Iniciar sessão ou registar-se
  1.  # 1

    Encontrei à venda um T1 com 70m2 que me parece ter algum potencial. Gostava de saber se é possível no futuro partir umas paredes no interior da casa de modo a diminuir o tamanho da sala e da cozinha e a construir um novo quarto, transformando a casa num T2.

    Basicamente queria reduzir as àreas da cozinha e da sala e criar um novo quarto entre as duas. Depois das remodelações, iria por a casa à venda como um T2, o que a certamente (ou provavelmente) a iria valorizar.

    1- Isto é possível ou tenho de pedir autorização a alguem, pagar impostos, etc?

    2- Na caderneta predial e na documentação do apartamento passaria a constar que o mesmo era um T2, ou vai constar para sempre que era um T1 originalmente?

    3 -Seria posta à venda como um T1+1 ou como um T2?

    4 - Existe algum risco associado a estas mudanças que me possa estar a escapar?
    • ik
    • 15 Setembro 2016

     # 2

    Tem janela para o quarto que quer fazer?
  2.  # 3

    Colocado por: ikTem janela para o quarto que quer fazer?


    Sim. A cozinha é que deixaria de ter janela e passava o quarto a ter.
    • ik
    • 15 Setembro 2016

     # 4

    Colocado por: Matiasa

    Sim, a cozinha deixaria de ter janela e passava o quarto a ter.


    E a cozinha fica sem qualquer janela? Se não pensar bem no assunto ainda desvaloriza o imóvel!
    Concordam com este comentário: reginamar
    • ik
    • 15 Setembro 2016

     # 5

    ´Vende melhor um t1 com áreas generosas que um t2 em que a cozinha não tem iluminação natural
  3.  # 6

    Colocado por: MatiasaEncontrei à venda um T1 com 70m2 que me parece ter algum potencial. Gostava de saber se é possível no futuro partir umas paredes no interior da casa de modo a diminuir o tamanho da sala e da cozinha e a construir um novo quarto, transformando a casa num T2. Isto é possível ou tenho de pedir autorização a alguem, pagar impostos, etc?

    Pode, desde que não mexa na estrutura do prédio.

    Colocado por: MatiasaBasicamente queria reduzir as àreas da cozinha e da sala e criar um novo quarto entre as duas- Depois das remodelações, iria por a casa à venda como um T2, o que a certamente (ou provavelmente) a iria valorizar.

    O apartamento será sempre um T1. As obras poderão valorizar o apartamento, mas legalmente será sempre um T1.
    Poderá até desvalorizar o apartamento, porque vai vender um T2 que legalmente é um T1

    Colocado por: MatiasaNa caderneta predial e na documentação do apartamento passaria a constar que o mesmo era um T2, ou vai constar para sempre que era um T1 originalmente?

    Poder, pode, mas tem que obter autorização de todos os condóminos, contratar um arquitecto para fazer os projectos, aprovação dos projectos na Câmara, alteração da propriedade horizontal alteração do registo nas finanças e conservatória .... ia ficar com muitos cabelos brancos, e o lucro não ia pagar as chatisses.
    • emad
    • 15 Setembro 2016

     # 7

    Num t1 emagrecer a cozinha e a sala para fazer mais um quarto é obra.
    Depois mete um sofá de um lugar na sala porque não cabe um de dois lugares.
    A sala e a divisão mais importante de uma casa.
  4.  # 8

    Colocado por: emadA sala e a divisão mais importante de uma casa.


    Não concordo, acho que é a cozinha. Mas não é disso que se trata.

    Pessoalmente, não mexia, porque acho que a cozinha precisa sempre de uma janela, e porque tem sempre a hipótese de ter um sofá cama na sala.
  5.  # 9

    Colocado por: Obras em casa

    Não concordo, acho que é a cozinha. Mas não é disso que se trata.

    Pessoalmente, não mexia, porque acho que a cozinha precisa sempre de uma janela, e porque tem sempre a hipótese de ter um sofá cama na sala.


    Discordo de ambos. A divisão mais importante da casa e onde passamos mais tempo é o quarto! Por todas as boas razões e mais algumas...

    1- Isto é possível ou tenho de pedir autorização a alguem, pagar impostos, etc?


    Segundo o artº 1305º do CC, o proprietário goza de modo pleno e exclusivo dos direitos de uso, fruição e disposições das coisas que lhe pertencem, dentro dos limites da lei e com observância das restrições por ela impostas. E que imposição são estas? Desde logo, prejudicar com obras novas, a segurança do edifício (cfr. al. a) nº 2 artº 1422º CC). Também não é permitida a divisão de fracções em novas fracções autónomas, salvo autorização do título constitutivo ou da assembleia de condóminos, aprovada sem qualquer oposição (cfr. nº 3 artº 1422º-A CC).

    2- Na caderneta predial e na documentação do apartamento passaria a constar que o mesmo era um T2, ou vai constar para sempre que era um T1 originalmente?

    3- Seria posta à venda como um T1+1 ou como um T2?


    Seria obviamente um T2...

    4 - Existe algum risco associado a estas mudanças que me possa estar a escapar?


    Regra geral, podem realizar-se obras de reabilitação, alteração ou conservação no interior das casas sem recorrer às entidades camarárias desde que não impliquem modificações na estrutura de estabilidade, das cérceas, da forma ou côr das fachadas e da forma dos telhados, não incidam sobre imóveis classificados ou em vias de classificação e edifícios situados em zonas históricas ou protegidas, e apesar de ausência de burocracias neste tipo de intervenções, estas devem na mesma cumprir as normas legais em vigor, as regras técnicas de construção, as regras constantes de regulamentos técnicos e dos planos municipais de ordenamento do território pois estão na mesma sujeitas a serem embargadas caso não respeitem as normas legais em vigor. desta forma torna-se essencial o acompanhamento do arquitecto para garantir o cumprimento das normas legais. Este tipo de intervenções no interior das casas, torna o proprietário autónomo e isento de tempos de espera que decorrem quando há necessidade do controlo das entidades competentes.

    Encontrei à venda um T1 com 70m2 que me parece ter algum potencial. Gostava de saber se é possível no futuro partir umas paredes no interior da casa de modo a diminuir o tamanho da sala e da cozinha e a construir um novo quarto, transformando a casa num T2.

    Basicamente queria reduzir as àreas da cozinha e da sala e criar um novo quarto entre as duas. Depois das remodelações, iria por a casa à venda como um T2, o que a certamente (ou provavelmente) a iria valorizar.


    Já ponderou integrar a cozinha na sala para permitir que os espaços fiquem um pouco mais amplos no aconchego e ao mesmo tempo confortáveis? Se esta solução encaixar no seu estilo, estou em crer que seria uma óptica alternativa.
    Concordam com este comentário: reginamar
    • emad
    • 17 Setembro 2016 editado

     # 10

    Se o happy apenas quer a casa para dormir, nao precisa de muito.
    Arranje uma polikatoikea.
      C__Data_Users_DefApps_AppData_INTERNETEXPLORER_Temp_Saved Images_polikatoikea1_0.jpg
      C__Data_Users_DefApps_AppData_INTERNETEXPLORER_Temp_Saved Images_polikatoikea3.jpg
  6.  # 11

    Olá, se fizerem uma pesquisa no google encontram muitos anuncios de t2 á venda com 70m quadrados, por isso a alteração nada tem de estranho.
    • ik
    • 17 Setembro 2016

     # 12

    Colocado por: reginamarOlá, se fizerem uma pesquisa no google encontram muitosanunciosde t2 á venda com 70m quadrados, por isso a alteração nada tem de estranho.


    E quantos desses T2 não tem luz natural(janela/porta) na cozinha?
  7.  # 13

    Olá, esta casa deve ter uma janela na cozinha e outra na sala. Da forma que ele quer fazer, a cozinha ficava sem janela, porque ela ficava no quarto. A sala continuava com a sua janela. Mas se juntar duas divisões numa, uma janela fica para o novo quarto e a outra para a sala/cozinha. Nós não temos aqui a planta mas é questão do matias estudar a melhor solução.

    Uma cozinha sem janela é impensável!

    Agora, pode consultar a camara para ver se precisa de algum projeto ou licença ou comunicação prévia. E ao alterar na conservatória e finanças vai com certeza pagar mais impostos porque a casa vale mais.
  8.  # 14

    Colocado por: reginamarUma cozinha sem janela é impensável!

    !!!!! estou neste momento num apartamento sem janela na cozinha. espectacular apartamento por acaso.

    Colocado por: reginamarE ao alterar na conservatória e finanças vai com certeza pagar mais impostos porque a casa vale mais.

    Errado.
    • ik
    • 17 Setembro 2016

     # 15

    Colocado por: Picareta
    !!!!! estou neste momento num apartamento sem janela na cozinha. espectacular apartamento por acaso.


    Errado.


    Se a cozinha integrar a sala em openspace e esta tiver boa iluminação natural, pode considerar que esta tem janelas. É esse o caso?
  9.  # 16

    Colocado por: ikSe a cozinha integrar a sala em openspace e esta tiver boa iluminação natural, pode considerar que esta tem janelas. É esse o caso?

    Sim.
  10.  # 17

    Colocado por: Picareta
    !!!!! estou neste momento num apartamento sem janela na cozinha. espectacular apartamento por acaso.


    Colocado por: Picareta
    Sim.


    Olhem este armado em carapau de corrida...

    Eu fui bem clara: uma cozinha (só cozinha) sem janela... é impensável.

    Esse openspace que fala o ik é realmente a melhor opção para o matias
  11.  # 18

    Em caso de crédito habitação, os bancos implicam com o facto de existir um t2 e na caderneta estar registado um t1?
  12.  # 19

    podem implicar claro

    tanto mais que essa operação neste caso é de duvidosa mais valia em termos gerais, note-se que pela lei um T2 tem que ter no minimo 72 m2

    mas em termos reais tambem depende da zona em si e do mercado na mesma, há quem valorize o espaço e pague mais e há quem valorize ter mais divisões mesmo que esteja a pagar uma casa de bonecas.
    Concordam com este comentário: ADROatelier
    Estas pessoas agradeceram este comentário: rofsantos
  13.  # 20

    Exactamente.
    Área mínima para T2 é de 72,00m2.

    Fora outras questões.
    Em situações semelhantes, deve-se sempre acautelar o licenciamento do edificado. Podemos, inadvertidamente, estar a criar desconformidades desnecessárias.