Iniciar sessão ou registar-se
  1.  # 1

    Bom dia,

    Para aqueles que já passaram pelo processo de licenciamento, quanto dinheiro é que se deve ter (no mínimo) para cobrir os custos com o processo desde que dá entrada na Câmara até que sai a licença de construção? Se alguém tiver experiência com a câmara de Gaia, ainda melhor :)

    Muito obrigada.
  2.  # 2

    Depende da área de construção, fundamentalmente.
    Qual é a área de implantação?
    Estas pessoas agradeceram este comentário: martafgc8
    • ANC
    • há 6 dias

     # 3

    Boa tarde
    Na Câmara da Covilhã paguei no total cerca de 1200€. Moradia com cerca de 180m2 de área de implantação
    Estas pessoas agradeceram este comentário: martafgc8
  3.  # 4

    Colocado por: NPRPDepende da área de construção, fundamentalmente.
    Qual é a área de implantação?
    Estas pessoas agradeceram este comentário:martafgc8


    Não fazia idéia que dependia disso. Área de implantação: 62.5 m2 e total 125m2. Garagem (41m2) e anexos, também contam?
  4.  # 5

    Colocado por: martafgc8

    Não fazia idéia que dependia disso. Área de implantação: 62.5 m2 e total 125m2. Garagem (41m2) e anexos, também contam?

    Conta tudo, até os muros pagam ao metro. Bem como o prazo de construção.
  5.  # 6

    Colocado por: NTORION
    Conta tudo, até os muros pagam ao metro. Bem como o prazo de construção.

    Quanto ao prazo de execução: construir em 1 ano a licença é mais barata ou mais cara que fazê-lo em 2 anos?
  6.  # 7

    Colocado por: NPRP
    Quanto ao prazo de execução: construir em 1 ano a licença é mais barata ou mais cara que fazê-lo em 2 anos?

    Normalmente é um X por cada mês da licença
  7.  # 8

    Já agora ter em atenção se o terreno pertence a um loteamento ou não: no meu caso o terreno não pertencia a nenhum loteamento e a licença ficou bem mais cara:
    Paguei mais de de 3000€ (em Braga), as áreas contam mas no meu caso a "fatia de leão" foi para uma taxa de "urbanização" (mais de 2000€ para algo que a camara não fez rigorosamente nada)
    Estas pessoas agradeceram este comentário: martafgc8
  8.  # 9

    Colocado por: SCCorreiaJá agora ter em atenção se o terreno pertence a um loteamento ou não: no meu caso o terreno não pertencia a nenhum loteamento e a licença ficou bem mais cara:
    Paguei mais de de 3000€ (em Braga), as áreas contam mas no meu caso a "fatia de leão" foi para uma taxa de "urbanização" (mais de 2000€ para algo que a camara não fez rigorosamente nada)
    Estas pessoas agradeceram este comentário:martafgc8


    No meu caso por acaso pertence... Mas também me interessa saber que outras taxas, eventualmente, me podem cobrar, por isso obrigada pelo seu comentário. Também li algures sobre ter de fazer os passeios por exigência da câmara e ter de pagar por isso, claro. Foi isso que lhe aconteceu? Ou há aqui alguém a quem a Câmara tenha exigido isso ou coisas do género?
  9.  # 10

    Nada, a camara não fez rigorosamente nada. Nem passeios, saneamento, aguas pluviais, etc...
    Paguei aquela brutalidade e agora vou ter que pagar outro tanto para saneamento... enfim...

    MAs se o seu terreno já está loteado, julgo que as infraestruturas já deveriam estar acauteladas por quem loteou os terrenos.

    Boa sorte com a aventura :-)
  10.  # 11

    Colocado por: SCCorreiaNada, a camara não fez rigorosamente nada. Nem passeios, saneamento, aguas pluviais, etc...
    Paguei aquela brutalidade e agora vou ter que pagar outro tanto para saneamento... enfim...

    MAs se o seu terreno já está loteado, julgo que as infraestruturas já deveriam estar acauteladas por quem loteou os terrenos.

    Boa sorte com a aventura :-)

    É tal e qual! A chamada taxa de urbanização é normalmente aplicada em terrenos não loteados e digamos que já é algo que, eventualmente, a câmara já conta para ser a própria a garantir algumas (ou nenhumas) infra-estruturas futuras.
    É o ir ao bolso do munícipe, é o que é, à descarada.
    Concordam com este comentário: SCCorreia
    Estas pessoas agradeceram este comentário: martafgc8