Iniciar sessão ou registar-se
  1.  # 1

    Tendo em conta a má experiência que tive com os ultimos inquilinos, pus em hipotese a venda do meu T1. A ideia seria comprar noutro local mais próximo da minha atual residência e que me permitisse gerir melhor o arrendamente dado que neste moemtno encontro-me a 60 km de la.
    Mas estou cheia de dúvidas porque a cidade onde está atualmente alugado tem menos ofertas de apartamentos no centro da cidade o que me tem dado muito conforto em termos não só de rapidez no aluguer como no valor (por um T1 que custou 42.500 rende-me 220€). Teria hipotese de vendê-lo talvez por 50 mil atualmente, o que me daria uma margem de ganho em relação à compra. Mas na cidade onde tencionava investir para ter maior controlo há mais empreendimentos, não seria tão rápido alugar além de que um T1 me custaria no minimo esses 50 mil que ganharia na venda do outro. Valeria a pena investir mais então para ter o mesmo valor de renda ou pouco mais (por um T1 o preço nessa mesma cidade ronda tambem os 220-250€)? O que fariam nesta situação? deixariam estar a render com o menor investimento que fizeram na compra inicial ou investiam mais um pouco noutra tipologia (T2) e então subiriam a renda para compensar?
    E como funcionam as permutas nas imobiliárias? Aceitam em troca apartamentos?
  2. Ícone informação Anunciar aqui?

  3.  # 2

    60 km tb não é nada do outro mundo teve azar com os últimos inquilinos, mas pode ter sorte com os próximos
    Concordam com este comentário: piscies, pcarvalho
  4.  # 3

    Eu não vendia, tentava era selecionar melhor os inquilinos
    Estas pessoas agradeceram este comentário: piscies
  5.  # 4

    Qual é o estado desse imóvel e a localização?

    Parece-me um valor barato de aluguer.
  6.  # 5

    Cidade de Amarante, centro mesmo. é pequeno, não passo dos 58m2 e kitchenet mas com lugar garagem e arrecadação e um bom terraço com 30m2. estado não é dos melhores, nunca fiz obras mas foi pintado há uns 3 anos. edificio tem uns 20 anos talvez.
  7.  # 6

    Diria que está barato.

    No entanto mais vale barato a um bom inquilino, que caro a um mau inquilino.

    Já agora, 220€ com tudo legal?

    A % é pequena, mas é património que será/é seu.
  8.  # 7

    Colocado por: ApostadorDiria que está barato.

    No entanto mais vale barato a um bom inquilino, que caro a um mau inquilino.

    Já agora, 220€ com tudo legal?

    A % é pequena, mas é património que será/é seu.


    tem conhecimento do mercado imobiliario da referida cidade?
  9.  # 8

    Não.

    Digo barato face ao preço de aquisição.
    Concordam com este comentário: JOCOR
  10.  # 9

    Mas não considera que para T1 comprei a bom preço?

    Há pessoas a alugar no mesmo prédio por 190 apenas a mesma tipologia...Sabe que depende muito das zonas, não sei se conhece o mercado imobiliário do local em questão. E sim é com tudo legal.
  11.  # 10

    Como disse não conheço o mercado de Amarante, mas em termos de % face ao preço de aquisição é barato.

    A aquisição pode ter sido a bom preço, mas o arrendamento face ao preço de compra está barato.

    Edit: Ganha cerca de 6% Bruto. Se tirar o que paga no IRS, mais condomínio, IMI, etc, possivelmente não chega aos 4%.
  12.  # 11

    Não estou por dentro desses parâmetros. Se calhar deveria saber como calcular o valor justo a aplicar. Agradeço a informação.
  13.  # 12

    Colocado por: pisciesNão estou por dentro desses parâmetros. Se calhar deveria saber como calcular o valor justo a aplicar. Agradeço a informação.


    Veja o meu edit
  14.  # 13

    Obrigada pela ajuda no seu edit. Posto isto, O que seria aceitavel a aplicar?
  15.  # 14

    Colocado por: pisciesObrigada pela ajuda no seu edit. Posto isto, O que seria aceitavel a aplicar?

    Concordo com o "Apostador".
    Se o mercado de arrendamento em Amarante está de acordo com o valor da renda to seu T1 (ou vice versa), então terá comprado caro.
  16.  # 15

    Colocado por: JOCOR
    Concordo com o "Apostador".
    Se o mercado de arrendamento em Amarante está de acordo com o valor da renda to seu T1 (ou vice versa), então terá comprado caro.
    Não é preciso recuar muitos anos neste fórum onde se dizia que compensava arrendar quando o retorno em relação ao preço de compra fosse a 20 anos. Certo que durante 20 anos há despesas mas ao fim dos 20 anos também lá esta a casa que terá numa situação normal pelo menos o valor pelo qual foi comprada.

    Neste caso com compra de 42500 euros a 220 de renda, ao fim de 16 anos já recebeu em rendas os 42500 euros. Amarante não é Lisboa meus caros
  17. Ícone informação Anunciar aqui?

    • FFAD
    • 14 Março 2019

     # 16

    eu a escolher os inquilinos parece uma entrevista de emprego, se não me convencem é para esquecer...
    Concordam com este comentário: Apostador
  18.  # 17

    Tudo depende do perfil de investidor de cada um.

    Há quem se contente com 5%, há outros que só trabalham com margens de 10%, etc etc.

    Ao fim de 16 anos recebeu 42500 mas quanto pagou de condomínio, IMI, % no IRS, obras, etc etc?
  19.  # 18

    Colocado por: ApostadorTudo depende do perfil de investidor de cada um.

    Há quem se contente com 5%, há outros que só trabalham com margens de 10%, etc etc.

    Ao fim de 16 anos recebeu 42500 mas quanto pagou de condomínio, IMI, % no IRS, obras, etc etc?
    Você não está é a ter em conta que o valor da compra foi também ele muito baixo.

    Em Oeiras, Cascais, Loures, Odivelas, etc arrenda um T2 ou T3 por 1000 euros em que se calhar o valor de compra foi acima de 220 ou 230 000 euros. Faça as contas e veja se o retorno não são mais que os 16 anos do exemplo em cima. E sendo um valor de renda mais alto paga mais IMI, mais IRS, etc...e olhe que 1000 euros de renda já não são assim tantas as famílias a poder pagar.
    Estas pessoas agradeceram este comentário: piscies
  20.  # 19

    Jorge, claro que estou a ter o valor da compra em conta.

    Pouco importa se a compra foi 10.000,100.000 ou 1 milhão.

    5% são 5%, seja de 10, 100,....

    Menos de 7% líquido é perder tempo.
  21.  # 20

    Colocado por: ApostadorJorge, claro que estou a ter o valor da compra em conta.

    Pouco importa se a compra foi 10.000,100.000 ou 1 milhão.

    5% são 5%, seja de 10, 100,....

    Menos de 7% líquido é perder tempo.
    Menos de 7% pode ser mau para alguns, nada contra. Mas no banco de momento poucas devem ser as aplicações a render mais de 1% :)
data-ad-format="auto" data_ad_region="test">