Iniciar sessão ou registar-se
  1.  # 1

    Bom dia venho colocar uma questão a Quem souber responder durante a construção da minha casa numa das paredes foram abertas duas janelas que correspondem aos 2 wc do rés-do-chão as ditas janelas estão a 1 metro e meio do muro do outro lado do muro está um terreno agrícola e a casa mais próxima está a cerca de 50 metros entretanto fiz um aproveitamento do sótão em que abre duas janelas perpendiculares com as do rés-do-chão estando as mesmas a metro e meio do muro a pergunta que venho colocar se essas janelas estão a uma distância legal Já que as de rés-do-chão estão a mesma distância
  2. Ícone informação Anunciar aqui?

  3.  # 2

    Essa questão deveria tirar com o seu arquitecto. Sem mais dados, e pelo que percebi... essas obras ( janela na empena, certo?)estão ilegais, pelo que assim sendo... é ilegal. Para o caso não interessa se estão a mais ou menos de 1.50m da extrema do sue terreno.
    Concordam com este comentário: SMBS, fernandoFerreira
    Estas pessoas agradeceram este comentário: Andreia Chainho
  4.  # 3

    Sem mais dados, quer as janelas do r/c, quer as do sotão poderão estar ilegais, embora por motivos distintos.
    Estas pessoas agradeceram este comentário: Andreia Chainho

  5.  # 4

    ADRO, vai-me desculpar, mas as Janelas das IS, podem estar a 1.50m do limite do terreno, pois não fazem parte integrante dos compartimentos habitáveis, não se aplicando, deste modoa, a regra dos 3.00m.
    Estas pessoas agradeceram este comentário: Andreia Chainho
  6.  # 5

    Sim, é verdade em alguns casos, justamente por não serem compartimentos habitáveis.
    Porém, em algumas situações, não é possivel edificar (com ou sem janelas) a menos de três metros do limite do terreno.
    Dai ter dito que "sem mais dados"...
    Editei o comentário acima indicando que "poderão estar ilegais".

    Acresce que acima do r/c, por exemplo no primeiro andar ou num sotão, em certos casos, a distancia a manter é de 5 metros.
    Cada caso é um caso, é bem verdade.
    Colocado por: Pedro BarradasADRO, vai-me desculpar, mas as Janelas das IS, podem estar a 1.50m do limite do terreno, pois não fazem parte integrante dos compartimentos habitáveis, não se aplicando, deste modoa, a regra dos 3.00m.
    Estas pessoas agradeceram este comentário: Andreia Chainho
  7.  # 6

    Colocado por: ADROatelierPorém, em algumas situações, não é possivel edificar (com ou sem janelas) a menos de três metros do limite do terreno.

    Mas se o edifício estiver legal a 1.50m da extrema, aquelas janelas ( das IS) igualmente estarão. Há muita moradia nestas situações... em particular, construídas até 2000, por ai... antes de entrada em vigor da 1ª geração de PDM...
    Estas pessoas agradeceram este comentário: Andreia Chainho
  8.  # 7

    Colocado por: ADROatelierSem mais dados, quer as janelas do r/c, quer as do sotão poderão estar ilegais, embora por motivos distintos.
    Estas pessoas agradeceram este comentário:Andreia Chainho
  9.  # 8

    A casa foi projetada por um arquiteto e aprovada na câmara e as janelas do rés-do-chão estão a um metro e meio do muro e foi aprovado o mesmo se deveria passar com as janelas do sótão O que fui informada na câmara é que as janelas não podem abrir para fora o que não é o caso são janelas de correr
  10.  # 9

    ... Se tem arquitecto. Aconselhe se com este.

    Não interessa para nada o modo de abertura das janelas.... Alguém inventou essa.
    Concordam com este comentário: ADROatelier
    Estas pessoas agradeceram este comentário: Andreia Chainho
  11.  # 10

    Muito bem. Assim sendo as janelas do piso de r/c são legais. Porém, o enquadramento das janelas no sotão não é o mesmo, porque se encontram a uma altura superior. Também poderá existir outra questão, que é se o sotão está a ser enquadrado como sendo habitável, ou não.

    A melhor pessoa para ajudar é o seu arquitecto.

    Colocado por: Andreia ChainhoA casa foi projetada por um arquiteto e aprovada na câmara e as janelas do rés-do-chão estão a um metro e meio do muro e foi aprovado o mesmo se deveria passar com as janelas do sótão O que fui informada na câmara é que as janelas não podem abrir para fora o que não é o caso são janelas de correr
    Estas pessoas agradeceram este comentário: Andreia Chainho
  12.  # 11

    O código civil diz:

    ARTIGO 1360º
    (Abertura de janelas, portas, varandas e obras semelhantes)
    1. O proprietário que no seu prédio levantar edifício ou outra construção não pode abrir nela janelas
    ou portas que deitem directamente sobre o prédio vizinho sem deixar entre este e cada uma das
    obras o intervalo de metro e meio.
    2. Igual restrição é aplicável às varandas, terraços, eirados ou obras semelhantes, quando sejam
    servidos de parapeitos de altura inferior a metro e meio em toda a sua extensão ou parte dela.
    3. Se os dois prédios forem oblíquos entre si, a distância de metro e meio conta-se
    perpendicularmente do prédio para onde deitam as vistas até à construção ou edifício novamente
    levantado; mas, se a obliquidade for além de quarenta e cinco graus, não tem aplicação a restrição
    imposta ao proprietário.
    Estas pessoas agradeceram este comentário: Andreia Chainho
  13.  # 12

    Certo. Mas também se aplicam mais leis. Depende do enquadramento do terreno/lote. A imposição pode chegar a, no primeiro andar, janelas a 5 metros do limite do lote.

    Colocado por: tviegasO código civil diz:

    ARTIGO 1360º
    (Abertura de janelas, portas, varandas e obras semelhantes)
    1. O proprietário que no seu prédio levantar edifício ou outra construção não pode abrir nela janelas
    ou portas que deitem directamente sobre o prédio vizinho sem deixar entre este e cada uma das
    obras o intervalo de metro e meio.
    2. Igual restrição é aplicável às varandas, terraços, eirados ou obras semelhantes, quando sejam
    servidos de parapeitos de altura inferior a metro e meio em toda a sua extensão ou parte dela.
    3. Se os dois prédios forem oblíquos entre si, a distância de metro e meio conta-se
    perpendicularmente do prédio para onde deitam as vistas até à construção ou edifício novamente
    levantado; mas, se a obliquidade for além de quarenta e cinco graus, não tem aplicação a restrição
    imposta ao proprietário.
    Concordam com este comentário: Pedro Barradas
    Estas pessoas agradeceram este comentário: Andreia Chainho
data-ad-format="auto" data_ad_region="test">