Iniciar sessão ou registar-se
  1.  # 141

    Colocado por: EortigueAs pessoas até poderão ter de vender a casa ao desbarato por necessidade mas que razão terão os fundos imobiliários de fazer o mesmo? Quem garante que a oferta não vai até ficar ainda mais estrangulada? Existem agentes no mercado que tem a dádiva do tempo.



    Existe outra grande diferença. Um olha para a casa como um gasto (para responder
    uma necessidade), o outro olha para a casa como um investimento (o que lhe importa é o lucro). Há uma tendência de menosprezar isto, que parece um pormenor, mas não o é.
  2.  # 142

    Colocado por: Sasapo
    Desde quando uma renda e um crédito são sequer comparáveis?
    Eu pago crédito e não consigo sequer entender como acha que são equiparáveis.


    Está a falar a sério? Chama-se habitação própria e permanente...
  3.  # 143

    Mas enquanto que uma renda é 100% de despesa, no caso do credito, se os imóveis continuarem a valorizar cerca de 3% ao ano como tem sido norma acaba por ainda ganhar dinheiro com a "despesa".
  4.  # 144

    Colocado por: WarrenGMas enquanto que uma renda é 100% de despesa, no caso do credito, se os imóveis continuarem a valorizar cerca de 3% ao ano como tem sido norma acaba por ainda ganhar dinheiro com a "despesa".


    Estou a falar só dos juros do CH. Também são uma despesa.
  5.  # 145

    Colocado por: WarrenGMas enquanto que uma renda é 100% de despesa, no caso do credito, se os imóveis continuarem a valorizar cerca de 3% ao ano como tem sido norma acaba por ainda ganhar dinheiro com a "despesa".


    E se desvalirizarem?
  6.  # 146

    Colocado por: WarrenGMas enquanto que uma renda é 100% de despesa, no caso do credito, se os imóveis continuarem a valorizar cerca de 3% ao ano como tem sido norma acaba por ainda ganhar dinheiro com a "despesa".


    Para quem gosta de experimentar sítios diferentes onde viver, conhecer e experimentar coisas diferentes, "a renda" pode ser considerado um "activo", não material, mas temporal, pois permite ganhar tempo (fazer certas coisas em determinado momento da vida) e desapego a algo que o prenda a um sítio, ao mesmo tempo que deixa liquidez para investir em outra coisa qualquer imediatamente, eventualmente algo mais lucrativo que o imobiliário. Obviamente quem "compra" pode sempre alugar, mas tem sempre reuniões de condomínio, IMIs, manutenção, e certo capital empatado também, por vezes durante muito tempo (vender X% mais caro uns anos depois não representa X% de lucro dada a inflação), etc, etc. Toca a cada um priorizar os interesses que tem. Considerar simplesmente o aluguer como "despesa" parece-me algo redutor. Até porque não parecem ser tantos assim que compram/constroem com o intuito de vender no futuro, sendo essa compra um mero "gasto" também.

    "Ah, mas chegando a velho tenho a casa paga..."
    Certo, como pode ter criado algo que lhe traga retorno constante, que pague o gasto "mensal" dum aluguer...
    Há tantos modos de viver...
    Com um "aluguer" tem sempre a vantagem de dormir sossegado sem estar ao sabor do vento duma dívida (euribor, etc), de poder facilmente mudar-se para uma casa menor/maior, para uma zona mais barata/cara, para outro país, divorciar-se, precisar de mais/menos quartos, trocar de emprego/cidade, não ter gastos com manutenção, etc... coisas que tem habitação própria permanente pode fazer também, mas com várias complicações pelo meio.
    Nem tudo é a Preto e Branco.
    Concordam com este comentário: sousa80
  7.  # 147

    Eu como senhorio acho que o arrendamento é a melhor solução para os jovens iniciarem uma vida em comum e nos 1ºs empregos. Se depois a união der certo, houver filhos ou não, e profissionalmente estarem estáveis aí devem pensar em comprar.
    A compra de uma casa de alguém com menos de 40 anos não deve ser pensada como uma coisa para a vida. À medida das necessidades e das disponibilidades podemos ir evoluindo no tipo de casa que mais nos agrada.
    Concordam com este comentário: N Miguel Oliveira, AMVP, desofiapedro, Ruipsm
  8.  # 148

    Colocado por: CarvaiEu como senhorio acho que o arrendamento é a melhor solução

    Você e grande parte da população europeia. Em Portugal não é tanto assim, porque efetivamente tivemos durante largos anos construção relativamente barata (fruto de candongas, parcos recursos e ferramentas, cumprimento de normas, baixos salários no sector, etc etc), por muito que as pessoas achem o contrário... ao que se veio a juntar recentemente uma onda de juros negativos e crédito muito fácil.
    Cada um é deve ver o que mais lhe convém em termos de alojamento, e o que quer da vida também.
    • AMVP
    • 19 setembro 2022

     # 149

    Colocado por: N Miguel OliveiraVocê e grande parte da população europeia.

    Mas olhe que entao vai demorar muito a mudar a cultura portuguesa pois todos os miudos da minha familia que comecam a trabalhar optam por comprar casa, estou a falar da 3 geracao na regiao de Paris.
    • AMVP
    • 19 setembro 2022

     # 150

    E ja inclui casamentos com outras nacionalidades, religioes é etnias
  9.  # 151

    Colocado por: AMVPMas olhe que entao vai demorar muito a mudar a cultura portuguesa


    Nem se trata de "mudar" coisa alguma.
    É apenas uma constatação. Não se discute se é melhor ou pior.
    Acho que não serve de muito diabolizar os créditos nem as rendas, tão simples quanto isso.

    Porém, acho que é quase sempre uma mais valia comprar/construir com a ideia de vender (se necessário), as opções seriam muito mais racionais e adequadas à carteira. Por outro lado, não me parece mal comprar/construir habitação sem a obrigatoriedade de viver-se nela. Pode por a alugar, e com o aluguer que recebe pagar (total ou parcialmente) a sua renda noutro sitio qualquer. Esse rendimento pode advir duma casa que aluga ou doutra coisa qualquer. É que por vezes até parece que quem paga aluguer é estúpido, depende.
    Concordam com este comentário: pguilherme
  10.  # 152

    Temos a TVI a abrir os jornais a mencionar que a Alemanha vai entrar em recessão.

    Mas os craques do imobiliário dizem que só os bots é que falam em quebra nos preços.
  11.  # 153

    Arrendar não alugar. e só arrenda neste País quem for muito maluco
  12.  # 154

    Colocado por: AMVP
    Mas olhe que entao vai demorar muito a mudar a cultura portuguesa pois todos os miudos da minha familia que comecam a trabalhar optam por comprar casa, estou a falar da 3 geracao na regiao de Paris.


    Enquanto a prestação ao banco for bem mais barata que a renda....já se sabe que nada vai mudar.
  13.  # 155

    Colocado por: Reduto25Arrendar não alugar. e só arrenda neste País quem for muito maluco

    Tal como um jovem que não sabe onde irá estar a trabalhar nos próximos 2 ou 3 anos ou com quem vai estar a viver comprar casa é uma enorme estupidez.
    • AMVP
    • 19 setembro 2022

     # 156

    Colocado por: JPJDLVTemos a TVI a abrir os jornais a mencionar que a Alemanha vai entrar em recessão.

    Já há semanas que isso era conhecido, a diferença é que agora foi oficializado pelo banco central deles. Mas é obvio que iria, não há economia sem energia, isso parece-me óbvio.
  14.  # 157

    Colocado por: Carvai
    Tal como um jovem que não sabe onde irá estar a trabalhar nos próximos 2 ou 3 anos ou com quem vai estar a viver comprar casa é uma enorme estupidez.




    Estava me a referir a ser senhorio e não inquilino
    Estas pessoas agradeceram este comentário: Carvai
  15.  # 158

    Colocado por: JPJDLVMas os craques do imobiliário dizem que só os bots é que falam em quebra nos preços.

    E será sempre assim, além de transacionar caro, precisam que o façam muitas vezes. Nada de novo.
    Da inflação também a TV vem a alertar desde Novembro/Dezembro e parece que a malta só agora acordou.
    Não deixa de ser curiosa a quantidade de comentários/tópicos novos sobre o mesmo tema com contas criadas estes dias.
    • AMVP
    • 20 setembro 2022

     # 159

    Colocado por: N Miguel OliveiraDa inflação também a TV vem a alertar desde Novembro/Dezembro e parece que a malta só agora acordou.

    Ai era transitoria, depois vieram as ferias, agora sim comeca-se a sentar, mas pouco pq ainda esta calor.
    • AMVP
    • 20 setembro 2022

     # 160

    Uma coisa é certa dinheiro para a gasolina é gasoleo ainda nao faltou, que é o que interessa
 
0.0449 seg. NEW