Iniciar sessão ou registar-se
  1.  # 1

    Boas tardes, há algum tempo iniciei o processo de construir uma casa de raíz e estou neste momento à espera apenas do projeto de especialidades que está praticamente concluído. As minhas dúvidas são: Com o preço dos materiais de construção a aumentar tanto, será a melhor altura para pedir orçamentos? Posso/devo esperar? Até quando? Gostaria de ouvir algumas opiniões por parte de epessoas que lidam com isto diáriamente, muito obrigado desde já.
  2.  # 2

    Colocado por: LtikiCom o preço dos materiais de construção a aumentar tanto, será a melhor altura para pedir orçamentos?

    Não!

    Colocado por: LtikiPosso/devo esperar?

    Depende!
    Pode esperar quanto tempo?
    Na minha opinião os preços não vão baixar significativamente, vão eventualmente começar a abrandar lá para o final do próximo ano
    Concordam com este comentário: Ltiki, sustrafics, AAFF
    Estas pessoas agradeceram este comentário: Ltiki
  3.  # 3

    a partir de agosto começa a baixar. mas até voltar a valores do ano passado vai demorar. isto se não acontecer mais desastres
    Concordam com este comentário: Ltiki
    Estas pessoas agradeceram este comentário: Ltiki
  4.  # 4

    Colocado por: SMBSa partir de agosto começa a baixar.

    Porquê?
    Não esqueça da lei da oferta e da procura. O preços dos materiais até pode estagnar mas o custo de construção não vai baixar.
    Qualquer empreiteiro tem obras garantidas até ao final do próximo ano. Se podem manter os preços atuais não vão baixar pelo simples facto de não necessitarem
    Concordam com este comentário: sustrafics
  5.  # 5

    Colocado por: SMBSa partir de agosto
    Nem pense. Enquanto os transportes mundiais estiverem aos preços que estão, esqueça.
    Concordam com este comentário: Vítor Magalhães
  6.  # 6

    Nos mercados de futuros de aço, madeiras e plásticos já há quedas bem significativas, mas até chegar ao consumidor vai demorar, lá para o ultimo trimestre... resta saber como vai estar o preço do petróleo que influencia nos transportes e a inflação.

    Agora não é boa altura, está tudo escaldado e vão meter uma boa margem em cima para evitar dissabores... ou então fornece aqueles materiais cujo preço subiu mais ou está mais instável, como o aço, isolamentos térmicos, madeiras...
    Concordam com este comentário: Vítor Magalhães, eu
  7.  # 7

    Nao sou da area mas falo com um familiar que e, segundo ele em franca projetam que muitas obras possam ter de parar em setembro por falta de material.
  8.  # 8

    Estas pessoas agradeceram este comentário: Ltiki
  9.  # 9

    Pode esperar quanto tempo?

    Esta pergunta está relacionada com a validade (ou não) de algum documento que entregue agora. Sei que tenho um ano para iniciar a obra julgo eu.
  10.  # 10

    Colocado por: zedasilva
    Não!


    Depende!
    Pode esperar quanto tempo?
    Na minha opinião os preços não vão baixar significativamente, vão eventualmente começar a abrandar lá para o final do próximo ano
    Concordam com este comentário:Ltiki,sustrafics
    Estas pessoas agradeceram este comentário:Ltiki


    Infelizmente, encontro-me numa situação semelhante. É uma fase extremamente difícil em qualquer sector, sendo que idealizar previsões será sempre muito complicado a curto-médio prazo.
    Estava a considerar iniciar construção em meados de 2022, mas talvez seja mais prudente aguardar até 2023. No entanto, tal como diz, esta crise poderá levar vários anos a resolver...
    Estas pessoas agradeceram este comentário: Ltiki
  11.  # 11

    O mundo tb pode ter mudado, nas crises às vezes isso acontece.
    Concordam com este comentário: Zé Meirinho
  12.  # 12

    Colocado por: zedasilva
    Porquê?
    Não esqueça da lei da oferta e da procura. O preços dos materiais até pode estagnar mas o custo de construção não vai baixar.
    Qualquer empreiteiro tem obras garantidas até ao final do próximo ano. Se podem manter os preços atuais não vão baixar pelo simples facto de não necessitarem
    Concordam com este comentário:sustrafics


    Caríssimo. Acompanho este fórum há já vários anos e, apesar de ter iniciado a minha participação muito recentemente, aproveito para enaltecer a forma construtiva e correta como aborda os vários temas. Um bem haja!
    Concordam com este comentário: eu, lmcaet, Beto1980, vitocril
    Estas pessoas agradeceram este comentário: Ltiki
  13.  # 13

    Colocado por: AMVPO mundo tb pode ter mudado, nas crises às vezes isso acontece.

    O mundo vai mudar, em especial o mundo da construção.
    Esta crise bem definitivamente impor a necessidade da gestão da construção.
    O custo do materiais e da mão de obra tem que ser minimizado pela gestão. A gestão custa dinheiro, mas acima de tudo obriga à mudança de mentalidades.
    Este é p principal problema dos nossos empreiteiros, mudar mentalidades e forma de gestão.
    Se neste momento não falta trabalho, ele vai mais tarde ou mais cedo começar a rarear. Nesse momento vão sobreviver aqueles que nesta fase estão já em processo de mudança.
    A navegação à vista e o orçamento ao m2 vão acabar e com eles a grande maioria dos empreiteiros.
    O projeto individualizados vão ser só para quem pode. A normalização é algo que temos que aceitar
    Concordam com este comentário: RUIOLI, jorgealves, falcon16
    Estas pessoas agradeceram este comentário: NLuz, Ltiki
  14.  # 14

    Colocado por: sustraficsaproveito para enaltecer a forma construtiva e correta como aborda os vários temas. Um bem haja!

    Não tem de quê.
    Por norma posso converter os meus honorários em sandes de courato e mines.
    :)
    Estas pessoas agradeceram este comentário: eu, Sansoni7, silence, Ltiki
    • eu
    • 7 julho 2021

     # 15

    Colocado por: zedasilvasandes de courato e mines

    Só não oferecemos isso, porque nos preocupamos com o seu colesterol e triglicéridos.
    Estas pessoas agradeceram este comentário: Ltiki
  15.  # 16

    Colocado por: eupreocupamos com o seu colesterol e triglicéridos.

    Vocês ainda conseguem ser mais tretas que a minha mulher.
    :(((
    Concordam com este comentário: eu
    Estas pessoas agradeceram este comentário: Ltiki
    • eu
    • 7 julho 2021 editado

     # 17

    Sobre o tema do tópico, ninguém sabe ao certo o que vai acontecer aos preços dos materiais, o que podemos escrever aqui são meros palpites.

    O meu palpite é que se puder esperar 2 ou 3 anos, espere. Eu acho que vem aí uma crise ainda pior que a de 2008-2012 e os preços vão baixar.

    Mas é apenas um palpite... uma coisa que eu aprendi na minha vida é que os mercados são imprevisíveis por natureza. Quando os "gurus" aparecem nos media com muitas certezas, é só tretas ou manipulação.
    Concordam com este comentário: Ltiki, RuteRosa
    Estas pessoas agradeceram este comentário: Ltiki
  16.  # 18

    Colocado por: sustraficsNo entanto, tal como diz, esta crise poderá levar vários anos a resolver...

    Crise? qual crise? só se for para o setor da restauração e turismo. Os custos da construção serão sempre a subir, o trabalho é duro e o pessoal ganha pouco, pelo que a tendência será sempre subir. Eventualmente alguns materiais irão descer, mas os empreiteiros não irão considerar essa descida nos orçamentos, tal como agora estão a absorver o acréscimo de custos nas obras que estão a executar com orçamentos do ano passado.

    Lembram-se de o PS gritar com os aumentos de impostos da troika/Passos Coelho? Pois e o que é que ele fez a seguir? aumentou ainda mais.
    Estas pessoas agradeceram este comentário: Ltiki
  17.  # 19

    Colocado por: zedasilva
    O mundo vai mudar, em especial o mundo da construção.
    Esta crise bem definitivamente impor a necessidade da gestão da construção.
    O custo do materiais e da mão de obra tem que ser minimizado pela gestão. A gestão custa dinheiro, mas acima de tudo obriga à mudança de mentalidades.
    Este é p principal problema dos nossos empreiteiros, mudar mentalidades e forma de gestão.
    Se neste momento não falta trabalho, ele vai mais tarde ou mais cedo começar a rarear. Nesse momento vão sobreviver aqueles que nesta fase estão já em processo de mudança.
    A navegação à vista e o orçamento ao m2 vão acabar e com eles a grande maioria dos empreiteiros.
    O projeto individualizados vão ser só para quem pode. A normalização é algo que temos que aceitar


    Tem razão, é um facto que está em mudança sim.
  18.  # 20

    Colocado por: PicaretaOs custos da construção serão sempre a subir, o trabalho é duro e o pessoal ganha pouco,

    A média de idades do pessoal da produção deve rondar os 50 e muitos anos.
    Este pessoal está a 10 anos da reforma se entretanto não for para outro setor. Não existem jovem para os substituir, o custo de mão de obra será sempre a subir nos próximos anos.
    Concordam com este comentário: jorgealves, Luis K. W.
 
0.0363 seg. NEW