Iniciar sessão ou registar-se
  1.  # 1

    Boas,
    tenho seguido com atenção os tópicos (aqui e outrém) acerca de veículos eléctricos, mas já vão muito longos e a info perde-se... Por isso decidi criar um tópico próprio.

    A esposa quer por que quer um carro com mudanças automáticas para evitar pontos de embraiagem na (admitidamente muito difícil) subida para o colégio dos pequenos, onde muito boa gente, de facto, queima a embraiagem. Ora, como faz percursos curtos e é difícil encontrar caixas automáticas em carros com motores a gasolina pequenos (e diesel fora de questão para os pequenos percursos que faz), sugeri um eléctrico. "Nem mudanças tem", disse-lhe eu. Ensaiou um leaf e gostou muito,já não quer saber de carros com ICE. Vai é ser usado (vi um N-connnecta com 2 anos, ~40k Km e muitos extras, tipo farois full led, por menos de €23k). Poupa-se 10k em relação a novo e está como novo.
    Ainda que o plano seja carregar em casa na tomada normal (e vou talvez mudar para bi-horário a ver se compensa, senão volta para normal), e provavelmente só ao fim de semana, dada a autonomia real esperada, acabei de dar conta que é MUITO complicado perceber onde é mais barato carregar! Uns taxam ao minuto, outros ao KWh, depois há taxas e taxinhas e impostos! WTF??? Por isso gostava de perguntar aos utilizadores regulares de eléctricos qual o CEME mais barato na factura final. Parece-me que será a Prio.E segundo o artigo em baixo, mas gostava de opiniões em primeira pessoa.

    https://executivedigest.sapo.pt/tem-um-eletrico-e-precisa-de-carregar-a-bateria-saiba-quais-sao-os-postos-mais-baratos/

    Cumprimentos.
    • NMGB
    • 19 Agosto 2020 editado

     # 2

    Colocado por: pcspinheiroBoas,
    tenho seguido com atenção os tópicos (aqui e outrém) acerca de veículos eléctricos, mas já vão muito longos e a info perde-se... Por isso decidi criar um tópico próprio.

    A esposa quer por que quer um carro com mudanças automáticas para evitar pontos de embraiagem na (admitidamente muito difícil) subida para o colégio dos pequenos, onde muito boa gente, de facto, queima a embraiagem. Ora, como faz percursos curtos e é difícil encontrar caixas automáticas em carros com motores a gasolina pequenos (e diesel fora de questão para os pequenos percursos que faz), sugeri um eléctrico. "Nem mudanças tem", disse-lhe eu. Ensaiou um leaf e gostou muito,já não quer saber de carros com ICE. Vai é ser usado (vi um N-connnecta com 2 anos, ~40k Km e muitos extras, tipo farois full led, por menos de €23k). Poupa-se 10k em relação a novo e está como novo.
    Ainda que o plano seja carregar em casa na tomada normal (e vou talvez mudar para bi-horário a ver se compensa, senão volta para normal), e provavelmente só ao fim de semana, dada a autonomia real esperada, acabei de dar conta que é MUITO complicado perceber onde é mais barato carregar! Uns taxam ao minuto, outros ao KWh, depois há taxas e taxinhas e impostos! WTF??? Por isso gostava de perguntar aos utilizadores regulares de eléctricos qual o CEME mais barato na factura final. Parece-me que será a Prio.E segundo o artigo em baixo, mas gostava de opiniões em primeira pessoa.

    https://executivedigest.sapo.pt/tem-um-eletrico-e-precisa-de-carregar-a-bateria-saiba-quais-sao-os-postos-mais-baratos/

    Cumprimentos.



    As contas não são muito fáceis de fazer.

    No entanto se instalar a aplicação para telemóvel "MIIO" consegue ter uma noção de quanto paga em cada posto com determinado CEME/Tarifário.

    Eu pedi quase todos os cartões existentes, visto que não têm qualquer custo. Assim, antes de carregar vejo na aplicação MIIO qual é o mais barato naquele momento.
    Concordam com este comentário: jcfcid
  2.  # 3

    Colocado por: NMGBEu pedi quase todos os cartões existentes, visto que não têm qualquer custo.


    Haha, excelente ideia! Obrigado pela dica 😉
  3.  # 4

    Como disseram aqui, o melhor é usar a app Miio, que faz a comparação quanto custa carregar em cada posto. Em princípio os dois mais baratos são o CEME Miio e a Prio, mas também depende do carro. Qual o tamanho da bateria do Leaf?
    É que por exemplo nas cargas em postos rápidos deve ter em conta a curva de carga do carro. Isto quer dizer que a carga pode começar à velocidade máxima permitida pelo posto mas ir baixando consoante o nível de carga. E isso é importante saber quando se opte entre um CEME que cobra ao minuto e outro ao kWH.
    Concordam com este comentário: jcfcid
  4.  # 5

    Tenho o Leaf 40KW e também recomendo o uso da Miio para esse efeito.

    Em termos de experiência pessoal: tenho cartão da Prio e o cartão da EDP mas este ultimo é o que me tem dado valores mais baixo em carregamentos fora de casa devido a ser por Kwh e não por minuto (isto às horas a que costumo carregar).
    Fora de casa só uso carregamento rápido visto que desde a rede normal passou a ser paga no inicio de Julho a diferença ser mínima e as vezes ser mais caro devido ao facto da grande maioria das "taxinhas" ser paga ao minuto e o Leaf não ser referencia em velocidade de carregamento (sobretudo quando tem a bateria quente)
    Tenha em conta que em postos ditos de 11Kwh Leaf só carrega a 3,6KWh (7,2KWh para os de 22Kwh) o que não facilita nada as contas.
    Pessoalmente carrego em casa com tarifa bi-horaria e só uso carregamento fora de casa quando "tiver mesmo que ser e tenha muita força".

    Cump
    Marc
    Estas pessoas agradeceram este comentário: pcspinheiro
  5.  # 6

    Colocado por: Marc_S
    Em termos de experiência pessoal: tenho cartão da Prio e o cartão da EDP mas este ultimo é o que me tem dado valores mais baixo em carregamentos fora de casa devido a ser por Kwh e não por minuto (isto às horas a que costumo carregar).


    Presumo que tenha eletricidade da EDP em casa, caso contrário o cartão da EDP é dos mais caros.

    Dos CEMES que não necessitam de ficar "agarrado" a um contrato doméstico, os que são pagos ao kWh mais barato são a Evaz e a Miio.
    Concordam com este comentário: jcfcid
    Estas pessoas agradeceram este comentário: pcspinheiro, Marc_S
  6.  # 7

    Obrigado pelos comentários.

    Marc_S vamos precisamente comprar um Leaf usado, com 42k e 2 anos. Que autonomia consegue normalmente? Sei que depende de muitos factores mas queria ter uma ideia mais real. A esposa fará uns 40 km por dia ou menos, 60% via rápida a 80-90 km/h e o resto nacional ou cidade (30-50 km/h) por causa do tipo de estrada. Pelas minhas contas deveria dar para andar a semana toda num só carga e depois carregar ao fds.
    Quanto lhe custa carregar em casa? Usa wall box ou pode carregar na tomada normal? Neste momento tenho tarifário normal da Endesa mas estava a pensar mudar para bi-horário fim de semana.

    Mais uma vez agradecido pelas ajudas!
    Cumprimentos
  7.  # 8

    Qual o tamanho da bateria do Leaf? 40kWh? 30kWh? Dependendo da capacidade da bateria estamos a falar de autonomias diferentes.
    Em relação aos carregamentos, o meu conselho é esquecer a wallbox, pois considero dinheiro mal gasto. Pode claro carregar numa tomada normal, mas para possibilitar cargas mais rápidas aquilo que recomendo sempre é instalar em casa uma tomada CEE de 16A ou 32A com um diferencial dedicado, e comprar um carregador portátil com velocidade de carga regulável. Em casa isto serve como "wallbox", mas também pode ser levado para onde quer que vá (hotéis, restaurantes, centros comerciais, etc.) e carregar à melhor velocidade possível da instalação.

    Sem dúvida que a carregar o carro em casa o bi-horário é das melhores opções. Mas convém também mudar alguns hábitos como por alguns electrodomésticos da casa a trabalhar à noite (por exemplo máquinas de lavar) para tirar melhor partido desse ciclo horário. A Endesa já teve bons preços em tempos, mas atualmente tem uma oferta pouco interessante.
    Neste momento tenho um tarifário indexado à OMIE, da comercializadora onde trabalho, onde tenho uma tarifa de gestão mensal fixa mas pago o kWh ao preço de mercado, em média 0,076€/kWh no vazio e 0,14€/kWh fora do vazio, logo bastante interessante para quem carrega carros em casa. Um carregamento completo do meu carro (um Ioniq de 28kWh) sai a cerca de 2,6€ se juntarmos o IVA. A poupança varia caso a caso, mas se quiser posso ver consigo qual a poupança possível para o seu.
    Estas pessoas agradeceram este comentário: Marc_S
  8.  # 9

    Colocado por: pcspinheiroObrigado pelos comentários.

    Marc_S vamos precisamente comprar um Leaf usado, com 42k e 2 anos. Que autonomia consegue normalmente? Sei que depende de muitos factores mas queria ter uma ideia mais real. A esposa fará uns 40 km por dia ou menos, 60% via rápida a 80-90 km/h e o resto nacional ou cidade (30-50 km/h) por causa do tipo de estrada. Pelas minhas contas deveria dar para andar a semana toda num só carga e depois carregar ao fds.
    Quanto lhe custa carregar em casa? Usa wall box ou pode carregar na tomada normal? Neste momento tenho tarifário normal da Endesa mas estava a pensar mudar para bi-horário fim de semana.

    Mais uma vez agradecido pelas ajudas!
    Cumprimentos
  9.  # 10

    ruicarlov já deu muitas informações uteis, vou complementar com a experiência e opções pessoais.

    O leaf de 40KW e com 1 ano que uso sobretudo para percurso suburbano e em Lisboa de 45Km diários tem uma autonomia anunciado no computador de bordo entre 240 e 270 Km ( depende de muitos factores mas alem da condução noto que o ar condicionado parece ser o mais importante ). Nunca deixei ir abaixo de 10% portanto não posso garantir os valores mas parecem fiáveis. Em auto estrada e não passando os 90Kmh a autonomia parece-me que deve ultrapassar os 290Km ( Novamente não confirmei por não querer esgotar a bateria ate ao fim ).
    É voz comum de se que deve tentar manter a bateria entre 20% a 80% na maioria do tempo para prolongar o seu tempo de vida e não é nada recomendável descer abaixo dos 5%.
    Tenho a EDP em casa e a tarifa de vazio atual que pago é de 0,1012€ + IVA e restantes taxinhas. Baseado no tarifário que tenho costumo carregar 7 h numa das noites durante a semana ( costuma ser de quinta para sexta ) e usar o domingo para carregar ate os 100% tudo isto numa tomada normal. Não me atrai a wallbox: não acho que o ganho de velocidade de carregamento compense o que se paga por ela (pelo menos para o meu caso). Prefiro guardar o dinheiro para usa-lo nos carregadores rápidos comerciais para os poucos casos em que se necessitar de restabelecer a bateria para uma viagem inesperada durante a semana.
    Mas ressalvo que isto é tudo valido para o meu caso em particular. Se por exemplo puder carregar no local de trabalho as rotinas podem-se alterar significativamente.

    Cumprimentos
    Marc
    Estas pessoas agradeceram este comentário: pcspinheiro
    • smdx
    • 20 Agosto 2020

     # 11

    e quanto custa um carregador portátil regulável?
    •  
      aacc
    • 20 Agosto 2020

     # 12

    Colocado por: pcspinheiropara evitar pontos de embraiagem na (admitidamente muito difícil) subida para o colégio dos pequenos, onde muito boa gente, de facto, queima a embraiagem


    Colégio Rainha Santa em Coimbra?
  10.  # 13

    Colocado por: aaccColégio Rainha Santa em Coimbra?


    Sim! 🤣
  11.  # 14

    Colocado por: smdxe quanto custa um carregador portátil regulável?


    O meu custou-me à volta de 400€, falando com este senhor que os faz. https://www.clubeletricos.com/viewtopic.php?f=52&t=7538

    Encontram-se outros carregadores reguláveis talvez por 50€ menos, mas para mim estou satisfeito com este por várias razões. Posso controlar ampere a ampere qual a velocidade a que quero que o carro carregue (entre 6A e 30A que são os limites do meu carro), dá para ligar a redes wifi e ver o estado da carga no telemóvel. Dá para temporizar cargas. E sobretudo é algo modular, ou seja, se por acaso vier a mudar de carro para por exemplo para um que carregue trifásico, é possível alterar o carregador para permitir isso sem ter de comprar um carregador inteiro de novo. E quem quiser até pode por o carregador a "falar" com a casa, para só usar a potência disponível no momento e não mandar o quadro abaixo.
    É só questão de dizer o que se quer ao comprar.
  12.  # 15

    Comprei recentemente um por cerca de 120€ de 16A e porta-se bem.
    Na realidade um EVSE não passa de um "contactor"... O carregador está no carro
  13.  # 16

    Colocado por: jfsmoreiraComprei recentemente um por cerca de 120€ de 16A e porta-se bem.
    Na realidade um EVSE não passa de um "contactor"... O carregador está no carro


    Certo, mas ainda há muitos carros não permitem regular a carga na dashboard, logo vão pela potência do EVSE. Durante vários anos tive apenas um EVSE fixo de 16A no meu 1º VE (na realidade carregava a 14A devido a limitações do carro). Quando ia para férias e carregava num alojamento, tive em algumas ocasiões problemas com mandar quadros abaixo, por não conseguir controlar a velocidade de carga.