Iniciar sessão ou registar-se
  1.  # 1

    Vejam esta aberração a ser defendida supostamente por aqueles que deviam precisamente defender a cidade.

    não conseguem ver que estariam a abrir um precedente e todo aquele eixo poderia vir a ficar cheio de mini arranha céus descaraterizando todo o skyline daquela parte da cidade.
    por exemplo gosto dos 3 edifícios das amoreiras e outros á volta assim em altura pois a zona se propicia, não é um continuo em quarteirão e o local adquire independência em relação á envolvente construída. portanto não se insere numa frente urbana continua
    enfim o que faz a ganancia.

    https://24.sapo.pt/atualidade/artigos/camara-de-lisboa-defende-estudos-de-ensombramento-e-de-impacto-visual-para-o-portugalia-plaza
  2. Ícone informação Anunciar aqui?

  3.  # 2

    Que vergonha deixarem fazer algo assim. Lembra os mamarrachos da segurança social que fizeram em algumas cidades.
  4.  # 3

  5.  # 4

    Como ´é evidente, não ponho em causa a qualidade do objeto em si em termos arquitetónicos
    falo da altura ESSENCIALMENTE naquela zona e contexto urbanístico.
    Lisboa central das sete colinas….
  6.  # 5

    Às vezes há direitos adquiridos,por projetos aprovados há muitos anos.
    Não sei se é o caso.
  7.  # 6

    esquemas nada mais do que isso.
    .para grandes empreendimentos dá-se sempre a volta ou quase sempre, por exemplo no largo do rato aquilo em frente á sede do Ps levou para trás e não sei se vai para a frente.
    Se me estivessem a falar de algo icónico no miolo do quarteirão e com menos altura, ainda vá que não vá, assim só parece que á força se quer "fazer nova Iorque" no centro de Lisboa.
    Concordam com este comentário: Mjdias
data-ad-format="auto" data_ad_region="test">