Iniciar sessão ou registar-se
  1.  # 1

    Saudações a todos. Sou novo aqui, e como já vi alguns posts relacionados com problemas em automóveis, venho por este meio expor uma situação.

    Temos cá em casa uma SEAT Altea XL de 2007 a gasóleo (1.9 105cv). Compramos em segunda mão há cerca de cinco anos, na altura achamos nós que foi por um bom preço (mais barato do que o normal), mas por algumas coisas que aconteceram depois, o barato saiu caro.

    No passado mês de abril, aconteceu-me de a "luz da água" acender em andamento e começar a apitar, apesar de a temperatura não ter subido acima dos 90°C. Depois de ver atentamente, descobrimos que o depósito estava com uma fuga na conexão de retorno do líquido, onde encaixa a mangueira. O meu pai colocou uma braçadeira pequena lá, apertou bem, e o problema deixou de se dar. Obviamente que trocamos o depósito, e em princípio teria ficado resolvido.
    No entanto, há cerca de um mês, reparei que o depósito começou a perder água misteriosamente. Isto começou a acontecer depois de andar com o ar condicionado ligado. Reparei que havia água no chão, atribuí ao ar condicionado. No entanto, passados vários dias e sem me aparecer água no chão, o depósito continua a perder água. Se andar com ela todos os dias, diria que de três em três dias tenho de repor o nível, o que certamente não é normal, mesmo sendo verão. Tenho um mecânico vizinho que me está sempre a dizer que é normal, esteve a ver e ela não perde água, mas o certo é que ela desaparece. Já disseram ao meu pai que pode ser do radiador da sofagem, que ao que parece custa uns 400€ para reparar, e a mim já me disseram que possivelmente a junta da colaça pode ter ido á vida, e talvez a água se ande a misturar com o óleo. De facto, há já algum tempo que não lhe adiciono óleo, e hoje mesmo antes de uma viagem que fiz de Vila Real ao Porto, apesar de ver na vareta que estava no nível, ficou pouquinho óleo no papel que usei para limpar a vareta. Não sei se é normal.

    Alguém me consegue elucidar? Obrigado
    • size
    • 13 agosto 2023

     # 2

    Se não lhe aparece água no chão da garagem, ou no chão no do carro, pode acontecer que exista uma fuga na junta da cabeça do motor, para o cárter do óleo, ou para a saída do escape.
    Estas pessoas agradeceram este comentário: Iko
  2.  # 3

    Para despistar o radiador da sofagem ligue no quente no máximo. Se fizer calor pode excluir. De seguida é fazer teste de pressão no vaso.
  3.  # 4

    Água no chão? Em que chão? No carro junto aos pés do condutor/passageiro? Ou no chão por baixo do carro? E é água ou liquido de refrigeração?
    •  
      Dom
    • 16 agosto 2023

     # 5

    Veja se o carro faz fumo branco para descartar a queima do liquido. O seu vizinho claramente não quer saber do assunto porque isso não é normal de todo.
  4.  # 6

    verifique a tampa do vaso de expansão. pode ser por aí.
    nem que peça uma a alguem para testar.
  5.  # 7

    Obrigado a todos pelas respostas. Apercebi-me entretanto que efetivamente ela perde água, pois ela cai para o resguardo e acaba no chão. O mecânico já esteve a ver e vai fazer um teste para ver por onde ela verte.
  6.  # 8

    Podem ser vários factores.

    Junta da cabeça, neste caso terá uma pasta meio amarelada no caso de expansão do radiador (abrir só quando tiver com o carro frio).

    Perda pelos radiadores ou perda por algum dos tubos. Pode acontecer que o líquido entre em contacto com alguma parte quente do carro e que depois faça evaporar. Deixando pouco rasto da fuga.

    Bomba de água a dar as últimas (é frequente em vags).

    Sem já meteu no mecânico ele facilmente dará com o gato.
  7.  # 9

    Bomba de água não será, pois levou uma nova em 2021, mas nunca fiando...
  8.  # 10

    Se trocou em 2021 não será por aí o problema em principio. Junta da cabeça também diria que é difícil se usou o anticoagulante certo.

    Provavelmente alguma rutura no sistema de refrigeração. Se assim for não deve ser muito dispendioso.

    Qualquer das formas tem um carro de qualidade, genericamente bastante fiável.

    Boa sorte
    • smart
    • 26 agosto 2023 editado

     # 11

    Hum
    Pegue numa lanterna
    Aponte na frente, a meia altura, onde está o suporte da vareta do óleo e veja se não está húmido.
    Neste local, posiciona se o copo do filtro do óleo, que tem um radiador ou se quiser permutador, com a finalidade de arrefecimento do circuito.
    Como os mecânicos são bons tudo, em vez de usar uma chave dinamómetro para apertar com a força certa, e a olho..
    E força a mais estamos a separar o copo do bloco.
    É uma possibilidade
    Tem aqui uma imagem para saber o que procura.
    Procure a parte em alumínio junto da vareta do óleo
    https://www.google.com/search?q=copo+filtro+oleo+vw+1896&oq=copo+filtro+oleo+vw+1896&aqs=chrome..69i57j0l3.23107j1j7&client=ms-android-hmd-rev2&sourceid=chrome-mobile&ie=UTF-8#vhid=sidNPIfIEtZrBM&vssid=l
    A existir fuga será no plástico onde os 4 parafusos apertam no bloco ou seja no plano em cor verde da img seguinte
      Screenshot_20230826-173337~2.png
    • argo
    • 27 agosto 2023

     # 12

    Sendo o carro de 2007, com sorte é uma simples rela.
  9.  # 13

    Boa tarde a todos. O problema, em princípio, já está resolvido. O mecânico esteve a ver e descobriu que havia uma fuga numa peça, o "divisor da água" (imagem em anexo), aí retirou e substituiu. Ele disse-me que, em princípio, já não deve voltar a acontecer. Total de 60 e tal euros (20 e tal da peça e uns 48 da mão de obra).

    Em relação á questão do anticongelante, como disse uma pessoa acima, ele não foi usado convenientemente, pela simples razão de que há um bom tempo a gente só lhe colocava água da torneira. Podem insultar-me á vontade pois sei que é algo que não se deve fazer, mas por esquecimento de comprar o G12 foi assim que aconteceu. Mais de um ano sempre a adicionar água da torneira ao depósito, o que levou o motor a criar ferrugem (podem ver que a peça da foto parece estar suja com pó de tijolo, é justamente disso).

    Anteontem antes de entregar o carro ao mecânico, comprei um garrafão de 5L do G12, ele lá adicionou e só sobrou um pouco. Garanto-vos que nunca mais vou adicionar água da torneira ao depósito deste carro. Tenho um FIAT Punto de 1999, 1.2 60cv, mas também só adiciono água. Não é o mais indicado certamente pois não? O depósito está todo barrento por dentro.

    Obrigado.
    Estas pessoas agradeceram este comentário: jorgemlflorencio
      Screenshot_2023-08-29-19-19-43-127_com.miui.gallery.jpg
  10.  # 14

    Boa noite.

    Aconselho vivamente a fazer uma limpeza ao sistema. Meter água destilada várias e fazer a purga quantas vezes for necessário até sair mais ou menos limpa. A ambos os carros.

    Depois meter anticongelante de acordo com a marca.

    Agora milagres não há. O que vê aí é o sistema a apodrecer por dentro. De certeza que esteve bastante tempo a água.
    Concordam com este comentário: bluthunder82
  11.  # 15

    Boa noite. Terei de falar com o meu pai, para ele pedir ao mecânico para fazer essa "purga" (não sei se o fez na SEAT quando colocou o G12 possivelmente não). A ferrugem que o motor já criou, penso eu que já não haverá nada a fazer para reverter o estrago, infelizmente. Desde que me lembra, acho que o FIAT nunca levou líquido próprio, só água mesmo, e já o temos desde 2014. Fazendo tudo direitinho, ainda se deve ir a tempo de evitar problemas maiores, não?
  12.  # 16

    A 100% nunca vai ficar. Pode estabilizar é no ponto de corresao que ficou. Existe uns produtos de limpeza de circuitos que poderão ajudar, dependendo do estado do carro.

    Principalmente nesse Fiat irá mais tarde ou mais cedo ter fugas.

    Qualquer das formas é um trabalho moroso mas que deve ser feito.
    Fale com o seu mecânico se for honesto saberá o que fazer e irá dar bons conselhos (já que conhece o carro).
    Concordam com este comentário: bluthunder82
    Estas pessoas agradeceram este comentário: leofe
  13.  # 17

    Ponha 250ml de vinagre no circuito e ande meia dúzia de dias, troque a água (destilada) e faça o mesmo todas as vezes necessárias até que o circuito fica completamente limpo por dentro.

    Fiz isso numa Astra TDS e ao fim de um mês estava completamente limpa, depois levou anticongelante de 50% e nunca mais vi ferrugem.
  14.  # 18

    Evitando as mesinhas o produto que recomendo é o limpador de radiadores da liqui moly mas deve ser aplicado após avaliação do estado do carro. Se tiver em muito mau estado é pior a emenda que o soneto.
  15.  # 19

    Agradeço as recomendações. No entanto, e como já foi adicionado o G12 ao sistema, não sei se retirar compensa retirar o líquido todo? Isso que dizem é mesmo necessário ou só recomendado? Desculpem a ignorância!

    Obrigado
  16.  # 20

    O carro onde meteu tinha muita lama? Ou só teve água da torneira uns dias quando teve o problema da fuga?

    Se foi por uns dias e a purga foi feita então deixava estar. Em caso contrário, é ver como está o líquido. Se tiver uma cor mais acastanhado ou tinha aquela pasta antes de o meter aconselho a fazer o que já foi referido.

    Mas se foi este último caso estranho o mecânico não lhe ter sugerido isso.
 
0.0204 seg. NEW