Iniciar sessão ou registar-se
  1.  # 1

    Hoje queria sair de casa e não conseguia, pois não conseguia retirar fora a chave com a fechadura destrancada.

    Lá saquei o cilindro fora e deparo-me com o interessante fenómeno da imagem: quando em posição de repouso (ou seja, com a chave removida de ambos os lados) o linguete do cilindro está rodado 180 graus face ao que seria normal.

    Lá meti um canhão provisório e fui à minha vida, mas pergunto-me como é que isto pode sequer acontecer...
      IMG_20200304_092108.jpg
  2.  # 2

    Avaria , o linguete passou se( rodou) no interior em relação ao canhao.

    Se tivesse sinais de força diria que tinham tentado arrombar.
  3.  # 3

    Colocado por: larkheAvaria , o linguete passou se( rodou) no interior em relação ao canhao.

    Se tivesse sinais de força diria que tinham tentado arrombar.


    A única força extra foi de rodar a chave com mais força num momento de pressa... :)
    Curiosamente o linguete ficou naquela posição mas está totalmente solidário com o cilindro, não mexe se não estiver lá a chave.
  4.  # 4

    Colocado por: ClioII

    A única força extra foi de rodar a chave com mais força num momento de pressa... :)
    Curiosamente o linguete ficou naquela posição mas está totalmente solidário com o cilindro, não mexe se não estiver lá a chave.


    Mas rodou internamente, isso morreu
  5.  # 5

    Colocado por: larkhe

    Mas rodou internamente, isso morreu


    Isso eu sei :) Estou é mordido pela curiosidade técnica de como é que tal coisa pode sequer acontecer, pois conhecendo o funcionamento interno do cilindro, não concebo como é que o linguete rodou 180º! Mas que rodou, é facto!
  6.  # 6

    Colocado por: ClioII

    Isso eu sei :) Estou é mordido pela curiosidade técnica de como é que tal coisa pode sequer acontecer, pois conhecendo o funcionamento interno do cilindro, não concebo como é que o linguete rodou 180º! Mas que rodou, é facto!


    Com a rebarbadora e um disco fino corte a frente do linguete , basicamente faca lhe uma autopsia:P
    Concordam com este comentário: ClioII