Iniciar sessão ou registar-se
    • Nurse
    • 30 Julho 2009 editado

     # 1

    Boa noite! Encontrei o vosso forum numa das noites de insonias que este tema me tem causado ultimamente :)
    Estou a procura da primeira casa, ando a ver casas há cerca de 2 meses e sei lá, acho que desanimei por uma questão de preço/qualidade é impossivel alguem comprar a casa ideal. Tenho cientes questões como qualidade dos materiais, preços, valor de mercado...mas não é fácil tomar este tipo de decisão.
    Procuro T1 ou T2 (conforme valores) na zona de Lisboa e arredores, novo ou semi-novo. Dos inúmeros imoveis que já visitei (por mha autoria e através de imobiliárias) conclui que:
    - Lisboa é carissimo;
    - Arredores é razoavel, mas tambem tem que se gramar com transito, etc..
    - As casas usadas são caras e após ter visto umas 6 casas usadas, tirei as teimas...quero nova ou semi-nova!
    - O barato tem uns acabamentos tipo "alojamento social" e por norma estão mal localizados;
    - O bom, bonito e barato não existe...é um mito! loool

    Desculpem o desabafo...mas venho então solicitar algumas opiniões sobre o seguinte:

    - Compensa comprar na margem sul (Montijo/Alcochete) trabalhando em Lx?
    - Será que ter vizinhos da chamada "habitação a custos reduzidos" é assim tão mau?
    - O que me dizem das seguintes zonas:
    Alta de Lisboa
    Atalaia - Amadora
    Vila Chã - Amadora
    Odivelas
    Massamá Norte

    obrigado e qualquer ajuda e opinião que possam dar será util, pois sou uma iniciante nestas andanças ;)
  1. Ícone informação Anunciar aqui?

    •  
      FD
    • 30 Julho 2009

     # 2

    Tirou as mesmas conclusões que toda a gente que procura casa em Lisboa... as casas, regra geral, são caras (as novas e as usadas) e/ou feias (as usadas).

    Procurar casa é tão, mas tão frustrante...

    Colocado por: Nurse- Compensa comprar na margem sul (Montijo/Alcochete) trabalhando em Lx?

    Acrescente ao valor da prestação da casa o custo:
    -> das portagens
    -> do combustível
    -> da manutenção do carro
    -> do tempo

    Por exemplo, imagine que trabalha no Hospital da CUF Descobertas.
    Vai aos Mapas do Google ou ao ViaMichelin e introduz "Hospital CUF Descobertas" no campo do destino.
    No campo partida, sei lá, Fórum Montijo.
    Segundo o Google Maps, são 26,2 km – cerca de 27 min. (sem trânsito), num carro a gasóleo a gastar 7l/100km e com a portagem da ponte Vasco da Gama, gasta 1,75€ em combustível e 2,35€ na portagem, são 4,10€ ida, 5,85€ total ida e volta.
    Trabalha 20 dias por mês, são 117€/mês.
    Se tiver casa na Amadora, numa dessas urbanizações, demora 21min. a percorrer 20km e gasta 1,24€ em combustível, o que dá por mês 49,60€.
    A diferença por mês é 67,40€ a menos se morar na Amadora.

    Um T2 em Vila Chã custa 165.000€ e o mesmo T2 no Montijo custa 95.000€.

    A diferença entre ambos é 70.000€. Desconsiderando juros e empréstimos, demoraria a recuperar o investimento, se comprasse casa na Amadora, cerca de 86 anos.
    Contudo, a prestação para 95.000€ com 5.000€ de entrada a 40 anos é 354€ + 117€ (transporte) = 471€
    A prestação para 165.000€ com 5.000€ de entrada é 600€ + 49€ (transporte) = 649€
    São 178€ de diferença por mês se contar com os transportes, o que quer dizer que no final do empréstimo a casa do Montijo ficou 32.000€ mais "cara" só por causa dos transportes - criando uma diferença real de apenas 38.000€ entre ambas.

    Isto foi só um exemplo, muito simplificado que não tem em consideração muitas variáveis.
    Claro que o local de trabalho pode mudar ao longo dos anos e as contas ficam todas trocadas. Claro que, a existir, o potencial de valorização é maior na Amadora do que no Montijo (será?). Claro que se vende melhor uma casa na Amadora que no Montijo (será?). Mas já lhe deve dar um ideia de como deverá fazer as contas, se é que lhe interessam...

    A Alta de Lisboa para mim tem um problema: os PER (Plano Especial de Realojamento). Podem não existir problemas por aí além mas, aqueles vizinhos são definitivos.
    Existem zonas em Lisboa que funcionaram mais ou menos da mesma forma, juntaram pessoas desfavorecidas a pessoas "favorecidas" - os Olivais ou a zona de Chelas e das Olaias, e hoje em dia não são zonas muito más.
    A Amadora também não é propriamente uma zona boa. Em termos de vizinhos a melhor é mesmo Odivelas e Massamá.

    Mas hoje, 7 anos depois de comprar a minha primeira casa, baseava a minha escolha em dois vectores: localização e maturidade do local. Preferia zonas velhas a novas e zonas centrais a periféricas.
    A casa por dentro muda-se sempre, por fora é impossível mudar a envolvente. ;)
    Estas pessoas agradeceram este comentário: nielsky, serramalheiro
  2.  # 3

    Moro actualmente na Alta de Lisboa, e não tenho qualquer razão de queixa dos "vizinhos de baixo custo".

    De qualquer forma vou sair de Lisboa, pois estou cansado de viver na Cidade, e quero uma vida mais relaxada, com mais qualidade e sem o stress da cidade. Uma vez que trabalho fora de lisboa, posso fazê-lo sem por em causa a minha sanidade mental de enfrentar o transito de entrada de lisboa todos os dias.

    Tal como o FD fez e muito bem, deve-se ponderar todos os factores, e como diz que será a sua primeira compra, procure primeiro entender a complexidade e custos que é ter uma casa própria. Nunca, mas nunca faça contas à alimentação e à prestação da casa, mas sim a tudo o que é imposto e despesa extra que uma casa traz (Olhe que se não são todos os meses .... são quase :) ).
  3.  # 4

    FD,

    Essa é uma explicação simples, fácil de se fazer e muito eficaz.
    Também fiz muitas vezes, mas o que para mim conta mais é o tempo gasto em deslocações.
    Por exemplo, indo de carro de Almada para Lisboa (Alcantara Terra), num dia de chuva cheguei a levar hora e meia mas normalmente levava 50 minutos.
    Passados 3 meses, optei por fazer o mesmo percurso de transportes, apanhando 2 autocarros.
    Levo agora de 30 a 40 minutos. Não gasto gasolina no para e arranca nem portagens, nao me chateio com quem se mete à má fila, e posso domir mais meia hora.

    Quanto aos bairros sociais, tambem vivo proximo mas hoje em dia quem nao mora?
  4.  # 5

    Eu infelizmente não posso/consigo fazer isso ...

    Não tenho horário de saída e geralmente quando saio do trabalho já não vou a horas de ter autocarro para a zona onde vivo. De manhã também tenho de levar o miudo à creche e fazê-lo de transportes não é fácil, uma vez que ele tem 1 ano, e carregá-lo ás costas não é viável ...

    Ou seja, sou mesmo vitima do transporte individual e privado.
  5.  # 6

    Obrigado pelas sugestões até agora, parecendo que nao mas já foram muito úteis. Por exemplo, ainda nao tinha feito contas "à vida" no que diz respeito a morar na margem sul.

    Para mim, quanto a morar na margem sul, tem grandes vantagens e apenas a desvantagem do tempo/dinheiro gastos em deslocação.
    Depois de ver T2 na Amadora a 160 mil €, em bairros que são autenticos dormitórios e que nem têm uns acabamentos assim tão bons... deparei-me com uma urbanização em Alcochete em que um T2 ronda os 140 mil € com vista para Tejo/Lisboa, varandas e terraços espectaculares, uma envolvencia fantastica e acabamentos do melhor que já vi.
    Dito isto vocês perguntam: "Então se tem tantos aspectos positivos porque não compras essa?" =)
    Pois é... ir para a outra margem implica estar mais longe daquele que é o meu ambiente habitual (amigos, trabalho, família) e também a questão do tempo, porque eu sou aquele tipo de pessoa que faz tudo para ficar mais meia-hora na cama... :p

    De qualquer forma, embora tenha balançado (porque nem tinha posto essa hipotese de ir pa margem sul) continuo a ter preferencia por ficar na zona de lisboa...só que todas as casas que já vi depois daquela (dentro dos mesmos valores claro...não posso fugir muito daí), são nitidamente inferiores (acabamentos, envolvência, vizinhos...etc, etc)...

    A Alta de Lisboa, pelo que conheço até me parece agradável e uma zona com "futuro". Isto é, tem projectadas imensas infra-estruturas e serviços, tem espaços verdes, está perto dos principais acessos.... mas os preços não são assim tão acessíveis para o tipo de acabamentos que aqueles predios têm.
  6.  # 7

    Nurse,
    Existe um conjunto de prédis por trás do Continente da Amadora em que as construções não sao más.
    A relação qualidade/preço (na minha opinião) é muito boa.
    Um T2 a cerca de um ano rondava os 150.000€.
    Mas não sei se ainda estão a venda.
    •  
      FD
    • 3 Agosto 2009

     # 8

    Colocado por: NurseAAlta de Lisboa, pelo que conheço até me parece agradável e uma zona com "futuro".

    Já lá foi?
  7.  # 9

    Sim, ja estive lá... nao conheço mtos apartamentos lá mas tenho uma ideia geral.. porque?
    •  
      FD
    • 4 Agosto 2009

     # 10

    Colocado por: NurseSim, ja estive lá... nao conheço mtos apartamentos lá mas tenho uma ideia geral.. porque?

    Só para saber se já tinha ideia do ambiente lá vivido.
  8.  # 11

    Ja pensou na zona de ... Belas?
    Agora com a A16 ao pé, ir para qq lado vai ser uma maravilha!
    Tem a CREL mesmo ao lado e para entrar na IC19 é um instante indo por monte abrãao.

    Eu comprei casa em Belas e digo-lhe: ai bem que comprei!
    Estacionamento à porta de casa, nao se ouve barulho do transito, muito sossegado, bancos, cafes, mercearias, autocarros à porta de casa.

    Acho que melhor é impossivel. E os preços das casas em Belas, para minha grande admiracao, estão razoàveis para quem quer comprar.
  9.  # 12

    Colocado por: nielskyNurse,
    Existe um conjunto de prédis por trás do Continente da Amadora em que as construções não sao más.
    A relação qualidade/preço (na minha opinião) é muito boa.
    Um T2 a cerca de um ano rondava os 150.000€.
    Mas não sei se ainda estão a venda.


    Eu por um T2 em Belas dei 90.000 e já mobilado! E se verem bem, fica a 8km de Alfragide.
    •  
      FD
    • 4 Agosto 2009

     # 13

    Novo ou usado? Onde, em Belas?
  10.  # 14

    Colocado por: FDNovo ou usado? Onde, em Belas?

    Usado, com 3 anos.
  11.  # 15

    Belas também é uma hipótese tenho de ir sondar a zona :)
    Por curiosidade fui dar uma olhadela na zona de carcavelos, aquelas urbanizações que vão desde a praia da Torre até à estação da CP.
    A zona é muito simpática e até está bem localizada.
    Alguem conhece a zona?
    Têm algum ideia de quanto custará um T1 por lá? (novo)
    Pelo que vi na net, nao me pareceram assim tao caros... na ordem dos 150.000€.
  12. Ícone informação Anunciar aqui?

  13.  # 16

    Colocado por: NurseBelas também é uma hipótese tenho de ir sondar a zona :)
    Por curiosidade fui dar uma olhadela na zona de carcavelos, aquelas urbanizações que vão desde a praia da Torre até à estação da CP.
    A zona é muito simpática e até está bem localizada.
    Alguem conhece a zona?
    Têm algum ideia de quanto custará um T1 por lá? (novo)
    Pelo que vi na net, nao me pareceram assim tao caros... na ordem dos 150.000€.


    150.000 por um .... T1?
    Vá por mim. Nao compre novo. Um apartamento com 4/5 anos é novo e custa muito menos!
    Eu dei 90.000 pelo meu T2 com quase 4 anos e se o visse dizia que era a estrear! Tambem os antigos donos o estimaram muito bem!
    •  
      FD
    • 10 Agosto 2009

     # 17

    Colocado por: NursePor curiosidade fui dar uma olhadela na zona de carcavelos, aquelas urbanizações que vão desde a praia da Torre até à estação da CP.

    As casas, que eu vi, eram pequenitas... essa urbanização chama-se Quinta de S. Gonçalo.
    Os T2 andavam há uns anos a duzentos e muitos mil.
  14.  # 18

    Tenho o meu apartamento para venda na Praia das Maças, um T2 por 115.000eur em óptimo estado, com uma vizinhança fantástica e vista desafogada (inclui mar).
    Apesar de fazer todos os dias 10 min para chegar a Sintra, hoje em dia o IC 19 já não está tão mau e posso dizer que todos os dias tenho que lá passar. O sossego, a natureza e o pôr do sol dão logo alento quando chego a casa.
  15.  # 19

    Jardim com baloiços na traseira
      Baloiços.JPG
  16.  # 20

    VISTA PARA O MAR
      DSC00131.JPG
data-ad-format="auto" data_ad_region="test">