Iniciar sessão ou registar-se
    • J D
    • 4 dezembro 2020

     # 1

    Colocado por: pguilherme
    Então todo e qualquer desvio desse único e restrito tema perde validade?
    Oh JD francamente...


    Não , claro , estamos numa thread que se intitula bolha imobiliária , a falar de apartamentos mas na verdade o mercado era o das bananas colombianas de exportação , perfeitamente logico.
    • FFAD
    • 4 dezembro 2020 editado

     # 2

    O meu exemplo foi para dizer que para mim, 100k anuais num agregado de 4 não é rico. E disse para mim, não para o País, senão acima dos 80k já são mega ricos...

    Gambino, há salários de 250k em Portugal por conta de outrém, e outros superiores. Na medicina para ganhar isso tem de investir numa clinica.
  1.  # 3

    Colocado por: J DPortanto agora já são os paizinhos a pagar a entrada? Também pagam os impostos? Oh Guilherme , menos , pare de olhar para o seu lado e perceba de uma vez por todas que a realidade lá fora não é assim , voce anda tão desligado que nem sabia quais os valores de rendimento da classe media , pare de cavar.

    Não me querendo alongar nestes temas, repare que aceitei desde logo que a minha opinião sobre a "classe média" poderia estar desfasada.
    No entanto, está demasiado preso atrás do monitor e agarrado às declarações de IRS...

    Qual o problema dos pais pagarem entrada?
    Ajudam os filhos numa questão difícil. Não é isso que todos queremos fazer pelos nossos filhos? Julgo que a maior parte o faz.

    Mas repare como o debate tem vindo a diminuir valores. Agora prende-se por 50k ou menos.

    Se quiser retomar um dos off-topics, incluindo o seu, das oreo e afins, voltamos à premissa que os assalariados sustentam muitos mercados.

    Seria interessante consultar dados sobre volume e rentabilidade da venda de imóveis de elite vs a soma de todos os outros. Ou, se quiser, o volume e rentabilidade da venda de imóveis acima de determinado valor (500k parece justo?) sem recurso a crédito, vs todos os outros, assumindo que são sustentados por salários...
  2.  # 4

    Colocado por: J Dna verdade o mercado era o das bananas colombianas de exportação

    Quem falou sobre banana?

    Esses devaneios mostram falta de argumento. Mais calma :)
    • J D
    • 4 dezembro 2020

     # 5

    Colocado por: FFADO meu exemplo foi para dizer que para mim, 100k anuais num agregado de 4 não é rico.

    Gambino, há salários de 250k em Portugal por conta de outrém, e outros superiores. Na medicina para ganhar isso tem de investir numa clinica.


    Certo , mas também não são classe média nem sequer são comuns. Existem menos de 50k acima dos 100k euros anuais, existem menos de 3900 acima dos 250k. Efectivamente menos de 9000e brutos por cabeça num casal não são rendimentos gigantes, mas também não são comuns em Portugal.
    • J D
    • 4 dezembro 2020

     # 6

    Colocado por: pguilhermeAjudam os filhos numa questão difícil. Não é isso que todos queremos fazer pelos nossos filhos? Julgo que a maior parte o faz.

    Mas repare como o debate tem vindo a diminuir valores. Agora prende-se por 50k ou menos.


    Pguilherme , acorde para a realidade, quantas pessoas acha que se quer em PT conseguem ter disponíveis 50k para ajudar um filho dessa forma? Mas você vive sempre dentro do condomínio ? Não tem mesmo realidade do nível de poupança em Portugal?
  3.  # 7

    Colocado por: J DEfectivamente menos de 9000e brutos por cabeça num casal não são rendimentos gigantes,



    Colocado por: FFADmeu exemplo foi para dizer que para mim, 100k anuais num agregado de 4 não é rico.


    Eu por mim peço que não parem.
    Parece discussões das series Orange County ou Beverly Hills 90210.
  4.  # 8

    Colocado por: FFADO meu exemplo foi para dizer que para mim, 100k anuais num agregado de 4 não é rico. E disse para mim, não para o País, senão acima dos 80k já são mega ricos...

    Gambino, há salários de 250k em Portugal por conta de outrém, e outros superiores. Na medicina para ganhar isso tem de investir numa clinica.


    Nao tem nada. Na privada ganha-se bem a fazer cirurgias.

    Abrir clínicas agora é perfeitamente desnecessario.

    Agora basta ser prestador de serviços da luz saúde, Trofa saúde, lusíadas e cuf. Depois ainda pode abrir empresa e passar factura pela empresa ao privado, pelos procedimentos que desempenhou lá, o que lhe evita a retenção na fonte e segurança social.
    • J D
    • 4 dezembro 2020

     # 9

    Colocado por: Nelhas




    Eu por mim peço que não parem.
    Parece discussões das series Orange County ou Beverly Hills 90210.


    Nelhas , 9k brutos sao 4500 liquidos , são rendimentos extremamente altos para a média Portuguesa mas não são rendimentos que permitam que lhes chames de "ricos". Estamos a falar de menos de 60k liquidos ano , existem menos de 50k agregados em Portugal com isso. Eu apenas peguei nos valores para demonstrar o quão fora do padrão Português estão.
    • FFAD
    • 4 dezembro 2020 editado

     # 10

    Colocado por: J D

    Certo , mas também não são classe média nem sequer são comuns. Existem menos de 50k acima dos 100k euros anuais, existem menos de 3900 acima dos 250k. Efectivamente menos de 9000e brutos por cabeça num casal não são rendimentos gigantes, mas também não são comuns em Portugal.


    Volto a dizer que a minha análise é meramente pessoal, não sei se são muitos se são poucos. Apenas prática!

    Há aqui users que pensam que quem ganha 100k anuais é muito rico, mas não é. Talvez comparando com a média, o seja. Depois também depende se ganha 100k em moimenta da beira ou em Lisboa, em moimenta és milionário, pois podes comprar um apartamento a cada dois anos.

    É triste ler esses números! Realidade portuguesa...

    Tenho um amigo meu alemão, que o primeiro salário na Telekom era de 50k anuais (recém licenciado), passado 4 anos já estava nos 150k...
    • J D
    • 4 dezembro 2020

     # 11

    Colocado por: FFADTenho um amigo meu alemão, que o primeiro salário na Telekom era de 50k anuais (recém licenciado), passado 4 anos já estava nos 150k...


    Ajuda ter um tecido industrial a suportar esses valores e também ajuda muito não levarem com os 23.75% de TSU. Um bom exemplo seria o seguinte , um TAM de AWS ganha como ordenado de entrada na Alemanha 90 a 110k euros conforme os anos de experiencia/sub area, em PT esses mesmos valores rondam os 60k no topo.
    • FFAD
    • 4 dezembro 2020

     # 12

    Colocado por: Nelhas




    Eu por mim peço que não parem.
    Parece discussões das series Orange County ou Beverly Hills 90210.


    Lá está, em orange county ou beverly hills, com 100k, não só não és rico, como és pobre.

    Podemos ter ideias diferentes de ricos.

    Mas para mim, uma pessoa rica tem de poder fazer tudo o que quer e chegar ao final do mês com uma boa almofada. Tem de poder ir viajar e ficar nos melhores hoteis sem olhar ao preço, tem de poder viajar em primeira classe sem se preocupar em gastar 20k em 2 bilhetes para as Maldivas. E com 100k não fazes isso.

    Já percebi que em Portugal, para fazeres isso precisas de ser milionário, mas não é com património de 1m de Euros, é com cash no banco.
  5.  # 13

    Colocado por: J Dmas não são rendimentos que permitam que lhes chames de "ricos"



    Colocado por: FFADPodemos ter ideias diferentes de ricos.


    Não estou a julgar a qualidade ou a validade da vossa opinião.
    Têm tanta validade como a minha ou de outra pessoa qualquer.
    Só tenho de respeitar.

    Se pessoas com rendimentos de 4500 euros, que lhes permite as melhores casas, os melhores carros, as melhores condições para os filhos a nível médio alto, alto , PARA A REALIDADE DO PAÍS, não são ricas.

    Bem eu respeito a vossa opinião, mas vivem numa bolha e conhecem mal o País real.

    Basta irem ver em que faixa de rendimentos está a maior fatia e em que valores.
    • J D
    • 4 dezembro 2020

     # 14

    Colocado por: NelhasBem eu respeito a vossa opinião, mas vivem numa bolha e conhecem mal o País real.

    Basta irem ver em que faixa de rendimentos está a maior fatia e em que valores.


    Sigh , Nelhas , umas aulas de interpretação ficavam bem. N vezes já o disse, são rendimentos altos para a MEDIA Portuguesa, a classe media ronda os 50k euros brutos no seu topo. Dai até serem ricos faltam um bocado muito grande. Se tu ganhares o ordenado minimo , qualquer gajo que tire 1500 brutos já é rico.

    Temos aqui as 2 visões de Portugal , temos o Nelhas que acha que alguém que tira 9000 euros brutos é rico , porque compara com a classe media ou com os seus rendimentos , como são mais altos levam o "cromo" de rico. Depois temos o pguilherme que acha que o nível de poupança em Portugal permite a alguem de classe media sacar de 50k euros para ajudar um filho da dar entrada aos 30 anos numa casa de 500k. A realidade , essa está algures no meio.
  6.  # 15

    Colocado por: GambinoAgora basta ser prestador de serviços da luz saúde, Trofa saúde, lusíadas e cuf. Depois ainda pode abrir empresa e passar factura pela empresa ao privado, pelos procedimentos que desempenhou lá, o que lhe evita a retenção na fonte e segurança social.

    Assim não figura adequadamente nas tabelas de IRS! Não se faz, confundir as pessoas desta forma! :)

    Colocado por: J DPguilherme , acorde para a realidade, quantas pessoas acha que se quer em PT conseguem ter disponíveis 50k para ajudar um filho dessa forma?

    Não sei e provavelmente JD tb não.
    Mas posso dizer-lhe o seguinte, o último imóvel que vendi foi há um mês e não tivesse sido o pai de um deles ter entrado com 70k, não teriam conseguido avançar. Antes que sugira, foi num subúrbio de Lisboa e não numa zona premium/elite.
    O pai, já reformado, foi caixa num banco. Não era milionário, apenas um sujeito que poupou e quis ajudar o filho/nora e netos a comprar um imóvel em vez de continuarem a arrendar.

    Se isto é frequente? Não sei dizer, mas custa-me acreditar que numa vida não se consiga, de forma alguma, poupar essa quantia, especialmente se incluirmos possíveis manobras com imóveis (vender uma casa grande e mudar para uma mais pequena, já que os filhos saíram, etc)
    Concordam com este comentário: Gambino
  7.  # 16

    Colocado por: J DSigh , Nelhas , umas aulas de interpretação ficavam bem.


    Agradeço que discuta os assuntos com elevação.
    Se quer respeito , por favor respeite.



    Colocado por: J Demos o Nelhas que acha que alguém que tira 9000 euros brutos é rico , porque compara com a classe media ou com os seus rendimentos


    Devo comparar com quem?
    Classe média?

    Repito vá ver qual o intervalo de rendimentos em Portugal com maior numero de pessoas.


    Colocado por: J Da classe media ronda os 50k euros brutos no seu topo.


    Não consigo debater com alguém que inventa números.
    • FFAD
    • 4 dezembro 2020

     # 17

    Colocado por: Nelhas




    Não estou a julgar a qualidade ou a validade da vossa opinião.
    Têm tanta validade como a minha ou de outra pessoa qualquer.
    Só tenho de respeitar.

    Se pessoas com rendimentos de 4500 euros, que lhes permite as melhores casas, os melhores carros, as melhores condições para os filhos a nível médio alto, alto ,PARA A REALIDADE DO PAÍS, não são ricas.

    Bem eu respeito a vossa opinião, mas vivem numa bolha e conhecem mal o País real.

    Basta irem ver em que faixa de rendimentos está a maior fatia e em que valores.


    Nelhas, esse é o problema!

    Este salário não dá para os melhores carros nem as melhores casas. Com este salário não consegue comprar um range rover ou um porsche. Ou isto é só para os ultra ricos?
  8.  # 18

    Colocado por: J Do nível de poupança em Portugal permite a alguem de classe media sacar de 50k euros para ajudar um filho da dar entrada aos 30 anos

    Perspectiva ingénua, sem contar com qualquer factor financeiro: em 30 anos, se os pais pouparem, desde o momento que o filho nasceu, a brutal quantia de 140 €/mês, voilá 50k€ para ajudar numa casa. Na verdade só precisam de metade... os sogros que ajudem tb! lol

    "140 ou 70€/mês é para milionários" diz JD.
    OK, não poupa nada. Os pais que compraram casa há 30 anos atrás, hoje podem vende-la, comprar uma mais pequena e sobram 50k para cada filho. Sem poupanças.

    E se falar em investimentos, mesmo que modestos, com prazos alargados? Só para milionários, ok!
    • J D
    • 4 dezembro 2020

     # 19

    Colocado por: pguilherme
    Perspectiva ingénua, sem contar com qualquer factor financeiro: em 30 anos, se os pais pouparem, desde o momento que o filho nasceu, a brutal quantia de 140 €/mês, voilá 50k€ para ajudar numa casa. Na verdade só precisam de metade... os sogros que ajudem tb! lol

    "140 ou 70€/mês é para milionários" diz JD.
    OK, não poupa nada. Os pais que compraram casa há 30 anos atrás, hoje podem vende-la, comprar uma mais pequena e sobram 50k para cada filho. Sem poupanças.

    E se falar em investimentos, mesmo que modestos, com prazos alargados? Só para milionários, ok!


    Portanto , os pais servem apenas e só de sustentáculo sem qualquer conforto ou aquisição nesse cenário certo? O puto não teve despesas nenhumas , correcto? Pguilherme... menos , a taxa de poupança em Portugal varia entre os 2% e os 4.5% no seu máximo, pode andar a dar as voltas que quiser , encontra meia dúzia de casos desses , a realidade não é essa.
    • Nelhas
    • 4 dezembro 2020 editado

     # 20

    Colocado por: FFADCom este salário não consegue comprar um range rover ou um porsche


    Qual deles quer?
    Com 4500 euros não anda num carro desses?

    Eu acho que o tipo que lhe vende as coisas anda a engana-lo.
 
1.2672 seg. NEW