Iniciar sessão ou registar-se
  1.  # 1

    Olá!

    Na remodelação de casa bem antiga não há obrigação de incluir sistemas de rentabilização energética, mas...

    ...já foi feito, muito por que foi mais uma reconstrução q remodelação, facilitando instalações...

    Para alem dos mecanismos passivos definidos em projeto, como, paredes duplas, gesso acartonado + lã de rocha e caixilharia com cortes térmicos,

    apostou-se em:
    * fotovoltaico com baterias
    * bomba de calor SOLIUS ECOTANK SUPER 300L C/ SERPENTINA SOLAR
    * retorno de águas no circuito de quentes
    * salamandra a Pellets

    Acontece que os responsáveis técnicos não me sabem dizer como posso, ou se posso incluir estes pontos no certificado energético,
    por forma a repercutir neste os benefícios do ponto vista ecológico de baixar consumo de energia da EDP e Gás em detrimento do consumo da energia solar.

    Alguem por aqui sabe me encaminhar neste tema?
    De como o fazer e se é possível?

    Terei eu de endereçar alguma documentarão ao perito que dará o carimbo ao certificado? (O instalador fala que apenas tem documentação que certifica as caraterísticas... mas aquilo não passa de um manual com uns emblemas estrangeiros)
    Ou à partida estou bloqueada a uma lista de sistemas ou marcas?

    Obrigada!
  2. Ícone informação Anunciar aqui?

  3.  # 2

    Colocado por: Helena OliveiraAcontece que os responsáveis técnicos não me sabem dizer como posso, ou se posso incluir estes pontos no certificado energético,


    O certificado energetico é emitdo pelo perito ADENE, tem de mandar elaborar o CE do imóvel ( durante a VISITA ao IMÓVEL o mesmo irá ter em consideração tudo o que elencou, se este necessitar de mais dados voce depois envia por mail).

    AGORa pergunto eu...Mas quer memso gastar dinehiro nisso? Vai vender a casa? se a obra esteve isenta de projecto térmico... qual a vantagem de ir gastar dinheiro neste documento?
    Estas pessoas agradeceram este comentário: Helena Oliveira
  4.  # 3

    Pois, nunca tive envolvida numa ação de perito para o CE.

    O CE é um dos documentos/elementos pedidos para licença de habitação.

    Os elementos instalados são mesmo para ter:
    * independência da EDP
    * aquecimento de águas melhor que esquentador típico.
  5.  # 4

    Colocado por: Helena OliveiraAcontece que os responsáveis técnicos não me sabem dizer como posso, ou se posso incluir estes pontos no certificado energético,

    Quem são esses técnicos?
    Concordam com este comentário: VCAC
  6.  # 5

    A casa é em Portugal?
    Quem lhe aconselhou essa panóplia de coisas será assim tão pouco capaz de lhe responder?
    Com que critérios comprou BC, painéis etc?
  7.  # 6

    Mas afinal vai pedir autorização de utilização!?
    Existem projectistas... Não lhe sabem tirar as dúvidas?
    Que confusão...
  8.  # 7

    fale com um Perito qualificado do SCE.

    apostou-se em:
    * fotovoltaico com baterias: é o Perito que vai calcular isso, na folha de cálculo da DGEG - SCE EREN. só tem de saber o que está a fazer e ter as fichas técnicas dos paineis.


    * bomba de calor SOLIUS ECOTANK SUPER 300L C/ SERPENTINA SOLAR: é só saber as características da Bomba de Calor e meter os dados no software.

    * retorno de águas no circuito de quentes... não interfere na Classificação Energética.

    * salamandra a Pellets: é só saber as características da Salamandra e meter os dados no software.

    não vejo qual a dificuldade....

    dá trabalho é certo....

    se calhar é daqueles certificados LOW_COST.... aperte com eles pra abrirem a pestana...
    Concordam com este comentário: Pedro Barradas, VCAC, jorgealves
    Estas pessoas agradeceram este comentário: Helena Oliveira
    • VCAC
    • 7 Fevereiro 2019

     # 8

    Colocado por: Helena Oliveira

    Acontece que os responsáveis técnicos não me sabem dizer como posso, ou se posso incluir estes pontos no certificado energético,
    por forma a repercutir neste os benefícios do ponto vista ecológico de baixar consumo de energia da EDP e Gás em detrimento do consumo da energia solar.


    ????
    Com que tecnicos é que está a falar? Instalador ou equipa de projecto?

    Bem... Quer uns quer outros deveriam saber responder-lhe a isso.

    Claro que isso se inclui e é contabilizado no CE... E muito facilmente como já indicou o fernando...

    Se vai ter de emitir o CE, presumo que tenha havido um processo de licenciamento instruído com um PCE... É com esse técnico (que emitiu o PCE ou quem fez o projecto de comportamento térmico) que deverá falar para esclarecer isso.
    Concordam com este comentário: Pedro Barradas, jorgealves
    Estas pessoas agradeceram este comentário: Helena Oliveira
  9.  # 9


    O certificado energetico é emitdo pelo perito ADENE, tem de mandar elaborar o CE do imóvel ( durante a VISITA ao IMÓVEL o mesmo irá ter em consideração tudo o que elencou, se este necessitar de mais dados voce depois envia por mail).


    Nem mais, e já está realizado.
    O engraçado é que ao usar a sua informação já consegui resposta do técnico d'obra, do projetista, do instalador. Deviam estar ofuscados com algo que não me conseguiam responder... :)


    Quem são esses técnicos?

    Pois... Parecem-me a mim até boas pessoas.
    O Instalador do AQS e Fotovoltaico até me pediu desculpa pela falta de informação, que se deveu ao facto de instalar maioritariamente para casas fora de qualquer processo de construção ou legalização, e que os restantes tem sido para empreiteiros em processos que ele está "desligado", para processo idêntico já lá vão dois anos... está perdoado. É um querido! :)

    A casa é em Portugal?

    Sim

    Quem lhe aconselhou essa panóplia de coisas será assim tão pouco capaz de lhe responder?
    Com que critérios comprou BC, painéis etc?

    Os donos do imóvel são responsáveis pela escolha, mas pelo que me dizem estão cientes que as baterias são insuficientes para autonomia completa, apenas servem para autonomizar consumos nos períodos em que estarão ausentes profissionalmente, e suplantar faltas da EDP.

    Pareceu justo, e o instalador confirmou-me a mesma ideia.
    A opção em baterias de Lítio deveu-se muito à longevidade e peso face às de chumbo.


    FernandoFerreira,
    dá trabalho é certo....

    É para isso que me pediram envolvimento e cá estou nas minhas multi tarefas neste mercado imobiliário de trazer por casa... ;)
    A sua reposta é do mesmo calibre Pedro Barradas, obrigado!

    VCAC,
    Se vai ter de emitir o CE, presumo que tenha havido um processo de licenciamento instruído com um PCE... É com esse técnico (que emitiu o PCE ou quem fez o projecto de comportamento térmico) que deverá falar para esclarecer isso.

    Mais ou menos, não é conveniente que seja o mesmo técnico pelo que percebi, mas de facto se eu tivesse revisto a documentação toda que já vai com 3 anos tinha também conseguido a resposta a esta pergunta ao encontrar o PCE.


    A todos obrigado!
    Estas pessoas agradeceram este comentário: Pedro Barradas, Picareta
  10.  # 10

    Obrigado pro não deixar morrer a discussão e vir cá dar satisfações de como resolveu a questão.
    Concordam com este comentário: Helena Oliveira
    Estas pessoas agradeceram este comentário: Helena Oliveira
data-ad-format="auto" data_ad_region="test">