Iniciar sessão ou registar-se
  1.  # 61

    uma vergonha

    a questão da habitação devia estar mais salvaguardada nestes locais, em relação ao livre mercado por razões humanas e até
    para prever o caso em que pode ser um tiro no pé, ou seja ao retirar a essência humana dos locais perde-se o característico e vira mais uma banalidade igual a tantas outras vivencias em qualquer cidade por esse mundo fora.
  2. Ícone informação Anunciar aqui?

  3.  # 62

    O centro de Lisboa está transformado numa Disneylândia.
  4.  # 63

    Colocado por: macalO centro de Lisboa está transformado numa Disneylândia.


    Esta loja é A Disneyland_Lisboa.
    http://www.mundofantasticodasardinha.pt/

  5.  # 64

    Eu sinceramente nao entendo por que uma pessoa que mroa ha quarenta anos em um apartamento comeca a pensar que dele e dona....

    E por que ha indenizacao para retira-la de la...

    Isso e um absurdo...

    Em todo lugar e assim...quem nao pode morar no centro tem que morar no suburbio. Agora...por que a cidade tem que arrumar casas para as pessoas?

    Se as leis do arrendamento nao fossem tao repugnantes...haveria muitos apartamentos para arrendamento no mercado...Mas...
    Concordam com este comentário: Enigmas
  6.  # 65

    Colocado por: Palhava

    Esta loja é A Disneyland_Lisboa.
    http://www.mundofantasticodasardinha.pt/


    Sinceramente...e antes????? Parecia o que???? Com tudo aquilo caindo aos pedacos???? O centro de Lisboa mudou muito e mudou para melhor!
    Em todas as capitais ocorreu isso. Os centros eram povoados por pessoas pobres que nao tinham dinheiro para cuidar dos predios ou porque eram arrendados por um valor muito baixo e ninguem cuidava de nada, familias de seis pessoas morando em duas assoalhadas caindo aos pedacos...ah por geracoes e geracoes neste ciclo...Vieram os turistas, os investidores, e tudo muda... Como era Londres???
    Agora...entao....queriam ficar mesmo do jeito que estava? Aqueles lindos predios transformados em pensoes baratas cheias de baratas, tudo mal cheiroso e caindo aos pedacos?
  7.  # 66

    A relação senhorio/inquilino:
    Por vezes a vítima é o senhorio quer se queira ou não admitir.
    Concordam com este comentário: Eugenia Matos
  8.  # 67

    Colocado por: Eugenia MatosEu sinceramente nao entendo por que uma pessoa que mroa ha quarenta anos em um apartamento comeca a pensar que dele e dona....

    E por que ha indenizacao para retira-la de la...

    Isso e um absurdo...

    Em todo lugar e assim...quem nao pode morar no centro tem que morar no suburbio. Agora...por que a cidade tem que arrumar casas para as pessoas?

    Se as leis do arrendamento nao fossem tao repugnantes...haveria muitos apartamentos para arrendamento no mercado...Mas...
    Concordam com este comentário:Enigmas


    Pode indicar-nos em concreto onde está a repugnância das leis do arrendamento?
  9.  # 68

    Eugenia

    não tanto ao nem tanto á terra

    a eugénia que tanto defende as caraterísticas tradicionais das coisas também tem que ponderar o lado sociológico disso
    ou seja imagine este exemplo por exagero: tem uma ilha com um povo indígena da mesma com valores e tradições que a tornam um ponto turístico por isso mesmo.
    no dia em que esse povo indígena for como que "exterminado", o que pode resultar?? mais uma ilha com umas praias cheia de edifícios turísticos iguais a tantas outras ilhas
    portanto há um lado sociológico ( não confundir com assistência social) que tem de ser ponderado.
  10.  # 69

    Colocado por: marco1Eugenia

    não tanto ao nem tanto á terra

    a eugénia que tanto defende as caraterísticas tradicionais das coisas também tem que ponderar o lado sociológico disso
    ou seja imagine este exemplo por exagero: tem uma ilha com um povo indígena da mesma com valores e tradições que a tornam um ponto turístico por isso mesmo.
    no dia em que esse povo indígena for como que "exterminado", o que pode resultar?? mais uma ilha com umas praias cheia de edifícios turísticos iguais a tantas outras ilhas
    portanto há um lado sociológico ( não confundir com assistência social) que tem de ser ponderado.

    Este comentário fez-me pensar neste caso:

    http://observador.pt/2017/05/29/orango-parque-hotel-este-e-o-hotel-que-investe-o-lucro-na-comunidade/
    Concordam com este comentário: marco1
  11.  # 70

    Colocado por: macal

    Pode indicar-nos em concreto onde está a repugnância das leis do arrendamento?


    Ah...por favor... se o senhor e socialista eu o entendo mas eu nao sou e acho que ninguem tem o direito de morar no apartamento de outra pessoa "ad eternum".

    Entao, me diga o motivo pelo qual os predios de Lisboa, principalmente aqueles que so tem inquilinos, estavam e muitos ainda estao caindo aos pedacos???? Rendas que nao cobrem nem mesmo o IMI...e sem direito para os proprietarios colocarem os inquilinos a rua. Indenizacao para deixar o imovel onde morou, destruiu e pagou 20 euros por mes??? Mesmo??? Olha...isso nao existe em muitos paises... Para mim, isso e um atentado a propriedade particular.
  12.  # 71

    Colocado por: marco1Eugenia

    não tanto ao nem tanto á terra

    a eugénia que tanto defende as caraterísticas tradicionais das coisas também tem que ponderar o lado sociológico disso
    ou seja imagine este exemplo por exagero: tem uma ilha com um povo indígena da mesma com valores e tradições que a tornam um ponto turístico por isso mesmo.
    no dia em que esse povo indígena for como que "exterminado", o que pode resultar?? mais uma ilha com umas praias cheia de edifícios turísticos iguais a tantas outras ilhas
    portanto há um lado sociológico ( não confundir com assistência social) que tem de ser ponderado.


    Eu concordo em parte e nao acho que tudo tem que se transformar por causa do turismo. Eu nao gostaria de morar em um predio onde so tivesse airbnb...

    Em alguns bairros, os estrangeiros ja nao querem mais nem comprar...porque so tem...TURISTAS e outros estrangeiros! Descaracteriza mesmo...
    Mas ai dizer que o turismo esta acabando com Lisboa...ah...isso e mentira. Sejam sinceros. O que era Lisboa e o que e agora. Lisboa melhorou e melhorou muito...
    Essas pessoas que moram ha vinte anos no mesmo lugar, pagando quase nada de renda simplesmente acostumaram-se a isso e acham agora que a administracao publica tem que resolver um problema que na verdade nao e deles...
  13.  # 72

  14.  # 73

    Eugenia

    tal como eu disse nem tanto ao mar nem tanto á terra
    há que não matar a galinha dos ovos de oiro.
    é um assunto com alguma complexidade e todas as partes tem de ser ouvidas e tidas em atenção os seus argumentos
    o lucro imediato é bom mas pode não ser uma boa base de sustentabilidade.
    Concordam com este comentário: macal
  15.  # 74

    Colocado por: macal
    Pode indicar-nos em concreto onde está a repugnância das leis do arrendamento?

    Cá está um exemplo : "Rendas antigas congeladas por mais 8 anos"
    http://portal.uniplaces.com/pt-pt/congelamento-rendas-antigas/

    Quem tem uma casa é obrigado a alugar a preços de 1974. Porque é que os supermercados também não são obrigados a vender a preços do mesmo ano ás pessoas mais velhas???
    Concordam com este comentário: Eugenia Matos, Enigmas
  16.  # 75

    Colocado por: Carvai
    Cá está um exemplo :"Rendas antigas congeladas por mais 8 anos"
    http://portal.uniplaces.com/pt-pt/congelamento-rendas-antigas/

    Quem tem uma casa é obrigado a alugar a preços de 1974. Porque é que os supermercados também não são obrigados a vender a preços do mesmo ano ás pessoas mais velhas???
    Concordam com este comentário:Eugenia Matos


    Sim...a nova lei foi promulgada, nao foi????
    E assim..."ad eternun" viverao nas nossas casas...
    Onde esta a repugnancia? O
    O Macal podia comprar uns prediozinhos e alugar para as pessoas que estao sendo despejadas dos predios que serao remodelados... alugar com rendas antigas, claro...E, se um dia ele pensar em vender os prediozinhos...ah...paga uma indenizacaozinha para seus inquilinos... Assim...tudo tao simples e lindo! Viva!
  17. Ícone informação Anunciar aqui?

  18.  # 76

    acho que está a fazer um filme

    não é bem assim
  19.  # 77

    E assim...infelizmente...
    Ja vi varios casos. Ja visitei muitos apartamentos com inquilinos..
    E muito dificil mesmo retirar as pessoas e retomar os imoveis.
  20.  # 78

    Colocado por: marco1acho que está a fazer um filme

    não é bem assim

    È bem pior que qualquer filme. Durante dezenas de anos criaram leis a proteger uns quantos inquilinos e obrigaram sucessivas gerações de jovens a tornarem-se "inquilinos" dos bancos e ir viver para as periferias das cidades. E um sistema de justiça que sempre protegeu os caloteiros ajudou á festa.
    Concordam com este comentário: Eugenia Matos
  21.  # 79

    Colocado por: Eugenia Matos

    Ah...por favor... se o senhor e socialista eu o entendo mas eu nao sou e acho que ninguem tem o direito de morar no apartamento de outra pessoa "ad eternum".

    Entao, me diga o motivo pelo qual os predios de Lisboa, principalmente aqueles que so tem inquilinos, estavam e muitos ainda estao caindo aos pedacos???? Rendas que nao cobrem nem mesmo o IMI...e sem direito para os proprietarios colocarem os inquilinos a rua. Indenizacao para deixar o imovel onde morou, destruiu e pagou 20 euros por mes??? Mesmo??? Olha...isso nao existe em muitos paises... Para mim, isso e um atentado a propriedade particular.


    Portanto, não responde, certamente por desconhecer as leis de arrendamento.
  22.  # 80

    E quem congelou as rendas não foi um socialista, foi um fascista, de seu nome Salazar.
data-ad-format="auto" data_ad_region="test">