Iniciar sessão ou registar-se
  1.  # 1

    Boa noite, inscrevi-me neste grupo em total desespero. Vivo no 3.º e último andar de um apartamento que era, há 2 anos e pouco, aquilo que eu achei ser a melhor opção de sempre para mim e para o meu marido. Infelizmente, com o passar dos meses percebi que não seria bem assim e não sei que fazer.

    Ouço música ( as batidas ) , arrastar de cadeiras, conversa e etc do café que está no rés do chão. O problema é que eu vivo no último andar ( 3.º ) e toda a gente me julga louca por isso mesmo.
    Conversei com as vizinhas do 1.º e 2.º andar que além de idosas e que ouvem bastante mal, as pessoas de um dos andares são familiares dos donos do café. Conclusão : dizem que não ouvem nada.

    Como sou a única a queixar-me ainda se torna de menos valor / importância. O meu marido já falou dezenas de vezes, a bem, outras a mal, para que tenham noção que a partir das 23h não pode haver barulho. Pelo menos a música que as batidas são de levar qualquer um a loucura. Eu acho que já só ouço isso. Estou grávida. Em desespero pois não temos possibilidade de comprar outra casa e não sei que fazer. O apartamento é antigo, foi remodelado antes da nossa compra. Mas acredito que as paredes deixem passar todo o som e trepidação de baixo. Há algo que eu possa fazer? Algum isolamento que possa colocar no chão ? Que me vá ajudar para com o barulho de baixo?

    De notar que a minha vizinha de baixo é super silenciosa e respeitosa pelo que não me posso queixar dela por esse motivo e não por boa acústica do prédio, pois se simplesmente fala ao telefone eu ouço tudo. Ou seja o prédio é mesmo todo de muito pouco isolamento.

    Ajudem-me , com alguma sugestão por favor . Estou a enlouquecer…
    Obs: já chamei a polícia vezes sem conta , já nem se dignam a vir por vezes.
  2.  # 2

    Queixa na câmara sobre ruído. Café tem que cumprir a lei do ruído
  3.  # 3

    Além da queixa pode isolar o tecto da sua vizinha, efectivamente têm um problema acústico...
  4.  # 4

    Confesso que não entendo quem compre imóveis acima de estabelecimentos de café, pastelarias bares etc ., no entanto das três uma …

    1. Apresenta queixa do barulho e reza para que façam algo. ( improvável)
    2. Gasta algum dinheiro a insonorizar a casa , que tem baixas probabilidades de resolver devido ao pouco isolamento acústico do prédio no seu geral
    3. Assume que cometeu um erro e toca a procurar outra …
  5.  # 5

    Pode ter sido negócio, como mencionada utentes que ouvem mal estão bem😄
    • AMVP
    • 17 novembro 2023

     # 6

    Colocado por: QuilleuteConfesso que não entendo quem compre imóveis acima de estabelecimentos de café, pastelarias bares etc ., no entanto das três uma …

    1. Apresenta queixa do barulho e reza para que façam algo. ( improvável)
    2. Gasta algum dinheiro a insonorizar a casa , que tem baixas probabilidades de resolver devido ao pouco isolamento acústico do prédio no seu geral
    3. Assume que cometeu um erro e toca a procurar outra …

    Parece-me que o problema está mesmo na construção do prédio, se nem a vizinha de baixo pode falar um pouco mais alto que se ouve tudo.
  6.  # 7

    Veja a licença desse café, horário de funcionamento do mesmo.

    Ouve por toda a casa? Quer deixa de ouvir por toda a casa?
  7.  # 8

    Colocado por: AMVP
    Parece-me que o problema está mesmo na construção do prédio, se nem a vizinha de baixo pode falar um pouco mais alto que se ouve tudo.


    É um dos factores de certeza , mas nada que eles possam resolver sem uma manutenção do geral do edifício sem mencionar que a “chaminé” do café deve atravessar o prédio , e o barulho por aí também viajará.
    • AMVP
    • 18 novembro 2023

     # 9

    Colocado por: Quilleute

    É um dos factores de certeza , mas nada que eles possam resolver sem uma manutenção do geral do edifício sem mencionar que a “chaminé” do café deve atravessar o prédio , e o barulho por aí também viajará.

    Como referi, o problema é do prédio, como duvido que todos estejam de acordo em melhorar a acústica do mesmo só me parece existirem duas soluções: 1) mudar de prédio ou/e 2) treinar o cérebro para não ligar mt ao ruído. Caso contrário, de facto, não há quem aguente e às tantas até amplifica o ruído.
    Já vivi num prédio, que até já li por aqui useres a dizerem bem sem lá terem vivido é claro, em que ouvia tudo, alguém mexia no estore o prédio inteiro ouvia, havia visitas e todos sabiam, a utilização do wc igual, agora diga-me, o que fazer?
    • AMVP
    • 18 novembro 2023

     # 10

    Ah, tb ouvi o prédio do lado como se fosse dentro de casa
  8.  # 11

    Colocado por: AMVP
    Como referi, o problema é do prédio, como duvido que todos estejam de acordo em melhorar a acústica do mesmo só me parece existirem duas soluções: 1) mudar de prédio ou/e 2) treinar o cérebro para não ligar mt ao ruído. Caso contrário, de facto, não há quem aguente e às tantas até amplifica o ruído.
    Já vivi num prédio, que até já li por aqui useres a dizerem bem sem lá terem vivido é claro, em que ouvia tudo, alguém mexia no estore o prédio inteiro ouvia, havia visitas e todos sabiam, a utilização do wc igual, agora diga-me, o que fazer?


    Tal como disse antes …
    Fazer queixas e aguentar … gastar € para resultados inúteis ou enfrentar a dura realidade e sair.

    Faz lembrar quando andava a ver casas ( para primeira habitação) e ver uma espectacular , grande, soalho em madeira , com luz , comércio , transportes e extremamente barata … MAS BARATA .

    Só podia era fazer visitas das 09h ás 11h e a partir das 14h,.
    Por uma sorte dos diabos marquei para as 11 e o agente imobiliário não parava de acelerar a visita , o que achei estranho, mas eu insisti em fazer a visita com calma … azar tocou as 12h.
    Começa a burra dos bombeiros a tocar , mesmo ao lado do prédio , até às paredes abanavam😂😂😂😂.

    O agente encolheu os ombros e perguntou-me se eu precisava de mais informações… obviamente sorri e disse que não 😅😅

    Imagine se nunca tivesse ido aquela hora …😅
 
0.0146 seg. NEW