Iniciar sessão ou registar-se
    • NPRP
    • 28 fevereiro 2021

     # 1

    Malta Forista,
    Aos Arquitetos aqui presentes em Particular,

    Preciso da vossa ajuda / parecer para o seguinte caso:
    Moradia por legalizar na Câmara Municipal e construída há mais de 30 anos; a pagar IMI desde sempre;
    Foi feito um levantamento topográfico pago directamente ao topógrafo e disponibilizado ao gabinete de arquitectura para posterior análise e enquadramento do que seria necessário fazer de alteração para posterior entrada de processo de legalização;
    Existiu apenas uma reunião concreta no gabinete de arquitectura onde foi apresentado um mero esboço em “cima de papel vegetal” das alterações necessárias a efectuar na moradia e que respeitasse as necessárias regras para o processo de legalização proposto;
    No entanto com o passar do tempo o proprietário acaba por desistir da ideia da legalização da habitação e não fez avançar o processo.
    Em resumo, existiu apenas 2 reuniões, uma muito básica de apresentação dos intervenientes (cliente-técnico) e outra onde se apresentaram as alterações propostas com um rabiscos “pelo meio”...
    Claro está que cada caso é um caso e cada um sabe do seu preço mas no vosso entender qual é o valor justo (ou intervalo de valores) a cobrar pelo serviço prestado?
    Obrigado a todos pelos contributos.
  1.  # 2

    Começou logo mal.
    Deveria ter efectuado a Facturação e recebimento de valor de Adjudicação face uma proposta de honorários prévia. ( pelo que dá a entender não houve nada disso)
    Antes de encetar qq trabalho. Olhe dessas tenho varias boladas dessas, em particular nos primeiros anos de actividade...
    Assim havendo desistência e não passando para fase seguinte. assunto arrumado. Cada um vai à sua vida.
    Estas pessoas agradeceram este comentário: NPRP
    • NPRP
    • 28 fevereiro 2021

     # 3

    Colocado por: Pedro BarradasComeçou logo mal.
    Deveria ter efectuado a Facturação e recebimento de valor de Adjudicação face uma proposta de honorários prévia. ( pelo que dá a entender não houve nada disso)
    Antes de encetar qq trabalho. Olhe dessas tenho varias boladas dessas, em particular nos primeiros anos de actividade...
    Assim havendo desistência e não passando para fase seguinte. assunto arrumado. Cada um vai à sua vida.
    Estas pessoas agradeceram este comentário:NPRP

    Correcto, não houve nada disso. No entanto o profissional fez uma análise ao caso, de 10 minutos ou de uma hora ao caso, não sei, e deve ser pago pelo trabalho ou atenção que dedicou ao assunto. É isto que está a faltar e ainda falta ser questionado, no entanto a questão coloca-se aqui para tentar perceber se 88 é abuso ou se 8 é de borla...este serviço vale o quê, 100 euros?
  2.  # 4

    Eu tenho uma tabela do preço hora...Mas não foi isso o acordado, pelo que informa.
    O valor será o que acordarem.
    O seu papel é o de cliente ou de prestador do serviço?
  3.  # 5

    NPRP

    Para alem desses tais 10 minutos há que apurar o que foi feito efetivamente
    acho estranho estar a perguntar isso pois o normal seria o cliente comunicar a desistência ao gabinete e pedir as contas ao gabinete, este por sua vez apresenta um valor e ai é que se poderá apurar se é justo ao não justo, não é o cliente á partida que estabelece se é 100 € ou se é 200€.
    Concordam com este comentário: Pedro Barradas
    • NPRP
    • 28 fevereiro 2021

     # 6

    Colocado por: Pedro BarradasEu tenho uma tabela do preço hora...Mas não foi isso o acordado, pelo que informa.
    O valor será o que acordarem.
    O seu papel é o de cliente ou de prestador do serviço?

    Cliente.
  4.  # 7

    Pois se a coisa ficou por uma mera consulta...
    Nem visita ao local, nem nada, sem ter havido proposta de honorários... É ver o que lhe pedem.
    Se calhar não lhe pedem nada, ou o valor de uma consulta.

    Ps. Estive a reler o que escreveu inicialmente...
    • NPRP
    • 28 fevereiro 2021

     # 8

    Colocado por: marco1NPRP

    Para alem desses tais 10 minutos há que apurar o que foi feito efetivamente
    acho estranho estar a perguntar isso pois o normal seria o cliente comunicar a desistência ao gabinete e pedir as contas ao gabinete, este por sua vez apresenta um valor e ai é que se poderá apurar se é justo ao não justo, não é o cliente á partida que estabelece se é 100 € ou se é 200€.
    Concordam com este comentário:Pedro Barradas

    Concordo pois ainda não foi comunicado ao prestador de serviço que houve desistência da intenção de legalizar. Mas como já referi anteriormente, foi apenas feito uns rabiscos (com todo o respeito pela arte) em papel vegetal e por cima do levantamento topográfico da dita moradia. A minha dúvida é efectivamente saber um valor meramente indicativo para isso. Claramente a dúvida ficará desfeita quando se informar o prestador da não intenção de avançar e respectivo pedido de quanto será cobrado por esse serviço...
  5.  # 9

    NPRP

    isso dos rabiscos foi o que voce viu, portanto não sabe o que já poderá ter sido feito em fase de estudo interno do gabinete, portanto como frisei acho estranho e um pouco descabido tentar apurar por aqui "quanto vale os rabiscos"
    desculpe a frontalidade mas isto tem de se criticar os dois lados quando se vê mal.
    • NPRP
    • 28 fevereiro 2021

     # 10

    Colocado por: Pedro BarradasPois se a coisa ficou por uma mera consulta...
    Nem visita ao local, nem nada, sem ter havido proposta de honorários... É ver o que lhe pedem.
    Se calhar não lhe pedem nada, ou o valor de uma consulta.

    Ps. Estive a reler o que escreveu inicialmente...

    Sim, sem visita. Posso contar com um valor semelhante a “uma consulta de qualquer especialidade médica em consultório privado”? 🙄
    Face ao que foi feito e mais não foi pedido, acho que é justo...
    • NPRP
    • 28 fevereiro 2021

     # 11

    Colocado por: marco1NPRP

    isso dos rabiscos foi o que voce viu, portanto não sabe o que já poderá ter sido feito em fase de estudo interno do gabinete, portanto como frisei acho estranho e um pouco descabido tentar apurar por aqui "quanto vale os rabiscos"
    desculpe a frontalidade mas isto tem de se criticar os dois lados quando se vê mal.

    Nada foi feito além desse estudo muito prévio, chamemos-lhe assim... de qualquer das formas eu percebo a estranheza do caso, mas como referi nada mais foi feito. Bom, nada como “encerrar o assunto” com o próprio com a razoabilidade que se impõe entre ambas as partes.. obrigado pelos comentários.
 
0.0139 seg. NEW