Iniciar sessão ou registar-se
  1.  # 1

    Boa noite a todos. Projecto de arquitectura aprovado, especialidades entregues, pesquisa de empreiteiro a finalizar. Espero até ao final do ano iniciar a construção de moradia individual. Neste momento surgiu uma questão: posso pedir ainda sem licença de obra luz e água para a obra? Obrigado pela ajuda.
  2.  # 2

    Julgo que só com licença de construção na mão
  3.  # 3

    Em que localidade vai construir?
    Parabéns e Boa Sorte. Que tudo corra bem.
  4.  # 4

    Em Fafe. Obrigado. Esperemos que tudo corra dentro do previsto.
  5.  # 5

    Só consegui pedir após ter alvará. Foi um dos requisitos necessários em Torres Vedras.
    Para a luz é necessário até ter o murete já feito.
  6.  # 6

    Consegue me dizer quanto tempo demorou entre o pedido de instalação e a instalação?
    • njs
    • 12 julho 2023

     # 7

    No meu caso, em Leiria, foram 2 meses.
  7.  # 8

    Ramal de água e saneamento demorou cerca de três semanas mais uma para o contador.
    O ramal de luz pedi no dia 7. Está em fase de orçamentação pela e-redes.
    • VCG
    • 12 julho 2023 editado

     # 9

    Colocado por: JtmaskEm Fafe. Obrigado. Esperemos que tudo corra dentro do previsto.
    Senão dê-lhe a justiça de Fafe. Um pau nas costas! Pedir pode sempre pedir...
  8.  # 10

    Já agora, alguém tem ideia de quanto custa as 2 coisas? Não tenho ideia de quanto irei gastar nisto.
  9.  # 11

    Alguém conhece empreiteiro para iniciar obra até ao final do ano, em Fafe?
  10.  # 12

    Boa tarde. Finalmente tenho o projecto aprovado, agora à espera de licença de obra para arrancar o mais cedo possível. Entretanto surgiu uma questão. O empreiteiro contratado perguntou se o betão podia ser feito em obra ou se tinha que ser pré feito, que ele costuma fazer em obra, mas que se tivesse que ser a outra opção que seria. Como não entendo nada disto será q alguém me podia dizer a melhor opção?
  11.  # 13

    Colocado por: JtmaskComo não entendo nada disto será q alguém me podia dizer a melhor opção?

    Contactar o seu diretor de fiscalização e expor-lhe e a situação.
    caso ele diga que pode ser feito em obra, pergunte como vai ele controlar a capacidade de resistência do betão.
    Esta pergunta do empreiteiro deve ser entendida como um importante sinal de alerta. Um empreiteiro que não entende o porque de o betão ter que ser produzido numa central é certamente um empreiteiro que também não compreenderá outros "pormaiores" que fazem a diferença na qualidade constritiva.
  12.  # 14

    A questão não é ele não fazer numa central. É ele dizer que costuma fazer em obra e se assim podia ser. Mas pelo que estou a entender pelo seu comentário, fazer em obra é pra dar xatices depois
  13.  # 15

    E depois ainda fica a culpa para o DO de o empreiteiro não saber nada de nada 😅
  14.  # 16

    Colocado por: JtmaskÉ ele dizer que costuma fazer em obra e se assim podia ser.

    O que ele fez ou faz nas outras obras a si não interessa.
    A sua estrutura foi calculada para um betão que deve obedecer a determinadas características. Fazendo betão em obra, é quase impossível garantir essas características.
    A casa vai cair? Claro que não
  15.  # 17

    Colocado por: spvaleE depois ainda fica a culpa para o DO de o empreiteiro não saber nada de nada

    Os DO têm culpa quando autorizam os empreiteiros fazerem este tipo de alterações e quando permitem que as fiscalizações sejam coniventes com elas.
  16.  # 18

    e quase de certeza que o projetista da estrutura está-se marimbando para que seja betão em obra ou da central e
    siga.
    Concordam com este comentário: FTavares
  17.  # 19

    Colocado por: zedasilva
    Os DO têm culpa quando autorizam os empreiteiros fazerem este tipo de alterações e quando permitem que as fiscalizações sejam coniventes com elas.

    Se o DO não sabe a diferença, culpa é da fiscalização e do facto de ser possível ser executado assim...
  18.  # 20

    Colocado por: spvaleSe o DO não sabe a diferença, culpa é da fiscalização

    Sem duvida!
    Mas cabe ao DO interrogar-se porque é que nas outras obras vê aplicar betão de central e na sua é feito numa betoneira ranhosa.
    Perante esta duvida consulta o seu fiscal. Se não ficar satisfeito com a resposta, procura segundas opiniões.
    A partir do momento em que descobre que o fiscal não deveria ter permitido o uso de betão feito em obra, solicita que este o indemnize pelos danos.
    Seguros de responsabilidade civil servem para isso mesmo
 
0.0167 seg. NEW