Iniciar sessão ou registar-se
  1.  # 1

    Boa tarde, goataria de perguntar se ja alguem teve uma situacao parecida:

    Pretendo comprar um imovel em conjunto com outra pessoa com as seguintes condicoes:

    - nao somos casados nem uniao de facto,

    - escritura em nome dos dois, credito habitacao para a parte da outra pessoa, sendo que a minha parte é paga com capitais proprios.

    - damos a casa toda (ambas as metades) como garantia hipotecaria.

    - o valor de aquisicao é bastante inferior ao valor de avaliacao.

    - valor pedido de emprestimo ligeiramente superior a metade do valor de aquisicao mas inferior a metade do valor de avaliação.

    A ideia é escriturar em nome dos dois mas apenas um de nos pedir emprestimo.

    Sabem se é possivel? Alguem ja teve uma situacao semelhante?

    Agradeço a ajuda. Cumprimentos.
  2.  # 2

    Isso é mau negócio.

    É que vai pagar 50% e dar 100% de hipoteca ficando encravado se isso correr mal.
  3.  # 3

    Eu compreendo mas é algo que eu realmente pretendo. So queria perceber se alguem teve a mesma situacao e conseguiu aceitacao do banco ou se o banco apenas quis emprestar 90% de metade do valor de aquisicao. Obrigado.
  4.  # 4

    Tem que ir ao banco e falar com eles.

    A outra pessoa pode nem reunir condições para ter crédito por exemplo

    Ou banco pode não aceitar emprestar para investir em copropriedade
    Estas pessoas agradeceram este comentário: NunoMot
    • RCF
    • 6 Junho 2021

     # 5

    Colocado por: NunoMotSabem se é possivel?

    Sim, é possível.
    Contacte o Banco, mas é viável. O Banco não fica em má situação...
    Estas pessoas agradeceram este comentário: NunoMot
  5.  # 6

    A minha duvida é se o banco apenas quererá emprestar 90% de metade (devido às restrições do banco de Portugal) ou se neste caso isso nao se aplica dada a situacao especifica.

    Estou a aguardar a resposta do banco mas estava curioso se alguem ja teria tido a mesma situacao ou parecida.