Iniciar sessão ou registar-se
    • emad
    • 20 Outubro 2017

     # 401

    Zeto controle-se. Não faça pouco da malta que anda por aqui.

    Colocado por: zetoentão que direi eu, 6 bancos x 2.6€ por mês
    que dá 15.60€/mês 😰😰😬😬
  1. Ícone informação Anunciar aqui?

    • eu
    • 20 Outubro 2017

     # 402

    Colocado por: emadExistem as pessoas que vivem a vida ao minuto. Aproveitam tudo. Depois existem as pessoas que vivem a vida ao cêntimo.

    E é preciso pagar comissões bancárias exageradas para "viver a vida ao minuto" ?

    Se for cliente CTT em vez de CGD, não pode "viver a vida ao minuto"?
    Concordam com este comentário: Sabrina
  2.  # 403

    Colocado por: euE é preciso pagar comissões bancárias exageradas para "viver a vida ao minuto" ?

    Se for cliente CTT em vez de CGD, não pode "viver a vida ao minuto"?


    É bom poupar, mas é mau quando a poupança se torna uma obsessão.

    Quantas vezes não rejeitei propostas de fornecedores de electricidade e/ou comunicações porque a mudança me trazia poupanças de cêntimos ou 1€ ou 2€ por mês? E porquê? Porque aquilo que faço nos largos minutos que perco a receber explicações dos comerciais e/ou a assinar contractos posso rentabilizá-los a fazer negócios com clientes ou então, fora do trabalho, a passar tempo de qualidade com a família? Eu poupo a sério é em não fazer compras por impulso, isso sim.
    Concordam com este comentário: emad, Picareta, FR1234
  3. Procura serviços ou materiais para a sua casa? Contrate quem ajuda no fórum.

  4.  # 404

    Colocado por: André BarrosOs clientes da CGD desde sempre andaram a pagar esses empréstimos de que fala. O que mudou agora?Agora que a CGD tem um Administrador que quer por o banco a dar lucro (ou pelo menos diminuir o prejuizo) o pessoal desaparece todo?
    O engraçado é que os mesmos que defendem um banco do Estado são os primeiros a abandonar o barco quando têm que contribuir para ele.


    Palavras sábias. Na mouche.
  5.  # 405

    As entidades bancárias, incluindo a CGD, sempre deram lucro até que... começaram a atribuir credito indiscriminado.

    O lucro dos bancos advinha de emprestarem dinheiro com juros altos e pagarem juros baixos a quem lá depositava dinheiro.
    Isso antes até dava para terem agencias cheias de colaboradores que, com a introdução do Multibanco, puderam começar a dispensar aumentando ainda mais as margens de lucro.

    Os prejuizos advem da atribução de credito sem pensarem se os devedores poderiam ou não pagar e da opção por se tornarem eles próprios compradores \ vendedores de produtos de alto risco.
    Agora, enterrados em credito mal-parado, e em acções de empresas que deram "o berro", resolveram pôr os depositantes a pagar os desmandos resultantes da má administração.
    • emad
    • 20 Outubro 2017

     # 406

    Colocado por: eu
    E é preciso pagar comissões bancárias exageradas para "viver a vida ao minuto" ?

    Se for cliente CTT em vez de CGD, não pode "viver a vida ao minuto"?

    Normalmente quem vive ao cêntimo não tem tempo de viver ao minuto.
    Posturas. ....
    Concordam com este comentário: two-rok
    • Carvai
    • 20 Outubro 2017 editado

     # 407

    • VXMC
    • 20 Outubro 2017 editado

     # 408

    Cada um tem de ter consciência se aceita ou não pagar por um serviço, numa determinada entidade bancária, quando pode não pagar se mudar. O mesmo se passa com as operadoras de telefone, net, etc...
    Por vezes o comodismo de não se dar ao trabalho de mudar é grande, faz parte das pessoas.
    No meu caso não gosto de ir ao home bank e ver ali um débito de comissão seja para o que for quando posso não o pagar. Além do mais o meu saldo anda sempre contado e sim seja 50cnt ou 5 eur fazem-me falta!
    • eu
    • 20 Outubro 2017

     # 409

    Colocado por: emadNormalmente quem vive ao cêntimo não tem tempo de viver ao minuto.

    Eu acho que isso é uma generalização sem qualquer fundamento...
  6.  # 410

    A mim ainda não cobraram nenhuma taxa na CGD, será por ter lá o credito habitação?
    • VXMC
    • 20 Outubro 2017

     # 411

    Colocado por: emad
    No fim dos 30 anos não se esqueça de ver se se esqueceu de viver.
    Existem as pessoas que vivem a vida ao minuto. Aproveitam tudo. Depois existem as pessoas que vivem a vida ao cêntimo.
    Eu conheço uma pessoa que vive a vida ao cêntimo e olhe que é uma pessoa muito desinteressante.
    Concordam com este comentário:two-rok


    Conheço várias pessoas que não vivem a vida ao centimo ou ao euro e são igualmente muito desinteressantes!
    Não tem a ver como se vive a vida, mas com a vida que vivemos e com as possibilidades que temos.
    Concordam com este comentário: eu
  7.  # 412

    Colocado por: SabrinaAgora multiplique esse valor por 30 anos, por exemplo.

    Também faz essas contas com o café que toma? e com a alimentação? .... é melhor não fazer, porque senão vai deixar de comer :-))
    Concordam com este comentário: zeto, two-rok
    • VXMC
    • 20 Outubro 2017

     # 413

    Não podemos cair em exageros nem extremos.
    Concordam com este comentário: eu
    • emad
    • 20 Outubro 2017 editado

     # 414

    O que eu acho é que a malta fala muito aqui no fórum e é tudo malta porreira, mas se um dia nos conhecesse-mos pessoalmente íamos todos apanhar uma grande desilusão uns com os outros.
    Enfim, apenas para explicar o que eu disse atrás. Para um bom entendedor, meia palavra basta.
    Concordam com este comentário: NBA, Marcopom
  8.  # 415

    Credo! Não me batam!

    No café gasto sim e 3 cafés por dia. Mas para a CGD não!!!!! Ao minuto ou ao segundo Vivo mais ou menos BEM, graças a Deus. Gasto dinheiro mas nas minhas escolhas. Não vejo necessidade de dar dinheiro à CGD a troco de nada, só porque sim. Os serviços que utilizo faço - os nas caixas automáticas. Já abri nos CTT e não fechei na CGD porque estou à espera de um depósito na conta. Mal receba, a minha conta que foi aberta quando entrei para a universidade em 1989 vai dar uma volta.
    Concordam com este comentário: eu, Toino
  9. Ícone informação Anunciar aqui?

    • eu
    • 20 Outubro 2017

     # 416

    Colocado por: emadO que eu acho é que a malta fala muito aqui no fórum e é tudo malta porreira, mas se um dia nos conhecesse-mos pessoalmente íamos todos apanhar uma grande desilusão uns com os outros.

    What ?
    Concordam com este comentário: two-rok
    • eu
    • 20 Outubro 2017

     # 417

    Colocado por: SabrinaCredo! Não me batam!

    Você é desinteressante.

    Só quando mudar para a UBS e pagar comissões de centenas de euros por mês é que será interessante.

    ;)
  10.  # 418

    Não era na CGD que um administrador ganhava por mês 30 e muitos mil euros?!!!!

    Atentado!!!
  11.  # 419

    Prefiro dar esmola a pedinte em vez de dar comissões à caixa. Dou esse valor ao arrumador de carros aqui na minha zona mas o jovem tem um problema de saúde e não pode trabalhar, por isso, dou sim e não me custa nada a dar mas à caixa não!!!
    Concordam com este comentário: Toino
    • emad
    • 20 Outubro 2017 editado

     # 420

    Sabrina não me leve a mal, apenas acho que os portugueses têm raiva dos bancos. Vêem os bancos como um inimigo e não um parceiro e prestador de servicos.
    Isto é uma questão cultural. Quando precisam dos bancos querem tudo e de graça. Quando não precisam dos bancos, querem que os bancos lhes pague.
    Enfim.... escolham os bancos como um prestador de um bom serviço. Qualidade e preço devem estar associados. Não esperem de um banco que tem uma qualidade de serviço acima da média, que o mesmo sobreviva de ar e vento. E que um ctt pode oferecer o mesmo que um banco que se cobra de comissões. De um banco que cobra comissões eu posso exigir resposta e qualidade, de um banco que não se cobra não posso exigir o mesmo. Porque não pago a qualidade.
    Meus caros, estamos no século XXI e os tempos não param de mudar.
    Concordam com este comentário: two-rok
data-ad-format="auto" data_ad_region="test">