Iniciar sessão ou registar-se
    • mirp27
    • 31 Agosto 2010 editado

     # 1

    Bom dia,

    Submeti um projecto de arquitectura que foi aprovado esta semana, agora tenho 6 meses para entregar os projectos de especialidade.

    Poderão ajudar-me sobre quem pode assinar cada um dos projecto?

    Por favor não me digam para eu me dirigir a um gabinete que contenha todas as especialidades, porque o que eu quero saber é quem pode assinar cada um deles.

    Obrigado

    Marisa
  1.  # 2

    Olá.
    Geralmente um engenheiro civil pode assinar estrutura, abastecimento de águas, drenagem de águas pluviais e residuais, e se não me engano pode assinar as fichas de segurança de incendios, e fazer o projecto acustica. Existem também alguns engenheiros tecnicos que os podem fazer.
    O de electricidade e o de ITED (telecomunicações) será feito por um engenheiro dessa especialidade. Em relação ao da térmica (RCCTE), podem assinar arquitectos e engenheiros.
    Acho que não me esqueci de nenhum, mas se sim, pode perguntar-me.
    Talvez o seu arquitecto esteje interessado em o fazer, mas terá sempre que consultar algum engenheiro. Se for aqui da zona do Porto, posso lhe indicar um engenheiro para as especialidades. Sou arquitecta, e costumo trabalhar e recomendo sempre este.
    Um conselho, que ponha engenheiros e arquitectos a falarem, pode melhorar muito um projecto.
    Convem também é pedir orçamentos, uns dois. Os valores variam.


    Ana
  2.  # 3

    Será que um engenhario mecanico pode assinar os das telecomunicações?
  3.  # 4

    Os engenheiros mecânicos também podem fazer águas e esgotos. O acústico exige formação específica (seja arquitecto, eng. ou eng. téc.). De qualquer forma, se cada um começa a atirar coisas para o tacho, sem haver ninguém que supervisione o cozinhado, pode dar esturro.
  4.  # 5

    Eu tenho uma pessoa que vai coordenar, que é quem me fez o projecto de arqutectura, só queria saber quem está apto para fezer as telecomunicações e o gás, se é preciso alguma formação especifica.
  5.  # 6

    Olá de novo,

    acham que 1700€ para os projectos todos das especialidades de uma moradia com 212 m2já com a certificação energético é caro?

    Obrigado
  6.  # 7

    Não é caro. Mas convém que se assegure da qualidade deles. É que pode depois sair mais caro em obra (ferro a mais, isolamento térmico a mais, etc...)
  7.  # 8

    Eu acho que é muito barato e abaixo da média praticada (para TODAS as especialidades).
    Verifique a qualidade dos projectos e a sua pormenorização.
    A esses valores é impossivel o P.Execução e acompanhamento de obra, é apenas o básico para aprovação camarária.
    • Ed-l
    • 4 Setembro 2010

     # 9

    Colocado por: mirp27Olá de novo,

    acham que 1700€ para os projectos todos das especialidades de uma moradia com 212 m2já com a certificação energético é caro?

    Obrigado


    Estamos nos saldos a 50%...
    Estas pessoas agradeceram este comentário: bhp | arq
  8.  # 10

    1700€ acho barato.. não consigo menos de 2100€ + Iva.

    quanto a quem pode ou não assinar os Projectos de especialidades:
    Ficha SCIE - deve ser subscrita pelo autor do Projecto de Arquitectura, ou por Arquitecto, Eng.º e eng.civil cujas Ordens/ Ass . profissionais assim declarem;
    RCCTE (termico) - Eng., eng. técnicos e Arquitectos cujas Ordens/ Ass . profissionais assim declarem;
    Acústica - Eng., eng. técnicos e Arquitectos cujas Ordens/ Ass . profissionais assim declarem;
    Estabilidade - Eng., Eng. técnicos civis e Arquitectos/ ATAE (até 2014 e tenham subscrito projecto desta especialidade até 5 anos antes) e cujas Ordens/ Ass . profissionais assim declarem;
    Aguas e esgotos - Eng., Eng. técnicos e Arquitectos/ ATAE (até 2014 e tenham subscrito projecto desta especialidade até 5 anos antes) e cujas Ordens/ Ass . profissionais assim declarem;
    Gás - Eng., Eng. técnicos, inscritos na DGE;
    ITED - Eng., Eng. técnicos e electricistas, inscritos na ANACOM;
    Ficha electrotécnica - Eng., Eng. técnicos e electricistas, inscritos na DGE;
    Estas pessoas agradeceram este comentário: P+V
    • Ed-l
    • 5 Setembro 2010

     # 11

    Colocado por: Pedro BarradasEstabilidade - Eng., Eng. técnicos civis e Arquitectos/ ATAE (até 2014 e tenham subscrito projecto desta especialidade atá 5 anos antes) e cujas Ordens/ Ass . profissionais assim declarem;


    Sendo assim o eng. ??? Sócrates está automaticamente excluído ....
  9.  # 12

    é só para completar :)
    Colocado por: Pedro Barradas1700€ acho barato.. não consigo menos de 2100€ + Iva.

    quanto a quem pode ou não assinar os Projectos de especialidades:
    (...)
    ITED - Eng., Eng. técnicos e electricistas, inscritos na ANACOM; e/ou inscritos na respectiva Associação/Ordem. Actualmente os Eng. não se podem inscrever na ANACOM para este fim.
    Ficha electrotécnica - Eng., Eng. técnicos e electricistas, inscritos na DGE;e/ou inscritos na respectiva Associação/Ordem.
  10.  # 13

    obrigado por todas as respostas.

    Este preço é assim porque é uma pessoa minha conhecida.
  11.  # 14

    Bom dia.
    Estou à procura de quem faça o projecto de especialidades da minha futura casa (A Implantação 152 / A Bruta 470 m2)
    A CM do Porto exige as seguintes:

    Proj. Esp. – Estabilidade, Escavação e Contenção Periférica
    Proj. Esp. – Alimentação Distribuição de Energia Eléctrica
    Proj. Esp. – Instalação Gás
    Proj. Esp. – Abastecimento de Água
    Proj. Esp. – Drenagem Águas Residuais
    Proj. Esp. – Drenagem Águas Pluviais
    Proj. Esp. – Arranjos Exteriores
    Proj. Esp. – Instalações Telefónicas e Telecomunicações
    Proj. Esp. – Estudo Comportamento Térmico
    Proj. Esp. – Instalações Electromecânicas, incluindo as de transporte de pessoas e ou mercadorias
    Proj. Esp. – Acústico
    Proj. Esp. – Ventilação e Exaustão de Fumos e Gases de Combustão
    Proj. Esp. – Instalações Mecânicas de Climatização
    Proj. Esp. – Sistema Deposição de Resíduos

    Pedi o orçamento a uma empresa que eventualmente tb poderia fazer a obra.
    Tenho boa referências deles mas o orçamento de 3600 + IVA mas parece-me muito.

    Alguém faz melhor ou sabe que faz?
    Obg,
    Ricardo Marcelino
  12.  # 15

    Inclua ai o PSS. Vai precisar dele para levantar a licença
    • P+V
    • 19 Novembro 2010

     # 16

    Colocado por: rfmarcelinoorçamento de 3600 + IVA mas parece-me muito.


    Não é por acaso, já viu a carrada de projectos que são?
  13.  # 17

    Não é por acaso, já viu a carrada de projectos que são?

    Pois, mas são os que me exigem. Eu passava bem sem uns quantos :)
  14.  # 18

    Colocado por: zedasilvaInclua ai o PSS. Vai precisar dele para levantar a licença

    Desculpe a minha ignorância mas o pss é o plano de segurança e saúde ?
    • ExCiSe
    • 19 Novembro 2010 editado

     # 19

    Colocado por: rfmarcelino
    Desculpe a minha ignorância mas o pss é o plano de segurança e saúde ?


    é.

    O plano de segurança e saúde em projecto deve ter como suporte as definições do projecto da obra e as demais condições estabelecidas para a execução da obra que sejam relevantes para o planeamento da prevenção dos riscos profissionais. A elaboração de um PSS é obrigatória sempre que:
    • Exista projecto e que envolvam trabalhos que impliquem riscos especiais;
    • Seja obrigatória a comunicação prévia de abertura de estaleiro.


    Nos casos em que não se verifique qualquer destas situações, mas que os trabalhos impliquem riscos especiais, é obrigatório um instrumento mais simplificado - as fichas de procedimento de segurança.


    Funções desempenhadas pelo Coordenador de Segurança em Fase de Projecto:
    • Assegurar que os autores do projecto tenham em atenção os princípios gerais do projecto da obra;
    • Colaborar com o dono da obra na preparação do processo de negociação da empreitada e de outros actos preparatórios da execução da obra, na parte respeitante à segurança e saúde no trabalho;
    • Elaborar o plano de segurança e saúde em projecto ou, se o mesmo for elaborado por outra pessoa designada pelo dono da obra, proceder à sua validação técnica;
    • Iniciar a organização da compilação técnica da obra e completá-la nas situações em que não haja coordenador de segurança em obra;
    • Informar o dono da obra sobre as responsabilidades deste no âmbito do DL 273/2003.
  15.  # 20

    Que deveria ser feito em fase de projecto e adaptadao pelo empreiteiro para a fase de obra.
    Mas isso já é muita mariquiçe :)))))