Iniciar sessão ou registar-se
  1.  # 1

    Bom dia a todos.
    Não sei se me poderão esclarecer uma dúvida.
    É o seguinte: Vivo num apartamento em que sou a proprietária e o prédio é gerido por uma empresa de condomínios. Acontece que no final do mês passado rebentou um cano na minha cozinha. Só reparamos porque a vizinha que tem uma loja por baixo de nós veio avisar que lhe estava a cair a água na loja e já tinga o teto com humidade.
    Desmontamos os móveis da cozinha e reparamos que realmente havia bastante água no chão, proveniente de um cano comum do prédio que tinha rebentado.
    Contactamos o condomínio porque a nosso ver, se é um cano comum e não de uso exclusivo do nosso apartamento, a responsabilidade do arranjo seria deles e não nossa.
    Disseram que tínhamos de ser nós a arranjar porque rebentou na nossa casa.
    Contactamos o nosso seguro que nos informou que como é um cano do prédio é o condomínio que tem de assumir a responsabilidade.
    Entre isto já lá vai quase 1 mês, e eu continuo com a cozinha cheia de água, móveis desmontados e a dona da loja sempre a queixar-se.
    Alguém sabe o que posso ou devo fazer para resolver este problema?
    Desde já obrigada
  2.  # 2

    Colocado por: MarisaCunhaAlguém sabe o que posso ou devo fazer para resolver este problema?


    ir para os julgados de paz, para ser mais rápido, para que a empresa de condomínios faça a reparação.

    se o condomínio não tem verba para as obras então todos tem que fazer uma contribuição extra.

    agora acho estranho um cano comum passar pela vossa cozinha. geralmente existe uma coluna na zona da escadas que abastece cada um dos apartamento. ate ao contador do apartamento é comum, do contador para dentro é do proprietário.
  3.  # 3

    Colocado por: MarisaCunha
    É o seguinte: Vivo num apartamento em que sou a proprietária e o prédio é gerido por uma empresa de condomínios. Acontece que no final do mês passado rebentou um cano na minha cozinha. Só reparamos porque a vizinha que tem uma loja por baixo de nós veio avisar que lhe estava a cair a água na loja e já tinga o teto com humidade.
    Desmontamos os móveis da cozinha e reparamos que realmente havia bastante água no chão, proveniente de um cano comum do prédio que tinha rebentado.
    Contactamos o condomínio porque a nosso ver, se é um cano comum e não de uso exclusivo do nosso apartamento, a responsabilidade do arranjo seria deles e não nossa.
    Disseram que tínhamos de ser nós a arranjar porque rebentou na nossa casa.
    Contactamos o nosso seguro que nos informou que como é um cano do prédio é o condomínio que tem de assumir a responsabilidade.
    Entre isto já lá vai quase 1 mês, e eu continuo com a cozinha cheia de água, móveis desmontados e a dona da loja sempre a queixar-se.
    Alguém sabe o que posso ou devo fazer para resolver este problema?


    Se é comum, é da responsabilidade do condomínio, indiscutivelmente.
    Sendo urgente, comunica ao condomínio que devem reparar ou reparará você, reavendo deles o dinheiro.
  4.  # 4

    A principal questão é quem disse que o cano é de facto comum ?

    É necessário a validação dessa confirmação, junte a factura da reparação ou orçamento de reparação e remete para o devido seguro.
    A empresa não lhe pode negar os dados do seguro de condomínio.
    • size
    • 18 Dezembro 2020

     # 5

    Colocado por: MarisaCunha
    Desmontamos os móveis da cozinha e reparamos que realmente havia bastante água no chão, proveniente de um cano comum do prédio que tinha rebentado.
    Contactamos o condomínio porque a nosso ver, se é um cano comum e não de uso exclusivo do nosso apartamento, a responsabilidade do arranjo seria deles e não nossa.
    Disseram que tínhamos de ser nós a arranjar porque rebentou na nossa casa.


    Explicite melhor a situação, se possível...

    Que cano é esse que está derramar água na sua cozinha ?
    É realmente da coluna vertical do esgoto do prédio, normalmente inserido na fachada ?
  5.  # 6

    Obrigada a todos pelos comentários.
    O cano é realmente comum do prédio. Passa dentro de uma coluna que se situa dentro de cada uma das cozinhas. O cano vem desde o 5° andar até à fossa.
    No início pensamos que poderia estar entupido, e a empresa que gere o condomínio enviou um senhor a minha casa que verificou que não se trata de entupimento mas sim de rebentamento do tubo. Ele próprio confirmou que o cano não é de uso exclusivo mas sim um cano que pertence ao condomínio.
    Já dissemos várias vezes para condomínio ativar o seguro que supostamente teriam, visto nós pagarmos, mas entretanto ontem enviaram um e-mail a dizer que não têm seguro e que como rebentou na nossa casa teríamos de ser nós a contactar o nosso seguro e a arranjarmos os estragos.
  6.  # 7

    Outro pormenor..
    Para termos mesmo a certeza que o cano era comum e não de uso exclusivo nosso, ficamos 2 dias sem utilizar banca da cozinha e sem ligar máquinas da roupa e da loiça. Não fizemos qualquer descarga de água. E verificamos que sempre que havia uma descarga nos andares de cima, deitava água por esse mesmo tubo
  7.  # 8

    Colocado por: MarisaCunhaJá dissemos várias vezes para condomínio ativar o seguro que supostamente teriam, visto nós pagarmos, mas entretanto ontem enviaram um e-mail a dizer que não têm seguro e que como rebentou na nossa casa teríamos de ser nós a contactar o nosso seguro e a arranjarmos os estragos.


    diga, não, não e não.

    é da responsabilidade do condomínio, se não existe seguro é o condomínio que paga, se o condomínio não tem dinheiro tem que pedir uma quota extra a todas para fazer as obras.

    Mostre à empresa que conhece os seus direitos, ou então você faz as obras e desconta o valor do condomínio até reaver o dinheiro gasto.
  8.  # 9

    Colocado por: pauloagsantos

    diga, não, não e não.

    é da responsabilidade do condomínio, se não existe seguro é o condomínio que paga, se o condomínio não tem dinheiro tem que pedir uma quota extra a todas para fazer as obras.

    Mostre à empresa que conhece os seus direitos, ou então você faz as obras e desconta o valor do condomínio até reaver o dinheiro gasto.


    É o que temos feito, mas mesmo assim continuam a dizer que não é um problema deles mas sim nosso.
    Não sei mais o que fazer. O condomínio afinal não tem seguro, eles dizem que não arranjam, o nosso seguro diz que tem de ser o condomínio.
    Alguém sabe se existe alguma associação / plataforma, que preste apoio a condóminos?
    • size
    • 18 Dezembro 2020 editado

     # 10

    Colocado por: MarisaCunha
    Alguém sabe se existe alguma associação / plataforma, que preste apoio a condóminos?


    Reporte a situação junto da sua Câmara Municipal, no sentido de ser feita uma vistoria de salubridade da sua fracção por esgotos do prédio.

    Da inspecção resultará uma notificação ao condomínio para que proceda à reparação necessária, dentro de determinado prazo, sob pena de ser aplicada uma coima.
    Se o condomínio não possui dinheiro em reserva, o administrador tem a obrigação de ter que quotizar os condóminos para o efeito.

    Alerte o seu vizinho (loja) para fazer o mesmo
    Concordam com este comentário: Damiana Maria
  9.  # 11

    se n há um seguro de condomínio, todos os condóminos do prédio deverão accionar o seguro multiriscos que têm das suas fracções que comparticipará a obra na respectiva permilagem.
  10.  # 12

    Advogado ... já !

    Até porque arranjar a cozinha é essencial.
  11.  # 13

    Ou seja. Há 3 semanas que detetou o problema. Tem a sua cozinha desmontada e continua a jogar Ping pong com a empresa de condomínios 😏 bem como a sua vizinha de baixo continua com o mesmo problema.
    1° Tem as actas das reuniões de condomínio? A questão do seguro que o condomínio é obrigado a ter foi debatida e decidido o porquê de não avançarem com a sua subscrição?
    2° O assunto tem de estar abordado em ata e/ou assegurado que não foi feito porque todos os condóminos concordaram e fizeram prova dos respectivos seguros individuais.
    3° Se nem uma coisa nem outra foi assegurada, a responsabilidade é do condomínio por omissão e não ter promovido solução. Logo é responsável pela reparação cuja compensação tratará com as seguradoras individuais se as houver ou com os condóminos individualmente.
    4° Em vez de continuar a protelar o assunto, deve comunicar à empresa que perante estas constatações vai proceder às necessárias reparações de emergência uma vez que afetam o normal funcionamento da sua fração. Dê conhecimento e envolva a sua vizinha de baixo e já agora todos os condóminos. Solicite a marcação de uma reunião de condomínio extraordinária com carácter de urgência.
    5° Mediante a resposta Faça a reparação devidamente documentada e notifique a empresa de condomínios de quanto devem ressarci-la.

    Tirando, o recurso à via judicial, que irá protelar ainda mais o assunto, acho que deveria tentar esta abordagem.
  12.  # 14

    No ponto 4 não esqueça de requerer junto dos serviços municipais a inspeção de salubridade. É mais um elemento que reforça a sua pretensão.
  13.  # 15

    Se é uma prumada(tubagem vertical comum) é da responsabilidade do prédio reparar.

    Tenho uma garagem que tem uma caixa de esgoto do prédio, um dia entupiu e tinha as águas sujas a sair pela portão.

    Falei com a administração do prédio, ao fim de 4 dias ainda estava em "análise", fui de novo falar com os administradores, ainda estavam a analisar, apenas disse, têm 2 dias para enviar alguém para resolver o problema, senão vou em abrir a caixa e tamponar a prumada, quando sair a merd@ nas habitações, só volto a abrir a garagem com ordem judicial.

    No dia seguinte tinha lá a empresa de desentupimentos.
  14.  # 16

    Colocado por: MarisaCunha

    É o que temos feito, mas mesmo assim continuam a dizer que não é um problema deles mas sim nosso.
    Não sei mais o que fazer. O condomínio afinal não tem seguro, eles dizem que não arranjam, o nosso seguro diz que tem de ser o condomínio.
    Alguém sabe se existe alguma associação / plataforma, que preste apoio a condóminos?


    O que tem que fazer é avisar que vai reparar e exigir ao condomínio o reembolso.
    Paralelamente deve exigir a convocação de uma assembleia de condóminos para eleger uma nova administração, porque essa é uma vergonha.
  15.  # 17

    Só um aparte:
    O seguro de condomínio nào é obrigatório por lei?
  16.  # 18

    Colocado por: medicineengSó um aparte:
    O seguro de condomínio nào é obrigatório por lei?


    É mas apenas para o risco de incêndio. Mas a realização do mesmo é da competência dos condóminos.

    Artigo 1429.° - Seguro obrigatório
    1- * É obrigatório o seguro contra o risco de incêndio do edifício, quer quanto às fracções autónomas, quer relativamente às partes comuns.

    2- O seguro deve ser celebrado pelos condóminos; o administrador deve, no entanto, efectuá-lo quando os condóminos o não hajam feito dentro do prazo e pelo valor que, para o efeito, tenha sido fixado em assembleia; nesse caso, ficará com o direito de reaver deles o respectivo prémio.
    Concordam com este comentário: Damiana Maria
  17.  # 19

    Então se o cano é comum, cada um dos condóminos terá que accionar o seu seguro na permilagem da sua propriedade, é isso?
    • size
    • 20 Dezembro 2020

     # 20

    Colocado por: medicineeng
    Então se o cano é comum, cada um dos condóminos terá que accionar o seu seguro na permilagem da sua propriedade, é isso?


    Depende do seguro e da cobertura específica, que cada condómino tenha subscrito.

    Está a referir-se à reparação da conduta comum ?