Iniciar sessão ou registar-se
  1.  # 61

    Colocado por: marco1

    basta o betão estar curado e pode perfeitamente fazer uma betonilha aderida.


    Qual a diferença entre uma betonilha aderida e uma nao aderida?
  2.  # 62

    Impermeabilização do ensoleiramento.
    Estas pessoas agradeceram este comentário: zinna
      160FA48F-4489-4EEC-86B3-EACEEC4A90D6.jpeg
  3.  # 63

    Colocado por: marco1

    basta o betão estar curado e pode perfeitamente fazer uma betonilha aderida.


    Não é fácil, a não ser que use um latex a fazer a ponte de união.
  4.  # 64

    Colocado por: Pe10

    Qual a diferença entre uma betonilha aderida e uma nao aderida?


    Tem a ver com o comportamento, processo de retração e de dilatação térmica linear.
    Estas pessoas agradeceram este comentário: Pe10
    •  
      marco1
    • 21 maio 2022 editado

     # 65

    Colocado por: Pe10

    Qual a diferença entre uma betonilha aderida e uma nao aderida?


    as betonilhas podem ser dessolarizadas, flutuantes e aderidas
    as dessolarizadas tem uma folha de polietileno a separar do suporte
    as flutuantes são assentes sob uma camada de isolamento ( xps ou outro)
    as aderidas não tem nada

    há na net informação mais especifica sobre este tema.
  5.  # 66

    Colocado por: marco1

    as betonilhas podem ser dessolarizadas, flutuantes e aderidas
    as dessolarizadas tem uma folha de polietileno a separar do suporte
    as flutuantes são assentes sob uma camada de isolamento ( xps ou outro)
    as aderidas não tem nada

    há na net informação mais especifica sobre este tema.


    Optei “à última da hora” alterar o processo do isolamento/impermeabilização. Tinha previsto colocar por baixo da betonilha o xps de 80mm. Com o receio das rachadelas decidimos colocar a betonilha em cima do betão.

    Tambem trocamos EPDM por duas telas asfalticas SBS. Depois sera colocado 50mm xps e lajetas termicas (50mm xps + 35 betao).
  6.  # 67

    Colocado por: Pe10

    Optei “à última da hora” alterar o processo do isolamento/impermeabilização. Tinha previsto colocar por baixo da betonilha o xps de 80mm. Com o receio das rachadelas decidimos colocar a betonilha em cima do betão.

    Tambem trocamos EPDM por duas telas asfalticas SBS. Depois sera colocado 50mm xps e lajetas termicas (50mm xps + 35 betao).


    Isso é exagero.
    60 mm + lajetas simples

    Por dentro uma lã de rocha com papel Kraft.
    Estas pessoas agradeceram este comentário: Pe10
  7.  # 68

    Colocado por: Kepe

    Isso é exagero.
    60 mm + lajetas simples

    Por dentro uma lã de rocha com papel Kraft.
    Estas pessoas agradeceram este comentário:Pe10


    Boas kepe.

    Qual a utilidade do papel?
    Tenho previsto 80mm de la mineral
  8.  # 69

    Colocado por: Pe10Tambem trocamos


    É interessante que trocaram o sistema "todo" de impermeabilização e isolamento térmico.

    Para que serviram os projetos?


    Assim, de facto, quase que nem vale a pena, andar a chatear os projetistas para meter uns (bons) desenhos de pormenorização de detalhes construtivos.
  9.  # 70

    Colocado por: ricardo.rodrigues

    É interessante que trocaram o sistema "todo" de impermeabilização e isolamento térmico.

    Para que serviram os projetos?


    Assim, de facto, quase que nem vale a pena, andar a chatear os projetistas para meter uns (bons) desenhos de pormenorização de detalhes construtivos.


    É o efeito dos fóruns, a malta percebe mais da poda do que os técnicos e engenheiros
  10.  # 71

    Colocado por: FFCL

    É o efeito dos fóruns, a malta percebe mais da poda do que os técnicos e engenheiros


    Por acaso até estava definido como vai ser aplicado. A ideia do EPDM é que era alteração.

    Porquê de seguir a risco os projectos quando pode haver outras hipoteses que sao discutidas com tecnicos?

    Se aprova ambas as opçoes creio que seja uma mais valia para quem constrói.
  11.  # 72

    Colocado por: FFCL

    É o efeito dos fóruns, a malta percebe mais da poda do que os técnicos e engenheiros


    Colocado por: Pe10

    Por acaso até estava definido como vai ser aplicado. A ideia do EPDM é que era alteração.

    Porquê de seguir a risco os projectos quando pode haver outras hipoteses que sao discutidas com tecnicos?

    Se aprova ambas as opçoes creio que seja uma mais valia para quem constrói.


    Neste caso específico ficou a perder, tanto em termos de impermeabilização como da eficácia do isolamento térmico.
  12.  # 73

    Colocado por: pc ferreira



    Neste caso específico ficou a perder, tanto em termos de impermeabilização como da eficácia do isolamento térmico.


    A minhas duvidas foram as seguintes.

    Relativamente ao EPDM fez um pouco confusao ser uma unica “tela” de borracha que nao estava 100% colada à betonilha.
    A questao do isolamento ser por baixo da betonilha foi as dilataçoes que esta sofre e que danificasse demasiado a betonilha.

    Assim sinda voltei a cobertura invertida que estava projetado. Assim optei da dupla tela SBS, xps 50mm e lajeta termica de 50+35. Entre a betonilha e o xps uma tela pitonada a servir como drenante.

    A opçao do xps + lajeta surgiu para evitar que entre as juntas das lhetas nao existisse proteçao a tela
  13.  # 74

    Colocado por: Pe10dupla tela SBS


    Por curiosidade, quais as especificações de cada uma das telas?
  14.  # 75

    Colocado por: ricardo.rodrigues

    Por curiosidade, quais as especificações de cada uma das telas?


    Será da soprema morterplas-sbs-fv-4-kg. Nas platibandas será diferente, pois é protegida.
  15.  # 76

    Segundo consta, é recomendável que, depois de uma primeira tela com armadura de Fibra de Vidro, aplique a segunda com armadura de Poliéster.

    2. morterplas-sbs-fp-4-kg
    1. morterplas-sbs-fv-4-kg
    Concordam com este comentário: Palmix
    • Pe10
    • 22 maio 2022 editado

     # 77

    Obrigado Ricardo. Vou falar com o aplicador a saber a opinião dele.

    Qual a razão dessa sequência?
  16.  # 78

    Colocado por: Pe10Obrigado Ricardo. Vou falar com o aplicador a saber a opinião dele.

    Qual a razão dessa sequência?


    Armadura de fv tem a ver com a estabilidade dimensional
    Py com à resistência à flexão e ao punçamento

    Pergunte qual a gramagem das fibras e qual a variação termica do betume: inferior a -20 é pouco.
  17.  # 79

    Colocado por: Pe10

    A minhas duvidas foram as seguintes.

    Relativamente ao EPDM fez um pouco confusao ser uma unica “tela” de borracha que nao estava 100% colada à betonilha.
    A questao do isolamento ser por baixo da betonilha foi as dilataçoes que esta sofre e que danificasse demasiado a betonilha.

    Assim sinda voltei a cobertura invertida que estava projetado. Assim optei da dupla tela SBS, xps 50mm e lajeta termica de 50+35. Entre a betonilha e o xps uma tela pitonada a servir como drenante.

    A opçao do xps + lajeta surgiu para evitar que entre as juntas das lhetas nao existisse proteçao a tela


    Agora é tarde, mas claramente foi mal aconselhado.
  18.  # 80

    Colocado por: pc ferreira

    Agora é tarde, mas claramente foi mal aconselhado.


    Espero tambem nao ficar mal servido assim.
    Pela experiência com quem falei, não é comum fissurar a betonilha quando colocado o xps por baixo?
 
0.0339 seg. NEW