Iniciar sessão ou registar-se
  1.  # 1

    Estou a pensar comprar uma quinta que tem uma cascata no curso de uma ribeira.
    No Inverno há muita água, mas no Verão há pouca.
    Gostaria de saber se posso mandar fazer uma represa para se poder nadar.
    Tenho de pedir autorização a alguma entidade?
      IMG_20210210_131030.jpg
  2.  # 2

    tem de pedir licença ao ministério do ambiente.
  3.  # 3

    A agência portuguesa do ambiente.

    Mas 99% de certeza que não
  4.  # 4

    Colocado por: MariaseveraTenho de pedir autorização a alguma entidade?
    obviamente que tem de fazer... comprar o terreno nao lhe dá direitos sobre o rio.
  5.  # 5

    Colocado por: RicardoPortoMas 99% de certeza que não


    Há uma praia fluvial uns 5km mais à frente com uma represa. Foi inaugurada pela junta de freguesia há uns 6 anos.
  6.  # 6

    Colocado por: MariaseveraHá uma praia fluvial uns 5km mais à frente com uma represa. Foi inaugurada pela junta de freguesia há uns 6 anos.
    e? seja quem for tem de fazer os mesmo pedidos e passar pela mesma burocracia.
  7.  # 7

    Colocado por: antonylemose?


    Há alguma esperança...
  8.  # 8

    Imagine o que acontece a essa praia fluvial se construir uma represa
    Concordam com este comentário: m.aur.eira
  9.  # 9

    Colocado por: RicardoPortoImagine o que acontece a essa praia fluvial se construir uma represa


    Há muitos mais cursos de água que alimentam a ribeira, em vários vales.

    Digamos que não será essa represa que vai secar a ribeira a jusante.

    Mas, ok é colocar a decisão nos reguladores.
  10.  # 10

    Têm que fazer um projeto algo complexo para instruir esse pedido
  11.  # 11

    Faça à vontade!
    Ponha uns troncos a fazer a barragem.
    Se vier a fiscalização diga que foram os castores.
    Concordam com este comentário: Mariasevera, Pascendi
  12.  # 12

    Mas lembre-se que a coima ascendente a centenas de milhares de euros
    Concordam com este comentário: antonylemos
    Estas pessoas agradeceram este comentário: Mariasevera
  13.  # 13

    Colocado por: Mariasevera

    Há uma praia fluvial uns 5km mais à frente com uma represa. Foi inaugurada pela junta de freguesia há uns 6 anos.

    Imagine o que aconteceria a esta praia fluvial.
    Olhos da fervença?
  14.  # 14

    Estou a ver que nunca ouviram falar no sistema de vasos comunicantes, nem de gestão hídrica.

    Colocado por: BelhinhoOlhos da fervença?


    Se estivéssemos a jogar batalha naval, diria "água".
  15.  # 15

    Uma coisa é usar para o bem público onde toda a gente pode usufruir, outra é querer moldar o riacho para benéfico privado. Pode tentar pedir autorização mas tenho sérias dúvidas que será positiva a resposta .
  16.  # 16

    Colocado por: nortenho66Uma coisa é usar para o bem público onde toda a gente pode usufruir, outra é querer moldar o riacho para benéfico privado. Pode tentar pedir autorização mas tenho sérias dúvidas que lhe vão dar autorização.


    No Alentejo há muitas mini-hídricas de uso privado. Já devem ter muitos anos de existência.
  17.  # 17

    No Alentejo e em outros locais,
    eu creio que a nível de viabilidade económica de explorações agrícolas essas represas representam o sustento da rega de muitos hectares.
  18.  # 18

    Não somos nós que dizemos se pode fazer.
    Faça ou mande fazer o projecto, licenceie, submeta às entidades competentes e eles dirão se pode fazer e em que condições.
    Concordam com este comentário: antonylemos
    Estas pessoas agradeceram este comentário: Mariasevera
  19.  # 19

    Colocado por: callinasNão somos nós que dizemos se pode fazer.
    Faça ou mande fazer o projecto, licenceie, submeta às entidades competentes e eles dirão se pode fazer e em que condições.
    Estas pessoas agradeceram este comentário:Mariasevera

    Podia aparecer alguém com uma experiência sobre algo semelhante.
    De qualquer forma fico com a consciência alertada para não barrar o curso de água sem licenças.
  20.  # 20

    Não invente.

    Tem acesso fácil a água. Faz uma piscina (natural se quiser), e enche com água da ribeira no inverno.

    No verão só faz manutenção.