Iniciar sessão ou registar-se
  1.  # 21

    Colocado por: pedromstEstou com a Iberdola e pagava com 3 pessoas em casa não mais de 60 euros. Agora passado um ano tem vindo faturas de 120 euros, eu liguei e dizem que é do contador novo que me colocaram....

    Fizeram um desconta e mesmo assim vem aos 110 euros...
    Ou tenho algo avariado, (o que não pode ser, pois chamei um eletricista), ou também não sei.... Vocês tem alguma dica, será mesmo o contador?


    Quantos kWh têm aparecido na fatura? E quanto aparecia antes? As faturas indicam leituras reais ou por estimativa?
  2. Ícone informação Anunciar aqui?

  3.  # 22

    Colocado por: ruicarlovSão coisas diferentes. O payper é um comparador de várias comercializadoras. A cashback-power tem um simulador que compara apenas com o seu tarifário, que usa os preços do MIBEL.




    Não estou a perceber bem, que tarifário está a falar, e o que são esses dois custos por dia?


    O valor de 0,075 é termo de potência por dia.
    O 0,24 é valor de cada dia.
    Suponho que seja a mesma coisa mas na fatura estão separados quando talvez devessem estar juntos. 0,24+0,075
  4.  # 23

    Pois é, a endesa gosta sempre de separar as duas coisas.
    Então o 0,17161 era o preço pelo kWh simples? Espero que seja o valor antes do desconto, senão era uma roubalheira à força toda.
    Quanto à fatura aniversário, se tem os 12% de desconto, não pode ter a fatura aniversário. Ou se escolhe um ou outro.

    Já agora, de consumo mensal de kWh estamos a falar?
  5. Procura serviços ou materiais para a sua casa? Contrate quem ajuda no fórum.

  6.  # 24

    Sim, é o preço onde depois incidem os 12%.
    Não há nada que chegue a preço direto sem tretas de reembolso ou descontos...

    E sinceramente para estar a lidar com intermediários que nada sabem sobre cortes, reparações,etc. Tudo o que fazem têm de pedir autorização à EDP mais vale o valor mais baixo.

    Há uns anos tinha Nos numa morada mas eles alugavam ou algo do gênero à PT que era o dono oficial da instalação na rua. Com as avarias todas era um filme. Preferi pagar mais pela PT e as avarias serem resolvidas à primeira.
  7.  # 25

    Não é bem uma questão de pedir autorização. É que todo o transporte da energia é da competência da REN e da EDP Distribuição. Até mesmo quem tem EDP Comercial ou S.U tem sempre de contactar a EDP Distribuição para qualquer assunto sobre avarias do contador e falhas de luz. Na televisão não há um monopólio da fibra, por exemplo meo e vodafone têm redes distintas, mas há realmente alguns acordos entre operadoras para usar as linhas das outras. Na electricidade o mercado está liberalizado na comercialização, mas monopolizado na distribuição.
    Logo sim, todos os comercializadores estão em pé de igualdade nesse aspecto, logo não há grande razão para não escolher o mais barato, excepto quando se fartam de meter os pés pelas mãos, e a minha experiência com a Endesa há uns anos era de uma confusão nas faturas que metia dó. Ainda hoje conheço várias pessoas cujas faturas vinhas com dados pessoais errados e não conseguiam que os corrigissem. Mantiveram-se lá porque tiveram bons preços para clientes antigos, mas os preços de agora não são interessantes.

    Falando de preços em simples, este mês paguei o kWh simples na cashback-power a 0,103825€, que é o preço de custo do mercado ibérico incluindo já os custos indirectos de fornecimento. Claro que depois é necessário equacionar a tarifa de gestão consoante o consumo e a potência, mas em casa de familiares contas feitas saiu a 0,122€/kWh.
data-ad-format="auto" data_ad_region="test">