Iniciar sessão ou registar-se
    •  
      rnbc
    • 7 Julho 2019

     # 1

    Boa noite,

    Estou a remodelar uma moradia e o esgoto no interior tem de ser feito do zero, no rés do chão e piso de cima.

    Acontece que as paredes onde passa o tubo de queda e a placa são relativamente finas, e têm mais canos a passar, e alguns esticadores de aço, pelo que não sobra muito espaço. Portanto pensámos em fazer as tubagens principais e o tubo de queda em 90mm em vez de 110mm e as entradas no tubo a 90º em vez dos 45º da norma. Nos tubos horizontais estamos a usar inclinações da ordem dos 4%-6% para compensar os diâmetros mais pequenos.

    As curvas a 90º foram todas inspecionadas por dentro e polidas nos sítios onde havia imperfeições, e os tubos que nelas entram têm uma inclinação de 6% até muito perto da queda, portanto a entrada não é bem a 90º, é mais 85º ou coisa que o valha.

    O tubo de queda tem respiração no telhado e termina num U para não entrar lixo. No piso térreo a entrada da sanita é feita 200mm abaixo das restantes entradas do WC e da Cozinha, para evitar refluxo.

    O esgoto principal, para sanitas e com entradas para o resto, está alinhavado com as peças encaixadas, mas ainda vamos muito a tempo de refazer de outra forma.

    A casa tem apenas dois WCs, um em cada piso, e a cozinha no rés do chão. Tudo isto flui para um tubo de 90mm, com as tais inclinações de 4%-6%. A entrada na caixa fora de casa é feita 650mm abaixo do piso térreo da casa, portanto sobra muito espaço na vertical.

    Uma vez fora da casa a tubagem é de 160mm e vai até à rua sempre com 3% de inclinação excepto num troço em que é 4%. Há caixas de visita em todas as três curvas. O tubo é corrugado que aguenta cargas até 800kN/m2. Esta parte exterior está quanto a mim muito bem feita e inspira-me confiança.

    Acham que os 90mm podem dar problemas apesar das inclinações generosas? Quem anda na obra sente-se mais ou menos descansado... Eu não percebo muito do assunto, mas sei que não cumpre algumas normas.

    A norma que diz que as ligações devem ser a 45º está longe de ser universal fora de Portugal, e mesmo cá há contra-exemplos:

    https://www.apambiente.pt/_zdata/Divulgacao/Anuncios%20Procedimentos/2014/1813/Especialidades/Aguas,Esgotos,Drenagens/PecasEscritas/6950.9.01.PE.RE.CT_00_EARedPl.pdf (ver página 7)

    O diâmetro de 90mm preocupa-me mais, mas o facto é que as saídas das sanitas são todas em 90mm. O problema é o coeficiente de simultaneidade.

    O que dizem os companheiros deste fórum?
  1. Ícone informação Anunciar aqui?

  2.  # 2

    Colocado por: rnbce as entradas no tubo a 90º em vez dos 45º da norma.


    que norma...pode explicar?
  3.  # 3

    Colocado por: rnbcO problema é o coeficiente de simultaneidade.


    quantas sanitas são?

    esse tubo no exterior é que me parece demasiado....e para os solidos não é muito bom.

    •  
      rnbc
    • 8 Julho 2019

     # 4

    Colocado por: James Bond

    que norma...pode explicar?


    Decreto Regulamentar n.º 23/95, Artigo 218.º

    Ligação ao tubo de queda ou ao colector predial

    1 - A ligação dos ramais de descarga deve ser feita:

    a) Aos tubos de queda, por meio de forquilhas;

    b) Aos colectores prediais, por meio de forquilhas ou câmaras de inspecção.

    2 - Não é permitida a ligação de ramais de descarga de bacias de retrete e de águas de sabão, no mesmo plano horizontal do tubo de queda, com forquilhas de ângulo de inserção superior a 45.º

    ---

    Claro que as normas têm por vezes margens grandes e é perfeitamente possível fazer uma obra que as viole sem que por isso tenha algum problema na prática...
    •  
      rnbc
    • 8 Julho 2019

     # 5

    Colocado por: James Bond

    quantas sanitas são?

    esse tubo no exterior é que me parece demasiado....e para os solidos não é muito bom.


    São duas sanitas, uma no priso de cima, outra no rés do chão. Há um WC completo em cada piso, mais a cozinha no rés do chão.

    O problema que me ocorre é o seguinte: a máquina de lavar roupa faz uma descarga e ao mesmo tempo é puxado o autoclismo. O tubo de 90mm enche, deixa de circular ar decentemente, e coisas estranhas acontecem nos sifões... e fico com água no chão da cozinha. Não é propriamente entupir, é falta de capacidade de escoamento instantâneo.

    O escoamento no exterior está mais do que testado e portou-se lindamente, inclusive com terra e algumas pedras a caírem no esgoto. As minhas dúvidas estão no interior...
  4.  # 6

    Colocado por: rnbca) Aos tubos de queda, por meio de forquilhas;


    forquilhas de 87º

    aquilo a que chamamos de tês.
  5.  # 7

    Colocado por: rnbcO escoamento no exterior está mais do que testado e portou-se lindamente


    calma...isso foi apenas um teste.

    eu nunca usaria tubo de 160mm na horizontal...nunca!!

    nessa situação claro.

    e caixas minimizo-as ao máximo.
  6.  # 8

    uma banca a trabalhar bem e esse tubo em pouco tempo fica cheio....meia secção.

    as pessoas julgam que por aumentar o diâmetros dos tubos não vão ter problemas nos esgotos.
    Concordam com este comentário: Skinkx
  7.  # 9

    Colocado por: rnbcNão é propriamente entupir, é falta de capacidade de escoamento instantâneo


    actualmente a tendência é ser preciso menos água na descarga de uma sanita....3 a 4L.

    que sistemas vai usar na sua?
  8.  # 10

    Colocado por: rnbcO tubo de 90mm enche, deixa de circular ar decentemente, e coisas estranhas acontecem nos sifões...


    acontecem se não fizer a ventilação dos esgotos.
    Concordam com este comentário: Skinkx
  9.  # 11

    talvez não queira a minha opinião mas sim de um Engenheiro.

    era para ter perguntado se podia comentar mas depois passou-me.
    •  
      rnbc
    • 8 Julho 2019

     # 12

    Colocado por: James Bonduma banca a trabalhar bem e esse tubo em pouco tempo fica cheio....meia secção.

    as pessoas julgam que por aumentar o diâmetros dos tubos não vão ter problemas nos esgotos.


    O diâmetro é só mais uma variável. Neste caso há ventilação q.b. para as descargas (tubo de 50mm com 2.5 metros dá pelo menos uns 4 l/s de ar com um diferencial de pressão de 10mBar) e inclinações 4%-6% em toda a tubagem de modo a compensar o diâmetro menor. Para inclinações maiores são necessários diâmetros menores, isso é bem sabido.

    Se fizer as contas usando os anexos do DL 23/95 até parece que bate certo e chega. Mas eu sou engenheiro informático, não civil. Amanhã vou ver se falo com um desses. Mas a opinião de quem tem tarimba também conta, e muito!
  10.  # 13

    Colocado por: rnbcO diâmetro é só mais uma variável. Neste caso há ventilação q.b. para as descargas (tubo de 50mm com 2.5 metros dá pelo menos uns 4 l/s de ar com um diferencial de pressão de 10mBar) e inclinações 4%-6% em toda a tubagem de modo a compensar o diâmetro menor. Para inclinações maiores são necessários diâmetros menores, isso é bem sabido.

    Se fizer as contas usando os anexos do DL 23/95 até parece que bate certo e chega. Mas eu sou engenheiro informático, não civil. Amanhã vou ver se falo com um desses. Mas a opinião de quem tem tarimba também conta, e muito!


    se é assim como diz e afirma,não sei para que vem aqui perguntar.
  11.  # 14

    Não é muito normal um engenheiro informático saber de canalizações e afins, legislação sobre o sector, etc..
    Agora se o mbc julga que um engenheiro civil percebe mais - em termos práticos - de canalizações e afins do que um bom empreiteiro ou um bom canalizador, como o jamesbond, arrisca-se a seguir os conselhos de um engenheiro civil sem tarimba prática e depois ter de ir contactar á pressa um bom canalizador para ir corrigir á pressa a linda "merddaa" que está feita...
  12.  # 15

    Colocado por: James Bondeu nunca usaria tubo de 160mm na horizontal...nunca!!

    James.. Há SMAS que te obrigam ( no regulemento municipal) a ter esse diâmetro minimo, nos ramais que liga ás caixas de ramal.... não fazem a recepção sem ter essa medida, independentemente do que os calculos e a verificação das condições de autolimpeza digam... é assim. e pronto e agora!!!
  13. Ícone informação Anunciar aqui?

    •  
      rnbc
    • 8 Julho 2019

     # 16

    Só por curiosidade a ligação antiga ao esgoto da CML era em manilha de 220mm internos, só que durante a renovação colocámos esse tubo de 160mm. Grande parte da manilha estava rachada ao longo do percurso ou cheia de raízes mas na parte final onde é a ligação à caixa da CML aproveitámos a manilha em bom estado e pusemos o tubo lá dentro, evitando ter de partir a parede da caixa.

    Portanto em 1964 o pessoal ligava aquilo ao esgoto da câmara com manilha de 220mm internos !!! Devia ser para as ratazanas se sentirem mais à vontade :D
  14.  # 17

    Colocado por: Pedro Barradasé assim. e pronto e agora!!!


    não é assim nada....todas ou quase todas as camaras funcionam de maneira diferente quer seja nos esgotos quer seja na distribuição de agua potável.

    fazer uma canalização de 160mm para ir desaguar num tubo de 125mm.

    também já fiz varias obras com tubos de 200mm que desaguavam em 125mm...pior ainda.

    umas camaras obrigam caixas exteriores de transição de 800x800.

    aqui na minha zona as caixas receptoras são tubulares com menos de 300mm internos.
  15.  # 18

    É ao contrario... tens de fazer o ramal de 160mm..." desagua" para o colector que será de 200 ou superior...

    Sim , ´everdade.. cada camara e/ou SMAS com a suas. muitas nem tem regulamento, é porque apetece....
  16.  # 19

    Colocado por: Pedro BarradasÉ ao contrario... tens de fazer o ramal de 160mm..." desagua" para o colector que será de 200 ou superior...


    é nada,aqui é assim.
  17.  # 20

    Colocado por: James Bondé nada,aqui é assim.

    Pronto.. tá bem ;)
data-ad-format="auto" data_ad_region="test">