Iniciar sessão ou registar-se
  1.  # 1

    Boas!
    Tenho um sistema de som de casa, com 4 ohms.
    Liguei outras colunas de 6ohm e quando ligo no máximo o amplificador vai-se abaixo.
    Será por causa das coluna? no máximo tem de ser 4ohm?
    Pensava que se o sistema tivesse 4ohm as coluna poderiam ser superiores.
    Está certo? Ou será por outro motivo?
  2. Ícone informação Anunciar aqui?

  3.  # 2

    Colocado por: ze1981Boas!
    Tenho um sistema de som de casa, com 4 ohms.
    Liguei outras colunas de 6ohm e quando ligo no máximo o amplificador vai-se abaixo.
    Será por causa das coluna? no máximo tem de ser 4ohm?
    Pensava que se o sistema tivesse 4ohm as coluna poderiam ser superiores.
    Está certo? Ou será por outro motivo?


    Em princípio o amplificador deveria aguentar-se, a menos que algo muito estranho se esteja a passar nessas colunas...
  4.  # 3

    Colocado por: ClioII

    Em princípio o amplificador deveria aguentar-se, a menos que algo muito estranho se esteja a passar nessas colunas...

    Pois, pode ser outra coisa.
    Não percebo muito deste assunto, Mas penso que o meu raciocínio está correto?
    As colunas devem ter Watt superior ao amplificador e a impedância(Ohms) também deve ser igual ou superior, correto?

  5.  # 4

    Normalmente sim. O pior que poderia acontecer é a potência de saída não ser tão alta.
  6.  # 5

    Colocado por: ClioIINormalmente sim. O pior que poderia acontecer é a potência de saída não ser tão alta.

    Como assim?
    • ClioII
    • 20 Julho 2020 editado

     # 6

    Os amplificadores têm uma impedância óptima para entrega de potência. Ao sair desse valor óptimo a potência de saída pode reduzir.

    EDIT: mas n se preocupe muito com diferenças de potência para impedâncias próximas como 4 ou 6 ou 8 ohme. Se falássemos de um aplificador feito para 4 ohm a atacar 16 ohm ou assim uma diferença grande, isso já seria apreciável.
  7.  # 7

    Colocado por: ClioIIOs amplificadores têm uma impedância óptima para entrega de potência. Ao sair desse valor óptimo a potência de saída pode reduzir.

    EDIT: mas n se preocupe muito com diferenças de potência para impedâncias próximas como 4 ou 6 ou 8 ohme. Se falássemos de um aplificador feito para 4 ohm a atacar 16 ohm ou assim uma diferença grande, isso já seria apreciável.

    OK.
    Muito obrigado
  8.  # 8

    Seria pior ligar colunas de 4 Ohm a um amplificador de 8 Ohm, pois a corrente "puxada" pelas colunas seria muito superior. Sendo as colunas de maior resistência quando muito deveria tocar mais baixo do que se fossem de 4 Ohm, mas não deveria causar mais problemas que isso. Ou tem uma má ligação em algum lado, ou algo deve estar defeituoso, ou as colunas são muito pouco sensíveis, obrigando a rodar o botão de volume demasiado e a saturar/sobreaquecer o amplificador.
  9.  # 9

    Há colunas de 6ohm teóricos que têm impedância mínima de 2ohm... Depois o amplificador por entrar em modo seguro.

    Também pode desligar canal a canal a ver se não é nenhuma coluna com um problema.

    Também pode estar a passar o valor de potência admissível das colunas e elas alteram naturalmente a resistência para essas correntes, mas isso sente-se na qualidade, normalmente não se chega lá... Mas procure dados informativos!
  10.  # 10

    Sim, é verdade que há geralmente uma variação não linear da impedância com a frequência (não com o volume), e pode estar a ser atingido um poço marcado nessa resposta, levando a exigências demasiado elevadas de corrente e a corte do circuito de amplificação. As colunas de boas marcas tem geralmente uma variação de impedância menos drástica ao longo da gama de frequências porque, caso contrário, o som não seria muito bom pelo simples facto de haverem alterações marcadas no nível sonoro nas várias frequências (menor impedância, maior facilidade em actuá-las (só me vem à cabeça os termos em inglês, caramba...) e, logo, maior volume para a mesma potência de saída. Uma boa coluna tem uma impedância mais ou menos constante e próxima do valor anunciado.
    De qualquer modo, só agora reparei que o ze1981 fala em pôr no máximo. Ora isso é péssima ideia, seja com que colunas ou amplificador for. Oh zé, não faça isso que em breve em vez de o amplificador desligar (deve ter um circuito de proteção) vai queimá-lo e pronto. Se precisa de pôr no máximo então o amplificador não é adequado para o uso que lhe está a dar.
  11.  # 11

    Boas,
    Obrigado pelas respostas
  12.  # 12

    Podem ajudar na melhor configuraçãopossivel?

    Tenho um amplificador de 100w
    2 colunas de 80W 4 Ohm
    2 colunas de 100W 6 Ohm
    2 Colunas de 250W 9 Ohm

    Sei que não poderei por no máximo senão rebento com as mais fracas e também não tirar partido das 250W.

    Mas de forma a optimizar como aconselham fazer as ligações entre colunas. O amplificador tem duas vias.
    Ligo as colunas em paralelo ou em série?
  13.  # 13

    Mas tem essas colunas TODAS ligadas a esse amplificador??? Se é o caso é um problema por diversas razões, uma das quais é que cada uma tem uma impedância diferente. A outra é que, sendo tudo igual, cada uma receberia menos de 20W. Em série aumenta a impedância e tocam todas mais baixo (o que vai depender também da sensibilidade de cada). Em paralelo diminui a impedância e tocam mais alto mas "puxa" demasiada corrente, levando isso a desligar (ou queimar). Se precisa MESMO de tantas colunas tem que comprar outro amplificador, com uns 600-700W total no mínimo, para poder satisfazer os 80W max/ coluna do sistema para não "queimar" as mais fracas e ter alguma potência de reserva. Isto assumindo que vai até ao máxima das mais fracas, o que é uma má ideia pois vão tocar uma m**** e vão durar pouco.

    Independentemente disso, a solução actual parece-me completamente desajustada... Isso é para festas?
  14.  # 14

    Colocado por: pcspinheiroMas tem essas colunas TODAS ligadas a esse amplificador??? Se é o caso é um problema por diversas razões, uma das quais é que cada uma tem uma impedância diferente. A outra é que, sendo tudo igual, cada uma receberia menos de 20W. Em série aumenta a impedância e tocam todas mais baixo (o que vai depender também da sensibilidade de cada). Em paralelo diminui a impedância e tocam mais alto mas "puxa" demasiada corrente, levando isso a desligar (ou queimar). Se precisa MESMO de tantas colunas tem que comprar outro amplificador, com uns 600-700W total no mínimo, para poder satisfazer os 80W max/ coluna do sistema para não "queimar" as mais fracas e ter alguma potência de reserva. Isto assumindo que vai até ao máxima das mais fracas, o que é uma má ideia pois vão tocar uma m**** e vão durar pouco.

    Independentemente disso, a solução actual parece-me completamente desajustada... Isso é para festas?

    Sim, para pequenas festas familiares.

    O que aconselha de forma a optimizar o que já possuo. A breve prazo tenciono comprar outro amplificador, mas para já é o que tenho.
    Já agora, já vi que percebe do assunto, aconselha/conhece algum amplificador que adeque?
  15.  # 15

    Não sei o que lhe diga em termos de melhor solução sem desaproveitar o que já tem. Se calhar seria ter um amplificador barato para cada par de colunas (no OLX, ou melhor, no UK, encontra), ter o sinal de entrada dividido pelos vários e ajustar o volume de modo a ser equilibrado entre todos. Poderia haver algum desfasamento (quase) imperceptível no som. Mas não sei... No casamento de um amigo em frança fizemos isso no salão de festa: ligamos 2 marantz um ao outro (já não me lembro bem como, mas foi fácil, talvez com um pré-out de gravação num deles) e cada um estava ligado ao seu par de colunas. Aqui foi mais fácil em termos de ajustar volumes no sentido de que as colunas eram mais ou menos iguais e os amplificadores também. Não sei. A melhor solução era um sistema com 1 amplificador capaz e 6 colunas iguais...
  16. Ícone informação Anunciar aqui?

  17.  # 16

    As de 4ohm em série com as de 6ohm e essas duas em paralelo com as de 9ohm.
    Mas isso n vai tocar nada! A potência é dividida, se não toca bem 1 par, 3 pares vai tocar pior ainda.

    Isso é para festas, é para sala para ver filmes, é para ouvir música, é para um espaço comercial!?!?
  18.  # 17

    é para festas particulares/familiares.
    Se calhar vou ficar, por agora, pelas duas colunas mais potentes. Testei ontem e se calhar chega. Realmente se ligar mais colunas parece que fica pior o som.
  19.  # 18

    Que aparelho devo comprar para selecionar as colunas a tocar? Ou seja, queria colocar umas colunas dentro de casa e outra no terraço. Mas queria seleccionar quando estiver em casa tocar as interiores e quando estiver no terraço seleccionar as de exterior
  20.  # 19

    Colocado por: pcspinheiroNão sei o que lhe diga em termos de melhor solução sem desaproveitar o que já tem. Se calhar seria ter um amplificador barato para cada par de colunas (no OLX, ou melhor, no UK, encontra), ter o sinal de entrada dividido pelos vários e ajustar o volume de modo a ser equilibrado entre todos. Poderia haver algum desfasamento (quase) imperceptível no som. Mas não sei... No casamento de um amigo em frança fizemos isso no salão de festa: ligamos 2 marantz um ao outro (já não me lembro bem como, mas foi fácil, talvez com um pré-out de gravação num deles) e cada um estava ligado ao seu par de colunas. Aqui foi mais fácil em termos de ajustar volumes no sentido de que as colunas eram mais ou menos iguais e os amplificadores também. Não sei. A melhor solução era um sistema com 1 amplificador capaz e 6 colunas iguais...

    Como divido o sinal pelos vários amplificadores?
  21.  # 20

    ze, para o exterior há umas colunas PA a menos de 150€ de 300W, que ligas por BLE ao telemovel, ou atraves de PensUSB, / SDcard...
    Eu tenho uma destas... para festas no exterior é porreiro, chega bem.
    https://www.muziker.pt/skytec-vonyx-epa-12
data-ad-format="auto" data_ad_region="test">