Iniciar sessão ou registar-se
  1.  # 1

    Vou construir a minha casa no litoral, em terreno plano e arenoso. Estou com dúvida de como deve ser o desvão sanitário, vulgo caixa de ar. No projecto está de facto "ar", mas tenho lido aqui falar em encher de gravilha para evitar humidades, e pergunto-me se a própria areia n faria o mesmo efeito de drenagem.

    Ou seja, qual a vossa opinião, caixa com:

    1) Ar (o que puseram no projecto)
    2) Gravilha (mais caro)
    3) Areia (mais barato)
    4) Areia (80%) + Gravilha (20%)
  2.  # 2

    Boa questão, eu tenho exactamente a mesma dúvida. A areia não faz o papel da gravilha?
  3.  # 3

    Caixa de ar!? Num terreno plano.? Isso é mais caro e vai trazer problemas se não houver ventilação do desvao.

    Peça para os seus projectista reavaliarem a situação.
  4.  # 4

    Vai fazer desaterro integral para impermeabilizar as fundações?
  5.  # 5

    O projeto de estabilidade previa terreno arenoso,?
  6.  # 6

    eu percebo pouco, mas sendo um terreno arenoso isso só por si não iria facilitar o escoamento da água?

    será que se justifica um desvão num terreno arenoso?
  7.  # 7

    Colocado por: pauloagsantossendo um terreno arenoso isso só por si não iria facilitar o escoamento da água?

    Em teoria sim, a menos que o nível freático seja muito alto

    Colocado por: pauloagsantosserá que se justifica um desvão num terreno arenoso?

    Pode ser uma consequência das cotas do piso
  8.  # 8

    Colocado por: zedasilvaPode ser uma consequência das cotas do piso


    sim, ele disse que era plano e eu assumi que era plano e estava ao nivel da estrada, mas pode estar mais baixo
  9.  # 9

    Colocado por: zedasilvaVai fazer desaterro integral para impermeabilizar as fundações?


    Se percebo a questão, sim. Vou fazer buraco tamanho da casa, para eles trabalharem lá à vontade e fazer a impermebealização e drenos.



    Colocado por: RicardoPortoO projeto de estabilidade previa terreno arenoso,?

    É uma pergunta q n sei responder na verdade, no projecto diz terreno natural. Mas a arquitecta é da zona, e conhece o terreno, ficaria surpreendido se isso n tivesse sido considerado. Mas no fundo é por isso que aqui estou.





    Colocado por: zedasilva
    Em teoria sim, a menos que o nível freático seja muito alto


    Pode ser uma consequência das cotas do piso


    O terreno encharca numa parte em Inverno de chuvas, embora vou trazer areia para subir essa zona. Assim, ficará tudo acima do nível da estrada, e o piso terréo estará a uns 30cima.
  10.  # 10

    Esquema para perceberem o terreno actual, o futuro corrigido, e onde fica o desvão.
      Screenshot 2020-09-09 at 00.57.06.png
  11.  # 11

    Bem, eu pensava que o Forum era exactamente para responder a dúvidas que q pessoa ainda não consegui esclarecer de outra forma, ouvir outras opiniões e amadurecer ideias antes de ir tomar decisões.

    A minha dúvida era mt simples, se a areia é um tão bom drenante para um vão, como é o colocar brita, ou enventualmente uma solução mista. Isto num contexto em que a maior parte do que leio, descreve situações com outro tipo de terrenos.
    Concordam com este comentário: Pablo OS, ricat, Nortenho
  12.  # 12

    O problema de encher com areia é que se houver água no terreno (por exemplo no inverno), a água vai lentamente ao longo do tempo removendo a mesma e vai acabar por criar um espaço de ar que pode ganhar humidades e infiltrar na casa pela laje.

    A brita, tendo vazios e maior massa, garante que a eventual água pode escoar mais facilmente e não arrasta o material, mantendo o desvão preenchido.

    Resumindo, se tem desvão encha com brita ou melhor ainda, fale com o seu projetista para lhe trocar a solução por um pavimento térreo devidamente impermeabilizado.
    Estas pessoas agradeceram este comentário: Pablo OS
  13.  # 13

    Colocado por: fredcunha
    A brita, tendo vazios e maior massa, garante que a eventual água pode escoar mais facilmente e não arrasta o material, mantendo o desvão preenchido.
    Estas pessoas agradeceram este comentário:Pablo OS


    Ora aqui está um resposta interessante sobre uma perspectiva que nunca me tinha colocado. Mas... pensando um pouco, em algum momento a brita vai encontrar o terreno de areia no fundo, onde vamos parar então? A tal solução hibrida que ele colocava poderia ser a solução? Tipo ter areia até ao mm nível do terreno no exterior e o resto para cima ser brita?
    Estas pessoas agradeceram este comentário: MasterYoda
  14.  # 14

    Ainda ninguém disse o mais importante.

    Um solo arenoso não tem coesão, precisa de abrir uma buracos com uma máquina e ver onde está o duro ou um saibro aceitável.

    Pode fazer poços de fundação ou precisar de estacaria
    Concordam com este comentário: smart
  15.  # 15

    Colocado por: RicardoPortoAinda ninguém disse o mais importante.

    Um solo arenoso não tem coesão, precisa de abrir uma buracos com uma máquina e ver onde está o duro ou um saibro aceitável.

    Pode fazer poços de fundação ou precisar de estacaria


    Como assim? N sei se no meu terreno isso existe, já fizemos o poço e só de lá saiu areia, branquinha! Por que em cima é castanha, com matéria organiza (boa para agricultura).
    • smart
    • 10 Setembro 2020 editado

     # 16

    hum
    relativamente ao desvão, só cria humidades se tiver...AR
    não me refiro às ascendesntes, sendo a sua natureza por contacto directo com uma fonte de humidade...
    Sabe-se que a ventilação dos desvãos resulta sempre deficiente, percebendo-se quando lá se vai abaixo e a parte inferior da lage/linteis de fundação estão cheios de humidade.
    De maneira que o mais adequado, na minha opinião é não fazer desvão, colocando-se uma manga tela por baixo da lage para impedir humidade ascendentes e isolamento termico por cima da lage, com enchimento por cima deste e betonilha d eregularização antes do acabamento final.
    Quando tal não se fáz e pela morfologia do terreno linteis de fundação é necessário encher a caiza, deverá ser enchida com brita, que além de diminuir a quantidade de ar que irá gerar a condensação, tendo em conta a temperatura da terra e o da lage, serve de regulador higronomico, pois a brita absorve sempre alguma eventual humidade residual resultante de variações mais bruscas de temperatura...
    espero que o projectista não seja mais um que não vai verificar o tipo de terreno em que irão ser implantados os "alicerces" da construção..., antes de iniciar o projecto de engenharia...
    Estas pessoas agradeceram este comentário: MasterYoda
  16.  # 17

    Pois, no meu caso já não vou a tempo de considerar e alterar projecto para não ter desvão. Mas encher o desvão, parece-me acessível para se ajustar.

    A pergunta será, para reduzir o custo da gravilha, faria sentido fazer algo assim? Usar os 60 cm de vão com 40cm de areia reposta e 20%cm por cima de gravilha?
    Estas pessoas agradeceram este comentário: MasterYoda
      Screenshot 2020-09-10 at 01.32.07.png
    • smart
    • 10 Setembro 2020 editado

     # 18

    hum..
    a figura é o resultado do projecto ou esboço seu?
    não me parece estar correcta..
    O geodreno deve trabalhar na face mais inferior das paredes exteriores
    ao trabalhar onde está, não vai recolher grande agua para o poço pluvial
    pergunto..então do geodreno para baixo fica ensopado?
    fundamental tb é onde está a linha vermelha, que aplique uma manga plastica ou tela pintonada (mais resistente à fissura durante a betonagem/obra, para evitar que a base do lintel de fundação/sapatas fique toda a vida a chupar a humidade do terreno..
    Para mim o dreno faz sentido onde assinalei...
    para encher a caixa, pode colocar metade enrocamento/metade brita por cima
    Por cima do terreno natural e antes do enrocamento/brita se a casa fosse para mim, metia-lhe tb uma manga plastica (não é muito caro..rolos de 2 mts por 50...)
    para melhores garantias use geodreno com geotextil (pouco mais caro é )

    Onde assinalou o geodreno (na imagem abaixo de cor preta que indico estar indevidamente situado), deve ser feita uma meia cana de forma a suavizar o ângulo de 90 graus das paredes que ali se afiguram, para que a impermeabilização fique correctamente aplicada e dê a melhor protecção funcional ...
      aza2.JPG
    • smart
    • 10 Setembro 2020 editado

     # 19

    hum..
    Para brita, conte aí 23€ o m3 ...
    se a casa tiver 100 m2 de implantação por 50cms de caixa, são 50 m3 (dá sempre menos pq tem lintel central/sapatas dos pilar(es)...que custam 1150€ + iva
    poupe esse dinheiro em rubricas fundamentais, esmagando os esmifrando outras...
    com todo o respeito, não me refiro a si, mas conheço quem não se esmerou no fundamental e depois compram torneiras de 1000 € e candeiros com preços absurdos e qualidade/estetica duvidosa......
  17.  # 20

    Colocado por: JoelMo engenheiro que calculou a estrutura, tinha conhecimento do tipo de solo quando fez o projecto?

    Desde quando isso é preocupação?
    Já viram alguma casa enterrar-se pelo chão abaixo? Vocês tb têm a mania de complicar.