Iniciar sessão ou registar-se
  1.  # 1

    Bom ano a todos, que seja melhor que o anterior.

    Tenho reparado que muita gente tem investido em painéis FV por forma a diminuir o consumo energético. A ideia é boa e também ando a pensar nisso.

    No entanto, pelos relatos que vou vendo, há sempre uma parte considervel da produção que vai para a rede, por mais afinada que esteja a instalação. Isto acontece porque por norma não há forma de acumular a energia produzida e há sempre momentos de excedente de produção.

    Lembrei-me que uma forma de aproveitar perto de 100% da produção seria ligar os painéis a uma resistência e aquecer água, que faz sempre falta, nem que seja para depenar uns frangos. Também que constatei que há algumas pessoas, que por meio de automatização têm criado sistemas desses. Mas obriga a investimento e conhecimento extra.

    Fui então investigar se já haveria no mercado soluções prontas a instalar, apenas com este objectivo simples: Canalizar toda a produção para aquecer água.

    Encontrei este equipamento numa pesquisa rápida no Google, poderá haver outros:

    https://www.my-pv.com/en/products/elwa

    Na vossa opinião, é viável utilizar este tipo de equipamentos, sendo que, pelo que entendi, o investimento são só painéis, este equipamento e o depósito? Não me parece que seja necessário inversor nesta solução, porque funciona de forma independente da rede.
    • zed
    • 12 Janeiro 2021

     # 2

    Isso é comparável a um sistema de aquecimento de água por solar térmico na medida em que só aquece água. Os outros sistemas de que se falou aqui eram para aproveitar o excedente.

    A eficiência do solar térmico é muito maior do que a do fotovoltaico (90% contra 20%) por isso tudo vai depender do custo de um e de outro assim como do espaço que tiver disponível para painéis ou colectores.

    Acho que no inverno iria ligar muito a resistência, se calhar até no verão.
  2.  # 3

    Do que entendo, este sistema permite aproveitar 100% da produção do painel fotovoltaico. Como é óbvio não podemos só contar com isto, porque se não há sol, não há água quente.

    A grande vantagem que vejo em relação ao solar térmico é virtualmente não precisar de manutenção e os painéis FV são muito baratos atualmente.
    • zed
    • 12 Janeiro 2021

     # 4

    100% de 20%. A produção do FV é de cerca de 20% da energia libertada pelo sol na melhor das hipóteses.
  3.  # 5

    Colocado por: zed100% de 20%. A produção do FV é de cerca de 20% da energia libertada pelo sol na melhor das hipóteses.


    Tem razão, mas em 10 anos quanto gasta na aquisição, manutenção e operação de cada sistema? É assim que tem que se analisar.

    Ainda hoje estava um lindo dia de sol e vi algures um relato de alguém que tinha o sistema solar térmico parado porque a água congelou.
    • zed
    • 12 Janeiro 2021

     # 6

    Colocado por: zedtudo vai depender do custo de um e de outro assim como do espaço que tiver disponível para painéis ou colectores.

    Meta aí os custos dessa solução para se poder comparar.
    • zed
    • 12 Janeiro 2021

     # 7

    Colocado por: rjmsilvasolar térmico parado porque a água congelou

    Não é suposto levar (só) água, tal como os radiadores dos carros. Deve ser má instalação ou mais provavelmente manutenção incorrecta.
  4.  # 8

    Colocado por: zed
    Meta aí os custos dessa solução para se poder comparar.


    Esse aparelho custa 750€, os painéis e o depósito depende do que se quiser meter.

    Este tipo de equipamento fará sentido em quem usa um termoacumulador elétrico para aquecer as AQS, por exemplo.
  5.  # 9

    Colocado por: zed
    Não é suposto levar (só) água, tal como os radiadores dos carros. Deve ser má instalação ou mais provavelmente manutenção incorrecta.


    Sim, acredito que tenha sido algo do género.