Iniciar sessão ou registar-se
  1.  # 1

    Boa tarde,

    Preciso de uma ajuda para saber se devo reclamar junto das finanças.

    Um familiar vendeu-me um moradia uni familiar, no Concelho de Caminha - Viana do Castelo, o prédio quando fiz a escritura estava omisso na matriz, a data de construção do prédio é de Outubro de 1996 e foi escriturado por 90.000 euros, paguei o IMT e o Imposto de selo e outras despesas referentes a uma segunda habitação. Portanto consciente do não pedido de isenção do IMI.

    Fui á repartição de finanças de Caminha, e fiz o modelo 1 do IMI, conforme foi escriturado e conforme estava na certidão de registo predial, ou seja, uma moradia de rés de chão e primeiro andar com uma área coberta de 100 m2 e 410 m2 incluindo a área da habitação.

    O rés de chão é composto por sala, cozinha, garagem, quarto de banho, dispensa e escadas para o 1º andar.

    O 1º andar é constituído por 3 quartos , 2 casas de banho e um quarto de arrumo, mais o Hall das escadas.

    Quando fiz a escritura, foi apresentado o diploma de eficiência energética que tinha a classe B-.

    Não tenho saneamento básico, são fossas, não passa na rua, não tenho vidros duplos.

    Vivo em Gaia, quando o avaliador das finanças de Caminha foi avaliar o prédio,telefonou-me a dizer que estava em frente ao prédio e que ia entrar para medir as áreas, falei-lhe que não tinha disponibilidade para ir a Caminha, porque era uma hora de viagem e estava no emprego, se podia marcar um dia e uma hora, disse-me que não, que era agora e que tinha de ser, falei-lhe no certificado de eficiência energética e disse-me que não precisa dele para nada.

    Recebi uma carta na sexta feira das finanças com o valor tributável de 150.000 euros do prédio e uma área de construção de 220 M2 sobre 410 m2.

    Queria a vossa ajuda...

    1º As áreas estão correctas? se a área de cobertura é de 110m2 e tem rés-do-chão e 1º andar multiplica por 2 para dar 220?

    2º O valor tributado, é muito exagerado, o meu vizinho do lado, informou-me que a casa dele tinha sido avaliada em 2008, tem uma área muito maior que a minha e é de rés do chão e 1º andar também e tem um terreno de 600 m2 e foi avaliada por 110.000 euros. Não existem regras de avaliação?

    3º Por fim, devo reclamar e pedir uma nova avaliação? Como o devo fazer? Baseio-me em que pressupostos?

    Obrigada.

    Alexandra Sousa
  2. Ícone informação Anunciar aqui?

  3.  # 2

    Boa tarde Alexandra,

    1. Em principio, sim.

    2. Existem. Depende muito do coeficiente de localização mas 150 000€ por uma moradia com 220m2 de área de construção e terreno com 410m2 não me escandaliza nada (estou a construir uma moradia no concelho de Almada com áreas semelhantes à sua e digo-lhe que se fosse avaliada pelas finanças por menos de 200 000€ pagava com extrema felicidade um almoço de marisco a todos os utilizadores deste fórum), agora 110 000€ com um terreno de 600m2 acho um exagero... para menos. Faça a simulação no site das finanças (sigimi) e confirme que valor dá.

    3. Baseie-se na simulação que irá fazer, com os respectivos pressupostos (para futura comparação) e valor patrimonial que daí resultar.

    Cumprimentos,

    Nuno Neiva
    Estas pessoas agradeceram este comentário: Alex Sousa
  4.  # 3

    Colocado por: nunoneiva75...e digo-lhe que se fosse avaliada pelas finanças por menos de 200 000€ pagava com extrema felicidade um almoço de marisco a todos os utilizadores deste fórum
    Isto sim, é que é falar com o dom da palavra!
    Cá estaremos a torcer pela benevolência das Finanças de Almada.

  5.  # 4

    Se alguém conhecer malta nas finanças de Almada que se chegue à frente, marisco nunca é de recusar... lol
  6.  # 5

    Mais um para a mariscada!!! :)

    Agora mais a sério.

    Alexandra, claro que existem regras para a avaliação, estão no CIMI (Código do Imposto Municipal sobre Imóveis).

    A carta que recebeu tem 3 colunas, elementos declarados, avaliação e final. Ou seja, o que declarou na modelo 1 está nos elementos declarados, o que o avaliador "viu" está na avaliação. Veja se esses valores estão iguais, se estiverem quer dizer que o avaliador não alterou dados que foram inseridos na modelo 1.

    A seguir faça a simulação que o Nuno sugeriu e veja os valores que lhe dão. Atenção que tem apenas 30 dias após a recepção da modelo 1 de IMI para reclamar.
  7.  # 6

    Boa tarde,

    Sr Nuno Neiva obrigada pela ajuda.

    Fiz a simulação no site e dá um valor de 75.856,00 euros, já com a área de 220 m2 e 410 m2.

    Vou telefonar amanhã a pedir uma audiência ao chefe das finanças.

    Obrigada
    Alexandra Sousa
  8.  # 7

    Hoje, recebi uma carta das finanças com o valor patrimonial atribuído ao meu terreno, pois este era rústico e tive de o passar a terreno para construção.
    É um terreno de 1000m2, em Vila Nova de Gaia, com uma área de construção de 310m2.

    No entanto, creio que o valor de 45000€ da avaliação é exagerado visto que o valor de mercado por aquela zona é de 35€/m2 o que faria um total de 35000€.

    Creio que as finanças se equivocaram, pois o meu terreno não pertence a uma urbanização à qual está quase encostada e nem tão pouco tem o arruamento com luz eléctrica.

    Que devo fazer?
    Acato esta avaliação e espero que depois de concluir a casa me ajustem o valor, ou tento já baixar este valor junto das finanças?
    •  
      FD
    • 21 Maio 2009

     # 8

    Colocado por: 2970713Que devo fazer?
    Acato esta avaliação e espero que depois de concluir a casa me ajustem o valor, ou tento já baixar este valor junto das finanças?

    Fazendo a simulação no site das finanças que valor é que obtém?
  9.  # 9

    Estive a simular, recorrendo a valores que tenho em mente (amanha vou pegar a carta que me enviaram para confirmar valores).
    E pela simulação o terreno já fica avaliado em 30000€, ou seja, menos 15000€ sujeitos a tributação.

    Se esta simulação se confirmar com os valores correctos (os que estão na carta das finanças), vou reclamar.
    Já alguém teve sorte numa situação destas?

    Nota:
    Só não entendi o que pretendem com "Área bruta dependente". Que área é esta?
  10.  # 10

    Colocado por: 2970713
    Nota:
    Só não entendi o que pretendem com "Área bruta dependente". Que área é esta?


    Garagens, arrumos, varandas, ...
data-ad-format="auto" data_ad_region="test">