Iniciar sessão ou registar-se
  1.  # 1

    Tal como esta no titulo uma empresa esta a construir casa que partilha uma parede com a minha casa. Isto e uma alamed com casas que partilham todas uma parede com a casa do lado, de um dos lados ja esta feita a casa por isso sem stress. Mas esta nova, cortaram as arvores e comecaram a construir, estando agora a fazer as fundancoes. Nao sei qual a empresa pois nao puseram qualquer comunicacao. No fundo se de hoje para amanha acontecer alguma coisa nao sei com quem falar. Eu nao quero complicar a vida a nimguem, mas acho que deviam de me ter informado. Nao sei bem o que fazer.
  2.  # 2

    Colocado por: motoniNo fundo se de hoje para amanha acontecer alguma coisa nao sei com quem falar.
    vá ver o alvará que está colocado na obra, veja qual o numero de processo/licença atribuido à obra e com isso vá à CM averiguar os projectos e falar com alguem
  3.  # 3

    Diria que isso é impossivel. O vizinho irá certamente construir a parede dele (no lote dele). Não vejo razão para ter que lhe dar satisfações.
    Ainda assim, deverá encontrar os dados na placa com o alvará que deverá estar fixada na frente da obra.
    Concordam com este comentário: desofiapedro
  4.  # 4

    Em último caso, se não puder chegar à empresa, chega ao proprietário (que é o seu vizinho) e que contractou essa empresa.
    Chateia-o a ele.
  5.  # 5

    Mas ia avisá-lo por que motivo? As árvores eram suas?
  6.  # 6

    Colocado por: desofiapedroMas ia avisá-lo por que motivo?

    Por este!
    O motoni manda elaborar um relatório detalhado e com fotos, das condições atuais da sua moradia, a uma empresa independente, isenta mas disponível para a trafulhice.
    As rachadelas e infiltrações que agora existem aão omitidas na parte escrita e camufladas no photoshop.
    Lá para novembro quando vierem as chuvas, o motoni vai ter com o vizinho, apresenta o relatório e exige a reparação dos danos.
  7.  # 7

    Agora para o motoni

    Ainda há pouco tempo tive um caso idêntico. O vizinho constrói uma moradia com uma daquelas empresas do tipo "prega e racha".
    A casa do lado tinha meia dúzia de anos e sem patologias aparentes, o que é certo é que até em cima do telhado lhe montaram andaimes sem autorização.
    Resultado uma sério de problemas na cobertura e bastantes fissuras resultantes do desaterro que foi feito para um cave que por sinal até era clandestina.
    O Sr. foi falar com o vizinho e este remete para a empresa de construção.
    Esta depois de muita insistência pede uma peritagem do seu seguro que responde o seguinte:
    Sucede que pelos elementos obtidos não é possível estabelecer relação de causa / efeito entre os danos observados e os trabalhos executados pela Segurada.
    Ainda que tal se fosse verosímil conforme alegado pelo Terceiro a inexistência de memórias descritivas, antes e após conclusão das obras, não permite identificar se os danos seriam ou não pré-existentes.
    Acresce que nos termos das condições particulares da apólice, a alínea a), do nº 7, exclui danos a “estruturas e/ou propriedades, adjacentes e/ou contiguas ao local dos trabalhos, pertença de Terceiros”, conforme caso em apreço, pelo que a ocorrência participada se encontra excluída da apólice.
    Nesta conformidade lamentamos informar que os danos participados não são passíveis de indemnização, e como tal, iremos proceder ao encerramento do processo, declinando toda e qualquer responsabilidade no evento em causa, suas despesas e consequências.

    A coisa está em tribunal mas não me parece que venha a dar grandes resultados
  8.  # 8

    Colocado por: zedasilva
    Por este!
    O motoni manda elaborar um relatório detalhado e com fotos, das condições atuais da sua moradia, a uma empresa independente, isenta mas disponível para a trafulhice.
    As rachadelas e infiltrações que agora existem aão omitidas na parte escrita e camufladas no photoshop.
    Lá para novembro quando vierem as chuvas, o motoni vai ter com o vizinho, apresenta o relatório e exige a reparação dos danos.


    E ele não pode elaborar isso agora? É obrigatório avisar o vizinho do lado? Isto já pra ficar a saber se alguma vez me meter em caso semelhante.
  9.  # 9

    Colocado por: desofiapedroE ele não pode elaborar isso agora?

    Pode e deve!

    Colocado por: desofiapedroÉ obrigatório avisar o vizinho do lado?

    Não, mas se vir que a coisa pode correr mal eu avisaria que é para o deixar já de sobreaviso.
    Concordam com este comentário: desofiapedro
  10.  # 10

    Colocado por: antonylemosvá ver o alvará que está colocado na obra, veja qual o numero de processo/licença atribuido à obra e com isso vá à CM averiguar os projectos e falar com alguem


    Nao colocaram o alvara, comecaram a construir e mais nada.
  11.  # 11

    Colocado por: desofiapedroMas ia avisá-lo por que motivo? As árvores eram suas?


    Nao sao as arvores que me preocupam porque nao estavam no meu terreno. Mas vamos partilhar uma parede. Se de hoje para amanha destruirem a parede do meu lado eu nao faco ideia quem sao, se tem seguro. Absolutamente nada.
  12.  # 12

    Colocado por: motoni

    Nao colocaram o alvara, comecaram a construir e mais nada.

    Espetáculo…
    Deve ser já a nova legislação do Costa…
  13.  # 13

    Colocado por: zedasilvaAgora para o motoni

    Ainda há pouco tempo tive um caso idêntico. O vizinho constrói uma moradia com uma daquelas empresas do tipo "prega e racha".
    A casa do lado tinha meia dúzia de anos e sem patologias aparentes, o que é certo é que até em cima do telhado lhe montaram andaimes sem autorização.
    Resultado uma sério de problemas na cobertura e bastantes fissuras resultantes do desaterro que foi feito para um cave que por sinal até era clandestina.
    O Sr. foi falar com o vizinho e este remete para a empresa de construção.
    Esta depois de muita insistência pede uma peritagem do seu seguro que responde o seguinte:
    Sucede que pelos elementos obtidos não é possível estabelecer relação de causa / efeito entre os danos observados e os trabalhos executados pela Segurada.
    Ainda que tal se fosse verosímil conforme alegado pelo Terceiro a inexistência de memórias descritivas, antes e após conclusão das obras, não permite identificar se os danos seriam ou não pré-existentes.
    Acresce que nos termos das condições particulares da apólice, a alínea a), do nº 7, exclui danos a “estruturas e/ou propriedades, adjacentes e/ou contiguas ao local dos trabalhos, pertença de Terceiros”, conforme caso em apreço, pelo que a ocorrência participada se encontra excluída da apólice.
    Nesta conformidade lamentamos informar que os danos participados não são passíveis de indemnização, e como tal, iremos proceder ao encerramento do processo, declinando toda e qualquer responsabilidade no evento em causa, suas despesas e consequências.

    A coisa está em tribunal mas não me parece que venha a dar grandes resultados


    O que eu esperava e que fossemos contactados, se fizesse esta verificacao para que nao houvessem problemas de futuro para os dois lados.
  14.  # 14

    Colocado por: econom.pedroEm último caso, se não puder chegar à empresa, chega ao proprietário (que é o seu vizinho) e que contractou essa empresa.
    Chateia-o a ele.


    O problema e que eu nao sei quem e. Provavelmente foi alguem que comprou o terreno e depois vai vender o lote. A empresa que la esta eu nao sei qual e porque nao tem placa com alvara nem nada.
  15.  # 15

    Colocado por: gil.alvesEspetáculo…

    Não é admiração nenhuma.
    É a coisa mais natural do mundo. Se não estiver lá nada ninguém começa a cuscar.
    Quando alguém reclamar alegam que foi roubado mas amanhã já colocam outro
  16.  # 16

    Colocado por: N Miguel OliveiraDiria que isso é impossivel. O vizinho irá certamente construir a parede dele (no lote dele). Não vejo razão para ter que lhe dar satisfações.
    Ainda assim, deverá encontrar os dados na placa com o alvará que deverá estar fixada na frente da obra.
    Concordam com este comentário:desofiapedro


    Eles nao colocaram placa. Se acontecer alguma coisa na minha casa eu nao sei quem contactar.
  17.  # 17

    Colocado por: motoniNao colocaram o alvara, comecaram a construir e mais nada.
    nesse caso isso merece uma visita à CM a ver se o restante está legal
  18.  # 18

    Colocado por: motoniO problema e que eu nao sei quem e.

    Vai à câmara identifica-se como sendo vizinho e tem acesso a essa informação.
    Dono da obra e empresa de construção
  19.  # 19

    Colocado por: motoniSe acontecer alguma coisa na minha casa eu nao sei quem contactar.

    No limite, a Proteção civil do seu município
  20.  # 20

    Colocado por: motoniO que eu esperava e que fossemos contactados, se fizesse esta verificacao para que nao houvessem problemas de futuro para os dois lados.

    Isso não interessa ao empreiteiro pois como descrevi, se você não se acautelar, é sempre muito difícil amanhã provar que eventuais patologias tenham como causa a obra
 
0.0215 seg. NEW