Iniciar sessão ou registar-se
    • tuik
    • 14 Setembro 2020

     # 1

    Tendo em conta os preços actuais dos apartamentos em Lisboa, tenho visto o que parecem ser boas oportunidades (para a zona em questão) nos prédios da EPUL na Quinta dos Barros (aqueles com azulejos azuis).

    No entanto e apesar de ser construção relativamente recente, o facto de serem da EPUL deixa-me de pé atrás dado alguma má fama relativamente à qualidade construção.

    Alguém que conheça ou já tenha morado lá pode partilhar a sua experiência?

    O que mais me preocupa é o isolamento acústico.

    Desde já agradeço os vossos contributos.
  1. Ícone informação Anunciar aqui?

  2.  # 2

    São boas oportunidades porque têm amianto na sua construção, eu nunca compraria um apartamento nessa urbanização.
  3.  # 3

    Tem amianto onde? Edifícios começados em 1999 e terminados em 2002!?

  4.  # 4

    O amianto é muito perigoso!!!!
    Mas a Quinta dos Barros é uma boa zona, parece-me........
  5.  # 5

    Colocado por: albertiO amianto é muito perigoso!!!!


    Mas aqueles prédios têm amianto onde? Não escrevam parvoíces!!
    • NLuz
    • 14 Setembro 2020

     # 6

    Hahahahaha

    Vivo na Quinta dos Barros, uma zona bastante cara, então desde que os Angolanos se radicaram numa das Urbanizaçoes é Upa, Upa.
    Nessa Urbanização há t3 a 700 e 800 mil :)

    Qualquer T3 aqui na Quinta dos Barros é 550 para cima, dependendo dos Prédios.

    Depois há predios da Epul, que tb foram a reboque desses valores.
    Conheço bem esses predios, e gostava de ver o amianto :)
    Esses T2 hoje em dia andam há volta dos 300.000...
    Não se compara com os outros em termos de acabamentos, mas são o que se pode dizer uns apartamentos honestos.
    Tem garagem , áreas não muito grandes, mas o preço tb é outro.
    Concordam com este comentário: alberti
  6.  # 7

    Colocado por: NLuzHahahahaha

    Vivo na Quinta dos Barros, uma zona bastante cara, então desde que os Angolanos se radicaram numa das Urbanizaçoes é Upa, Upa.
    Nessa Urbanização há t3 a 700 e 800 mil :)

    Qualquer T3 aqui na Quinta dos Barros é 550 para cima, dependendo dos Prédios.

    Depois há predios da Epul, que tb foram a reboque desses valores.
    Conheço bem esses predios, e gostava de ver o amianto :)
    Esses T2 hoje em dia andam há volta dos 300.000...
    Não se compara com os outros em termos de acabamentos, mas são o que se pode dizer uns apartamentos honestos.
    Tem garagem , áreas não muito grandes, mas o preço tb é outro.
    Concordam com este comentário:alberti


    Parece que há la um predio alto, cinzento , caro como o fogo...... mas não me importava nada de viver nessa zona :-)
    • NLuz
    • 15 Setembro 2020

     # 8

    Sim há, mas mais caro é do lado do Pingo Doce.
    Na azinhaga das galhardas.
    • tuik
    • 17 Setembro 2020

     # 9

    Obrigado pelos comentários. Acham que 230 mil por um T1 nestes prédios muito inflacionado ou está ao valor de mercado?
    • FFAD
    • 17 Setembro 2020 editado

     # 10

    Colocado por: tuikObrigado pelos comentários. Acham que 230 mil por um T1 nestes prédios muito inflacionado ou está ao valor de mercado?


    Eu nunca daria, mas talvez por ter comprado um t3 na lapa em 2014 por 225k.

    Prefiro arrendar que alimentar esses preços.

    O problema da quinta dos barros é o bairro social em convivência, às vezes no pingo doce é com cada circo...
    • NLuz
    • 17 Setembro 2020

     # 11

    Colocado por: FFAD

    Eu nunca daria, mas talvez por ter comprado um t3 na lapa em 2014 por 225k.

    Prefiro arrendar que alimentar esses preços.

    O problema da quinta dos barros é o bairro social em convivência, às vezes no pingo doce é com cada circo...


    Agora já não é assim, há sempre política cia e segurança.
    Os ciganos já não se esticam 😝

    Em contrapartida as duas novas aquisições dos Angolanos que lá vivem sao um Ferrari vermelho Baço, e um Lamborghini Dourado com jantes pretas.
    Há de tudo.

    Voltando aos imóveis...
    230 mil por um T1 ? Se vale ? O mercado é que dita...
    Se eu dava ? Tslv z não pois em termos de valências e construção não valem.
    Mas são arrendados por 1000€...

    Quem os comprou, fez negócio excelente.
    Os T1 eram +- 100.000
    • FFAD
    • 18 Setembro 2020 editado

     # 12

    Colocado por: NLuz

    Agora já não é assim, há sempre política cia e segurança.
    Os ciganos já não se esticam 😝

    Em contrapartida as duas novas aquisições dos Angolanos que lá vivem sao um Ferrari vermelho Baço, e um Lamborghini Dourado com jantes pretas.
    Há de tudo.

    Voltando aos imóveis...
    230 mil por um T1 ? Se vale ? O mercado é que dita...
    Se eu dava ? Tslv z não pois em termos de valências e construção não valem.
    Mas são arrendados por 1000€...

    Quem os comprou, fez negócio excelente.
    Os T1 eram +- 100.000


    Ainda é assim, pois vivo nesse prédio. Além desses há muitos mais, rolls, mclarens, astons, maybach, etc.
    • NLuz
    • 18 Setembro 2020 editado

     # 13

    Eu vivo mais a frente, no Telheiras Redidence, o da farmácia 😁

    O BES Angola deu muito dinheirinho 😝
    • FFAD
    • 18 Setembro 2020

     # 14

    Colocado por: NLuzEu vivo mais a frente, no Telheiras Redidence, o da farmácia 😁


    Também conheço, tenho um amigo que vive aí. Ainda ponderei ir para aí para um t3, pois faz-me falta mais espaço.

    Este tem um grande problema, ao ter piscina metade exterior e metade interior, a mesma nunca aquece o suficiente para ficar confortável. Era bem melhor toda exterior, o que o aquecimento funcionasse (está com problemas há anos).

    Também há duas torres na Joaquim Rocha Cabral com muito bom aspecto, junto ao ginásio (mesmo construtor do meu prédio).
    • FFAD
    • 18 Setembro 2020

     # 15

    Colocado por: NLuzEu vivo mais a frente, no Telheiras Redidence, o da farmácia 😁

    O BES Angola deu muito dinheirinho 😝


    Mas olhe que já se nota os efeitos do BES e da mudança de presidente, muitos apartamentos fechados. Provavelmente não voltam aos mesmos...
  7. Ícone informação Anunciar aqui?

    • NLuz
    • 18 Setembro 2020

     # 16

    Colocado por: FFAD

    Também conheço, tenho um amigo que vive aí. Ainda ponderei ir para aí para um t3, pois faz-me falta mais espaço.

    Este tem um grande problema, ao ter piscina metade exterior e metade interior, a mesma nunca aquece o suficiente para ficar confortável. Era bem melhor toda exterior, o que o aquecimento funcionasse (está com problemas há anos).

    Também há duas torres na Joaquim Rocha Cabral com muito bom aspecto, junto ao ginásio (mesmo construtor do meu prédio).


    São as Torres Mais Campo Grande.
    Problemas na piscina nesses nem queira saber.
    Tenho lá um casal amigo.

    Como deve saber,aquela zona passa uma Ribeira.
    Era no antigamente a zona dias Olarias, daí o nome Quinta dos Barros..
    Os solos são uma treta, barrentos.
    Essas torres que falou e o próprio Ginásio como tem garagens até fundas estão sempre com sérios problemas de infiltração.
data-ad-format="auto" data_ad_region="test">