor.....
    Eu como aquilo ja tinha um tamanho consideravel nao quis aborrecer a senhoria com aquilo, até pq me podia acusar de nao a ter alertado antes. Tratei eu e com uma limpeza rapida tirei a maioria e ficou quase sem nada. Ia agora limpar as migalhas

    Ora, quando me deparei com a porta trancada.. liguei à senhoria. Passei-me.....
    A senhora diz que fez o que tinha que fazer, que nao me deve nada e para eu ir à minha vida. Que me tentou contactar e que no dia 1 tirou tudo o que la tinha e pos em caixotes la em cima numa zona comum, e mudou a fechadura. Ja tinha limpo o quarto

    Eu perguntei se tinha pintado/limpo/desocupado os quartos todos e ela disse que foi só o meu porque... era o unico que precisava
    Acho que nao é preciso dizer mais nada. Ela sem qualquer pudor disse-me que qualquer senhorio tem uma segunda chave e que la entrou e viu o tecto e tirou fotos. Que me cabia limpar o quarto com frequencia (right... ter que lavar tecto todas as semanas)

    Eu disse-lhe que a situação é muito grave, que mesmo sem contrato eu tenho direitos. Que ela nao pode entrar num espaço meu e que está devidamente pago. Ela disse que nao tinha problemas com eu ir à policia nem tribunal

    Passado um bocado la caiu em si.... porque eu disse que isto nao ficava assim. Nao tinha onde dormir. Ia declarar a renda no meu IRS, que ia para tribunal, etc

    Ela estranhamente..... ofereceu-se para me pagar a noite num hotel. Eu recusei, pois nao tinha roupa para ir trabalhar. Tive de vir para casa dos meus pais a 150Kms. Liguei para o trabalho a dizer que estava com um problema e nao podia ir trabalhar
    Fiz a senhoria saber que vou exigir que me pague estas despesas todas

    Ela disse que eu podia voltar para o quarto.... que nao me tinha despejado (esqueceu-se que mudou a fechadura e tudo)
    E eu disse que a partir de agora é com recibo, que ia voltar a pagar o valor inicial acrescido do incremento em vigor e que ainda assim ia acusa-la de violação de privacidade

    Passaram agora 2 dias (os alegados dias em que o cheiro a lexivia ia desaparecer) e recebo agora uma SMS a dizer para lá ir buscar os meus pertences

    Tinha no quarto gavetas cheias de coisas, uns 500 euros em dinheiro, medicamentos, 2 guitarras, papelada do trabalho, roupa e tudo o mais que possam imaginar... ela teve de pegar em todos os objectos e por na zona comum onde os outros inquilinos que nao conheço de lado nenhum podem todos mexer....
  2. Ícone informação Anunciar aqui?

  3.  # 2

    Chame a polícia
    Concordam com este comentário: Joao Dias, Sr.io
    Estas pessoas agradeceram este comentário: Vasco Antunes
  4.  # 3

    E porque não chamou de imediato a polícia!? Era o que eu faria.
    Concordam com este comentário: Sr.io
    Estas pessoas agradeceram este comentário: Vasco Antunes

  5.  # 4

    Colocado por: Vasco AntunesPedi recibos e foi-me dito que não havia recibos nenhuns e que os pagamentos eram em dinheiro


    O seu erro começou aqui.
    Não ficou apenas com prejuízo no IRS, ficou sem protecção e à mercê da senhoria.
    Estas pessoas agradeceram este comentário: Vasco Antunes
  6.  # 5

    Colocado por: ClioIINão ficou apenas com prejuízo no IRS, ficou sem protecção e à mercê da senhoria.
    É verdade que não devia ter concordado com uma situação dessas, mas essa situação é frequente no país. Desde que tenha testemunhas a comprovar que arrendava o espaço, pode alegar contrato verbal e que espera os recibos. A senhoria na prática também está à mercê do inquilino.
    Concordam com este comentário: Ana_Dado, mario.nunes
    Estas pessoas agradeceram este comentário: Vasco Antunes
    • RCF
    • 5 Março 2020

     # 6

    Colocado por: Vasco AntunesOra, quando me deparei com a porta trancada.. liguei à senhoria. Passei-me.....
    A senhora diz que fez o que tinha que fazer, que nao me deve nada e para eu ir à minha vida. Que me tentou contactar e que no dia 1 tirou tudo o que la tinha e pos em caixotes la em cima numa zona comum, e mudou a fechadura. Ja tinha limpo o quarto

    Eu perguntei se tinha pintado/limpo/desocupado os quartos todos e ela disse que foi só o meu porque... era o unico que precisava
    Acho que nao é preciso dizer mais nada. Ela sem qualquer pudor disse-me que qualquer senhorio tem uma segunda chave e que la entrou e viu o tecto e tirou fotos. Que me cabia limpar o quarto com frequencia (right... ter que lavar tecto todas as semanas)

    Eu disse-lhe que a situação é muito grave, que mesmo sem contrato eu tenho direitos. Que ela nao pode entrar num espaço meu e que está devidamente pago. Ela disse que nao tinha problemas com eu ir à policia nem tribunal

    A senhoria, com esta prática, cometeu o crime de violação de domicílio, previsto no art.º 190.ª do Código Penal.
    Não seria caso para, propriamente, chamar a Polícia, pois nada lá iriam fazer. No entanto, pode apresentar queixa crime na Polícia, por isso.
    Aquele quarto, independentemente de ser propriedade da senhoria e de não existir contrato formal, era o seu domicílio, a sua habitação. Quem lá entrasse sem sua autorização (ou mandado judicial) poderia cometer o crime de violação de domicílio.

    À parte, no seu lugar, não continuaria nesse quarto, pois não me parece que tenha condições para continuar. No entanto, exigiria ser indemnizado, pelo menos, pelas despesas extraordinárias que teve. Se para tal for necessário, ameace que apresenta queixa crime contra ela, pela prática desse crime, para além de denunciar a situação à Autoridade Tributária, por ela não passar recibos.
    Concordam com este comentário: RRoxx, 21papaleguas
    Estas pessoas agradeceram este comentário: Vasco Antunes
  7.  # 7

    Colocado por: Ana_DadoE porque não chamou de imediato a polícia!? Era o que eu faria.

    Era 1 da manhã... não me passou pela cabeça. Até porque desconfiava que sem um contrato que provasse que ali habitava, a Policia está de mãos atadas

    Colocado por: ClioII O seu erro começou aqui.
    Não ficou apenas com prejuízo no IRS, ficou sem protecção e à mercê da senhoria.

    Acho que ainda vou a tempo de declarar todas as rendas do ano passado. Quando vou a um restaurante tambem nao tenho obrigatoriamente de pedir fatura/recibo. Cabe ao dono do restaurante declarar o que faturou
    Espero que aqui seja o mesmo


    Colocado por: HAL_9000É verdade que não devia ter concordado com uma situação dessas, mas essa situação é frequente no país. Desde que tenha testemunhas a comprovar que arrendava o espaço, pode alegar contrato verbal e que espera os recibos. A senhoria na prática também está à mercê do inquilino.

    Não será dificil alegar o contrato verbal. Há mais inquilinos no imóvel nas mesmas situações. Tenho SMS trocadas com ela e 2 pagamentos por MBway

    Colocado por: RCFA senhoria, com esta prática, cometeu o crime de violação de domicílio, previsto no art.º 190.ª do Código Penal.
    Não seria caso para, propriamente, chamar a Polícia, pois nada lá iriam fazer. No entanto, pode apresentar queixa crime na Polícia, por isso.
    Aquele quarto, independentemente de ser propriedade da senhoria e de não existir contrato formal, era o seu domicílio, a sua habitação. Quem lá entrasse sem sua autorização (ou mandado judicial) poderia cometer o crime de violação de domicílio.

    À parte, no seu lugar, não continuaria nesse quarto, pois não me parece que tenha condições para continuar. No entanto, exigiria ser indemnizado, pelo menos, pelas despesas extraordinárias que teve. Se para tal for necessário, ameace que apresenta queixa crime contra ela, pela prática desse crime, para além de denunciar a situação à Autoridade Tributária, por ela não passar recibos.

    Espero que a condenação para uma situação destas, seja muito mais penalizadora do que pagar apenas as despesas extraordinárias que tive. Isso é um convite a que todos os senhorios de má fé possam fazer o mesmo. Saí barato

    Se hoje em dia a violação de emails dá o falar que dá.... imaginem como uma pessoa se sente em saber que alguem vasculhou toda a nossa intimidade num espaço que achavamos ser só nosso. Por acaso nao tenho fetiches sexuais estranhos :)
    • RCF
    • 5 Março 2020

     # 8

    Colocado por: Vasco Antunes
    Espero que a condenação para uma situação destas, seja muito mais penalizadora do que pagar apenas as despesas extraordinárias que tive. Isso é um convite a que todos os senhorios de má fé possam fazer o mesmo. Saí barato

    pena de prisão até um ano
    O pagamento das despesas já é uma questão cível e não criminal.
    Estas pessoas agradeceram este comentário: Vasco Antunes
  8.  # 9

    Haverá um outro lado da história?
    Porque é que ela só o quis despejar a si?
    Concordam com este comentário: Sr.io
  9.  # 10

    "Eu disse-lhe que a situação é muito grave, que mesmo sem contrato eu tenho direitos. "

    Os teus direitos acabam no momento em que eu proprietário quiser...
    Diversos factores poderão influenciar a tua expulsão da casa, e isso não interessa agora pois apenas ouvimos a tua versão.

    E esta choradeira de "fui expulso e vou chorar para voltar para o quarto cheio de bolor" é demasiado para mim...

    É fantástico ler estes relatos desta miudagem toda modernaça com whatapps que acham que detêm direitos de algo que não é deles.
    Alegra-te por teres as tuas coisas em caixas guardadas... as mesmas poderiam ter sido encaminhadas para o lixo mas a proprietária até foi simpática contigo.

    PS: agora já podes procurar outro quarto e dizeres que é apenas uma pessoa e levares duas depois ;) Continua assim e depois volta aqui e chora mais um pouco moço
  10.  # 11

    Colocado por: LMGuerreiroHaverá um outro lado da história?
    Porque é que ela só o quis despejar a si?

    É uma questao legitima. Mas que se reler o texto (apesar de grande) terá a resposta
    A senhoria implicou com o tecto com bolor porque lá entrou
    Junta-se o util ao agradavel e "tem um bom motivo" para vagar mais um quarto e aproveitar os crescentes preços na zona

    Em 1 ano e meio vi 5 pessoas sairem mas nao sei os motivos (4 quartos)
    Sei que a senhoria sempre que alguem saiu aproveitou para aumentar os preços

    A senhoria nao aceita transferencias, nao passa recibo e nem sequer quis caução no inicio


    UPDATE : Ficou alinhavado que eu iria voltar ao fim daqueles 2 dias para o ar ficar respiravel
    ela até me disse que pagava o hotel

    Passaram ontem os 2 dias e recebi a tal mensagem a dizer para ir buscar as mesmas coisas
    Liguei-lhe à noite depois do post aqui. Atendeu o telefone e limitou-se a dizer que nao me estava a conseguir ouvir e desligou
    Liguei novamente e só ouvi "alô.. alôooo... alô....alôooooo.... alôoo" e desligou a chamada
    A 3ª tentativa... telefone desligado

    Tentei varias vezes hoje de manha e telefone desligado
    Esta tarde ja chama, e apos 5 ou 6 chamadas nada

    Mando sms, e ela enviou a exacta mesma sms que mandou ontem a dizer para la ir buscar as minhas coisas e avisar antes, ou para lhe dar uma morada para ela enviar as coisas
  11.  # 12

    Colocado por: master_chief"Eu disse-lhe que a situação é muito grave, que mesmo sem contrato eu tenho direitos. "
    Os teus direitos acabam no momento em que eu proprietário quiser...
    Diversos factores poderão influenciar a tua expulsão da casa, e isso não interessa agora pois apenas ouvimos a tua versão.

    E esta choradeira de "fui expulso e vou chorar para voltar para o quarto cheio de bolor" é demasiado para mim...

    É fantástico ler estes relatos desta miudagem toda modernaça com whatapps que acham que detêm direitos de algo que não é deles.
    Alegra-te por teres as tuas coisas em caixas guardadas... as mesmas poderiam ter sido encaminhadas para o lixo mas a proprietária até foi simpática contigo.

    PS: agora já podes procurar outro quarto e dizeres que é apenas uma pessoa e levares duas depois ;) Continua assim e depois volta aqui e chora mais um pouco moço

    Com todo o respeito que merece. Eu vim aqui à procura de respostas de quem percebe minimamente do assunto
    Infelizmente não é o seu caso e opiniões baseadas em nada são excusadas

    "Os teus direitos acabam no momento em que eu proprietário quiser..."
    Esta sua frase mostra bem o conhecimento que o senhor tem, que é nenhum

    Para sua informação : Tenho 42 anos, sou formado e trabalho numa multinacional
    A sua aptencia para traçar perfis é igualmente nenhuma.
  12.  # 13

    Colocado por: Vasco Antunes
    Era 1 da manhã... não me passou pela cabeça. Até porque desconfiava que sem um contrato que provasse que ali habitava, a Policia está de mãos atadas


    Acho que ainda vou a tempo de declarar todas as rendas do ano passado. Quando vou a um restaurante tambem nao tenho obrigatoriamente de pedir fatura/recibo. Cabe ao dono do restaurante declarar o que faturou
    Espero que aqui seja o mesmo



    Não será dificil alegar o contrato verbal. Há mais inquilinos no imóvel nas mesmas situações. Tenho SMS trocadas com ela e 2 pagamentos por MBway


    Espero que a condenação para uma situação destas, seja muito mais penalizadora do que pagar apenas as despesas extraordinárias que tive. Isso é um convite a que todos os senhorios de má fé possam fazer o mesmo. Saí barato

    Se hoje em dia a violação de emails dá o falar que dá.... imaginem como uma pessoa se sente em saber que alguem vasculhou toda a nossa intimidade num espaço que achavamos ser só nosso. Por acaso nao tenho fetiches sexuais estranhos :)


    Só me vou pronunciar sobre uma questão, sim é obrigado a pedir fatura,veja o artigo 123° do regime geral das infrações tributárias

    http://info.portaldasfinancas.gov.pt/pt/informacao_fiscal/codigos_tributarios/rgit/Pages/rgit123.aspx
    Concordam com este comentário: Sr.io
    Estas pessoas agradeceram este comentário: Vasco Antunes
  13.  # 14

    Colocado por: Vasco AntunesPor acaso nao tenho fetiches sexuais estranhos :)
    No meio dessa balburdia toda, o melhor ainda é o seu excelente humor.
    Continue assim!
    E CONSULTE UM ADVOGADO (uma consulta custa uns 80 euros).
    Talvez baste uma cartinha escrita por um advogado à sua senhoria para a coisa se resolver sem muita chatice (isto é, para que ela lhe pague as despesas extra que lhe causou).
  14.  # 15

    Colocado por: master_chiefOs teus direitos acabam no momento em que eu proprietário quiser...
    Nope!
    Mesmo não havendo um contrato escrito, EXISTE um contrato E HÁ LEIS que têm de ser respeitadas.
  15. Ícone informação Anunciar aqui?

  16.  # 16

    Nestas situações é sempre díficil opinar sem ouvir os 2 lados intervenientes da história...
    • RCF
    • 6 Março 2020 editado

     # 17

    Colocado por: master_chiefOs teus direitos acabam no momento em que eu proprietário quiser...

    Se um dia lhe aparecer um inquilino com dois palmos de testa, o master_chief vai dar-se mal...
  17.  # 18

    Colocado por: Luis K. W.No meio dessa balburdia toda, o melhor ainda é o seu excelente humor.
    Continue assim!
    E CONSULTE UM ADVOGADO (uma consulta custa uns 80 euros).
    Talvez baste uma cartinha escrita por um advogado à sua senhoria para a coisa se resolver sem muita chatice (isto é, para que ela lhe pague as despesas extra que lhe causou).

    Sim, o proximo passo é um advogado. Mas nao creio que alguma carta consiga resolver o problema. Porque o transtorno que me causou vai muito além das despesas. Como disse, se o problema sao apenas as despesas qualquer senhorio faz isto sem grande encargo

    Colocado por: carlosj39Nestas situações é sempre díficil opinar sem ouvir os 2 lados intervenientes da história...

    Boa tarde. Eu compreendo mas nao é suposto que seja feito aqui um julgamento
    É apenas com base nas informações que eu dei que deverá comentar se quiser (informações essas que obviamente aqui ninguem consegue validar)




    UPDATE: Ontem fui à PSP. Como ja sabia nao podiam fazer grande coisa alem de registarem a participação (demorou uma eternidade)
    O sr.agente pediu-me o numero dela e tentou ligar sem sucesso. Passo um bocado ela liga de volta e ele explica que eu estava a apresentar queixa, etc etc e que... eu so tinha a roupa do corpo e que ela me deveria devolver as coisas

    Ela aceitou uma hora e o policia disse para nao arranjarmos stress e falarmos a bem e tal.... que ate podiamos nem falar.
    Disse-lhe para ela ter uma testemunha

    Quando abriu a porta tinha uns 7 ou 8 sacos pretos do lixo enormes com as minhas coisas no hall de entrada
    (fatos que tinha nos cabides .. tudo dobrado nos sacos. Lavandaria e a fatura será para ela)
    O encontro nao foi agradavel.... eu nao sou capaz de me segurar. Passei o tempo a mandar bocas e a garantir que os outros inquilinos se apercebiam que havia ali stress.
    A senhoria.... tinha um capanga.. um dos inquilinhos de longa data de braços cruzadose com ar intimidante

    Eu pude apenas carregar as coisas basicas. E ela passou-se quando eu disse que nao ia levar ja tudo. Ficou mesmo passada e a dizer que eu nao tenho seriedade nenhuma ao deixar ali as coisas.... lol
    Eu nao tenho um camiao. Nem tenho ainda onde deixar as coisas. O carro ficou cheio. Ela diz que é problema meu

    No fim... pediu-me para eu preencher uma declaração e apresentar o meu cartao do cidadao
    Obviamente recusei-me a apresentar a minha identificação. Disse-lhe que devia ter tido aqueles formalismos todos era no inicio do nosso "contrato". Acrescentei que lhe mostrava a minha identificação sim... mas no fim de ela me apresentar o numero de contribuinte dela. Passou-se....

    Eu fiquei em voltar em breve, e ela diz que nao atende o telemovel.. so por escrito.
    Hoje mandou uma sms para eu la ir buscar o resto. Vou........ Mas obviamente ainda nao vou conseguir tirar tudo
    Alias... até podia era nao ir, porque nao tenho onde ficar e nao tenho aquelas estruturas de viagem no tejadilho do carro...
    Vou-lhe perguntar se paga um camiao de mudanças para casa dos meus pais

    Tambem nao assinei porque ia estar a assinar que tinha trazido tudo sem sequer confirmar o que está nos sacos. Haviam coisas que nem sequer sao minhas

    Estou a pensar agora em la ir, levar testemunhas e abrir os sacos todos pela casa, tirar fotos e inventariar como deve ser tudo o que la está e vem comigo
    • RCF
    • 6 Março 2020

     # 19

    Colocado por: Vasco AntunesEstou a pensar agora em la ir, levar testemunhas e abrir os sacos todos pela casa, tirar fotos e inventariar como deve ser tudo o que la está e vem comigo

    O Vasco quer resolver o problema ou quer arranjar mais problemas...?
    Pense nisso...
    Concordam com este comentário: desofiapedro
  18.  # 20

    Colocado por: RCFO Vasco quer resolver o problema ou quer arranjar mais problemas...?

    É mesmo. Veja-se o que pode acontecer devido a um bocado de bolor no tecto:) Ele há cada uma...
data-ad-format="auto" data_ad_region="test">