Iniciar sessão ou registar-se
  1.  # 1

    Boa tarde a todos.
    Já sou observador do fórum faz algum tempo e graças a vocês, já abri os olhos para muita coisa.
    Agora chegou a minha altura de começar a planear a minha casa que pretendo começar o processo de construção num futuro próximo.
    Não, não vou perguntar quanto custa construir uma casa de 150m2 sem luxos :)
    Também aprendi com vcs que a construção em métodos "alternativos" não é mais barata, mas é por aí que quero seguir.
    Há algum tempo que procuro em Portugal empresas que construam com SIPs, daqueles a sério, não aquele painel sandwish daquelas "casas" pré fabricadas manhosas.
    Encontrei finalmente uma empresa que fabrica casas através desse método, SIPs do tipo osb+ESP30 150mm+osb.
    Gostaria de saber se alguém tem experiência neste tipo de construção e possa dar opinião sobre o método.
    O preço que apresentam parece-me razoável ~1000€/m2 dado o que está incluído:

    ✓ Projetos de Arquitetura
    ✓ Projetos de Engenharia
    ✓ Processo de Licenciamento da Obra (execução e acompanhamento junto da CM)
    ✓ Fundações e Base de assentamento em Betão
    ✓ Construção da Habitação
    ✓ Bomba de Calor e Painéis Solares Fotovoltaícos para produção de água quente sanitária (AQS)
    ✓ Cozinha Equipada com Eletrodomésticos
    ✓ Roupeiros
    ✓ Processo de Licenciamento da Construção

    bem como também apresentam a gama de acabamentos para este valor m2.

    A empresa é a www.dreamdomus.com

    Desde já obrigado pelo feedback
    Estas pessoas agradeceram este comentário: TOMANE09
  2. Ícone informação Anunciar aqui?

  3.  # 2

    Olhe, vou-lhe ser sincero, este projecto da dreamdomus... sim senhor.
    Não desgosto do sistema construtivo e as plantas foram elaboradas cuidadosamente. a informação parece-me completa/ transparente..

    É um LIKE.

    Nas plantas tipo, poderia haver umas quantas tipologias mais contidas, por exemplo existir um T3 com os 120m2. A maior parte dos T2 apresentados ronda isso.... não era difícil e ficariam à mesma com boas áreas uteis.

    Sim senhor.
    Estas pessoas agradeceram este comentário: RCarvalho
      dreamdomus.JPG
  4.  # 3

    Obrigado pelo comentário Pedro.

    O que me chamou à atenção foi efectivamente a informação apresentada e valores realistas ao contrário de muito "boas" empresas que andam por aí.
    Sendo novo nestas andanças parece-me que se tratam de acabamentos/material de gama média.
    Relativamente às plantas tipo, de momento, estou mais virado para uma planta à medida pois o terreno que estou em negócio é completamente virado a sul , com vistas desafogadas e por isso quero tirar partido desse facto no que toca à exposição solar de forma a optimizar a eficiência energética bem como o aspecto estético.
    Tecnicamente vêm limitações neste sistema?
    Comparativamente com LSF, woodframing, alvenaria quais serão os pontos prós e contra deste sistema?

    De qualquer forma ainda estou numa fase muito inicial sendo que ainda terei de efectuar muitos contactos até efectivamente tomar uma decisão.

  5.  # 4

    Boas RCarvalho,

    quando estive em Singapura chegamos a contemplar esse sistema para uma moradia, penso que a empresa era nórdica, ou Sueca ou Norueguesa. Na altura havia pouca oferta mas hoje fui ver e tem bastantes empresas a oferecer esse produto. Em Portugal é que nunca vi ainda. Não quer dizer que não exista.

    O produto parecia bom, íamos aplicar numa moradia de luxo de dois andares. tinha uma coisa boa que era a rapidez de montagem, tecnicamente não pareceu na altura haver limitações, e a empresa estudava o projecto e fabricava as peças em fábrica para montagem.
    Estas pessoas agradeceram este comentário: RCarvalho
  6.  # 5

    como ainda está numa fase inicial do projecto dá tempo para estudar as opções. Na altura nao vi inconvenientes no sistema, e como disse a empresa era muito boa e coordenava todo o processo de montagem desde a fábrica... não me lembro do nome pois os emails eram internos e agora não tenho acesso a eles. mas penso que devem funcionar todas assim. terá de contactar com o fabricante para estudar melhor as opções certamente que adaptarão o sistema a qualquer projecto que lhes seja apresentado. Tb terá de coordenar com o arquitecto para que este estude a melhor solução e contemple o uso desse material.
  7.  # 6

    Obrigado antony.
    Apesar do que tenho lido por aqui, estava a pensar, se me decidir por esta empresa, em entregar também a eles a parte de arquitectura.
    Penso que será mais fácil para mim e também para conseguir controlar mais efetivamente custos e não haver o típico problema do arquiteto estimar um custo X e no final de contas construir aquele projeto custa X+Y.
    Dado o tipo de sistema construtivo, acham que há muita margem para o constructor "aldrabar"?
    Tecnicamente o acabamento exterior é feito com umas placas de magnésio(não faço ideia do que se trata) e depois leva rede e é rebocado.
    Pelo interior o gesso cartonado é colado diretamente no OSB. Não gostei muito deste aspeto e penso que seria melhor a aplicação do gesso cartonado com perfis, deixando uma caixa de ar para instalação elétrica/águas.
    O que acham relativamente a este aspeto?
  8.  # 7

    Colocado por: RCarvalhoPelo interior o gesso cartonado é colado diretamente no OSB. Não gostei muito deste aspeto e penso que seria melhor a aplicação do gesso cartonado com perfis, deixando uma caixa de ar para instalação elétrica/águas.
    O que acham relativamente a este aspeto?

    Pois, isso não me parece bom. Seria pelo menos meter o perfil de 40mm e aplicar a la de vidro entre montantes, seria aplicado a tubagem das instalações. De certeza que não é como estou a referir?!
  9.  # 8

    Pois isso era o que eu pensava que ficava bem, mas sou leigo nisto.
    Pelo que investiguei na maioria dos casos do sistema com SIPs as instalacoes passam por dentro do próprio painel, no ESP, sendo que é logo feito em fábrica todos os "buracos" nos SIPs para a parte eletrica. Realmente nao estou a ver como será para aguas...
  10.  # 9

    Olá outra vez.
    Recebi a seguinte proposta para uma casa T3 com area util 138m2.

    123K € + IVA

    O que acham dos valores? Será que é possível construir noutro sistema (lsf, wooframing, alvenaria) com as mesmas caracateristicas térmicas mais barato ou com melhores acabamentos?

    1. PROJETO DE ARQUITETURA E ENGENHARIA
    - Projeto de Arquitetura
    - Plano de Acessibilidades
    - Projeto de Arranjos Exteriores
    - Projeto de Estabilidade
    - Projeto de Rede de Abastecimento de Água
    - Projeto de Rde de Esgotos
    - Projeto de Rede de Águas Pluviais
    - Projeto de Rede de Gás
    - Projeto de Telecomunicações
    - Ficha Eletrotécnica
    - Projeto de Condicionamento Acústico
    - Projeto de Comportamento Térmico

    2. ESTALEIRO DE OBRA
    Montagem e desmontagem de estaleiro de obra.

    3. COORDENAÇÃO DE SEGURANÇA E FISCALIZAÇÃO
    Coordenação de segurança em obra (entidade externa à Dreamdomus)
    Fiscalização da obra (entidade externa à Dreamdomus)

    4. FUNDAÇÕES E BASE DE ASSENTAMENTO
    Limpeza do terreno, abertura de valas para fundações e movimentação de terras.
    Execução de fundações e laje aligeirada em betão armado.
    Impermeabilização das fundações com pintura em tinta asfáltica.

    5. EDIFICAÇÃO DA HABITAÇÃO
    Edificação da habitação com base no Sistema Construtivo Dreamdomus®. Paredes exteriores e interiores estruturais
    com 153mm de isolamento em EPS e revestimento em ambas as faces com placas OSB3. Paredes interiores com
    93mm de isolamento em EPS e revestimento em ambas faces com placas OSB3.
    Superestrutura em perfis de LSF com galvanização de 275g/m2 (EN10326/EN10346), conforme projeto de
    estabilidade. Montantes em perfis metálicos U de 93 e 153mm e vigas em perfis metálicos C e U de 200/204 e
    250/255mm. Cobertura com Painéis Dreamdomus®, com duplo revestimento em placas OSB3 e isolamento de 50mm
    em EPS.

    6. INSTALAÇÃO ELÉTRICA E DE TELECOMUNICAÇÕES
    Instalação elétrica, equipada com quadro(s) e respetivas proteções por disjuntores e diferenciais, conforme
    regulamentação em vigor. Aparelhagem elétrica da marca EFAPEL série LOGUS 90.
    Iluminação funcional em todas as zonas interiores por meio de projetores de iluminação, led embutidos nos tetos
    falsos.
    Instalação telecomunicações para TV e Internet, conforme norma ITED3.

    7. VIDEOPORTEIRO
    Videoporteiro FERMAX e rede de tubagem e cablagem

    8. CARREGAMENTO DE VEÍCULOS ELÉTRICOS
    2 tomadas para carregamento de veículos elétricos (alimentações diretas do quadro elétrico geral)

    9. INSTALAÇÃO DE REDES DE ÁGUAS E ESGOTOS
    Instalação hidráulica para distribuição de água em tubagem multicamada, a servir a áreas dos quartos de banho e
    cozinha, incluindo válvulas de corte e seccionamento com ligações flexíveis para aparelhos.
    Instalação de rede de esgotos em tubagem PVC, com respetivos sifões e tudos de respiro.
    Instalação de rede de águas pluviais em tubagem PVC.

    10. INSTALAÇÃO DE REDE DE GÁS
    Instalação de rede de gás conforme projeto e de acordo com a regulamentação em vigor.

    11. IMPERMEABILIZAÇÃO DA COBERTURA E CAPEAMENTOS
    Impermeabilização da cobertura com membrana de argamassa cimentícia bicomponente, reforçada com rede de
    reforço de fibra de vidro. Aplicação final com 2 camadas de poliuretano liquído.
    Protecção das platibandas por meio de rufos em chapa de alumínio lacado.
    Tubos de queda para drenagem de águas pluviais em alumínio lacado (em cor a definir).

    12. REVESTIMENTOS DE PAREDES EXTERIORES
    Revestimento exterior com membrana de impermeabilização TYVEK, ou marca equivalente.
    Revestimento total da fachada com placas isolantes de óxido de magnésio (MgO) de 12mm, aplicadas em contrajunta
    e revestimento final com argamassa cimentícia bicomponente, reforçada com rede de reforço de fibra de vidro em de
    toda a superfície das paredes exteriores.
    Pintura exterior com aplicação de primário, duas demãos de tinta texturada e acabamento a tinta acrílica lisa, em cor
    a definir.

    13. REVESTIMENTOS DE TETOS E PAREDES INTERIORES
    Revestimento das paredes interiores em gesso cartonado. Zonas húmidas com placas de gesso hidrófugo.
    Tetos falsos em gesso cartonado, com aplicação de lã mineral (Utotal = 0.42 W/m2ºC).
    Pintura das paredes interiores, com aplicação de primário e 3 demãos com acabamento mate na cor branca.

    14. IMPERMEABILIZAÇÃO DE QUARTOS DE BANHO
    Impermeabilização nos quartos de banho nas zonas de duche/banho e pavimentos com argamassa cimentícia
    bicomponente, reforçada com rede de reforço de fibra de vidro.

    15. QUARTOS DE BANHO REVESTIMENTOS DE PAREDES E EQUIPAMENTOS SANITÁRIOS
    - Revestimento cerâmico nas paredes até ao tecto falso, série LOVE LIGHTMARGRÉS
    - Lavatórios série SMILE sobre móvel série COOLSANITANA
    - Sanitas e bidés série GLAMSANITANA
    - Bases de duche série VITASANITANA
    - Banheiras série CUBICSANITANA
    - Resguardos para bases de duche/banheiras série STEPSANITANA
    - Torneiras série TUBISOFA
    - Conjunto de acessórios, vávulas de corte e ligações flexíveis

    16. COZINHA
    Cozinha com portas termolaminadas em cor a definir, com tampo de bancada em silestone e lava-loiça em aço
    inoxRODI.
    Eletrodomésticos da Marca TEKA, com Classificação Energética A+ ou superior. (Placa, Forno, Exaustor, Frigorífico,
    Microondas, Máquina de Lavar Loiça).

    17. ROUPEIROS
    Conjunto de roupeiros com portas em MDF lacado a branco, conforme projeto de arquitetura.

    18. PORTAS E JANELAS
    Porta de segurança para entrada principal em moradia, marca Dierre modelo Security One.
    Janelas de peitoril e de sacada em vãos exteriores em PVC e vidro duplo Guardian Sun (4mm + 14mm + 6mm), na cor
    branco (RAL Standard). Caixilharia com U = 1.3W/m2.ºC .Vidro com fator solar de 42% e U = 1.6W/m2ºC.
    Portas interiores de batente com acabamento lacado branco, incluindo dobradiças, fechaduras e puxadores em aço
    inox escovado.

    19. SISTEMA DE SOMBREAMENTO
    Sombreamento exterior por meio de estores elétricos, com isolamento térmico e acústico, em cor a definir (RAL
    Standard).

    20. PAVIMENTOS
    Pavimento em soalho flutuante em zonas comuns, série Woodstock 832 (Forest Oak Praline) da marca TARKET
    (classe de resistência AC4) e rodapé em branco.
    Pavimento cerâmico em zonas húmidas série LOVE GROUND / ARENAMARGRÉS
    Pavimentos exteriores - série LOVE WILDWOOD - MARGRÉS

    21. PRODUÇÃO DE ÁGUA QUENTE SANITÁRIA (AQS) COM BOMBA DE CALOR + PAINÉIS FOTOVOLTAÍCOS
    Sistema de produção de água quente por meio de Bomba de Calor (COP 3.12Classe Energética A+) com depóstito de
    200L, alimentada por 4 painéis solares fotovoltaícos (1060 W). Possibilidade de visualização da produção, via internet.

    22. ENSAIOS E CERTIFICAÇÕES
    - Inspeção da Instalação ITED (telecomunicações)
    - Inspeção da Instalação Elétrica (se aplicável)
    - Inspeção da instalação de Rede de Gás
    - Ensaios Acústicos
    - Certificação Energética


    Obrigado pela ajuda
  11.  # 10

    Colocado por: RCarvalhoRecebi a seguinte proposta para uma casa T3 com area util 138m2.

    123K € + IVA


    como se consegue orçamentar uma obra, quando não se sabe o que se quer construir?

    primeiro o projecto, e depois de se saber o que quer construir, é que se orçamenta a obra.

    faz-me confusão estes orçamentos com projecto+construção tudo junto.

    fora isso uma casa com uma area util de 138m2, ira ter uma area bruta de 180m2 (mais coisa menos coisa) se retirar cerca de 10.000 euros para projectos e licenças estamos a falar de uma casa com um custo de construção de 800€ (já com iva).não me parece uma missão impossivel
  12.  # 11

    Não se trata de um orçamento final mas de uma proposta comercial.
    Este valor foi dado com base numa "planta" fornecida por mim.
    De referir que os 123k não inclui a licença da câmara mas inclui projectos. Também não está incluído arranjos exteriores...

    Pelas minhas conta vai mais para os 1000€/m2

    Como opcionais também me deram os seguintes valores:

    24. REDE DE TUBAGENS PARA AR CONDICIONADO
    Instalação de rede de tubagens (cobre e esgotos) para aparelhos de Ar Condicionado. Uma unidade por
    quarto/escritório e uma sala comum. 1 160,00 €

    25. AR CONDICIONADO
    Fornecimento e Instalação de Aparelhos de Ar Condicionado da Marca SOLIUS (ou equivalente). Uma máquina mural
    por quarto/escritório (9000Btus) e uma na sala de estar/jantar (18000 Btus). 1 593,00 €

    26. LAREIRA/RECUPERADOR DE CALOR A PELLETS
    Salamandra SOLIUS - Modelo SINTRA - Potência de 7.0kW - Equipada com Regulação Automática da Temperatura e
    Programação Diária e Semanal. Modulação automática de potência do queimador. Vidro cerâmico com auto-limpeza.
    Acabamento muito discreto e elegante. 1 880,00 €

    27. SISTEMA VMC (Renovação do Ar Interior com aproveitamento de calor do ar extraído)
    Sistema VMC de renovação do ar interior, com 3 pontos de extração e 1 ponto de insuflação. 860,00 €
    • tmd
    • 29 Outubro 2018

     # 12

    Boas RCarvalho.
    Sempre avançou com a DreamDomus?
    Também estou inclinado a lhes dar o projecto para a obra e queria saber mais infos.
    obrigado
  13.  # 13

    Ainda nao, porque ainda nao consegui fechar negocio com o terreno, mas tb estou inclinado...
    • tmd
    • 29 Outubro 2018

     # 14

    Ok. Obrigado.
    Fiz uma reunião com eles e fiquei bastante impressionado com as características que me mostraram e não acho o valor elevado para o que oferecem.
    Se tiver informações novas vou pondo aqui para estares a par também.
    Estas pessoas agradeceram este comentário: RCarvalho
  14.  # 15

    Colocado por: tmdOk. Obrigado.
    Fiz uma reunião com eles e fiquei bastante impressionado com as características que me mostraram e não acho o valor elevado para o que oferecem.
    Se tiver informações novas vou pondo aqui para estares a par também.


    Mas voces não aprendem?!?!?

    Não viram já aqui os casos de "empresas" dessas?

    Realmente o maior cego é aquele que não quer ver!
  15. Ícone informação Anunciar aqui?

    • tmd
    • 29 Outubro 2018

     # 16

    Boas jcfcid.
    Podes me indicar alguns tópicos de empresas deste género, sff.
    Já procurei bastante aqui no fórum e sei que existem muitas empresas de casas modulares que não são nada credíveis.
    Mas o conceito desta empresa não assenta nesse tipo de casas.
    Pelo que sei e vi as casas deles são mistura de lsf com sips e depois da reunião que tive com eles pareceram-me bastante credíveis.
    Mas também como sou novo nisto procuro alguém que me tire as dúvidas e é o que procuro neste forum.
    Se puderes ajudar estou cá para ouvir a tua opinião.
    Obrigado desde já.
  16.  # 17

    Jcfcid, sabe algo que nós não sabemos ou está só a opinar com base no que ouve dessas empresas "Low cost"?
    Não sei se conhece a empresa em questão ou o método construtivo (SIPs), mas podia fazer algumas pesquisas sobre esta construção.
    Eu procuro especificamente este sistema e esta é a unica empresa a construir assim.
    Nas reuniões que tive com eles e nos orçamento que recebi gostei bastante pois está tudo especificado e não é, de todo, uma construção low cost como realmente muitas empresas apregoam.
  17.  # 18

    Colocado por: tmdBoas jcfcid.
    Podes me indicar alguns tópicos de empresas deste género, sff.
    Já procurei bastante aqui no fórum e sei que existem muitas empresas de casas modulares que não são nada credíveis.
    Mas o conceito desta empresa não assenta nesse tipo de casas.
    Pelo que sei e vi as casas deles são mistura de lsf com sips e depois da reunião que tive com eles pareceram-me bastante credíveis.
    Mas também como sou novo nisto procuro alguém que me tire as dúvidas e é o que procuro neste forum.
    Se puderes ajudar estou cá para ouvir a tua opinião.
    Obrigado desde já.


    E porque tem de entregar tudo a mesma empresa?

    Não podem contratar projetos fora?

    Porque LSF ou SIP?

    Todas as outras empresas que trabalhavam com a imobiliaria que vendia sonhos, vendiam muito bem e era bastante crediveis, até começarem as obras... Depois era o que era.
  18.  # 19

    Ninguém me obriga a entregar tudo a eles...
    Não estou a perceber a analogia com esse caso da ERA. Como é que avalia a credibilidade à priori?

    Quero SIPs especialmente pela rapidez de construção e eficiência térmica.

    Nunca vou perceber a aversão deste forum a qq coisa que seja diferente de tijolo.

    Concordo que anda ai muita gente iludida com todas essas empresas de casas "modulares/pré-fabricadas super low-cost" mas há que separar o trigo do joio pois também há muita coisa interessante para além do tijolo
    Concordam com este comentário: sousa tavares
    • tmd
    • 29 Outubro 2018

     # 20

    Eu no meu caso tenho o projecto a ser realizado num arquitecto.
    Na reunião que tive com a empresa eles não mostraram entraves e até disseram que ficam mais confortáveis quando eu lhes disse que se a obra fosse para eles eu iria levar fiscalização de fora.
    A empresa pareceu-me bastante profissional mas peço-te, que se tiveres um pouco de tempo, dês uma vista de olhos no site e no Facebook deles e digas da tua justiça.
    Nesta altura não ponho nenhum método construtivo de parte, mas estou mais inclinado para este, porque nesta altura é muito difícil arranjar alguém que construa em alvenaria porque há falta de malta sem contar com as derrapagens e com os atrasos nas obras que alguns amigos estão a ter.
    Sei pouco disto e o pouco que sei devo-vos a vocês que é aqui no fórum que vou aprendendo.
    Concordam com este comentário: sousa tavares
data-ad-format="auto" data_ad_region="test">