Iniciar sessão ou registar-se
  1.  # 1

    Boa tarde, moro num 4º andar de um prédio, lado A, em que o 5ºA e o 6ºA pertencem à mesma proprietária, pessoa essa que vive no estrangeiro e tem as fracções abandonadas e degradadas (como se pode ver pelas janelas e espreitando um pouco para as marquises). Devido às chuvas intensas de Dezembro de 2022, começámos a ter água a sair por uma coluna e por uma parede, que neste momento já danificou pintura, uma bancada, rodapés e criou bolsas de água no tecto.

    O perito do nosso seguro (multiriscos) constatou que as infiltrações não eram provenientes da nossa fração, mas sim ou do andar de cima ou do exterior. Como tal, precisava de aceder ao andar de cima para verificar a situação.

    Acontece que a empresa que gere o condomínio falou com a proprietária no início de Janeiro, que veio a Portugal e às fracções, e que supostamente até tirou umas fotos aos danos que também tem em casa, mas que nunca se mostrou cooperante para que um técnico se desloque à fracção e avalie a situação. A resposta que nos deram da gestão de condomínios é que "a vizinha não gosta de receber estranhos em casa e não está a facilitar".

    Posto isto, já tentaram novamente entrar em contacto com a vizinha por 2 semanas e a mesma não atende nem retorna as chamadas. Neste momento, os danos na nossa casa avolumam-se sem qualquer cooperação da vizinha (que alegadamente também tem seguro multiriscos). A gestão de condomínios diz que não pode fazer muito mais já que isto é um problema entre vizinhos.

    Como arrombar a porta não é uma solução iminente, gostaria de saber o que aconselham a fazer. A nossa ideia era avançar ou para um Julgado de Paz ou outra situação judicial, porque a bem já se viu que não vai acontecer. Neste momento temos um relatório de um perito a dizer que necessita de avaliar a fracção do andar de cima e que o nosso seguro não vai ser accionado, já que o problema não vem da fracção.

    Obrigada desde já.
    • size
    • 27 janeiro 2023

     # 2

    Se afirma que as infiltrações são motivadas por água pluvial, como chegaram à conclusão que a responsabilidade recai sobre o vizinho de cima ?
    Tem as portas e janelas abertas ?
 
0.0057 seg. NEW