Iniciar sessão ou registar-se
    • Anaa
    • 12 Abril 2019

     # 41

    Colocado por: vulpesEu sei que o teto falso está na moda mas já pensou em nao o fazer? sem teto falso pode fazer uma iluminação mais original a meu ver e poupa uns trocos..

    penso que o teto falso da jeito para ocultar condutas onde as houver ou para por isolamento em remodelaçoes..

    um pé direito jeitoso, digamos de 2,7m penso que dá uma boa amplitude aos espaços..


    E os focos? E a ocultação das calhas dos cortinados...
    Concordam com este comentário: Mjdias, desofiapedro
  1. Ícone informação Anunciar aqui?

  2.  # 42

    Colocado por: vulpesEu sei que o teto falso está na moda mas já pensou em nao o fazer? sem teto falso pode fazer uma iluminação mais original a meu ver e poupa uns trocos..

    penso que o teto falso da jeito para ocultar condutas onde as houver ou para por isolamento em remodelaçoes..

    um pé direito jeitoso, digamos de 2,7m penso que dá uma boa amplitude aos espaços..

    Ainda bem que toca na moda do teto falso. Sem olhar para a parte da ocultação e não aplicando sanca será que o acabamento na forma de alheta é aceitável num revestimento em estuque (ver foto em anexo)?
      alheta.png
  3.  # 43

    não só é aceitável, como é uma solução comum.. qual a dúvida?
  4.  # 44

    Colocado por: Pedro Barradasnão só é aceitável, como é uma solução comum.. qual a dúvida?

    A dúvida não está relacionada com a parte técnica mas com o lado estético.
  5.  # 45

    Vulpes, sem teto falso consegue fazer uma iluminação mais original? Nem de perto. Secalhar não sabe é das milhares de coisas lindas que se podem fazer com um bom trabalho de pladur.
  6.  # 46

    neste site pode ver diferentes formas de iluminação, atualmente já existe iluminação de teto de cerca de 6 cm, mas se quiser encastrar tb o pode fazer desde que seja providenciado em obra deixar esse espaço..

    https://www.mundiluz.pt/29-apliques-teto

    @Anna a ocultação das calhas dos cortinados não sei que soluções existem mas talvez aumentar nessa zona a parede e embutir os cortinados.. eu pessoalmente gosto dos cortinados tradicionais com tudo a vista..

    @desofiapedro eu sei que pode fazer 1001 coisas com o teto falso,agora tem de estar ciente do dinheiro que vai gastar..
  7.  # 47

    Poupar claro que se poupa, mas dizer que se faz uma iluminação mais original sem teto falso não concordo, se há coisa que o tecto falso permite é precisamente dar largas à imaginação.
    Concordam com este comentário: Mjdias
  8.  # 48

    Original no sentido de combinar vários tipos de iluminação a um custo mais baixo..

    A iluminação nos tetos falsos na maioria dos casos opta-se por iluminação encastrada sendo um padrão repetitivo, por isso é que falei na originalidade.. mas claro pode fazer muitas brincadeiras com o teto falso como sancas..etc.. e pode ficar ate mais original mas tb deve ficar mais caro..
  9.  # 49

    Colocado por: vulpesOriginal no sentido de combinar vários tipos de iluminação a um custo mais baixo..

    A iluminação nos tetos falsos na maioria dos casos opta-se por iluminação encastrada sendo um padrão repetitivo, por isso é que falei na originalidade.. mas claro pode fazer muitas brincadeiras com o teto falso como sancas..etc.. e pode ficar ate mais original mas tb deve ficar mais caro..


    concordaria consigo se me falasse em lustres em vez de focos..... agora voce fala nos focos do tecto falso e depois sugere uns focos que ficam salientes no tecto dito normal? isso de original tem pouco..... na minha opiniao fica ate feio!
  10.  # 50

    Colocado por: loverscout

    concordaria consigo se me falasse em lustres em vez de focos..... agora voce fala nos focos do tecto falso e depois sugere uns focos que ficam salientes no tecto dito normal? isso de original tem pouco..... na minha opiniao fica ate feio!

    foco saliente no teto depende da divisão e do cenário da casa, e do gosto pessoal de cada um. numa casa de banho a meu ver tem potencial para ficar bem. eu apenas dei um exemplo e falei em combinar varios tipos de iluminação.. O importante é ter noção das soluções existente e depois fazer de acordo com o gosto pessoal.
    Concordam com este comentário: loverscout
  11.  # 51

    Colocado por: bluewings
    A dúvida não está relacionada com a parte técnica mas com o lado estético.



    Leia por favor este texto do Guia Pratico da Habitação do IHRU:
    "No que se refere aos revestimentos destas zonas, são aceitáveis
    os seguintes acabamentos:
    Tectos
    Os tectos do vestíbulo e dos corredores podem ser estucados e
    pintados a tinta plástica, complementados por sanca em gesso
    trabalhado.
    Para conferir alguma sumptuosidade a esta zona devem colocar-
    -se tectos falsos em régua de madeira ou em placas de gesso cartonado
    com iluminação embutida."

    3. Acabamentos de tectos, paredes e pavimentos
    Tectos e paredes
    Normalmente, os tectos e as paredes das salas, assim como os
    dos quartos são acabados a estuque (projectado ou tradicional)
    e pintados a tinta plástica.
    Em habitações de qualidade melhorada é comum dotar este
    compartimento de sancas em estuque trabalhado, proporcionando,
    desta forma, um enquadramento visual muito apreciado.

    Na intersecção dos tectos com as paredes pode utilizar-
    -se uma sanca em estuque que proporciona um melhor
    acabamento nessa zona, tendo ainda um efeito decorativo
    nobre no acabamento.

    Não querendo sancas, pode optar-se pela execução de uma
    alheta, que é um rasgo criado entre o tecto e a parede.
    http://www.portaldahabitacao.pt/opencms/export/sites/portal/pt/portal/publicacoes/documentos/GuiaHabitacao_versao-final.pdf

    Arq Pedro Barradas a alheta é adequada para uma habitação com bons acabamentos?
  12.  # 52

    Em relacao aos precos surgiu.me uma duvida, e se for com dupla placa de pladur nas paredes e tectos, ou seja aplicacao das placas a dobrar, pratica.se o mesmo preco?
  13.  # 53

    Colocado por: putefabioou seja aplicacao das placas a dobrar, pratica.se o mesmo preco?

    O que é que você acha?
  14.  # 54

    Eu presumo que nao sera o mesmo, mas, so quem sabe podera' realmente dizer, porque podera' ser pratica comum dupla placagem em tectos ou paredes (n sei se é ou nao, so estou a especular) e nao sendo qual sera' a diferenca de precos, o dobro nao devera' ser porque a parte "dificil" que é a estrututa tem que ser feita para tanto para simples como dupla, embora sejam o dobro das placas, nao sera o dobro do trabalho (digo eu)
  15.  # 55

    Colocado por: putefabioEu presumo que nao sera o mesmo, mas, so quem sabe podera' realmente dizer, porque podera' ser pratica comum dupla placagem em tectos ou paredes (n sei se é ou nao, so estou a especular) e nao sendo qual sera' a diferenca de precos, o dobro nao devera' ser porque a parte "dificil" que é a estrututa tem que ser feita para tanto para simples como dupla, embora sejam o dobro das placas, nao sera o dobro do trabalho (digo eu)

    Está a ver que você sabe :-))

    mas não se fazem tectos com placa dupla, só paredes.
  16. Ícone informação Anunciar aqui?

  17.  # 56

    Pelo que tenho pesquisado, fazer fazem.se, pode é ser especifico para outros fins e nao tanto para aplicacoes normais
  18.  # 57

    Colocado por: putefabioPelo que tenho pesquisado, fazer fazem.se, pode é ser especifico para outros fins e nao tanto para aplicacoes normais

    Por acaso até tem razão, em tectos acústicos pode utilizar-se a placa dupla.
  19.  # 58

    Colocado por: bluewingsArq Pedro Barradas a alheta é adequada para uma habitação com bons acabamentos?

    Porque razão não haveria de ser!!!?... tanto fica bem em habitação luxo, como em habitação a custos controlados, ou em equipamentos, ou no que quer que seja..... Mais uma vez não entendo essas "duvidas"...
    Estas pessoas agradeceram este comentário: bluewings
  20.  # 59

    São dúvidas de quem quer parecer fino e tem medo de parecer um labrego.
data-ad-format="auto" data_ad_region="test">