Iniciar sessão ou registar-se
  1.  # 1

    Boa tarde a todos,agradecendo desde já a quem ajude e a quem leia este topico.
    Resido em um apartamento arrendado ha 4 anos,em inicio de Abril deste ano,o senhorio via Email,comunicou que pretendia o imovel vago em Agosto,pois pretendia vender o imovel e se eu estaria interessado na compra ou entao teria de vagar o dito.
    O contracto de arrendamento é de 1 ano,renovavel por seguintes,nao registado nas finanças.
    Respondi,numerei os aspectos negativos,que ele tambem conhece pois já habitou o imovel durante muitos anos,se o valor seria negociavel para um pouco menos ao que respondeu que o preço era o melhor por ser para mim.
    Contactei o bancos para ter uma ideia do valor que poderia obter.
    Efectuei mais tarde uma contraproposta,ao que recusou e em diante,via email,enviou um rabisco em uma folha com erros,com o meu nome errado a informar da rescisao do contracto,isto em inicios de Junho, a pedir que assinasse e devolvesse via correio registado para o estrangeiro.
    Nao assinei,nao devolvi,acordei entao pagar o valor por ele inicialmente pedido para a compra do imovel,que iria ao banco no dia seguinte para entao avançar com a pre-aprovaçao de credito que ja tinha,mas frisando de que,das rendas que pago a entidade, que efectuou a penhora da renda ao senhorio ainda faltavam pagar cerca de 3300€,bem como cerca de 2100€ de divida das finanças que em Março entrou em penhora,esta segunda informaçao via Registo Predial que obtive do imovel e se poderia vender o imovel com estas dividas em activo?Ou se as iria pagar,ou como iria ser feito.
    Respondeu com poucos modos,que ficava sem efeito a venda por força maior,sem se justificar e frisando novamente ultimo pagamento a ate 8 de Junho,casa vaga a 1 de Agosto.
    A meio de Junho,um morador de um predio ao lado,entregou me uma carta,que teria sido por erro deixado na caixa do correio dele,por uma transportadora privada,portanto seria o mesmo rabisco que ora teria sido enviado por email,registado mas sem aviso de recepçao e por mim nunca assinado,nem por o vizinho,apenas foi colocado na caixa de correio.
    Posto esta situaçao,vejo que nao se trata de uma pessoa por o menos séria,pois caso tivesse avançado com o pedido de crédito teria sido em vão,fico com a ideia de que o objectivo seria vender o imovel com as penhoras em activo,possivelmente seria eu mais tarde a ter de pagá-las,bem como minimamente nao cumpre a lei ao tentar fazer com que o inquilino saia.
    De frisar que nunca falhei um mes sempre pago a 28,de frisar que passei por algumas vergonhas com papeis de penhoras colados na porta,que sempre paguei as rendas a entidade que penhorou a renda,que nunca recebi recibos de renda,que nunca pude comunicar algum problema relacionado com o predio á empresa de condominio,pois como o proprietario deve alguns anos de condominio nunca aceitaram qualquer comunicado.
    Posto isto,terei de sair como ele pretende am Agosto?Li algures acerca de 120 dias de aviso com aviso de recepçao,será assim o correcto?
    Obrigado desde já,
    melhores cumprimentos José
  2. Ícone informação Anunciar aqui?

data-ad-format="auto" data_ad_region="test">